Publicado por: Djalma Santos | 2 de dezembro de 2010

Testes de botânica (1/5)

01. (UESPI) As folhas são de extrema importância para geração energética e manutenção do equilíbrio hídrico da planta. Sobre este assunto, observe a figura abaixo e assinale a alternativa correta.

01

a) A epiderme foliar mostrada acima é multiestratificada para diminuir a perda de água em plantas xerófitas, como a Palma Forrageira.

b) A cutícula forma uma barreira impermeável ao vapor d’água que impede as trocas gasosas na superfície foliar.

c) O parênquima foliar apresenta células ricas em cloroplastos e espaços intercelulares que facilitam a circulação do ar atmosférico e as trocas gasosas.

d) As células dos estômatos se fecham durante os períodos de chuva, e são as únicas da epiderme foliar que não contêm cloroplastos.

e) O floema abastece a folha com água e sais provenientes do solo, e o xilema leva à raiz açúcares produzidos na fotossíntese.

02. (UFT) As plantas, ao longo de sua história evolutiva, não desenvolveram uma estrutura que seja ao mesmo tempo favorável à entrada de dióxido de carbono, essencial à fotossíntese, e que evite a perda excessiva de água por transpiração. No entanto, especializações minimizam a perda de água e otimizam a captação de CO2. Sobre a perda de água em plantas terrestres é incorreto afirmar:

a) A transpiração ocorre através da cutícula da epiderme, lenticelas e/ou pelo ostíolo dos estômatos.

b) Uma pequena fração de água perdida por transpiração sai através da cutícula e através das lenticelas da casca.

c) Nas plantas vasculares, a maior parte da água perdida pela transpiração ocorre através dos estômatos.

d) A abertura e o fechamento estomático controlam a troca gasosa através da superfície da folha.

e) A única forma de perda de água pelas folhas é a transpiração.

03. (MACK) Alternância de gerações ou ciclo haplôntico-diplôntico, isto é, uma geração haploide que produz gametas (Gametófito) e uma outra diploide que produz esporos (Esporófito), ocorre:

a) apenas em angiospermas.

b) apenas em gimnospermas e em angiospermas.

c) apenas em pteridófitas, em gimnospermas e em angiospermas.

d) apenas em briófitas, em pteridófitas, em gimnospermas e em angiospermas.

e) em algumas algas, em briófitas, em pteridófitas, em gimnospermas e em angiospermas.

04. (UNESP) Um estudante de biologia anotou em uma tabela algumas características de quatro espécies vegetais:

CARACTERÍSTICA

ESPÉCIE

1

2 3 4

Possui vasos condutores de seiva?

sim não sim

sim

Embrião fica retido no gametângio?

sim

sim sim

sim

Forma flores e frutos?

não

não sim

não

Forma sementes?

sim

não sim

não

A partir desses dados, pode-se dizer que na árvore filogenética que reconstitui a história evolutiva dessas espécies,

a) as espécies 1 e 2 compartilham entre si um maior número de ancestrais comuns que aqueles compartilhados pelas espécies 1 e 3.

b) a espécie 4 tem uma origem evolutiva mais recente que a espécie 3.

c) a espécie 1 é mais aparentada à espécie 2 que à espécie 3.

d) as espécies 1, 2 e 3 formam um grupo natural, ou monofilético.

e) as espécies 2, 3 e 4 formam um grupo artificial, ou parafilético.

05. (URCA) Um sábio ditado popular que diz “nem tudo que parece é”, também se aplica à botânica, pois muitas estruturas chamadas popularmente de fruto na realidade são pseudofrutos, tendo em vista que não são originados pelo ovário da flor. É exemplo de pseudofruto:

a) manga.

b) sapoti.

c) castanha do Pará.

d) morango.

e) coco.

06. (FURG) Durante uma viagem para estudo da vegetação em diferentes ambientes do Rio Grande do Sul, o professor solicitou aos alunos que coletassem uma planta que contivesse características adaptativas para um desses ambientes visitados. As características morfológicas determinadas pelo professor para essa planta são as seguintes:

I. Epiderme dotada de cutícula espessa.

II. Corpo dotado de parênquima aquífero.

III. Raízes bastante profundas e pivotantes.

IV. Flores pentâmeras e frutos carnosos.

V. Folhas reduzidas ou ausentes.

Com base nestas informações assinale a alternativa correta, observando, respectivamente, o grupo taxonômico e o ambiente a que pertence esta planta.

a) Briófita; plantas de ambientes sombrios apresentam estes aspectos morfológicos.

b) Gimnosperma; ambientes arenosos apresentam plantas com estas características.

c) Pteridófita; ambientes rochosos apresentam plantas com estes aspectos morfológicos.

d) Angiosperma monocotiledônea; em ambientes aquáticos as plantas desenvolvem essas características.

e) Angiosperma dicotiledônea; plantas de ambientes xerofíticos possuem estas características.

07. (UNINOEST) Com relação à diversidade e reprodução das plantas, assinale a alternativa correta.

a) Os esporófitos são diploides, originados a partir da união dos gametas.

b) As briófitas não possuem reprodução sexuada devido à dominância da fase esporofítica.

c) Nas pteridófitas, os megasporângios são responsáveis por armazenar a oosfera.

d) As gimnospermas são as primeiras plantas a apresentar a dupla fecundação.

e) Nas angiospermas, o endosperma é originado a partir da fusão das sinérgides com um núcleo espermático do grão de pólen.

08. (UEPG) As folhas apresentam uma grande diversidade de formas, o que revela não só adaptações a diferentes meios, mas também a capacidade de exercitar várias funções bastante especializadas. A respeito dessa importante estrutura vegetal, assinale o que for correto.

I   II

0  0 – Com frequência, as folhas se apresentam bem modificadas em forma e função, podendo até perder sua característica principal de órgão fotossintetizante, adquirindo inclusive outras cores. É o caso das brácteas, semelhantes a pétalas, encontradas no antúrio e na flor-de-papagaio.

1  1 – Nas plantas de regiões úmidas, as folhas são em geral grandes, sem tecidos de sustentação, sendo chamadas de higromorfas.

2  2 – Nas plantas que crescem à sombra há maior quantidade de clorofila para garantir uma boa taxa de fotossíntese e, por isso, elas têm um verde mais escuro.

3  3 – Nas plantas de regiões áridas, as folhas são em geral pequenas e duras, devido à presença de tecidos de sustentação mecânica, sendo chamadas de xeroformas.

4  4 – As gavinhas do pé de maracujá e os espinhos das laranjeiras são folhas modificadas, com objetivo de promover maior fixação e diminuir a superfície de transpiração do vegetal.

09. (FURG) Relacione os grupos de organismos enumerados na coluna 1 com suas características diagnósticas, apresentadas na coluna 2, respectivamente.

1. Liquens ( ) Organismos uni ou pluricelulares, caracterizados por pigmentações diversas, alguns importantes fornecedores de agar.
2. Gimnospermas (   ) Pequeno porte, talo com filóides, fase gametofitica mais visível e duradoura, reprodução por esporos.
3. Briófitas (  ) Tamanho variado, fase esporofítica mais visível, duradoura e independente da gametofitica, reprodução por esporos, com folhas denominadas frondes.
4. Pteridófitas (   ) Resultante de uma associação mutualística entre alga e fungo.
5. Fungos (   ) O aparecimento das sementes, protegidas apenas por brácteas, arranjadas em estruturas denominadas estróbilos.
6. Algas (   ) O desenvolvimento do ovário proporcionou maior proteção ao(s) óvulo(s).
7. Angiospermas (   ) Aclorofilados e heterótrofos por absorção.

A alternativa que contém a associação correta da coluna 1, quando lida de cima para baixo, é:

a) 1, 6, 4, 5, 7, 2, 3.

b) 6, 3, 4, 1, 2, 7, 5.

c) 5, 3, 2, 6, 7, 4, 1.

d) 6, 4, 3, 1, 7, 2, 5.

e) 3, 6, 2, 5, 4, 7, 1.

10. (UFCG)As angiospermas são as plantas dominantes no planeta, formando a maior parte da vegetação, incluindo árvores, arbustos, trepadeiras, capins etc. Essas plantas habitam no solo, na água ou sobre outras plantas. Analise abaixo as seguintes características sobre as Angiospermas e assinale verdadeira (V) ou falsa (F).

( ) Possuem dois tipos principais de sistemas radiculares: pivotante ou axial (dicotiledôneas) e fasciculado (monocotiledôneas). No sistema pivotante há uma raiz principal, derivada da raiz primária do embrião, da qual partem várias raízes laterais. O sistema radicular fasciculado degenera-se, logo plantas com esse tipo de sistema não desenvolvem raiz principal.

( ) Dicotiledôneas são plantas que possuem folhas pecioladas, isto é, o limbo prende-se ao ramo caulinar por meio de um pecíolo. Monocotiledôneas, são invaginantes e prendem-se ao caule por meio de uma bainha, que corresponde a uma modificação da base do pecíolo. Nesse caso, folhas das dicotiledôneas diferem das monocotiledôneas não só pela presença de pecíolo, mas também pelas nervuras.

( ) Os frutos são estruturas auxiliares no ciclo reprodutivo das angiospermas. Protegem as sementes e auxiliam em sua disseminação. Correspondem ao desenvolvimento do ovário que ocorre após a fecundação. Algumas espécies desenvolvem os seus frutos sem sementes; fenômeno conhecido como partenocarpia.

( ) As angiospermas estão divididas em duas classes a saber: Classe Monocotyledoneae e Classe Dicotyledoneae. Na primeira classe, as folhas possuem nervuras paralelas (paralelinérveas), as raízes são fasciculadas e a flor é trímera. Já na segunda classe, as folhas apresentam-se com nervuras ramificadas, as raízes são axiais e as flores apresentam uma organização tetrâmera ou pentâmera.

(  ) Elas formam grandes florestas no hemisfério norte. Representam uma soma considerável de todas as florestas no mundo. No Brasil, podemos exemplificar a Mata de Araucária, a qual é formada por pinheiros-do-paraná (Araucária angustifólia). O pau-brasil (Caesalpinia echinata) pode ser citado como um dos mais importantes exemplos de plantas representantes desse grupo vegetal.

Assinale a sequência correta:

a) F, F, V, V, V.

b) F, V, V, F, F.

c) V, V, V, V, F.

d) F, F, F, F, V.

e) F, V, F, F, F.

11. (UFRR) Com base nas informações abaixo, marque a alternativa correta.

I. Micorrizas são associações entre as raízes de algumas plantas e determinados fungos, importantes para a fixação do nitrogênio.

II. Raízes contráteis ocorrem geralmente em caules subterrâneos, com a finalidade de proteger as gemas.

III. Gavinhas e espinhos são modificações caulinares, radiculares e foliares.

IV. Os tubérculos são raízes importantes para a reserva de amido, podendo ser pivotante (cenoura) ou lateral (batata-doce).

Dessas afirmações:

a) I, II, III estão corretas.

b) Apenas I está correta.

c) Apenas I e IV estão corretas.

d) Apenas II e IV estão corretas.

e) Apenas III e IV estão corretas.

12. (UFRR) Na história evolutiva das plantas, o aparecimento de vasos condutores está ligado a determinados grupos vegetais, tais como:

I. samambaias e paricarana.

II. bactérias e vírus.

III. cianofíceas e buriti.

IV. liquens e musgos.

a) I, II, III e IV estão corretas.

b) Apenas I está correta.

c) Apenas II está correta.

d) Apenas III está correta.

e) Apenas IV está correta.

13. (UNIR) Sobre a fase reprodutiva das Angiospermas, marque V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas.

(  )

Os estames são estruturas que fazem parte do gineceu.

(  )

A formação do tubo polínico se dá após a fecundação.

(  )

O grão de pólen é formado na antera.

(  )

O zigoto é formado pela união da oosfera e um núcleo gamético.

Assinale a sequência correta.

a) V  F  F  V.

b) F  V  V  F.

c) V  F  V  F.

d) F  F  V  V.

e) V  V  F  F.

14. (UEPA) O desenvolvimento das plantas floríferas (1) há 130 milhões de anos, transformou a monótona vida na Terra num buquê de cores. Hoje em dia, estes representantes são mais numerosos que samambaias (2) e coníferas (3), já bem estabelecidas há pelo menos 200 milhões de anos.

Revista National Geographic, julho/2002; por Michael Klesius. com modificações)

Sobre os termos enumerados no texto acima, é correto afirmar:

I. No número 1, os anterídios formam os anterozoides que, por serem dotados de flagelos, nadam até a estrutura reprodutiva feminina.

II. A dependência do meio aquático para transportar gametas masculinos são características encontradas no número 2.

III. O número 2 se caracteriza por não formar sementes e por apresentar presença de xilema com traqueídes e floema com células crivadas.

IV. No ciclo de vida do número 3, microsporócitos presentes nos microsporângios dividem-se, formando quatro micrósporos haploides.

De acordo com as afirmativas acima, a alternativa correta é:

a) I e III.

b) II e IV.

c) I, III e IV.

d) II, III e IV.

e) I, II, III e IV.

15. (UFPB) Os seres vivos apresentam diversas características que lhes permitem, por exemplo, apresentar uma grande diversidade morfológica e sobreviver em diferentes ambientes. Uma dessas características está ilustrada na figura abaixo, que mostra a Dionaea muscipula, um tipo de planta insetívora, que captura e digere insetos como forma de obtenção de energia.

15

O mecanismo pelo qual a D. muscipula captura o inseto pode ser definido como:

a) reação.

b) catabolismo.

c) metabolismo.

d) canibalismo.

e) fototropismo.

16. (UEPB) As flores são ramos altamente especializados nos quais folhas modificadas formam as estruturas reprodutivas das angiospermas. Observe a figura ao lado e coloque V, para as proposições verdadeiras e F, para as falsas, de acordo com a numeração das estruturas florais indicadas.

16

(  ) 5 – o androceu é a parte masculina da flor, formado por folhas modificadas férteis, os estames, que geralmente apresentam a antera, onde se formam os grãos de pólen.

(   ) 3 – óvulo, que, se fecundado, originará o fruto.

(   ) 1 – é o cálice, constituído por folhas modificadas chamadas tépalas.

(  ) 4 – o   gineceu  é  formado  por  folhas  férteis,  chamadas   carpelos,  responsáveis  pela formação dos óvulos. Um ou mais carpelos podem se dobrar e fechar, formando o pistilo. Este é formado por ovário, estilete e estigma.

(  ) 2 – é a corola, constituída pelas pétalas, geralmente delicadas e coloridas.

Constituem a parte mais vistosa e atraente da flor, estando relacionada à atração de polinizadores. A alternativa que contém a sequência correta é:

a) F V V F V.

b) V F F V V.

c) F F F V V.

d) V F V V F.

e) V V F V F.

17. (UNEMAT) No reino Plantae pode-se observar uma divisão em dois grandes grupos: o grupo das Criptógamas e odas Fanerógamas. Embora esses termos não possuam significado taxonômico, são tradicionalmente utilizados para distinguir dois grupos diferentes de plantas quanto à sua estrutura de reprodução.Com relação a esses grupos de plantas, assinale a alternativa correta.

a) As fanerógamas possuem estruturas de reprodução sexuadas facilmente visíveis, que são os estróbilos nas gimnospermas e flores nas angiospermas.

b) As criptógamas apresentam sementes, porém não formam frutos, por isso são chamadas de plantas com sementes nuas.

c) No grupo das fanerógamas encontram-se plantas sem flores, sementes ou frutos, como as briófitas e as pteridófitas.

d) As algas e os fungos por não apresentarem flores, sementes e frutos, são considerados do grupo das criptógamas.

e) Nas criptógamas, as estruturas reprodutivas estão nas flores que são formadas pelos seguintes elementos florais: cálice, corola, androceu e gineceu.

18. (UEPG) Sobre a sistemática, ou taxonomia vegetal, assinale o que for correto.

I   II

0  0 – Em Botânica, ramo da Biologia que estuda os vegetais, usa-se o termo divisão para designar os grandes grupos, que na Zoologia correspondem aos filos. No reino Plantae, a nomenclatura científica usa o sufixo phyta para indicar as divisões.

1  1 – As angiospermas são plantas avasculares, com raízes, caule, folhas, flores e frutos que protegem as sementes. Os frutos são provenientes do desenvolvimento do óvulo fecundado, como o limão e a laranja.

2  2 – As pteridófitas são plantas vasculares, sem flores, que apresentam raízes, caule e folhas, como as samambaias. Já as briófitas são plantas de pequeno porte, vasculares e sem corpo vegetativo, como as cianofíceas.

3   3 – Nas briófitas, o transporte de água é muito lento e se faz por osmose, de célula para célula.

4  4 – As gimnospermas são plantas que apresentam frutos sem sementes, como o abacaxi, o morango e a banana.

19. (UEMS) A transpiração corresponde à perda H2O sob a forma de vapor. Em plantas, o principal órgão responsável por esse processo é a folha. Sobre o processo de transpiração, assinale a alternativa correta.

a) Nas plantas ocorre transpiração cuticular e estomática.

b) Nas plantas ocorre transpiração por meio de raízes do tipo pneumatóforo.

c) Nas plantas ocorre transpiração por meio de translocação da seiva elaborada.

d) Nas plantas ocorre transpiração por meio do movimento de geotropismo e fototropismo.

e) Nas plantas ocorre transpiração influenciada pelos hormônios auxina e giberelina.

20. (UEMS) Entre as plantas importantes para o agronegócio no centro-oeste brasileiro estão a soja, o milho, a cana-de-açúcar e a mandioca. Sobre essas plantas é correto afirmar que

a) uma delas é plantada por meio de sementes e três por meio de caules.

b) apenas duas têm vasos condutores de seiva.

c) duas delas têm caule tipo colmo e duas têm caule tipo haste.

d) duas delas têm raiz do tipo tuberosa.

e) apenas duas produzem frutos.

21. (FUVEST)Representantes do Reino das Plantas são classificados em diferentes grupos, de acordo com suas características, como indicado na tabela abaixo.

GRUPOS CARACTERÍSTICAS
X Possuem vasos condutores de seiva.Produzem sementes, mas não produzem frutos.
Y Possuem vasos condutores de seiva.Não produzem sementes.
Z Não possuem vasos condutores de seiva.Não produzem sementes.
W Possuem vasos condutores de seiva.Produzem sementes, flores e frutos.

Assinale a alternativa que apresenta corretamente a provável ordem evolutiva dos diferentes grupos de plantas, começando pelos mais primitivos e terminando com os mais recentes, bem como um exemplo de planta pertencente a cada um dos grupos:

a Zmusgo Ysamambaia XPinheiro-do-paraná W

goiabeira

b Wgoiabeira XPinheiro-do-paraná Ysamambaia Z

musgo

c Zsamambaia Ymusgo Xgoiabeira W

Pinheiro-do-paraná

d XPinheiro-do-paraná Wgoiabeira Zmusgo Y

samambaia

e Ymusgo WPinheiro-do-paraná Zsamambaia X

goiabeira

22. (UFJF) Para a sua sobrevivência, as plantas vasculares precisam superar condições ambientais adversas. Alguns problemas encontrados pelas plantas e as soluções utilizadas por elas para superar tais limitações são apresentados a seguir.

PROBLEMA

I. Proteção contra agentes lesivos e contra a perda de água

II. Sustentação

III. Preenchimento de espaços

IV. Transporte de materiais

V. Execução de movimentos orientados

SOLUÇÃO

1. Esclerênquima e colênquima

2. Fitormônios

3. Xilema e floema

4. Epiderme e súber

5. Parênquimas

A associação correta entre o Problema e a Solução encontrada pelas plantas é:

a) I-l; II-3; III-5; IV-4; V-2.

b) I-2; II-4; III-3; IV-1; V-5.

c) I-3; II-5; III-2; IV-l; V-4.

d) I-4; II-1; III-5; IV-3; V-2.

e) I-5; II-2; III-4; IV-3; V-l.

23. (UFF) O Jardim Sensorial, localizado no Jardim Botânico do Rio de Janeiro, é constituído por diversas plantas com características marcantes. Nesse aspecto ele difere dos demais jardins, pois deixa de ser apenas uma área de lazer, passando a representar uma ferramenta de inclusão social, sendo de grande utilidade para pessoas com diversas necessidades especiais, como a visual, por exemplo. Numa atividade em um jardim sensorial, ofereceram-se a uma pessoa com deficiência visual três partes provenientes de espécies representativas de grupos vegetais: um folíolo de uma pteridófita, uma folha de uma monocotiledônea e uma flor de uma dicotiledônea. Avaliando através do tato as três partes, a pessoa identificou, respectivamente, a presença de:

a) escamas onde são produzidos os esporos; nervuras reticuladas e bainha reduzida; dez verticilos protetores que correspondem a cinco sépalas e cinco pétalas.

b) soros onde são produzidos gametas; nervuras paralelas e bainha desenvolvida; seis verticilos protetores que correspondem a três sépalas e três pétalas.

c) indúsio onde são produzidos gametas; nervuras reticuladas e bainha desenvolvida; seis verticilos protetores que correspondem a três sépalas e três pétalas.

d) soros onde são produzidos os esporos; nervuras paralelas e bainha desenvolvida; dez verticilos protetores que correspondem a cinco sépalas e cinco pétalas.

e) escamas onde são produzidos gametas; nervuras paralelas e bainha reduzida; dez verticilos protetores que correspondem a cinco sépalas e cinco pétalas.

24. (UERJ) O aumento da concentração de CO2 na atmosfera intensifica a ação fertilizante desse gás, o que acelera o crescimento de diversas plantas. Na natureza, no entanto, há fatores limitantes dessa ação. Em um experimento, duas pequenas mudas de milho foram plantadas em solo arenoso, sob idênticas condições de temperatura e de taxa de iluminação, irrigadas diariamente com um pequeno volume de água comum, igual para ambas. As plantas foram mantidas em ar atmosférico contendo CO2 nas seguintes proporções:

• planta 1: 340 mg.L-1

• planta 2: 680 mg.L-1

Escolheram-se duas folhas, uma de cada muda, e suas massas foram medidas durante 30 dias. Observe o gráfico a seguir, no qual duas das curvas representam os resultados dessa medição:

24

A curva que representa o desenvolvimento da planta 2 e o fator cuja deficiência limitou a ação fertilizante do CO2 são:

a) W – sais minerais.

b) X – oxigênio.

c) Y – aminoácidos.

d) Z – luz.

25. (IF-CE) A Ginko biloba é classificada como

a) Briófita dioica.

b) Pteridófita heterosporada.

c) Gimnosperma decídua.

d) Gimnosperma trepadeira.

e) Angiosperma monocotiledônea.

26. (FUVEST) Uma pessoa, ao encontrar uma semente, pode afirmar, com certeza, que dentro dela há o embrião de uma planta, a qual, na fase adulta,

a) forma flores, frutos e sementes.

b) forma sementes, mas não produz flores e frutos.

c) vive exclusivamente em ambiente terrestre.

d) necessita de água para o deslocamento dos gametas na fecundação.

e) tem tecidos especializados para condução de água e de seiva elaborada.

27. (COVEST) As angiospermas são plantas nas quais os elementos relacionados com a reprodução sexuada encontram-se em flores. Elas podem ser monocotiledôneas (gramíneas, palmáceas e liliáceas) e dicotiledôneas (leguminosas, cactáceas, palmáceas, etc.). Assinale a alternativa que traz duas angiospermas leguminosas e uma gramínea, nessa ordem.

a) Coco-da-baía, carnaúba e feijão.

b) Feijão, ervilha e cana-de-açúcar.

c) Carnaúba, palmito e soja.

d) Babaçu, dendê e amendoim.

e) Dendê, amendoim e babaçu.

28. (UPE) Fibras vegetais são empregadas na fabricação de telhas e caixas d’água, através da tecnologia do fibracimento, como alternativa aos materiais de construção civil, em substituição aos produzidos com amianto. É uma tecnologia nacional, que utiliza fibras vegetais da madeira, como pinho e eucalipto. Também são aproveitadas fibras de outras partes vegetais de folhas de sisal e bananeira, frutos, como o coco, e o bagaço da cana-de-açúcar, com a finalidade de adicionar reforços aos materiais de ação cimentante.

Analise as afirmativas que vêm a seguir, referentes às palavras sublinhadas do texto acima.

I. Fibras vegetais da madeira: fibras de esclerênquima e de xilema são impregnadas de lignina, que conferem resistência à estrutura.

II. Bananeira: vegetal de caule subterrâneo tipo rizoma; suas folhas largas têm bainhas que se enrolam.

III. Coco: pseudofruto do coqueiro, planta monocotiledônea.

IV. Cana-de-açúcar: caule tipo estipe, com armazenamento de Glicose.

Marque a alternativa que reúne as afirmativas corretas.

a) I, II e III, apenas.

b) II, III e IV, apenas.

c) I e II, apenas.

d) II e III, apenas.

e) III e IV, apenas.

29. (UFAL) Sobre as características gerais das plantas, é correto afirmar que:

a) por não terem tecidos vasculares, as briófitas somente se reproduzem por fragmentação ou

formação de propágulos, crescendo através da multiplicação celular por mitose.

b) plantas vasculares com e sem sementes possuem xilema para transportar água e sais minerais, das raízes às folhas, e açúcares, das folhas às raízes.

c) gimnospermas e angiospermas produzem sementes e frutos e apresentam alternância de gerações em seus ciclos vitais.

d) a ilustração abaixo mostra em 1, uma raiz pivotante e, em 2, uma raiz fasciculada.

29e) sementes em desenvolvimento e meristemas produzem Giberelinas, hormônios que promovem o crescimento de caules, folhas e frutos.

30. (UFJF) O transporte de água é um processo fundamental para as plantas vasculares. A respeito desse processo fisiológico, leia as afirmativas abaixo:

I. Na transpiração, a conversão do estado físico da água de líquido a vapor permite o aumento da temperatura das folhas.

II. A transpiração estomática elimina maior quantidade de água do que a transpiração cuticular.

III. Luminosidade, temperatura e umidade dos solos são alguns fatores que influenciam a taxa transpiratória.

IV. Na transpiração, a seiva do xilema se encontra sob pressão positiva.

Estão corretas as afirmativas:

a) I e III.

b) I e IV.

c) II e III.

d) II e IV.

e) III e IV.

GABARITO

 

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10
C E E E D E A FVFVF B C
11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
B B D D A B A VFFVF A C
21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
A D D A C E B C E C

 


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: