Publicado por: Djalma Santos | 7 de janeiro de 2013

Testes sobre grupos sanguíneos (2/2)

01. (UPE) Um casal fez um teste para determinar seu tipo sanguíneo. Pedro apresentou aglutinogênios A, aglutininas anti-B e fator Rh, e o sangue de Maria mostrou reações de aglutinação com os soros anti-A e anti-Rh, como verificado na lâmina.

Considerando os resultados pode-se concluir que:

a) O casal apresenta o mesmo tipo de sangue para o sistema ABO e, se forem heterozigotos terão 50% de probabilidade de originar uma criança de sangue tipo O.

b) O casal tem, pelo menos, 25% de probabilidade de ter uma criança de sangue tipo AB.

c) Em casos de necessidade de uma transfusão sanguínea, Pedro poderá ser receptor de Maria e não doador para ela.

d) Se o segundo filho desse casal for de sangue A Rh+, pode haver doença hemolítica de recém-nascido, a eritroblastose fetal.

e) Para o loco do sistema ABO, Maria pode apresentar IAIA ou IAi.

02. (COVEST) Numa pequena maternidade de uma cidade do interior nasceram quatro crianças exatamente no mesmo horário, tendo ocorrido falha na identificação dos bebês. A determinação dos grupos sanguíneos das crianças e dos pais foi então processada, tendo sido obtidos os resultados apresentados no quadro abaixo:

PAIS

CRIANÇAS

N0

Grupos Sanguíneos N0

Grupos Sanguíneos

1

0 e 0 I

0

2

AB e 0 II

A

3

A e B III

B

4

B e B IV

AB

Analise as proposições abaixo quanto à associação dos recém nascidos com os prováveis pais:
I   II

0  0 – 1:II, 2:III, 3:IV e 4:I.

1  1 – 1:I2:III, 3:IV e 4:II.

2  2 – 1:I 2:III, 3:II e 4:IV.

3  3 – 1:I 2:II3:IV e 4:III.

4  4 – 1:I2:IV3:II e 4:III.

03. (FMIt-MG) Num banco se sangue foram selecionados os seguintes doadores: grupo AB, 5; grupo A, 8; grupo B, 3; grupo O, 12. O primeiro pedido de doação partiu de um hospital que tinha dois pacientes nas seguintes condições:

- Paciente I possuindo ambos os tipos de aglutininas no plasma.

- Paciente II possuindo apenas um tipo de antígeno nas hemácias e aglutinina anti-B no plasma.

Quantos doadores estavam disponíveis para os pacientes I e II, respectivamente?

a) 5 e 11.

b) 12 e 12.

c) 8 e 3.

d) 12 e 20.

e) 28 e 11.

04. Considere as informações a seguir:

Sabendo-se que o casal 5 x 6 já perdeu uma criança com eritroblastose fetal, a probabilidade de nascer uma menina do tipo 0, Rh+ é de:

a) 1/6.

b) 1/8.

c) 1/16.

d) 1/4.

e) 1/2.

05. (FATEC) Um casal em que ambos os cônjuges possuem tipo sanguíneo AB, quer saber:

I. Quais os possíveis tipos sanguíneos dos seus filhos.

II. Qual a probabilidade de terem uma criança do sexo feminino, com sangue tipo AB.

Assinale a alternativa que corresponde corretamente às duas perguntas acima:

I

II

a

A, B e AB

1/3

b

A e B

1/4

c

A, B e AB

1/4

d

A e B

1/2

e A, B e AB 1/2

06. (PUC-SP) Analisando o sistema sanguíneo ABO, podemos afirmar corretamente que:

a) Apenas os indivíduos do grupo AB podem ser geneticamente heterozigotos.

b) Os indivíduos dos grupos A e B só podem ser geneticamente homozigotos.

c) Os indivíduos do grupo O são geneticamente homozigotos recessivos.

d) Os indivíduos do grupo AB são receptores universais, porque não apresentam antígenos (aglutinógenos) em suas hemácias.

e) Os indivíduos do grupo O são doadores universais, porque não apresentam anticorpos (aglutininas) em seu plasma.

07. (UFPA) Em uma questão judicial relacionada à determinação de paternidade de uma criança, três homens são acusados. A tipagem dos grupos sanguíneos ABO, MN e Rh na mãe, na criança e nos três homens revelou o seguinte:

      Mãe    A, N, Rh+
    Criança    O, MN, Rh+
    Homem 1    O, M, Rh+
    Homem 2    B, MN, Rh-
    Homem 3    A, M, Rh+

Com base nessas informações, a paternidade da criança:

a) Deve ser atribuída ao homem 1.

b) Deve ser atribuída ao homem 2.

c) Deve ser atribuída ao homem 3.

d) Não pode ser determinada, pois todos os acusados são excluídos.

e) Não pode ser determinada, pois nenhum dos acusados pode ser excluídos.

08. Em relação aos grupos sanguíneos – sistema ABO – analise as afirmativas abaixo e assinale a única incorreta:

a) As pessoas do grupo sanguíneo O só podem receber sangue de pessoas desse mesmo grupo.

b) As pessoas do grupo sanguíneo O possuem, em suas hemácias, os aglutinógenos  A e B.

c) Uma pessoa do grupo sanguíneo A tem em suas hemácias o algutinogênio A e no plasma aglutininas anti-B.

d) As pessoas do grupo sanguíneo AB não têm no plasma as aglutininas anti-A e anti-B.

e) As pessoas do grupo sanguíneo AB são chamadas receptores universais, uma vez que podem receber sangue de indivíduos O, A, B e AB.

09. (UFRN) O quadro a seguir representa os aglutinogênios e aglutininas de grupos sanguíneos do sistema ABO.

GRUPOS SANGUÍNEOS

AGLUTINOGÊNIOS AGLUTININAS

1

-

Anti-A, anti-B

2

A

Anti-B

3

B

Anti-A

4

A,B

-

Os número 1, 2, 3 e 4 podem ser substituídos, respectivamente, por:

a) O, B, A, AB.

b) AB, A, B, O.

c) A, B, AB, O.

d) O, A, B, AB.

e) AB, B, A, O.

10. (VUNESP) Um determinado banco de sangue possui 4 litros de sangue do tipo AB, 7 litros de sangue do tipo A, 1 litro de sangue do tipo B e 9 litros de sangue do tipo O, todos Rh+. Se houver necessidade de transfusões sanguíneas para um indivíduo com sangue tipo AB, Rh+, estarão disponíveis para ele, do total acima mencionado:

a) 4 litros.

b) 8 litros.

c) 12 litros.

d) 13 litros.

e) 21 litros.

11. (PUCCAMP) Mariazinha, criança abandonada, foi criada por pais adotivos. Anos mais tarde, Antônio e Joana, dizendo ser seus verdadeiros pais, vêm reclamar sua posse. No intuito de comprovar a veracidade dos fatos, foi exigido um exame do tipo sanguíneo dos supostos pais, bem como de Mariazinha. Os resultados foram: Antônio: B, Rh+; Joana: A, Rh-; Mariazinha: O, Rh-.  Você concluiria, então, que:

a) Mariazinha pode ser filha de Joana, mas não de Antônio.

b) Mariazinha não é filha do casal.

c) Mariazinha é filha do casal.

d) Existe possibilidade de Mariazinha ser filha do casal, mas não se pode afirmar.

e) Mariazinha pode ser filha de Antônio, mas não de Joana.

12. Determinar o provável genótipo do pai de três crianças, cuja mãe apresenta sangue tipo A, MN e Rh positivo.

Primeira criança – AB, N, Rh positivo.

Segunda criança  – O, MN, Rh negativo.

Terceira criança – AB, M, Rh positivo.

a) IBi MM Rhrh.

b) IAIB MN Rhrh.

c) IAi MN rhrh.

d) ii NN RhRh.

e) IBi MN rhrh.

13. (PUC-RJ) Se seu tipo sanguíneo for AB, então:

a) Seus dois genitores podem ser AB.

b) Apenas um de seus genitores pode ser AB.

c) Um de seus genitores pode ser O.

d) Um de seus genitores pode ser A e o outro B.

e) Das hipóteses acima, mais de uma pode ser correta.

14. (UFPA) Os fenótipos do sistema sanguíneo ABO são determinados por um locus com três alelos. O alelo IA forma o antígeno A, o alelo IB forma o antígeno B e o alelo i não forma nenhum desses antígenos. Indivíduos do tipo A são os que têm o antígeno A; os do tipo B têm o antígeno B; os do tipo AB têm ambos e os do tipo O não têm nenhum desses antígenos. Com base nessas informações, assinale a(s) alternativa(s) correta(s):

I   II

0  0 – Ocorrem seis genótipos diferentes na população.

1  1 – Os indivíduos do tipo AB são sempre heterozigotos e os indivíduos do tipo O podem ser homozigotos ou heterozigotos.

2  2 – O fenótipo AB é o mais  frequente em todas as  populações, uma vez que é duplamente dominante.

3  3 – É impossível que do casamento entre indivíduo do tipo A com indivíduo do tipo B nasçam filhos do tipo O.

4  4 – Um indivíduo  do tipo O, poderá ter filhos A, B, ou O, mas nunca AB.

15. (MACK) Considerando os casamentos a seguir, uma criança de tipo sanguíneo B, Rh+ poderá ser filha:

a) Somente do casal I.

b) Do casal I ou do casal IV.

c) Do casal III ou do casal IV.

d) Somente do casal II.

e) Do casal I ou do casal II ou do casal III.

16. (UECE) Observe a árvore genealógica a seguir, para o grupo sanguíneo ABO em uma família:

Marque a opção correta:

a) O indivíduo no 5 pode ser de grupo sanguíneo “AB”.

b) O indivíduo no 1 é do grupo sanguíneo “AB”.

c) O indivíduo no 6 é do grupo sanguíneo “AB”.

d) O indivíduo no 7 não pode ser filho do casal 5×6.

17.  (CESGRANRIO) A observação do esquema a seguir, que representa a genealogia de uma família em relação aos grupos sanguíneos MN, nos permite afirmar que:

a) Sangue MN é característica determinada por gene dominante.

b) Os indivíduos 4 e 5 são heterozigotos.

c) O casal 3 e 4 poderá ter filhos dos três tipos de grupos sanguíneos.

d) Se o indivíduo 5 casar-se com uma mulher de sangue N, todos os filhos serão heterozigotos.

e) Um próximo filho do casal 6 e 7 poderá ser do grupo N.

18. (UEL) Uma mulher com grupos sanguíneos B, N, Rh+ teve três crianças com pais distintos:

CRIANÇAS

I. O, MN, Rh­-

II. AB, N, Rh+

III. B, N, Rh-­

PAIS

a. A, N, Rh-­

b. A, M, Rh-­

c. B, N, Rh+

Assinale a alternativa que relaciona corretamente cada criança ao seu pai.

a) I – a; II – b; III – c.

b) I – a; II – c; III – b.

c) I – b; II – a; III – c.

d) I – b; II – c; III – a.

e) I – c; II – b; III – a.

19. (PUC-SP) Em um hospital há um homem necessitando de uma transfusão de emergência. Sabe-se que ele pertence ao grupo sanguíneo A e que, no hospital, há quatro indivíduos que se ofereceram para doar sangue. Foi realizada a determinação de grupos sanguíneos do sistema ABO dos quatro indivíduos, com a utilização de duas gotas de sangue de cada um deles, que, colocadas em uma lâmina, foram, em seguida, misturadas aos soros anti-A e anti-B. Os resultados são apresentados a seguir:

Observação:

O sinal + significa aglutinação de hemácias.

O sinal – significa ausência de aglutinação.

A partir dos resultados observados, poderão doar sangue ao referido homem, os indivíduos:

a) I e II.

b) I e III.

c) II e III.

d) II e IV.

e) III e IV.

20. (UFJF) Observe a árvore genealógica abaixo, onde as letras simbolizam genótipos para grupos sanguíneos e assinale a(s) alternativa(s) correta(s):

I   II

0  0 – O indivíduo 4 pode ser do grupo sanguíneo AB.

1  1 – O indivíduo 7 pode ser do grupo sanguíneo A.

2  2 – A probabilidade de o casal 1 x 2 ter um filho do grupo sanguíneo O é de 1/2.

3  3 – O indivíduo 1 é do grupo sanguíneo B.

4  4 – O casal 1 x 2 pode ter um filho do grupo sanguíneo B.

21. Determinar o provável genótipo do pai de três crianças, cuja mãe apresenta sangue tipo A, MN e Rh positivo.

Primeira criança – AB, N, Rh positivo.

Segunda criança  – O, MN, Rh negativo.

Terceira criança – AB, M, Rh positivo.

a) IBi MM Rhrh.

b) IAIB MN Rhrh.

c) IAi MN rhrh.

d) ii NN RhRh.

e) IBi MN rhrh.

22. (UECE) Observe a árvore genealógica a seguir, para o grupo sanguíneo (ABO) em uma família.

LEGENDA:

Grupo “A”: A/A ou A/O

Grupo “B”: B/B ou B/O

Grupo “AB”: A/B

Grupo “O”: O/O

OBS:

1. O indivíduo 2 é mulher do grupo sanguíneo “A”

2. O indivíduo 4 é homem do grupo sanguíneo “B”

3. O indivíduo 5 é mulher do grupo sanguíneo “O”

Sobre a árvore anterior, marque a opção correta:

a) O indivíduo 3 é do grupo sanguíneo “AB”.

b) O indivíduo 1 pode ser do grupo sanguíneo “AB”.

c) O indivíduo 1 é do grupo sanguíneo “A”.

d) O indivíduo 1 é do grupo sanguíneo “O”.

23. (FEI) Um homem de genótipo AB casa-se com uma mulher receptora universal. Os tipos de sangue dos filhos são apenas.

a) A e AB.

b) A e B.

c) A, B, AB.

d) A, B, O.

e) A, O.

24. (FATEC) Sendo um homem de sangue tipo O, pergunta-se.

I. Se esse homem casar-se com uma mulher de sangue tipo AB, quais os prováveis tipos de sangue dos filhos do casal?

II. Se casar-se com uma mulher de sangue tipo A, qual a probabilidade do nascimento de uma criança do tipo AB?

A alternativa que responde corretamente às perguntas anteriores é.

a) (I) – A ou B ou O; (II) – zero.

b) (I) – O ou A ou B; (II) – 50%.

c) (I) – A ou B; (II) – 50%.

d) (I) – A ou B; (II) – zero.

e) (I) – A ou B; (II) – 25%.

25. (PUCCAMP) Assinale a alternativa que esquematiza as transfusões que podem ser feitas entre indivíduos com diferentes grupos sanguíneos do sistema ABO (as setas indicam o sentido das transfusões).

 

26. (MACK) Uma mulher que possui aglutinina anti-B no seu sangue, teve um filho do grupo O. Sabendo-se que o marido tem o aglutinogênio B, os genótipos do casal são.

a) IAi e IAi.

b) IAIA e IBi.

c) IAi e IBi.

d) IAIB e IAIA.

e) IAi e IBIB.

27. (VUNESP) A transfusão de sangue do tipo B para uma pessoa do grupo A, resultaria em:

a) Reação de anticorpos anti-B do receptor com os glóbulos vermelhos do doador.

b) Reação dos antígenos B do receptor com os anticorpos anti-B do doador.

c) Formação de anticorpos anti-A e anti-B pelo receptor.

d) Nenhuma reação, porque A é receptor universal.

e) Reação de anticorpos anti-B do doador com antígenos A do receptor.

28. (PUC-MG) Alexsander não sabe qual é o seu grupo sanguíneo e o seu tipo de Rh. Entretanto sabe que seu pai é A+, sua mãe O+ e seu irmão é A-. Assinale a opção que contém o(s) grupo(s) sanguíneo(s) e o(s) tipo(s) de Rh que Alexsander pode ter.

a) TIPO SANGUÍNEO: A, somente.

FATOR Rh: positivo ou negativo.

b) TIPO SANGUÍNEO: O, somente.

FATOR Rh: positivo, somente.

c) TIPO SANGUÍNEO: A ou O.

FATOR Rh: negativo ou positivo.

d) TIPO SANGUÍNEO: A ou O.

FATOR Rh: positivo, somente.

e) TIPO SANGUÍNEO: O, somente.

FATOR Rh: negativo, somente.

29. (VUNESP) Um laboratorista realizou exames de sangue em cinco indivíduos e analisou as reações obtidas com os reagentes anti-A, anti-B, anti-Rh, para a determinação da tipagem sanguínea dos sistemas ABO e Rh. Os resultados obtidos encontram-se no quadro seguinte.

Com base nesses resultados, indique quais os indivíduos que serão considerados, respectivamente, receptor e doador universal.

a) 5 e 2.

b) 4 e 3.

c) 3 e 4.

d) 2 e 5.

e) 1 e 4.

30. (UFSC) O sistema ABO de grupos sanguíneos tem sido, dentre outros, um instrumento na resolução de casos judiciais com relação à exclusão de paternidade. Assinale em qual(is) item(ns) existe compatibilidade entre os fenótipos da criança e do suposto pai, considerando que o fenótipo materno é também determinado.

I   II MATERNO CRIANÇA SUPOSTO PAI
0   0 A B 0
1   1 AB A 0
2   2 0 0 B
3   3 B AB AB
4   4 0 B 0

31. (MACK) A respeito do heredograma abaixo, que considera o sistema sanguíneo ABO, assinale a alternativa incorreta.

a) O indivíduo 9 pode ser doador universal.

b) O indivíduo 7 pertence ao grupo sanguíneo A.

c) O indivíduo 6 é homozigoto.

d) O indivíduo 1 é receptor universal.

e) O indivíduo 8 é heterozigoto.

32. (UECE) Observe o diagrama geral das possíveis trocas sanguíneas por doação e recepção no sistema “ABO”.

A(s) seta(s) cujo sentido (doação →  recepção) está(ão) errado(s) é(são).

a) 4 e 5.

b) 2.

c) 1.

d) 3.

33. (PUC-MG) Uma criança tem tipo sanguíneo do tipo AB. Os tipos sanguíneos dos pais biológicos dessa criança são.

a) A e A.

b) B e B.

c) A e O.

d) A e B.

e) AB e O.

34. (MACK) Uma criança tem genótipo igual ao pai, que é receptor universal e teve eritroblastose fetal. Então é incorreto afirmar que:

a) A mãe é certamente Rh-­.

b) O pai possui genótipo IAIB.

c) A mãe pode pertencer ao tipo sanguíneo O.

d) Essa criança é certamente heterozigota para o fator Rh.

e) A mãe pode ter genótipo IAi.

35. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s):

I  II

0 0 – No que se refere à dominância dos três genes envolvidos no sistema ABO, podemos afirmar que IA = IB > i.

1 1 – Uma pessoa cujo sangue apresenta aglutinação com soro anti-B e anti-Rh, possui aglutinogênios B e Rh.

2 2 – Um casal em que o homem é Rh+ heterozigoto, com sangue do grupo AB e a mulher é Rh-, com sangue do grupo O, não pode ter filhos Rh+ AB.

3 3 – A probabilidade do  neto indicado  no heredograma  abaixo,  pertencer ao grupo sanguíneo O é 1/4.

4 4 – Em uma transfusão de sangue, em que um indivíduo AB, Rh+ recebe sangue de um outro A, Rh-, espera-se que não ocorra choque, em face das hemácias do receptor serem indiferentes às aglutininas anti-A, presentes no soro do doador.

36. (MACK) Um homem sofreu um acidente e precisou de transfusão sanguínea. Analisado o seu sangue, verificou-se a presença de anticorpos anti-A e ausência de anti-B. No banco de sangue do hospital, havia três bolsas disponíveis, sendo que o sangue da bolsa 1 apresentava todos os tipos de antígenos do sistema ABO, o sangue da bolsa 2 possuía anticorpos anti-A e anti-B e a bolsa 3 possuía sangue com antígenos somente do tipo B. Esse homem pode receber sangue:

a) Apenas da bolsa 1.

b) Apenas da bolsa 3.

c) Da bolsa 2 ou da bolsa 3.

d) Da bolsa 1 ou da bolsa 2.

e) Apenas da bolsa 2.

37. (UFV) Se um homem do grupo sanguíneo B, cuja mãe era do grupo O, se casa com uma mulher do grupo A, cujo pai era do grupo O, a quais grupos sanguíneos e com qual probabilidade esse casal pode esperar que pertençam seus filhos?

a) AB-1/4; B-1/4; A-1/4; O-1/4.

b) AB-1/3; B-1/3; A-1/3.

c) AB-3/4; O-1/4.

d) A-1/2; B-1/2.

38. (PUC-SP) Em uma lâmina, três gotas de sangue de um indivíduo foram misturadas a três tipos de soros: anti-A, anti-Rh e anti-M. Os resultados estão apresentados abaixo:

Soro anti-A

Soro anti-Rh

Soro anti-M

+

+

+

+ = Reação de aglutinação de hemácia.

Pela análise dos resultados, podemos afirmar corretamente que esse indivíduo:

a) Pertence aos grupos sanguíneos A, Rh+ e M.

b) Pertence aos grupos sanguíneos B, Rh- e N.

c) Pertence aos grupos sanguíneos AB, Rh+ e MN.

d) Apresenta aglutinogênios A, Rh e M.

e) Não apresenta aglutinogênios A, Rh e M.

39. (UFRS) Em um banco de sangue de um hospital, as etiquetas que identificavam os tipos sanguíneos estavam em código, e, por acidente, o livro onde estavam registrados os códigos foi perdido. Para que os frascos contendo sangue fossem identificados, foram feitos testes com amostras correspondentes a cada código, e o resultado foi o seguinte:

Baseados nesse teste, podemos afirmar que:

a) Existem 105 litros de sangue disponíveis para um receptor AB Rh+.

b) Existem 135 litros de sangue disponíveis para um receptor AB Rh-­.

c) Existem 105 litros de sangue disponíveis para um receptor A Rh+.

d) Existem 135 litros de sangue disponíveis para um receptor O Rh+.

e) Existem 25 litros de sangue disponíveis para um receptor O Rh-.

40. (UNIOESTE) Considerando o casamento entre um homem tipo sanguíneo A+, cujo pai era O-­.­, com uma mulher B+ cuja mãe era A-­.­, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

I   II

0  0 – A probabilidade de nascer 1 filha mulher B+ é 3/16.

1  1 – A probabilidade de nascer 1 filho homem O-­ é nula.

2  2 – A probabilidade de nascer 1 filho homem e 1 filha mulher AB é 9/1024.

3  3 – A probabilidade de nascer filho homem AB-­­ é 1/16.

4  4 – A probabilidade de nascer 2 filhas mulheres A-­ é 1/1024.

GABARITO

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10
E FFFVF D C C C E B D E
11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
D E E VFFFV E B D C A VVFFV
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
E B C D A C A C C FVVVF
31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
C A D C VVVVF C A D E FFVFV
About these ads

Responses

  1. Seu Blog é Show!!!

    • Cara Eva
      Obrigado pelo comentário. Disponha do nosso blog.
      Um forte abraço
      Djalma Santos

  2. Ola!! O gabarito diz que a questão 1 tem como resposta a letra (E) mas a única errada é a letra b não é ? Pedro é A+ e Maria A- ?

    • Prezada Eva
      – Pedro apresentou aglutinogênio A, aglutinina anti-B e fator Rh (ver enunciado), logo ele é A positivo.
      – Maria mostrou reações de aglutinação com os soros anti-A e anti-Rh, e não com anti-B, como mostrado na lâmina (ver enunciado), logo ela é, também, A positivo.
      * Alternativa A (“… o casal apresenta o mesmo tipo de sangue para o sistema ABO e, se forem heterozigotos terão 50% de probabilidade de originar uma criança de sangue tipo O.”) – INCORRETA (se ambos forem heterozigotos a probabilidade é 25% e não 50%).
      * Alternativa B (“ … o casal tem, pelo menos, 25% de probabilidade de ter uma criança de sangue tipo AB.”) – INCORRETA (o correto seria 0% e não 25%, pois, sendo ambos A não podem ter filhos AB).
      * Alternativa C (“ … em casos de necessidade de uma transfusão sanguínea, Pedro poderá ser receptor de Maria e não doador para ela.”) – INCORRETA (ambos têm o mesmo grupo sanguíneo: A positivo).
      * Alternativa D (“ … se o segundo filho desse casal for de sangue A Rh+, pode haver doença hemolítica de recém-nascido, a eritroblastose fetal.”) – INCORRETA (Maria é Rh positivo).
      * Alternativa E (“ … para o loco do sistema ABO, Maria pode apresentar IAIA ou IAi.”) – CORRETA [sendo A, Maria pode ser homozigota (IAIA) ou heterozigota (IAi)].
      Um abraço
      Djalma Santos

  3. Alguém poderia me explicar o por que da resposta da questão 40 preposição 2 ser 9/1024???? Já tentei fazer vários cálculos mas não consigo chegar nesse resultado e no gabarito ta dizendo que é verdadeiro.

    • Emanueli
      – Houve um erro de digitação na alternativa 2 2. O correto é: A probabilidade de nascer 1 filho homem e 1 filha mulher AB+ é 9/1024.
      Um abraço
      Djalma Santos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 227 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: