Publicado por: Djalma Santos | 4 de junho de 2011

Testes sobre cadeias e teias alimentares (3/4)

01. (UEPG) As relações alimentares nos ecossistemas podem ser descritas de forma mais completa pelas teias alimentares. A respeito desse tema, assinale o que for correto.

I   II

0 0 – Na representação da teia alimentar, as setas sempre vão da espécie que serve de alimento para a que utiliza esse alimento. Exemplificando com uma lagoa: as mesmas plantas aquáticas que servem de alimento para caramujos podem nutrir peixes herbívoros. Os peixes carnívoros comem não apenas caramujos, mas também os peixes herbívoros e pequenos crustáceos. Os peixes, tanto os herbívoros, como os carnívoros, servem de alimento para as aves da margem. A teia alimentar representada nessa lagoa nada mais é do que o conjunto de várias cadeias alimentares entrelaçadas.

1  1 – Duas espécies de animais ou de plantas podem ter exatamente o mesmo nicho ecológico por muito tempo. Eles se adaptam completamente e passam a viver em mutualismo.

2  2 – Quando duas espécies de animais têm o mesmo nicho ecológico por muito tempo, as duas espécies competem em todos os níveis, o que leva uma delas a desaparecer, cedendo lugar à outra.

3  3 – Na ideia de nicho ecológico estão incluídas informações como: o que o organismo come, onde, como e a que momento do dia isso ocorre, quais são seus inimigos naturais, de que forma e em que época do ano se reproduz, enfim, todas as informações sobre a função da espécie no ecossistema.

4  4 – O princípio de Gause é reforçado por várias observações na natureza. Percebe-se, por exemplo, que os nichos ecológicos costumam ser bastante especializados, de modo que espécies diferentes não podem coexistir sem que o nível de competição entre elas se torne insustentável.

02. (UNIR) A produção de biomassa em cada nível trófico depende basicamente da quantidade de energia disponível. Pode-se afirmar que a biomassa dos produtores é:

a) Igual à dos herbívoros.

b) Igual à dos decompositores.

c) Maior que a dos carnívoros.

d) Menor que a dos herbívoros.

e) Menor que a dos carnívoros.

03. (FURG) Em costões rochosos, podemos encontrar enorme diversidade de organismos marinhos. Um biólogo que estude esse ambiente poderia observar os seguintes eventos:

a) Bivalves abrindo suas conchas em dias úmidos para realizar trocas gasosas.

b) Ouriços alimentando-se de larvas de peixes.

c) Corais alimentando-se das rochas.

d) Anêmonas se deslocando a procura de alimento.

e) Estrelas-do-mar alimentando-se de bivalves.

04. (UEAP) As teias alimentares são componentes essenciais na manutenção dos ecossistemas, pois estão diretamente relacionadas ao(s) processo(s) de:

a) Sucessão ecológica.

b) Ciclagem de nutrientes e fluxo de energia.

c) Evolução e fluxo de energia.

d) Ciclagem de nutrientes e decomposição.

05. (UFJF) As pirâmides a seguir representam a distribuição por faixa etária, considerando quatro classes de idade de populações humanas em três países (A, B e C). Considerando exclusivamente as pirâmides, podemos afirmar que a tendência dessas populações no futuro é:

05

a)Expandir no país A independente da proporção de machos e fêmeas.

b)Diminuir no país A porque a proporção de machos é igual à proporção de fêmeas.

c)Expandir no país B porque a proporção de fêmeas é maior que a proporção de machos.

d)Estabilizar no país B independente da proporção de machos e fêmeas.

e)Expandir no país C porque a proporção de fêmeas é igual à proporção de machos.

06. (Esal-MG) Uma cadeia alimentar é composta de produtores e consumidores. Que alternativa representa esses dois elos?

a) Fitoplâncton e zooplâncton.

b) Algas e liquens.

c) Sapo e aranha.

d) Fitoplâncton e algas marinhas.

e) Fitoplâncton e plantas terrestres.

07. (PUC-RJ) Quando nos referimos ao ecossistema de um lago, dois conceitos são muito importantes: o ciclo dos nutrientes e o fluxo de energia. A energia necessária aos processos vitais de todos os elementos desse lago é reintroduzida neste ecossistema:

a) Pela respiração dos produtores.

b) Pela captura direta por parte dos consumidores.

c) Pelo processo fotossintético.

d) Pelo armazenamento da energia nas cadeias tróficas.

e) Pela predação de níveis tróficos inferiores.

08. (UFF) A transferência de energia no ecossistema é unidirecional. Ela começa com a captura da energia luminosa e prossegue, respectivamente, pelos:

a) Produtores secundários, decompositores e consumidores primários.

b) Consumidores primários, decompositores e consumidores secundários.

c) Decompositores e consumidores secundários e primários.

d) Produtores secundários, decompositores e consumidores secundários.

e) Consumidores primários, secundários e decompositores.

09. (UFGD) As pirâmides são representações gráficas das cadeias alimentares. Podem representar o número de indivíduos, a biomassa ou a energia em cada nível da cadeia. A extensão de cada degrau depende dos componentes no nível. A pirâmide invertida, com a base menor e o topo maior, poderia representar:

a) A energia, mas não a biomassa ou o número de indivíduos.

b) A energia ou a biomassa, mas não o número de indivíduos.

c) O número de indivíduos, a biomassa ou a energia.

d) O número de indivíduos ou a energia, mas não a biomassa.

e) O número de indivíduos ou a biomassa, mas não a energia.

10. (FATEC) Considere algumas relações esquemáticas entre populações vivendo em uma mesma comunidade. Indique a alternativa que apresenta a seguinte situação: quanto maior for a densidade da população indicada na origem da seta, maior será a densidade da população indicada no outro extremo.

10

a) I, II e III.

b) I, II e V.

c) II, III e IV.

d) II, III e V.

e) III, IV e V.

11. (UNESP) As três pirâmides A, B e C, representam três diferentes cadeias alimentares e expressam o número de indivíduos em cada nível trófico da cadeia. Carrapatos são consumidores secundários e estão representados em uma das pirâmides.  Árvores são produtores e estão representadas em outra pirâmide.

11

Carrapatos e árvores estão melhor representados, respectivamente, nas pirâmides:

a) A e B.

b) A e C.

c) B e A.

d) B e C.

e) C e B.

12. (CESGRANRIO) Uma preá que vivia na beira de um charco, alimentando-se de capim, foi capturada por uma cobra que, mais tarde, foi apanhada por um gavião. Mas a história poderia ser outra, e o gavião poderia ter caçado um rato ou outra ave. Por sua vez, a cobra poderia ter capturado um passarinho que havia comido um inseto. Com referência à teia alimentar, marque a alternativa correta:

a) A energia contida no produtor diminui gradualmente, ao passar de consumidor a consumidor.

b) A energia do produtor aumenta gradualmente nos diferentes elementos da cadeia alimentar.

c) O potencial energético do produtor não sofre nenhuma alteração nos diferentes segmentos da cadeia alimentar.

d) Na teia alimentar, como os animais são de tamanho diferentes, a quantidade energética do produtor sofre oscilações.

e) A complexidade de a teia alimentar não interfere com a quantidade de energia transferida, que permanece inalterada.

13. (UFRN) O gráfico a seguir apresenta as densidades de duas populações num certo ambiente, ao longo do tempo.

13

Com base no gráfico, pode-se afirmar que:

a) II pode ser parasita de I, mas nunca I de II.

b) I é consumidor secundário; II, consumidor primário.

c) II transfere matéria para I, mas nunca I para II.

d) I é produtor; II. consumidor primário.

14. (UFMT)                            LEIA AS AFIRMATIVA ABAIXO.

I. A energia introduzida no ecossistema sob a forma de luz é transformada, passando de organismo para organismo sob a forma de energia química.

II. No fluxo energético, há perda de energia em cada elo da cadeia alimentar.

III. A transferência de energia na cadeia alimentar é unidirecional, tendo início pela ação dos decompositores.

IV. A energia química armazenada nos compostos orgânicos dos seus produtores é transferida para os demais componentes da cadeia e permanece estável.

Estão corretas as afirmativas:

a) I e II.

b) II e III.

c) III e IV.

d) I e III.

e) II e IV.

15. (UEL) Considere as afirmações adiante relativas à energia nos ecossistemas.

I. A energia disponível provém da energia luminosa do Sol fixada pelos produtores.

II. A energia é transmitida aos demais seres vivos sob forma de energia química.

III. A transferência dá-se na forma de um ciclo de energia retornando aos produtores.

IV. A quantidade de energia disponível aumenta na passagem de um nível trófico para o seguinte.

São verdadeiras apenas:

a) I e II.

b) I e III.

c) II e III.

d) II e IV.

e) III e IV.

16. (UFPI) Durante uma expedição científica numa área de Mata Atlântica, os pesquisadores observaram entre as árvores (1), muitos lagartos herbívoros do gênero Iguana (2), cutias dispersoras (3), raposas carnívoras (4), e, no chão, viram coloridos fungos (5). Indique a alternativa que correlaciona corretamente os números dos exemplos acima com os níveis tróficos que esses organismos desempenham nesse ecossistema, considerando:

P = produtores.

Cp = consumidores primários.

Cs = consumidores secundários.

D = decompositores.

a) 1 – P;     2 – Cp;    3 – Cs;     4 – D;     5 – D.

b) 1 – P;     2 – Cp;    3 – Cp;    4 – Cs;    5 – D.

c) 1 – Cp;   2 – Cs;    3 – Cs;    4 – D;      5 – P.

d) 1 – D;    2 – Cp;    3 – Cs;    4 – Cs;     5 – P.

e) 1 – D;    2 – Cs;    3 – Cs;    4 – Cp;     5 – P.

17. (UFRS) O esquema abaixo representa parte dos organismos que constituem uma comunidade e as inter-relações que os mantêm. Considerando esse esquema, qual das seguintes afirmativas está correta?

17

a) O fitoplâncton e o zooplâncton constituem o nível trófico dos produtores.

b) Gaivotas e biguás são predadores e fazem parte do 4o nível trófico.

c) Peixes e moluscos, por serem onívoros, são considerados consumidores primários.

d) As bactérias e fungos são os autótrofos decompositores com maior disponibilidade energética.

e) Os moluscos são consumidores primários, tendo a sua disposição uma menor quantidade energética.

18. (PUCCAMP) A transferência de alimento de um ser vivo para outro dá origem a cadeias e teias alimentares. O esquema abaixo mostra as relações de alguns componentes de uma dessas teias.

18

Sobre essa teia fizeram-se as seguintes afirmações:

I. Nas cadeias alimentares considerada predominam os predadores.

II. A pirâmide de energia que representa essa teia é constituída por cinco níveis tróficos.

III. A relação entre amebas e paramécios é de competição.

É correto o que se afirma em:

a) I, II e III.

b) II e III, somente.

c) I e II, somente.

d) II, somente.

e) I, somente.

19. (UEPA) Analise a ilustração abaixo, que representa um ecossistema.

19

 Em relação à composição trófica do ecossistema representado na figura acima, pode-se afirmar que o(s):

a) Tucano e o papagaio são produtores.

b) Tucano e o papagaio são consumidores terciários.

c) Tucano e o papagaio são consumidores primários.

d) Macacos são consumidores terciários.

e) Tucano e o papagaio são consumidores secundários.

20. (FEI-SP) Num ecossistema, um fungo, uma coruja e um coelho podem desempenhar os papéis, respectivamente, de:

a) Decompositor, consumidor de 2ª ordem e consumidor de 1ª ordem.

b) Produtor, consumidor de 1ª ordem e consumidor de 2ª ordem.

c) Consumidor de 1ª ordem, consumidor de 2ª ordem e consumidor de 1ª ordem.

d) Consumidor de 2ª ordem, consumidor de 3ª ordem e consumidor de 1ª ordem.

e) Decompositor, consumidor de 1ª ordem e decompositor.

21. (UEL) Uma cadeia alimentar marinha de quatro níveis tróficos pode ser composta pelos seguintes elementos: fitoplâncton como produtores, zooplâncton como consumidores primários, anchovas como consumidoras secundárias e atuns como consumidores terciários. Com base no texto e nos conhecimentos sobre cadeias alimentares marinhas, é correto afirmar:

a) Fitoplâncton são organismos macroscópicos de vida longa, com pouca energia disponível.

b) Zooplâncton são organismos macroscópicos de vida longa, com muita energia disponível.

c) A maior quantidade de energia está disponível nos produtores.

d) Atuns são consumidores de vida curta, devido à baixa disponibilidade de energia interna.

e) O nível de energia da cadeia determina os ciclos de vida dos produtores.

22. (OSEC-SP) Considere a seguinte teia alimentar:

22

Na teia considerada, o nível trófico em que ocorre absorção e eliminação de gás carbônico é:

a) I.

b) II.

c) III.

d) IV.

e) V.

23. (UFMA) A figura abaixo representa uma cadeia alimentar em um lago.

23

Com relação aos níveis tróficos podemos afirmar:

I. Nessa cadeia alimentar, estão representados 4 consumidores.

II. O peixe atua como consumidor terciário.

III. Caso a pesca aumente muito, não haverá nenhuma implicação na população das ninfas de libélula.

IV. Toda energia dessa cadeia alimentar vem das algas microscópicas.

Indique:

a) Se apenas I estiver correta.

b) Se apenas I e II estiverem corretas.

c) Se apenas I, II e III estiverem corretas.

d) Se todas as afirmações estiverem corretas.

e) Se nenhuma afirmação estiver correta.

24. (PUC-RS) O fluxo de energia através dos níveis tróficos de um ecossistema de mata ciliar existente na região dos Campos Sulinos deve possuir a seguinte forma:

P = produtor                    H = herbívoros                     C = carnívoros

24

 

25. (UFSM)     LEIA O TEXTO A SEGUIR, PARA RESPONDER ESTA QUESTÃO.

“O sistema radicular do aguapé forma uma verdadeira cortina que retém partículasem suspensão. Nesse microambiente, proliferam bactérias, algas microscópicas, protozoários, pequenos crustáceos, larvas de insetos e moluscos. Em águas poluídas por mercúrio, os microorganismos presentes ao redor das raízes dos aguapés facilitam a bioacumulação desse metal ao transformá-loem metilmercúrio. Esse composto atravessa com facilidade a membrana plasmática e causa graves danos ao sistema nervoso”.

Os microorganismos que vivem associados às raízes dos aguapés e os outros seres vivos que deles se alimentam formam uma cadeia trófica. Indique a alternativa que apresenta uma possível cadeia trófica para um lago, iniciando pelo nível dos produtores.

a) Aves aquáticas – peixes carnívoros – peixes planctófagos – zooplâncton – fitoplâncton.

b) Fitoplâncton – peixes planctófagos – zooplâncton – aves aquáticas – peixes carnívoros.

c) Fitoplâncton – aves aquáticas – peixes carnívoros – zooplâncton – peixes planctófagos.

d) Fitoplâncton – zooplâncton – peixes planctófagos – peixes carnívoros – aves aquáticas.

e) Zooplâncton – fitoplâncton – peixes planctófagos – aves aquáticas – peixes carnívoros.

26. (UFC) A vida nos mares depende do fitoplâncton flutuante, constituído, principalmente, por diatomáceas e dinoflagelados. Considere as afirmações abaixo sobre as algas planctônicas.

I. Todas são organismos procariontes.

II. Constituem a base que sustenta a cadeia alimentar nos mares e lagos.

III. São os principais responsáveis pela presença de oxigênio na atmosfera.

A análise das afirmações nos permite concluir corretamente que:

a) Apenas II está correta.

b) II e III estão corretas.

c) I e II estão corretas.

d) Apenas III está correta.

e) I e III estão corretas.

27. (UFMG) Analise este esquema, em que está representado o fluxo de energia em um ecossistema:

27

Considerando-se as informações desse esquema e outros conhecimentos sobre o assunto, é incorreto afirmar que as setas significam,

a) Em I, a energia luminosa a ser transformada em energia química.

b) Em II, a quantidade de energia disponível para detrívoros e decompositores.

c) Em III, a energia calorífica a ser convertida em energia química.

d) Em IV, a energia da biomassa de herbívoros disponível para carnívoros.

28. (UFSC) Considere que, em determinada região, existam 6 populações de seres vivos. A população 1 é constituída de vegetais e a população 6 de microrganismos decompositores. A população 2 se alimenta da população 4 que, por sua vez, se alimenta somente da população 1. A população 5 se alimenta da população 2 e da população 4. Por fim, a população 3 se alimenta da população 5. De acordo com essas informações, assinale a(s) proposição(ões) correta(s).

I   II

0  0 – Se a população 3 desaparecer, espera-se que as populações 2 e 4 diminuam.

1  1 – A única população que ocupa mais de um nível trófico é a 3.

2  2 – A população 3 ocupa o primeiro nível trófico, e a população 1 ocupa o último.

3  3 – Existem relações de predatismo e de competição entre as populações 2 e 5.

4  4 – Todas as populações, exceto a 1, são carnívoras.

29. (FUVEST)As bactérias diferem quanto à fonte primária de energia para seus processos metabólicos. Por exemplo:

I. Chlorobium sp. utiliza energia luminosa.

II. Beggiatoa sp. utiliza energia gerada pela oxidação de compostos inorgânicos.

III. Mycobacterium sp. utiliza energia gerada pela degradação de compostos orgânicos componentes do organismo hospedeiro.

Com base nessas informações, indique a alternativa que relaciona corretamente essas bactérias com seu papel nas cadeias alimentares de que participam.

Chlorobium sp.

Beggiatoa sp.

Mycobacterium sp.

a

consumidor

produtor

consumidor

b

consumidor

decompositor

consumidor

c

produtor

consumidor

decompositor

d

produtor

decompositor

consumidor

e

produtor

produtor

consumidor

30. (UEPB)Pesquisadores brasileiros que estudam a nascente de águas cristalinas de Baía Bonita, na região de Bonito (MS), registraram uma curiosa relação trófica que envolve plantas terrestres, macacos, peixes, insetos e serpentes. Analisando as relações tróficas entre os seres vivos, pode-se afirmar que:

a) Rede ou teia alimentar são conjuntos de várias cadeias alimentares de um ecossistema.

b) A cadeia alimentar é uma sequência multilinear de seres vivos em que um serve de alimento para o outro.

c) Nos ecossistemas a energia tem fluxo unidirecional, ou seja, é reciclada.

d) O conjunto de todos os organismos de um ecossistema com vários tipos de nutrição constitui um nível trófico ou alimentar.

e) A transferência de energia e de matéria nos ecossistemas pode ser analisada a partir dos decompositores.

GABARITO

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

VFVVF

C

E

B

A

A

C

E

E

B

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

D

A

D

A

A

B

B

A

C

A

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

C

A

B

A

D

B

C

VFFVF

E

A

Anúncios

Responses

  1. O teste 11 não poderia ser B e A? Carrapato no B e ´´Arvores” não seria no A,??? Por que C?

    • Prezada Rita
      – Atente para o enunciado: ”As três pirâmides, A, B e C, representam três diferentes cadeias alimentares e expressam o número de indivíduos em cada nível trófico da cadeia. Carrapatos são consumidores secundários e estão representados em uma das pirâmides. Árvores são produtores e estão representadas em outra pirâmide.”
      – Como você pode constatar a questão diz respeito à pirâmide de número, que, como é do seu conhecimento, pode ser invertida. Neste caso, uma única árvore (produtor) pode sustentar um grande número de consumidores primários, que, por sua vez, podem servir de alimento para um número ainda maior de consumidores secundários. Lembramos que a pirâmide de número não possui muito valor descritivo. Ela apresenta o inconveniente de igualar os organismos, sem levar em conta seu tamanho e sem representar, de modo adequado, a quantidade de matéria orgânica existente nos diversos níveis.
      – Carrapatos como consumidores secundários estão mais bem representados (em número de indivíduos) na pirâmide B. Veja um exemplo: capim → capivaras → carrapatos.
      – Árvores como produtores estão mais bem representadas (em número de organismos) na pirâmide C. Veja o exemplo a seguir: árvores → esquilos → águias.
      – Alternativa correta: D
      Um forte abraço
      Djalma Santos

  2. porque o 20 é a?
    por favor

    • 20. (FEI-SP) Num ecossistema, um fungo, uma coruja e um coelho podem desempenhar os papéis, respectivamente, de:
      a) Decompositor, consumidor de 2ª ordem e consumidor de 1ª ordem.
      b) Produtor, consumidor de 1ª ordem e consumidor de 2ª ordem.
      c) Consumidor de 1ª ordem, consumidor de 2ª ordem e consumidor de 1ª ordem.
      d) Consumidor de 2ª ordem, consumidor de 3ª ordem e consumidor de 1ª ordem.
      e) Decompositor, consumidor de 1ª ordem e decompositor.
      Caro Victor
      Veja, a seguir, a resolução da questão acima.
      ALTERNATIVA CORRETA: A (“Decompositor, consumidor de 2ª ordem e consumidor de 1ª ordem.”).
      JUSTIFICATIVA
      – Coelho: animal herbívoro (consumidor de 1ª ordem).
      – Coruja: alimenta-se de coelho (consumidor de 2ª ordem).
      – Fungo: decompositor.
      Um abraço
      Djalma Santos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: