Publicado por: Djalma Santos | 13 de maio de 2011

Testes de histologia vegetal (3/4)

01. (PUC-SP) Um casal de namorados, com auxílio de um canivete, faz a inscrição de seus nomes ao redor do tronco de uma árvore. Passados seis meses, o casal se separa. O rapaz vai até a árvore e retira um anel da casca, circundando o tronco na região que continha a inscrição. Após algum tempo, o casal se reconcilia e volta à árvore para refazer a prova de amor, mas, para sua surpresa, encontram-na morta, porque o anel de casca que foi retirado continha:

a) Além da periderme, o floema.

b) Além da periderme, o xilema.

c) Apenas o floema.

d) Apenas o xilema.

e) O xilema e o floema.

02. (UFV) O gráfico abaixo representa o andamento diário da transpiração de uma planta.

02

Na curva, os pontos assinalados pelos números 1, 2 e 3 representam, respectivamente:

a) Estômato fechado, transpiração apenas cuticular e estômato aberto.

b) Estômato aberto, transpiração apenas cuticular e estômato fechado.

c) Transpiração apenas cuticular, estômato aberto e estômato fechado.

d) Transpiração apenas cuticular, estômato fechado e estômato aberto.

e) Estômato aberto, estômato fechado e transpiração apenas cuticular

03. (CESGRANRIO) Nas plantas, as estruturas especializadas para as trocas de gases entre as plantas e o exterior são:

a) Os estômatos e as lenticelas.

b) O floema e os estômatos.

c) As lenticelas e o colênquima.

d) O esclerênquima e o xilema.

e) O súber e o câmbio.

04. (CFT-CE) É um tecido vegetal com função de reserva, com células ricas em grãos de amido. Trata-se do parênquima:

a) Aerífero.

b) Aquífero.

c) Amilífero.

d) Clorofiliano.

e) Medular.

05. (FUVEST) Sabe-se que os estômatos têm movimentos hidroativos e fotoativos. Pode-se observar os primeiros quando as condições de luminosidade são constantes e varia o suprimento hídrico. Os segundos se observam quando, ao contrário, variam as condições de luminosidade mantendo-se constante o suprimento hídrico. Com umidade, os estômatos se abrem, bem como com a presença de luz. Diante do exposto, diga o que ocorre quando, mantendo invariável o suprimento de água, coloca-se uma planta no escuro.

a) Os estômatos se abrem.

b) Os estômatos se fecham.

c) Os estômatos não alteram as suas estruturas.

d) Os estômatos se retraem para baixo da epiderme.

e) Os estômatos sofrem uma expansão para fora da epiderme.

06. (UNICENTRO) A Embrapa obteve amoras através da cultura de tecidos vegetais. Trata-se de um método assexuado de reprodução em que, a partir de células meristemáticas, se geram novos organismos, exatamente iguais àqueles de origem. Isso ocorre porque as células meristemáticas:

a) Têm a função de promover a manutenção da forma do organismo.

b) São dotadas de alto poder proliferativo e promovem o crescimento da planta.

c) São encontradas no revestimento externo do vegetal e evitam a perda de água.

d) São constituídas de fibras ricas em lignina e conferem resistência à planta.

07. (FATEC) O gráfico a seguir recebe o nome de curva de fechamento estomático e foi obtido partir de pesagens sucessivas de uma folha de café seccionada da planta, a fim de permitir a avaliação da água perdida na transpiração.

07

Analisando os dados nele representados, podemos concluir que:

a) Durante todo o tempo em que a folha permaneceu em observação, seus estômatos permaneceram bem abertos.

b) Durante todo o tempo em que a folha permaneceu em observação, houve transpiração cuticular e estomática.

c) A perda de água foi grande apenas inicialmente, porque os estômatos estavam abertos.

d) A seta indica, no gráfico, o momento em que os estômatos começaram a se fechar.

e) A seta indica, no gráfico, o momento em que os estômatos começaram a se abrir.

08. (UNIFOR) A abertura dos estômatos ocorre quando, nos vacúolos das células estomáticas, a concentração:

a) Aumenta e elas absorvem água.

b) Diminui e elas absorvem água.

c) Torna-se nula e elas absorvem água.

d) Aumenta e elas perdem água.

e) Diminui e elas perdem água.

09. (UFPA) O tecido vegetal que transporta os produtos da fotossíntese das folhas maduras para áreas de crescimento e armazenagem, incluindo as raízes, é o:

a) Xilema.

b) Esclerênquima.

c) Parênquima assimilador.

d) Parênquima amilífero.

e) Floema.

10. (UFSC) Os tecidos de sustentação nos vegetais são o colênquima e o esclerênquima. Eles se caracterizam, respectivamente, por:

a) Células vivas com parede celular espessada com celulose e células mortas com parede celular espessada por lignina.

b) Células mortas com parede celular espessada com celulose e células vivas com parede espessada por lignina.

c) Células vivas com parede celular sem espessamento e células mortas com espessamento de celulose na parede celular.

d) Células mortas com parede celular com espessamento de celulose e lignina e células vivas sem espessamento.

e) Ambos serem vivos, distinguindo-se pela localização na planta: o colênquima na casca e o esclerênquima no lenho.

11. (UNIFESP) Um professor deseja fazer a demonstração da abertura dos estômatos de uma planta mantida em condições controladas de luz, concentração de gás carbônico e suprimento hídrico. Para que os estômatos se abram, o professor deve:

a) Fornecer luz, aumentar a concentração de CO2 circundante e manter o solo ligeiramente seco.

b) Fornecer luz, aumentar a concentração de CO2 circundante e baixar a umidade do ar ao redor.

c) Fornecer luz, diminuir a concentração de CO2 circundante e adicionar água ao solo.

d) Apagar a luz, diminuir a concentração de CO2 circundante e adicionar água ao solo.

e) Apagar a luz, certificar-se de que a concentração de CO2 circundante esteja normal e aumentar a umidade do ar ao redor.

12. (F.C.CHAGAS-BA) Destacando-se uma folha de uma planta e anotando-se as variações nos valores de transpiração, qual dos gráficos a seguir está correto? Onde o ponto E corresponde ao momento em que os estômatos completaram o seu “fechamento”?

12

13. (UFLAVRAS) “Da mesma maneira que nos animais, os tecidos de proteção são especializados no revestimento do vegetal, protegendo-o contra os diversos agentes agressores que podem danificá-lo. Além disso, regulam o intercâmbio de substâncias entre a planta e o meio ambiente. Os tecidos de revestimento também evitam perda excessiva de água contribuindo, assim, para a adaptação dos vegetais à vida terrestre”. Baseando-se no texto, assinale a opção que contenha o tecido de proteção e sua adaptação para trocas gasosas.

a) Periderme – estômatos.

b) Súber – estômatos.

c) Epiderme – estômatos.

d) Epiderme – lenticelas.

e) Felogênio – lenticelas.

14. (UFV) Em cultura de tecidos utiliza-se, por exemplo, uma ou mais células do ápice de caule para regenerar novas plantas. Essa técnica é possível porque essas células apresentam as características de serem, exceto:

a) Indiferenciadas.

b) Meristemáticas.

c) De ciclo celular intenso.

d) Totipotentes.

e) Especializadas.

15. Com relação aos tecidos vegetais, identifique a alternativa correta.

a) Os meristemas e a epiderme são exemplos de tecidos de formação.

b) Felogênio é um tecido meristemático que origina a feloderme e o súber.

c) As células do xilema são os traqueídes e os elementos de vaso. O segundo é encontrado apenas nas angiospermas e gimnospermas.

d) O mesófilo foliar é composto por colênquima e esclerênquima.

e) Protoderme, periblema e procâmbio são constituintes do meristema secundário.

16. (UFSE) Considere os três processos abaixo, que ocorrem nas folhas dos vegetais:

I. Transpiração

II. Trocas gasosas da respiração e fotossíntese

III. Síntese de amido

São controlados pelos estômatos:

a) apenas I.

b) Apenas I e II.

c) Apenas I e III.

d) Apenas II e III.

e) I, II e III.

17. (UFS) Das condições abaixo, a que provoca abertura dos estômatos é a:

a) Baixa umidade do ar ao redor das folhas.

b) Excreção de íons minerais pelas células estomáticas.

c) Absorção de água pelas células estomáticas.

d) Conversão de glicose em amido nas células estomáticas.

e) Diminuição da concentração de CO2 no ar circundante.

18. (UFV) Considere os seguintes tecidos vegetais:

I. Parênquima clorofiliano

II. Aerênquima

III. Esclerênquima

IV. Colênquima

É correto afirmar que:

a) III e IV são tecidos de sustentação que apresentam células com paredes espessas, sendo que o tecido III é constituído por células mortas.

b) I e III são tecidos ricos em cloroplastos, responsáveis pela fotossíntese nas folhas e outros órgãos verdes das plantas.

c) II é um tecido que predomina em certos órgãos suculentos, tuberosos e capazes de armazenar água.

d) As células do tecido III são alongadas, com reforços nas paredes, e estão localizados em órgãos de crescimento.

e) As células do tecido IV podem ser grandes, com paredes lignificadas que se tornam rígidas e impermeáveis.

19. (UECE) O fenômeno da desdiferenciação celular consiste na requisição da capacidade de células adultas, já diferenciadas, voltarem ao estado embrionário. Isto ocorre na(s) seguinte(s) região(ões) meristemática(s) dos vegetais:

a) Procâmbio, originando o lenho e o súber.

b) Protoderme, originando a epidermes dos vegetais.

c) Câmbio e felogênio que constituem o meristema secundário dos vegetais.

d) Meristema fundamental, produzindo os tecidos responsáveis pela fotossíntese, sustentação e armazenamento de substâncias, dentre outros.

20. (UFRGS) Os gráficos 1 e 2, abaixo, ilustram o fenômeno de transpiração em vegetais. Dependendo da disponibilidade hídrica, o fechamento estomático pode ser mais lento ou mais rápido, como se observa no segmento A-B das curvas dos gráficos.

20

Assinale a alternativa que completa corretamente as lacunas do enunciado abaixo, na ordem que aparecem.

Um exemplo de planta com o comportamento estomático (dominante) representado no gráfico 1 é ………. e com o comportamento estomático (dominante) representado no gráfico 2 e ………. .

a) A seringueira da Floresta Amazônica – o buriti do cerrado

b) O cactos cabeça-de-frade da Caatinga – a quaresmeira da Mata Atlântica

c) O jacarandá da Mata Atlântica – o babaçu da Mata dos Cocais

d) O araçá do Cerrado – o xique-xique da Caatinga

e) O palmiteiro da Mata Atlântica – o pinheiro-do-paraná da Mata das Araucárias

21. (VUNESP) Durante o mecanismo de abertura dos estômatos, verifica-se a ocorrência de:

a) Diminuição da fotossíntese, devido à produção de CO2.

b) Saída de água do interior das células guardas.

c) Entrada de íons K+ no interior das células guardas.

d) Plasmólise e diminuição da turgescência das células guardas.

e) Transformação de açúcares em amido pela fosforilação.

22. (FATEC) Os estômatos são estruturas foliares que controlam a saída de água, vapor e gases. O mecanismo de abertura e fechamento dessas estruturas é influenciado por fatores ambientais tais como suprimento hídrico, intensidade de luz e concentração de gás carbônico. A relação correta entre movimento do estômato e fator ambiental está contida na alternativa:

a) Condição Ambiental: baixa intensidade luminosa;

Movimento do Estômato: fecha.

b) Condição Ambiental: alto suprimento hídrico;

Movimento do Estômato: fecha.

c) Condição Ambiental: alta intensidade de luz;

Movimento do Estômato: fecha.

d) Condição Ambiental: baixo suprimento hídrico;

Movimento do Estômato: abre.

e) Condição Ambiental: alta concentração de CO2;

Movimento do Estômato: abre.

23. (UFV) Pode-se afirmar que os meristemas são tecidos:

a) Formados por células pequenas, de paredes grossas e com muitos vacúolos grandes.

b) Inadequados para observação de células em divisão.

c) Que funcionam como reservatório de nutrientes e preenchimento.

d) Permanentes com funções idênticas às do parênquima.

e) Indiferenciados, que originam os tecidos adultos.

24. (PUC-MG) O súber é:

a) Um tecido de condução encontrado em vegetais superiores com crescimento primário e secundário.

b) Um tecido com função de proteção encontrado em vegetais superiores apenas com crescimento secundário.

c) Uma estrutura utilizada para armazenamento de amido primário, resultante da atividade da periderme.

d) Um pigmento que é responsável pela coloração das flores.

e) Um tecido de revestimento que permite o aumento ou decréscimo na transpiração da planta.

25. (UEL) Os gráficos a seguir mostram as curvas de fechamento hidroativo dos estômatos de duas plantas.

25

As plantas I e II estão adaptadas, respectivamente, a ambientes:

a) Secos e úmidos.

b) Úmidos e secos.

c) Aquáticos e secos.

d) Secos e desérticos.

e) Aquáticos e úmidos.

26. (UFLA) Classificam-se como traqueófitas, isto é, possuidoras de sistemas condutores de seiva bruta e de seiva elaborada:

a) Algas, fungos e briófitas.

b) Pteridófitas, gimnospermas e angiospermas.

c) Briófitas, gimnospermas e monocotiledôneas.

d) Gimnospermas, líquens e dicotiledôneas.

e) Angiospermas, líquens e algas.

27. (PUC-PR) A organização do corpo dos vegetais é bem diferente da organização do corpo dos animais. A maior parte dessas diferenças deve ser interpretada como adaptação ao modo autotrófico de vida que caracteriza os vegetais, em oposição ao modo heterotrófico dos animais. Assim, podemos afirmar:

a) As células vegetais são formadas por parede espessa, que dão resistência e sustentação às diferentes partes da planta, constituindo os chamados tecidos de sustentação, representados pelos vasos condutores de seiva.

b) Revestindo os vegetais, há estruturas que fornecem proteção mecânica e, nas plantas terrestres, evitam a desidratação, como a epiderme (nas folhas e nas partes jovens do caule e da raiz) e o súber (nas células mais velhas do caule e da raiz).

c) As Briófitas, as Pteridófitas, as Gimnospermas e as Angiospermas desenvolveram um sistema de transporte de seiva bruta e elaborada através de tecidos condutores de seiva, representados pelos vasos lenhosos e liberianos.

d) A água e o gás carbônico usado na fotossíntese para produzir glicídios e outros compostos orgânicos, são distribuídos para todo corpo da planta, pelos vasos liberianos.

e) Há tecidos que fabricam diversas substâncias úteis à planta, como o néctar que atrai aves e insetos polinizadores, favorecendo a fecundação cruzada entre os indivíduos vegetais, permitindo, assim, a manutenção do padrão genético da espécie, sem provocar alterações fenotípicas.

28. (UFMS) Analise as seguintes afirmativas sobre as angiospermas e indique a alternativa correta.

I. A periderme, presente em raízes e caules, apresenta três camadas: feloderma, felogênio e súber.

II. O colênquima é formado por células mortas impregnadas pela suberina.

III. O parênquima aquífero, encontrado em plantas aquáticas, armazena água.

IV. O parênquima clorofiliano foliar pode ser de dois tipos: o paliçádico e o lacunoso.

a) Apenas II e III são corretas.

b) Apenas I é correta.

c) Apenas III é correta.

d) Apenas I e IV são corretas.

e) I, II, III e IV são corretas.

29. (PUC-SP) Durante o movimento fotoativo de abertura dos estômatos, não se observa nas células-guarda:

a) Aumento da taxa de fotossíntese.

b) Aumento do consumo de CO2 pelos cloroplastos.

c) Variação de pH.

d) Transformação de amido em glicose.

e) Diminuição do turgor celular.

30. (UFRS) O esquema a seguir é a representação de uma seção longitudinal do caule de uma dicotiledônea arbórea, do qual foi retirado um anel completo da casca (anel de Malpighi).

30

Considere as afirmações que seguem, relacionadas com transporte de substâncias no vegetal.

I. As setas ascendentes indicam o transporte de açúcar, aminoácidos e outras substâncias dissolvidas na água.

II. As setas descendentes indicam o transporte de seiva através do floema.

III. A retirada do anel impedirá o transporte de água até as raízes.

Quais estão corretas?

a) Apenas I.

b) Apenas II.

c) Apenas I e II.

d) Apenas II e III.

e) I, II e III.

GABARITO

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

A

C

A

C

B

B

C

A

E

A

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

C

C

C

E

B

B

C

A

C

B

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

C

A

E

B

A

B

B

D

E

B

 

Anúncios

Responses

  1. por que a 2 sao poderia ser a opçao e?

    • Cara Débora
      No ponto 2 a transpiração é máxima, indicando que está ocorrendo transpiração estomática e cuticular. Dessa forma, nesse ponto, os estômatos estão abertos e não fechados como consta na alternativa E (“Estômato aberto, estômato fechado e transpiração apenas cuticular”).
      Um abraço
      Djalma Santos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: