Publicado por: Djalma Santos | 6 de maio de 2011

Testes de genética molecular (3/5)

01. (ENADE)        ANALISE AS SEGUINTES ASSERÇÕES.

É mais fácil separar nucleotídeos que unem as duas fitas complementares da molécula de DNA que separar nucleotídeos que pertençam à mesma fita

PORQUE

as ligações entre nucleotídeos que unem as duas fitas são ligações de hidrogênio (também chamadas de pontes de hidrogênio), enquanto as ligações que unem nucleotídeos da mesma fita são do tipo fosfodiéster.

Acerca das asserções apresentadas, assinale a opção correta.

a) As duas asserções são proposições verdadeiras, e a segunda é uma justificativa correta da primeira.

b) As duas asserções são proposições verdadeiras, mas a segunda não é uma justificativa correta da primeira.

c) A primeira asserção é uma proposição verdadeira, e a segunda, uma proposição falsa.

d) A primeira asserção é uma proposição falsa, e a segunda, uma proposição verdadeira.

e) Tanto a primeira asserção quanto a segunda são proposições falsas.

02. (UEMS) Um cientista tentou sintetizar in vitro uma molécula proteica partindo do RNA-mensageiro das células de uma galinha, com o RNA-transportador das células de uma bactéria, os ribossomos das células de um gafanhoto e os aminoácidos ativados das células de uma vaca. Supondo que o cientista tenha obtido êxito em seu experimento, a proteína produzida teria sua estrutura primária idêntica à:

a) Da vaca.

b) Da bactéria.

c) Da galinha.

d) Do gafanhoto.

e) Uma mistura de todos os componentes.

03. (PUC-CAMPINAS) Para responder esta questão considere o texto abaixo.

NASA DESCOBRE SUBSTÂNCIA PARA FORMAÇÃO

DE VIDA EM AMOSTRAS DE COMETA

Cientistas da Nasa (agência espacial norte-americana) descobriram glicina, elemento fundamental para a formação de vida, em amostras do cometa Wild 2 trazidas à Terra pela sonda Stardust em 2006, revelou hoje o Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) da agência.

“A glicina é um aminoácido usado pelos organismos vivos para produzir proteínas e esta é a primeira vez que é encontrada em um cometa”, afirmou Jamie Elsila, do Centro de Voos Espaciais da Nasa.

“A descoberta apoia a teoria de que alguns ingredientes da vida surgiram no espaço e chegaram à Terra por meio do impacto de meteoritos e cometas”, informou um comunicado do JPL. Carl Pilcher, diretor do Instituto de Astrobiologia da Nasa, afirmou que a descoberta também respalda a hipótese de que os blocos básicos da vida abundam no espaço e que a vida no universo é mais comum do que se acredita.

                    (http://www1.folha.uol.com.br/folha/ciencia/ult306u611268.shtml)

Um dos cientistas entrevistados na reportagem menciona a expressão blocos básicos da vida referindo-se aos aminoácidos. Uma outra substância que pode ser caracterizada como um “bloco básico da vida” é:

a) A amônia.

b) O nucleotídeo.

c) A ptialina.

d) O carbono.

e) O gás oxigênio.

04. (UEL)        Responda esta questão com base na figura a seguir.

04

A cristalografia de raios X auxiliou a desvendar a estrutura do DNA, cujo modelo foi construído por Watson e Crick, em 1953. Com base na figura acima e nos conhecimentos sobre os principais aspectos da estrutura do DNA, é correto afirmar:

a) A determinação dos átomos que compõem o DNA foi possível porque o comprimento de onda dos raios X é da mesma ordem de grandeza que o comprimento médio da molécula do DNA.

b) As posições dos átomos em uma substância química cristalizada podem ser inferidas pelo padrão de refração resultante dos raios X que a atravessam.

c) As ligações que ocorrem entre as bases nitrogenadas no interior da hélice do DNA são possíveis devido à diferença de eletronegatividade entre os átomos de nitrogênio ligados a átomos de hidrogênio nas bases.

d) Os fosfatos se ligam às pentoses pelos átomos de fósforo por meio de ligações de hidrogênio.

e) Na estrutura do DNA as ligações de oxigênio ocorrem entre pares de bases específicos: a adenina liga-se à citosina e a timina liga-se à guanina.

05. (UECE) Os ácidos nucleicos são macromoléculas que compõem o material genético de todos os seres vivos. Sobre os ácidos nucleicos, assinale o correto.

a) O DNA é replicado por meio de um processo denominado transcrição gênica.

b) O RNA mensageiro (RNAm) é sintetizado a partir do RNA transportador (RNAt).

c) Uma cadeia polipeptídica é o resultado da união de aminoácidos em função da sequência de códons do RNA mensageiro.

d) Os vírus são seres unicelulares e seus ácidos nucleicos são muito importantes para estudos microbiológicos.

06. (UERJ) A gripe conhecida popularmente como gripe suína é causada por um vírus influenza A. Esse tipo de vírus se caracteriza, dentre outros aspectos, por:

- ser formado por RNA de fita simples (-), incapaz de atuar como RNA mensageiro ou de sintetizar DNA nas células parasitadas.

- os RNA complementares do RNA viral poderem ser traduzidos em proteínas pelo aparelhamento celular.

Os esquemas a seguir apresentam um resumo de etapas dos processos de replicação de alguns dos vírus RNA, após penetrarem nas células.

06

O tipo de replicação encontrado no vírus infuenza A está representado no esquema de número:

a) I.

b) II.

c) III.

d) IV.

07. (UFU) A figura abaixo representa, de forma esquemática, o início da síntese de uma proteína. Em relação ao processo representado, assinale a alternativa correta.

07

Adaptado de AMABIS, J.M & MARTHO G.R. Fundamentos de Biologia Moderna. 4. ed. São Paulo: Moderna, 2006.

a) À medida que o RNAm é lido, num processo chamado transcrição gênica, a informação inscrita em sua sequência de bases é transcrita como uma sequência de aminoácidos na proteína.

b) O ribossomo encaixa-se em uma das extremidades do RNAm e o percorre até a outra extremidade. À medida que esse deslocamento ocorre, os RNAt vão encaixando os aminoácidos na sequência definida pela ordem dos códons do RNAm.

c) Trata-se de um processo de síntese de DNA a partir do RNAt, o qual é indispensável para a manutenção da variabilidade genética das espécies.

d) O processo ocorre no núcleo da célula onde uma nova cadeia de RNA é formada.

08. (UFRN) A betaglobina, uma das unidades proteicas que formam a hemoglobina, é sintetizada nas células vermelhas do sangue, durante sua formação na medula óssea. Embora o material genético das hemácias se perca quando elas se tornam adultas, o gene da betaglobina ainda pode ser estudado, pois:

a) A expressão gênica é igual em todas as células do sangue.

b) Ele também é encontrado nos leucócitos.

c) O código genético é degenerado nas células sanguíneas.

d) Seu códon ainda está ativo nas hemácias.

09. (PUC-CAMPINAS) Para responder esta questão de considere o texto abaixo.

TRIO VENCE NOBEL DE QUÍMICA POR PROTEÍNA BRILHANTE

Dois norte-americanos e um japonês venceram o prêmio Nobel de Química de 2008 pela descoberta de uma proteína brilhante de águas-vivas, como a de Aequorea victoria.

“Essa proteína se tornou uma das ferramentas mais usadas na biociência moderna, pois com sua ajuda, os pesquisadores desenvolveram maneiras de observar processos outrora invisíveis, como o desenvolvimento de células nervosas no cérebro ou como as células cancerígenas se espalham”.

O forte tom de verde da proteína da água-viva aparece sob as luzes azul e ultravioleta, o que permite que os pesquisadores iluminem tumores cancerígenos em crescimento e mostrem o desenvolvimento do mal de Alzheimer no cérebro ou o crescimento de bactérias nocivas.

                                     http://www.estadao.com.br/vidae/not_vid256033,0.htm, acessado em 08/10/2008

Sobre a proteína fluorescente GFP, composta por 238 aminoácidos, foram feitas as seguintes afirmações:

I. O RNA mensageiro da GFP contém 238 códons com sentido e pelo menos um códon sem sentido, que sinaliza o sinal PARE na síntese proteica.

II. A região do DNA que codifica os 238 aminoácidos é composta por 714 nucleotídeos.

III. A inserção de um par de bases na região de código do gene GFP é uma mutação que altera o quadro de leitura na tradução dessa proteína.

Está correto o que se afirma em:

a) I, somente.

b) I e II, somente.

c) II, somente.

d) II e III, somente.

e) I, II e III.

10. (UFPI) As macromoléculas são construídas pela formação de ligações covalentes entre moléculas menores chamadas monômeros. Observe a estrutura química abaixo e marque a alternativa que contempla a macromolécula correspondente.

10

a) Glicogênio.

b) DNA.

c) Amido.

d) RNA.

e) Ácido fosfórico.

11. (UFAM) Considere as afirmativas abaixo a respeito da composição química dos ácidos nucleicos.

I. No DNA o açúcar de 5 carbonos é a desoxirribose e no RNA, o açúcar é a ribose.

II. As bases nitrogenadas podem ser as purinas [Adenina (A) e Timina (T)] e as pirimidinas [Guanina (G) e Citosina (C)].

III. Os nucleosídeos são compostos por uma molécula de base nitrogenadas, uma de açúcar de 5 carbonos e uma de ácido fosfórico.

IV. As bases nitrogenadas podem ser as purinas [Adenina (A) e Guanina (G)] e as pirimidinas [Timina (T), Citosina (C) e Uracila (U)].

V. Os ácidos nucleicos, DNA e RNA são macromoléculas formadas por várias unidades menores denominadas nucleotídeos.

Então:

a) Somente a I, IV e a V são verdadeiras.

b) Somente a I, II e a V são verdadeiras.

c) Somente a I, III e a IV são verdadeiras.

d) Somente a II, III e a V são verdadeiras.

e) Todas são verdadeiras.

12. (UEA) Em uma colônia de bactérias, duas mutações, em duas diferentes células que se dividiam, alteraram a composição de bases nitrogenadas da molécula de DNA recém-sintetizada. Na bactéria I, houve a substituição de uma adenina por uma citosina em uma determinada posição ao longo da molécula. Na bactéria II, houve a inserção de uma timina entre duas bases originais da sequência. Pode-se dizer que na bactéria:

a) I, é certo que a mutação provocou a substituição de um aminoácido na proteína codificada pelo gene.

b) I, é possível que a proteína codificada pelo gene não apresente nenhuma alteração na sua sequência de aminoácidos.

c) I, provavelmente houve a substituição de vários aminoácidos na proteína codificada pelo gene.

d) II, a proteína codificada pelo gene irá apresentar um aminoácido adicional em sua composição.

e) II, haverá a substituição de um aminoácido na proteína codificada pelo gene.

13. (UNIMONTES) Uma mutação é definida como qualquer alteração permanente do DNA. Pode ocorrer em qualquer célula, tanto nas da linhagem germinativa como nas somáticas. Considerando as classificações das mutações, analise as alternativas abaixo e assinale a que representauma característica de mutação gênica.

a) Adição de um ou mais nucleotídeos.

b) Quebra de um pedaço de uma cromátide.

c) Adição de um ou mais cromossomos.

d) Troca entre dois cromossomos.

14. (UEFS) Descobertas de vírus da AIDS e de câncer dão prêmio Nobel de 2008 a europeus.[...] A premiação chega 25 anos depois do trabalho original de Françoise Barré-Sinoussi e Luc Montagnier sobre o agente da doença do século — O HIV. (Folha de S. Paulo. Ciência. São Paulo, terça-feira, 07 de outubro de 2008)

As estratégias de sobrevivência mais surpreendentes do HIV são a capacidade de multiplicação rápida e a de sofrer mutações. À custa delas, o vírus enfrenta as adversidades do meio externo, e faz de tudo para escapar das investidas do sistema imunológico do hospedeiro e dos medicamentos usados para eliminá-lo. O HIV se multiplica em velocidade alucinante. No organismo infectado, em condições habituais, são produzidos 10 bilhões de novos vírions (partículas de vírus) em um único dia. Nesse processo, surgem milhões de variantes geneticamente distintas das que lhes deram origem. (VARELA, 2008. p. 25)

A respeito do trabalho desenvolvido por Luc Montagnier e colaboradores, bem como do conhecimento atual sobre a AIDS, pode-se afirmar:

a) O trabalho laureado com o prêmio Nobel de 2008 refere-se à descoberta da utilização do AZT como uma eficiente droga anti-HIV.

b) As variantes geneticamente distintas produzidas a partir da reprodução do HIV aumentam o potencial adaptativo desse vírus em relação às tentativas de ação do sistema de defesa do organismo hospedeiro.

c) A estrutura viral, apesar de simples, é capaz de se autoduplicar com grande eficiência no interior das hemácias do sangue.

d) A capacidade mutacional do HIV deve-se à alta virulência presente no seu ciclo lisogênico ao longo do processo de infecção da célula hospedeira.

e) O vírus HIV é estruturalmente semelhante a outros vírus parasitas humanos, podendo, dessa forma, apresentar DNA ou RNA como material genético.

15. (UFPI) No desenho abaixo aparece o aparato principal do processo de tradução. Analise as informações e marque a alternativa correta.

15

a) O código genético consiste de trincas de nucleotídeos chamadas de anticódons.

b) O códon AUG do tRNA indica o início da tradução.

c) Os aminoácidos são transportados pelo mRNA e ligados em uma ordem específica no tRNA.

d) O tRNA possui um códon complementar ao códon do mRNA.

e) Os aminoácidos são ligados quimicamente pela ligação peptídica que acontece nos ribossomos.

16. (IF-GO) Assinale a alternativa incorreta.

a) A ribose é o açúcar encontrado na molécula do RNA.

b) A molécula do DNA se organiza na forma de uma dupla hélice, com suas cadeias de nucleotídeos ligados por pontos de hidrogênio.

c) Na molécula do DNA, a base nitrogenada guanina liga-se à timina.

d) Na molécula do RNA, a base nitrogenada adenina liga-se à uracila.

e) Os ribossomos são estruturas citoplasmáticas nas quais ocorre a síntese proteica.

17. (UFSC) O DNA é a molécula biológica responsável pela codificação da informação genética nos seres vivos. Sobre esse assunto, é corretoafirmar que:

I    II

0  0 – A molécula de DNA é formada por duas cadeias caracterizadas por sequências de bases nitrogenadas.

1  1 – Na molécula de DNA podem existir oito diferentes tipos de complementação de bases nitrogenadas.

2  2 – A quantidade de adenina presente em uma das cadeias é exatamente igual à quantidade de timina da cadeia complementar.

3  3 – Na molécula de DNA podem existir cinco diferentes tipos de bases nitrogenadas.

4  4 – No processo de mitose, cada molécula de DNA dá origem a quatro moléculas de DNA exatamente iguais.

18. (UFMS) Os nossos feijões estão cada vez mais nutritivos e fornecem boas doses de proteínas e minerais. A novidade é o desenvolvimento por pesquisadores de variedades com alta biodisponibilidade de seus aminoácidos, ou seja, a capacidade que estes têm de ser mais bem aproveitados pelo organismo humano [Fonte: Revista Saúde, junho 2008].

Na figura abaixo, está representada parte de uma proteína qualquer com seus códons correspondentes. A sequência de DNA complementar do DNA molde que deu origem a essa proteína é:

18

a) AUGGCCUUGGAGGGCUCGUGG.

b) UACCGGAACCUCCCGAGCACC.

c) TACCGGAACCTCCCGAGCACC.

d) ACCAGCCCGCTCAACCGGTAC.

e) ATGGCTTTAGAAGGCTCATGG.

19. (UFT) O código genético é universal e degenerado, isto é, um mesmo códon corresponde a um mesmo aminoácido em todo e qualquer ser vivo, e diferentes códons podem corresponder a um mesmo aminoácido. Por exemplo, o códon UUU codifica a Fenilalanina para os seres humanos, mosquitos, cogumelos, buritis e todos os outros seres vivos. Ao mesmo tempo, tanto o códon UUU quanto o códon UUC, codificam o aminoácido Fenilalanina. Com base nas informações contidas no quadro abaixo, marque a alternativa que contém o último aminoácido expresso pela seguinte sequência de DNA:

5’-TACTTCGAACGACGATATCTTACCATT-3’

19

Fen = Fenilalanina.

Leu = Leucina.

Ile = Isoleucina.

Met = Metionina.

Val = Valina.

Ser = Serina.

Pro = Prolina.

Tre = Treonina.

Ala = Alanina.

Tir = Tirosina.

His = Histidina.

Gln = Glutamina.

Asn = Asparagina.

Lis = Lisina.

Asp = Ácido aspártico.

Glu= Ácido glutâmico.

Cis = Cisteína.

Trp = Triptofano.

Arg = Arginina.

Gli = Glicina.

a) Tirosina.

b) Triptofano.

c) Metionina.

d) Lisina.

e) Metionina.

20. (UNIMONTES) Epigenética é uma área da Biologia que estuda de que maneira os fatores ambientais podem mudar o modo como os genes são expressos, sendo hoje considerada uma das áreas mais atuantes da pesquisa científica em geral. Afigura abaixo ilustra esse conceito. Analise-a.

20

Considerando a figura e o assunto relacionado com ela, analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa incorreta.

a) As redes epigenéticas alteram a sequência de nucleotídeos no DNA, ocasionando mutações pontuais.

b) O ataque de patógenos e o tipo de alimentação podem acarretar mudanças epigenéticas.

c) A transcrição reversa representada na figura não é uma propriedade presente em todos os seres vivos.

d) O silenciamento de genes por RNAs de interferência que podem bloquear a tradução é um exemplo de regulação epigenética.

21. (PUC-CAMPINAS) O entendimento da estrutura do DNApermite que algumas inferências possam ser feitas sobre a sua composição de bases nitrogenadas. Uma molécula de DNA apresenta 20% de adenina; a porcentagem de citosina, guanina e timina é, respectivamente:

a) 20, 20 e 40.

b) 30, 20 e 30.

c) 30, 30 e 20.

d) 40, 30 e 30.

e) 60, 20 e 20.

22. (UFU) A mutação gênica é uma alteração que ocorre na molécula de DNA ao atingir a sequência de bases. Essa mutação pode ser determinada por falha na replicação do DNA, que, quando alterado, codifica uma mensagem que leva à produção de proteínas modificadas, alterando o fenótipo. Mutações podem ser favoráveis ou desfavoráveis ao organismo, dependendo do ambiente. Durante a replicação, a fita -A-C-G-T-T-A-C-C-G- sofreu uma mutação a qual gerou a produção da fita complementar -T-G-C-G-A-T-G-G-C-, que levou essa molécula de DNA a codificar uma proteína diferente da original. Essa mutação ocorreu devido à:

a) Substituição de nucleotídeo.

b) Adição de nucleotídeo.

c) Inserção de nucleotídeo.

d) Depleção de nucleotídeo.

23. (UNESP) O dogma central da biologia, segundo o qual o DNA transcreve RNA e este orienta a síntese de proteínas, precisou ser revisto quando se descobriu que alguns tipos de vírus têm RNA por material genético. Nesses organismos, esse RNA orienta a transcrição de DNA, num processo denominado transcrição reversa. Ela só é possível quando:

a) A célula hospedeira do vírus temem seu DNAnuclear genes para a enzima transcriptase reversa.

b) A célula hospedeira do vírus incorpora ao seu DNA o RNA viral, que codifica a proteína transcriptase reversa.

c) A célula hospedeira do vírus apresenta no interior de seu núcleo proteínas que promovem a transcrição de RNA para DNA.

d) O vírus de RNA incorpora o material genético de um vírus de DNA, que contém genes para a enzima transcriptase reversa.

e) O vírus apresenta no interior de sua cápsula proteínas que promovem na célula hospedeira a transcrição de RNA para DNA.

24. (PUC-MG) O esquema abaixo representa processos e componentes celulares envolvidos 24na expressão gênica, ou seja, transcrição e tradução.

 

Assinale a alternativa incorreta.

a) O nucléolo é uma região nuclear densa devido às altas concentrações de ácidos ribonucleicos produzidos por transcrição.

b) As traduções dependem de transcrições, mas as transcrições não dependem de traduções.

c) Diferentes RNAt são produzidos no núcleo celular, mas cada um deles só pode carregar um aminoácido específico.

d) Uma molécula de RNAm pode ser utilizada para a síntese de várias moléculas de uma proteína.

25. (UECE) Sobre os ácidos nucleicos, são feitas as seguintes afirmações:

I. São macromoléculas, de elevada massa molecular, que possuem ácido fosfórico, açúcares e bases purínicas e pirimidínicas, em sua composição.

II. Ocorrem em todas as células vivas e são responsáveis pelo armazenamento e transmissão da informação genética e por sua tradução, que é expressa pela síntese proteica.

III. Encontram-se presentes no núcleo dos procariotos e dispersos no hialoplasma dos eucariotos.

IV. Encontram-se, normalmente, organizados sob a forma de fita simples ou dupla.

Das quatro afirmações anteriores, são verdadeiras:

a) Apenas a I, a II e a IV.

b) A I, a II, a III e a IV.

c) Apenas a III e a IV.

d) Apenas a I e a II.

e) A II e a III.

26. (UNESP) Em algumas espécies de peixes, o gene que transcreve o RNA ribossômico (RNAr) pode se mostrar inativo, não funcional. Os peixes heterozigotos apresentam um alelo normal do gene, de tal modo que podem transcrever RNAr. Os peixes homozigotos para o alelo alterado não transcrevem RNAr. Esses peixes homozigotos são.

a) Inviáveis, pois não podem realizar síntese proteica.

b) Inviáveis, pois não podem duplicar seu DNA.

c) Viáveis, pois podem produzir RNA mensageiro e RNA transportador.

d) Viáveis, pois utilizam o RNAr presente no nucléolo.

e) Viáveis, pois esse gene não codifica proteína.

27. (UFPel) As proteínas são sintetizadas pelos ribossomos livres no citoplasma ou no retículo endoplasmático rugoso. O ribossomo fornece o local apropriado para que os aminoácidos sejam ligados e assim formem a proteína. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

I   II

0  0 – O retículo endoplasmático rugoso promove a síntese dos ribossomos e produz RNA.

1 1 – O ribossomo se desloca ao longo da molécula de RNAr e assim vai traduzindo a informação em proteínas.

2  2 – Para cada códon do DNA mensageiro é adicionado um aminoácido, portanto o número de códons é correspondente ao número de aminoácidos existentes.

3  3 – O retículo endoplasmático rugoso abriga os ribossomos que serão levados até o RNAm pelo RNAt.

4 4 – As proteínas correspondem às informações que existem no DNA, pois todos os nucleotídeos do DNA são utilizados no processo de tradução.

28. (UESC) Os genes distribuem-se de forma linear nos cromossomos em posições definidas. Dessa ordem básica, decorre a organização cromossômica que pode atender à funcionalidade exigida a uma estrutura hereditária e informativa em suas características morfofisiológicas, como:

a) A transcrição preserva, na molécula transcrita, a mesma composição nucleotídica da sequência modelo.

b) A replicação semiconservativa garante, em 50% das moléculas-filhas, a mesma identidade genética da molécula-mãe.

c) As instruções genéticas estão inseridas quimicamente na sequência do DNA.

d) Os erros na sequência nucleotídica de um gene localizado em um dos cromossomos homólogos inativa o outro gene alelo.

e) A formação de pares AT e GC, na síntese do DNA, é subordinada a enzimas específicas que catalisam a formação de pontes de hidrogênio.

29. (UNESP) Cada cromátide de um cromossomo é uma longa molécula de ………………, associada a proteínas. Essa molécula é formada por unidades chamadas ………………, que por sua vez são compostas por uma base nitrogenada que se liga a um açúcar do tipo ……………… e este a um fosfato. São quatro os tipos de bases nitrogenadas, entre os quais a …………… . Os espaços podem ser preenchidos correta e respectivamente por:

a) RNA … nucleotídeos … ribose … timina.

b) RNA … ácidos ribonucleicos … ribose … uracila

c) DNA … nucleotídeos … desoxirribose … uracila.

d) DNA … nucleotídeos … desoxirribose … timina.

e) DNA … ácidos desoxirribonucleicos … desoxirribose … timina.

30. (UFPI) Com relação à síntese de proteínas em uma célula, foram feitas as seguintes afirmativas:

I. Todas as células sintetizam sempre os mesmos tipos de proteínas, nas mesma proporções.

II. A sequência de bases nitrogenadas ao longo da molécula de RNAm determina a sequência dos aminoácidos incorporados na cadeia polipeptídica.

III. Durante a síntese proteica, o RNAt tem por função levar os aminoácidos ao DNA.

IV. As mitocôndrias não têm qualquer relação com a síntese de proteínas, já que esta ocorre nos ribossomos.

V. Um RNAm sintético, que contenha apenas um determinado tipo de códon em sequência, condicionará a síntese de uma cadeia polipeptídica com um único tipo de aminoácido.

As afirmativas corretas são:

a) I, II.

b) I, IV.

c) III, V.

d) II, V.

GABARITO

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

A

C

B

C

C

B

B

B

E

D

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

A

B

A

B

E

C

VFVFF

E

B

A

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

C

A

E

B

A

A

FFFFF

C

D

D

About these ads

Responses

  1. por que a questão 19 é letra B?

    • Prezada Jéssica
      Veja, a seguir, a explicação que você solicitou.
      – RNAm transcrito a partir da sequência fornecida:
      * AUG AAG CUU GCU GCU AUA GAA UGG UAA
      – Último códon é UAA [códon de terminação (fim)], como consta no quadro fornecido pela questão. Um códon de terminação não corresponde a nenhum aminoácido.
      – O ultimo códon com sentido (penúltimo códon do transcrito), correspondente ao último aminoácido, é UGG (triptofano).
      – ALTERNATIVA CORRETA: B (triptofano)
      Um abraço
      Djalma Santos

      • nossa, muito obrigada! agora entendi perfeitamente.
        abraço

      • Prezada Jéssica
        Fiquei feliz com o seu comentário. Disponha do nosso blog.
        Sucesso
        Djalma Santos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 216 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: