Publicado por: Djalma Santos | 16 de julho de 2011

Testes de histologia animal (4/5)

01. (UFCG) Os epitélios são camadas de células coesas que cobrem ou revestem as superfícies corporais e, ainda, formam as unidades funcionais das glândulas de secreção exócrina e endócrina. Sobre as características desse tecido, analise as assertivas e marque as corretas:

I. Suas funções básicas incluem: proteção (pele); absorção (intestinos); transporte de substâncias sobre as superfícies (ação de cílios); secreção (glândulas); excreção (túbulos renais); trocas gasosas (alvéolos pulmonares) e deslizamento entre superfícies (ex. pleura).

II. Apresenta uma capacidade de renovação contínua. O ciclo celular, definido como o intervalo entre duas divisões mitóticas sucessivas que resultam na produção de duas células-filhas, é constante. Dessa forma, as células são classificadas como lábeis.

III. A coesão de um epitélio é mantida por moléculas de adesão celular e complexos juncionais, sendo estes representados pelas junções de oclusão, zônula de adesão ou desmossoma, junções comunicantes e hemidesmossomas.

IV. Apresenta especializações que se projetam na superfície e podem ser móveis (cílios) – presentes no epitélio de revestimento das vias aéreas – ou não móveis (microvilos e estereocílios) – presentes no revestimento intestinal e no epidídimo.

V. A nutrição do epitélio de revestimento está na dependência de pequenos vasos sanguíneos que chegam até à superfície e terminam entre as células epiteliais, fornecendo gases (como o O2) e nutrientes (como a glicose).

A alternativa correta é:

a) II, III e V.

b) I, III, IV e V.

c) II, III, IV e V.

d) I, II e IV.

e) I, II, III e IV.

02. (UESPI) Relacione os tecidos animais descritos abaixo com alguma de suas respectivas funções no organismo.

1. Tecido sanguíneo

2. Tecido epitelial

3. Tecido adiposo

4. Tecido muscular

5. Tecido ósseo

(   ) Revestimento.

(   ) Reserva energética.

(   ) Sustentação.

(   ) Transporte.

(   ) Batimento cardíaco.

A sequência correta é:

a) 2, 3, 5, 1 e 4.

b) 1, 2, 3, 4 e 5.

c) 4, 5, 2, 3 e 1.

d) 5, 1, 4, 3 e 2.

e) 3, 5, 2, 1 e 4.

03. (UFRGS) Em uma partida de futebol, um jogador fraturou o fêmur. Considere os seguintes eventos, relacionados à recuperação da zona de lesão desse jogador.

1. Preenchimento por proliferação do periósteo.
2. Remoção de células mortas e de restos de matriz óssea, por fagocitose.
3. Ossificação do tecido regenerado.
4. Formação de calo ósseo com tecido ósseo primário.
A ordem em que esses eventos ocorrem no processo de regeneração do tecido ósseo é:
a) 1 3 4 2.

b) 2 – 1 3 4.

c) 3 2 1 4.

d) 4 1 3 2.

e) 3 – 4 2 1.

04. (UNICENTRO) A pele é um exemplo de estrutura moldada evolutivamente para resistir rotineiramente a estresse, sem apresentar alterações em sua morfologia ou fisiologia, mesmo estando sujeita a agressões externas constantes. […] Lesões maiores que afetam a estrutura da pele são reparadas pela ação conjunta de diversos tipos celulares por meio de um mecanismo conhecido como cicatrização. Após uma ferida na pele, o local afetado é preenchido por um tampão de coagulação, formadas por uma rede de proteínas sanguíneas associadas a plaquetas. Essa estrutura emergencial evita a perda de líquido tecidual e a invasão de microrganismos. A seguir, macrófagos e leucócitos sanguíneos invadem a região e eliminam bactérias e células danificadas. Essas células de defesa imune também liberam moléculas que estimulam a reestruturação tecidual. (BORGES, 2006)

Um aspecto na estrutura da pele que a torna peculiar no reparo de danos é a:

a) Revitalização das células epidérmicas mais superficiais.

b) Rica vascularização da derme.

c) Capacidade da lâmina basal para reconstituir as fibras conjuntivas e elásticas lesadas.

d) Recomposição da camada dos queratinócitos a partir da multiplicação de células sanguíneas.

e) Produção do tampão de coagulação pela conversão da fibrina em fibrinogênio.

05. (UFAC) “…As células desse tecido tem origem mesodérmica, mostra diversas estriações ao microscópio óptico, suas células tem aspecto de fibras e um aglomerado dessas fibras forma um feixe que é envolvido por uma bainha de tecido conjuntivo. As células organizam-se formando um sincício que permite a rápida resposta a estímulos.”

A descrição refere-se a (ao):

a) Tecido epitelial, de fato sua origem é mesodérmica.

b) Tecido adiposo e a organização em sincício é sua característica marcante.

c) Tecido muscular esquelético já que as fibras organizam-se formando feixes.

d) Tecido muscular liso, porque suas células são envolvidas por tecido conjuntivo.

e) Tecido conjuntivo, dado que ao microscópio óptico suas células mostram um padrão estriado.

06. (PUC-RIO) Atualmente existem inúmeros estudos sobre o desenvolvimento dos tratamentos de indivíduos com células tronco, principalmente para tecidos cujas células não são capazes de se multiplicar, regenerando parte do tecido morto de um órgão afetado pela morte dessas células. Entre os tecidos animais que não se regeneram porque suas células adultas e maduras não são capazes de reproduzir, encontramos os tecidos:

a) Nervoso e muscular.

b) Nervoso e epitelial.

c) Sanguíneo e ósseo.

d) Ósseo e muscular.

e) Epitelial e muscular.

07. (UEPB) As figuras abaixo exemplificam alguns dos tipos de epitélios que ocorrem no corpo humano. Das figuras apresentadas, o que reveste a pele humana é:

07

08. (UFGD) O sentido do tato está distribuído pela pele e mucosa e nos permite diferenciar formas e características dos objetos. A sensibilidade do tato se deve aos receptores cutâneos. Esses receptores são de dois tipos básicos: terminações nervosas livres e corpúsculos. Os receptores táteis da pele que estão relacionados à sensação do frio são:

a) Corpúsculo de Meissener.

b) Corpúsculo de Pacini.

c) Corpúsculo de Ruffini.

d) Corpúsculo de Krause.

e) Terminações livres.

09. (UFV) São classificados como conjuntivos os tecidos:

a) Muscular e ósseo.

b) Cartilaginoso e sanguíneo.

c) Adiposo e nervoso.

d) Linfático e glandular.

e) Muscular e nervoso.

10. (PUC-RIO) O tecido epitelial tem como função fazer o revestimento de todos os órgãos do corpo. Neste sentido, pode-se afirmar que:

a) É ricamente vascularizado.

b) Suas células são anucleadas.

c) Suas células encontram-se justapostas.

d) Apresenta junções celulares como as sinapses.

e) Possui grande quantidade de substância intercelular.

11. (UFPB) A figura abaixo serve de suporte para esta questão. Essa figura é apresentada em corte sagital e em dissecção frontal de forma a permitir a visualização da estrutura do tórax e de uma das mamas de uma mulher grávida. As estruturas estão numeradas, de acordo com a legenda.

11

Com base na figura e em seus conhecimentos sobre histologia animal, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

I   II

0   0 – O tecido que compõe o que é chamado de gordura (2) é um tipo de tecido conjuntivo.

1  1 – A lâmina ou membrana basal (6) é uma faixa de tecido conjuntivo denso que produz uma firme ancoragem da epiderme (5) sobre a derme (7).

2   2 – O peitoral (1) é um músculo do tipo estriado.

3  3 – As células do estrato germinativo ou basal da epiderme (5) têm forma prismática, e aquelas mais superficiais, preenchidas de queratina, são achatadas, tendo forma pavimentosa.

4   4 – As glândulas mamárias (4) são formadas por um tipo de tecido epitelial.

12. (UFPEL) A pele é um órgão muito importante para a homeostasia do corpo humano. Ela protege contra agentes mecânicos, químicos e biológicos, além de evitar a perda excessiva de água e de fazer o controle da temperatura corporal. Baseado no texto e em seus conhecimentos é incorreto afirmar que:

a) O suor é formado por água e outras substâncias, como os sais. Ele é produzido pelas glândulas sudoríparas presentes na pele, que são exemplos de glândulas exócrinas.

b) A epiderme é formada por um epitélio estratificado, e a camada mais superficial é formada por células repletas de queratina.

c) A derme é formada por tecido conjuntivo; esse tecido é vascularizado e responsável pela nutrição do tecido epitelial que é avascular.

d) A pele possui células mecanorreceptoras, que estão associadas a terminações nervosas e conduzem o estímulo mecânico ao sistema nervoso.

e) O tecido adiposo é encontrado na região mais profunda da derme. Ele produz gordura (sebo), que é liberada diretamente para a epiderme, fazendo sua lubrificação.

13. (UPE) O tecido conjuntivo possui três fibras colágenas, reticulares e elásticas. Sobre elas, analise as afirmativas e assinale a alternativa correta.

a) As fibras colágenas são constituídas da proteína colágeno, polimerizada fora das células, a partir do tropocolágeno sintetizado pelos macrófagos.

b) Quanto maior a quantidade de colágeno nos tecidos, maior a elasticidade, como por exemplo, nos tendões, o colágeno distribui-se em uma só direção, enquanto, no cordão umbilical, formam uma malha difusa entre as células do tecido.

c) Os pulmões são órgãos facilmente sujeitos a expansões de volume, pois são ricos em fibras elásticas, constituídas por elastina, proteína cuja principal função é dar elasticidade aos locais onde se encontram.

d) As células de certos órgãos como o baço e os rins são envolvidas por uma trama de sustentação constituída de fibras reticulares cujo principal componente é a elastina, uma escleroproteína.

e) As fibras colágenas assim como as elásticas são constituídas de microfibrilas de colágeno que se unem formando as fibrilas de colágeno, e estas se unem, formando as fibras de colágeno.

14. (UEPB) Após a fecundação, o zigoto, célula totipotente, sofre sucessivas divisões até formar os tecidos embrionários. Os animais triblásticos apresentam, na sua fase embrionária, ectoderme, mesoderme e endoderme, que originarão todos os tecidos definitivos do ser. Os tecidos que apresentam a mesma origem embrionária são:

a) Epiderme, receptores sensitivos, glândulas anexas ao tubo digestório e vasos.

b) Sangue, esqueleto apendicular, derme e coração.

c) Medula espinhal, anexos da epiderme, esqueleto axial e peritônio.

d) Cérebro, medula espinhal, coração e crânio.

e) Revestimento da bexiga urinária, revestimento do sistema respiratório, epiderme e esmalte dos dentes.

15. (UFV) Assinale a alternativa que apresenta três tipos de células encontradas no tecido conjuntivo propriamente dito:

a) Condrócitos, plasmócitos e hepatócitos.

b) Adipócitos, leucócitos e melanócitos.

c) Fibroblastos, plasmócitos e macrófagos.

d) Eritrócitos, linfócitos e células da glia.

e) Condrócitos, osteócitos e macrófagos.

16. (UFPB) O nosso corpo é formado por vários tecidos. Um destes, o conjuntivo, tem importantes funções na sustentação e na interação do organismo. São tipos de tecido conjuntivo ou têm esse tecido como principal componente:

a) O sangue, os epitélios de revestimento, as glândulas sudoríparas, os tendões, o esqueleto, o pavilhão auditivo.

b) O esqueleto, o cérebro, a reserva adiposa, o sangue, os tendões, o revestimento glandular do sistema digestório.

c) O esqueleto, a reserva adiposa, o sangue, os tendões, o pavilhão auditivo.

d) O esqueleto, o revestimento glandular do tubo digestório, os tendões, o sangue, a reserva adiposa.

e) O sangue, as glândulas sudoríparas, o coração, os epitélios de revestimento, os tendões, a derme.

17. Com relação ao tecido epitelial, analise os itens I, II e III e assinale a alternativa correta:

I. Possui células justapostas, com pouca ou nenhuma substância intercelular.
II. Desempenha as funções de proteção, revestimento e secreção.
III. É rico em vasos sanguíneos, por onde chegam o oxigênio e os nutrientes para suas células.
a) Somente I e III são verdadeiros.

b) Somente II e III são verdadeiros.
c) Somente I e II são verdadeiros.

d) Somente um deles é verdadeiro.
e) Todos são verdadeiros.

18. (UNEMAT) Os diferentes grupos de células estão reunidos de acordo com a função que exercem no organismo animal. Portanto, o agrupamento de células forma os tecidos. Diante do exposto, analise as assertivas abaixo.

I. O tecido nervoso apresenta células com funções de proteção, absorção e secreção, que tornam os indivíduos aptos a responder aos estímulos.

II. As microvilosidades permitem às células epiteliais, um aumento da capacidade de adesão às células vizinhas.

III. Nos músculos estriados os miofilamentos de miosina dão origem a uma faixa clara chamada faixa I ou isotrópica.

IV. Os fibroblastos são células grandes de contorno irregular e são responsáveis pelos mecanismos de defesa.

Assinale a alternativa correta.

a) Todas as alternativas estão corretas.

b) Nenhuma alternativa está correta.

c) Somente I e IV estão corretas.

d) As alternativas I, II e III estão corretas.

e) Apenas IV está correta.

19. (UCPel) Quando a pele humana sofre uma lesão, pode ocorrer infecção por bactérias. Nesse caso, verdadeiros exércitos de neutrófilos saem dos vasos sanguíneos e vão combater as bactérias invasoras. Esse processo de atravessar a parede dos capilares sanguíneos é denominado:

a) Plasmólise.

b) Sinapse.

c) Ciclose.

d) Coagulação.

e) Diapedese.

20.(UFAC) Marque a alternativa cuja sequência preenche respectiva e adequadamente as lacunas da seguinte frase:

Na periferia da cartilagem hialina, os _______________ apresentam forma alongada, com o eixo paralelo à superfície. Mais profundamente, são arredondados e aparecem em grupos de até oito células, chamados grupos ________________, porque suas células são originadas de um único __________________.

a) condrócitos, isógenos, condroblasto.

b) condroblastos, isógenos, condrócito.

c) condrócitos, pericôndrios, condroblasto.

d) condroblastos, pericôndrios, condrócito.

e) pericôndrios, condroblastos, condrócito.

21. (UNIVATES-RS) CUIDADO: é difícil regenerar cartilagem! Cartilagens não recebem vasos sanguíneos, apresentando um metabolismo muito baixo. Assim, acidentes que afetam esse tecido são preocupantes, já que a regeneração é muito vagarosa. Na classificação geral dos tecidos animais, encontramos: tecido epitelial, conjuntivo, muscular e nervoso. O tecido cartilaginoso é classificado como:

a) Um tipo de tecido nervoso.

b) Um tipo de tecido muscular.

c) Um tipo de tecido epitelial.

d) Um tipo de tecido conjuntivo.

e) Não é considerado um tipo de tecido.

22. (UNAMA-PA) O tecido conjuntivo, com suas várias modalidades, representa o arcabouço dos animais e, além de dar sustentação para os órgãos e manter sua arquitetura interna, ainda garante a subsistência de suas células. Das estruturas indicadas na figura abaixo, qual(is) dela(s) é(são) constituída(s) de tecido conjuntivo.

22

a) Todas as indicadas na figura.

b) Somente tendão e ligamento.

c) Só fêmur, tíbia e fíbula.

d) Apenas ligamento e fíbula.

23. (PUC-RJ) A exposição prolongada da pele humana aos raios solares pode levar pessoas – especialmente as de pele clara – a desenvolver o câncer de pele. Dentre as alternativas abaixo, escolha a correta:

a) Os raios do sol na região tropical oferecem menor perigo de desenvolvimento de câncer de pele do que na região equatorial.

b) A proteção da pele contra os raios ultravioleta se deve, entre outros fatores, à presença de melanina.

c) O tecido adiposo protege o corpo contra os raios solares.

d) A camada de queratina, situada profundamente na pele, facilita o transporte de água através da sudorese.

e) A camada de queratina tem como finalidade filtrar os raios solares.

24. (UFSM) Pode(m) ser considerada(s) função(ões) dos ossos:

I. Produzir queratina.

II. Formar células do sangue.

III. Atuar como local de reserva de minerais.

Está(ão) correta(s):

a) apenas I. 

b) apenas II.

c) apenas III.

d) apenas II e III.

e) I, II e III.

25. (UFMS) Analise as afirmações:

I. As principais características dos tecidos conjuntivos são a grande variedade de células e a presença de grande quantidade de material intercelular secretado pelas células.

II. A defesa do organismo contra agentes estranhos depende fundamentalmente de dois tipos de células conjuntivas: os macrófagos e os plasmócitos .

III. No tecido conjuntivo, a substância intersticial compreende uma parte amorfa, gelatinosa, e uma fibrosa, podendo-se distinguir três tipos de fibras: elásticas, colágenas e reticulares.

Está(ão) correta(s):

a) Apenas I.

b) Apenas II.

c) Apenas I e III.

d) Apenas II e III.

e) I, II e III.

26. (UNAERP-SP) A figura abaixo mostra esquematicamente alguns eventos, após a lesão de alguns tecidos da pele.

26

Sobre esses eventos são feitas as seguintes afirmativas:

I. Trata-se de um processo que prepara o reparo do tecido lesionado.

II. Logo após a lesão tecidual, ocorre dilatação e aumento da permeabilidade dos vasos sanguíneos, produzindo inchaço.

III. Substâncias químicas tóxicas produzidas por microrganismos podem lesionar terminações nervosas e provocar dor.

São verdadeiras:

a) Somente III.

b) Somente I e III.

c) Somente I e II.

d) Somente I e III.

e) I, II e III.

27. (UFOP) Com relação ao tecido sanguíneo, analise as afirmativas abaixo e assinale a incorreta:

a) Quando o funcionamento dos linfócitos é prejudicado todo o sistema de defesa do organismo fica vulnerável, como acontece com os portadores do vírus da AIDS. Por isso os portadores do HIV são mais susceptíveis às infecções.

b) Antígenos são moléculas biológicas estranhas ao corpo do indivíduo e os anticorpos são células que agem contra os antígenos.

c) Macrófagos são células de defesa do corpo e atuam pela fagocitose, apresentando, portanto, grande número de lisossomos.

d) A destruição dos eritrócitos humanos leva à formação de bilirrubina que, em altas concentrações no sangue, provoca coloração amarelada na pele.

28. (UCB-DF) O corpo humano é constituído basicamente de quatro tipos de tecido: os tecidos nervoso, muscular, conjuntivo e epitelial. Cada um desses tecidos tem constituição peculiar tanto em nível de células quanto em nível de material extracelular. A nossa pele possui estruturas que nos permitem viver em ambiente seco, apesar de possuirmos mais de 70% de água em nosso corpo. Sobre a constituição e funções dos tecidos humanos, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

I   II

0  0 – A pele é considerada um órgão por ser constituída por vários tipos de tecidos.

1  1 – Os músculos se inserem nos ossos por meio do sistema de Havers, que são estruturas fibrosas ricas em elastina.

2  2 – Os  osteoclastos  são células ósseas  multinucleadas  que facilitam  a regeneração e remodelagem dos ossos, permitindo a ação dos osteoblastos.

3  3 – As cartilagens são estruturas  pobres em  colágeno que se  transformam  em ossos após intenso processo de calcificação.

4 4 – O tecido muscular esquelético é rico em actina e miosina que estão organizadas em sarcômeros dentro das miofibrilas.

29. (PUCCAMP) Considere os esquemas abaixo, que representam três diferentes tipos de tecidos animais.

29

Considere também as seguintes funções:

a. Batimento cardíaco.

b. Sustentação do corpo.

c. Reserva de gordura.

Assinale a alternativa que associa corretamente cada tecido esquematizado com uma das funções consideradas.

a) I-A, II-B, III-C.

b) I-A, II-C, III-B.

c) I-B, II-A, III-C.

d) I-B, II-C, III-A.

e) I-C, II-B, III-A.

30. (UFPR) Um estudante recebeu de seu professor quatro fichas com as seguintes informações sobre diferentes tecidos:

FICHA

I

– células localizadas em colunas– matriz percorrida por canalículos– matriz constituída por substâncias orgânicas e minerais– canais que contêm vasos sanguíneos

FICHA

II

– células grandes e globosas– constitui reserva de material energético– encontra-se em permanente renovação– desempenha função de proteção contra a perda de calor

FICHA III

– apresenta numerosos tipos celulares– aspecto de massa esbranquiçada, mais ou menos rígida e fibrosa– muito difundido no organismo

FICHA IV

– células fusiformes com núcleo central– contração lenta e involuntária

Que alternativa apresenta os nomes dos tecidos correspondentes às informações das respectivas fichas?

a) I – ósseo; II – adiposo; III – conjuntivo propriamente dito; IV – muscular liso.

b) I – cartilaginoso; II – adiposo; III – ósseo; IV – muscular esquelético.

c) I – ósseo; II – cartilaginoso; III – conjuntivo frouxo; IV – muscular liso.

d) I – hemocitopoético; II – cartilaginoso; III – ósseo; IV – músculo cardíaco.

e) I – ósseo; II – adiposo; III – cartilaginoso; IV – muscular liso.

GABARITO

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

E

A

B

B

C

A

E

D

B

C

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

VFVVV

E

C

B

C

C

C

B

E

A

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

D

A

B

D

E

E

B

VFVFV

C

A


Anúncios

Responses

  1. Porque a 2 é a?

    • Prezada Laura
      02. (UESPI) Relacione os tecidos animais descritos abaixo com alguma de suas respectivas funções no organismo.
      1. Tecido sanguíneo
      2. Tecido epitelial
      3. Tecido adiposo
      4. Tecido muscular
      5. Tecido ósseo
      ( ) Revestimento.
      ( ) Reserva energética.
      ( ) Sustentação.
      ( ) Transporte.
      ( ) Batimento cardíaco.
      A sequência correta é:
      a) 2, 3, 5, 1 e 4.*
      b) 1, 2, 3, 4 e 5.
      c) 4, 5, 2, 3 e 1.
      d) 5, 1, 4, 3 e 2.
      e) 3, 5, 2, 1 e 4.
      – Basta fazer as devidas associações:
      * Revestimento – tecido epitelial (2)
      * Reserva energética – tecido adiposo (3)
      * Sustentação – tecido ósseo (5)
      * Transporte – tecido sanguíneo (1)
      * Batimento cardíaco – tecido muscular (4)
      – ALTERNATIVA A ( 2, 3, 5, 1 e 4.)
      Um abraço
      Djalma Santos

  2. Professor, o senhor pode fazer a questão 4?

    • 04. (UNICENTRO) A pele é um exemplo de estrutura moldada evolutivamente para resistir rotineiramente a estresse, sem apresentar alterações em sua morfologia ou fisiologia, mesmo estando sujeita a agressões externas constantes. […] Lesões maiores que afetam a estrutura da pele são reparadas pela ação conjunta de diversos tipos celulares por meio de um mecanismo conhecido como cicatrização. Após uma ferida na pele, o local afetado é preenchido por um tampão de coagulação, formadas por uma rede de proteínas sanguíneas associadas a plaquetas. Essa estrutura emergencial evita a perda de líquido tecidual e a invasão de microrganismos. A seguir, macrófagos e leucócitos sanguíneos invadem a região e eliminam bactérias e células danificadas. Essas células de defesa imune também liberam moléculas que estimulam a reestruturação tecidual. (BORGES, 2006)
      Um aspecto na estrutura da pele que a torna peculiar no reparo de danos é a:
      a) Revitalização das células epidérmicas mais superficiais.
      b) Rica vascularização da derme.*
      c) Capacidade da lâmina basal para reconstituir as fibras conjuntivas e elásticas lesadas.
      d) Recomposição da camada dos queratinócitos a partir da multiplicação de células sanguíneas.
      e) Produção do tampão de coagulação pela conversão da fibrina em fibrinogênio.
      Prezado Matheus
      A pele é o maior órgão do nosso corpo, sendo formada por duas camadas. A mais externa é a epiderme (tecido epitelial pavimentoso estratificado), de origem ectodérmica. A mais interna é a derme (tecido conjuntivo denso não modelado), de origem mesodérmica e mais espessa que a epiderme. A epiderme e a derme estão unidas firmemente pelas papilas dérmicas, numerosas interpenetrações que em microscopia aparecem como uma linha ondulada, sinuosa, no limite das duas camadas. A pele atua protegendo estruturas internas contra infecções, desidratação e raios solares prejudiciais, bem como colabora no controle da temperatura do corpo. Em face de as terminações nervosas da derme atuarem como receptores de estímulos ambientais (calor, frio, etc.), a pele funciona também como um importante órgão sensorial.
      I. Epiderme: camada mais superficial da pele, sendo um epitélio estratificado que exerce uma função protetora. A parte mais interna, localizada junto à lamina basal, é denominada estrato germinativo ou estrato basal. Esse estrato é constituído por células que estão em multiplicação constante, formando, por mitoses, novas células, que empurram as mais velhas para cima, em direção à superfície do corpo. Dessa forma, a epiderme está sempre se renovando. À medida que envelhecem, as células epidérmicas se tornam achatadas e passam a fabricar e a acumular, dentro de si, uma proteína resistente e insolúvel em água, denominada queratina. As células superficiais, ao se tornarem repletas de queratina, morrem e constituem uma espessa camada protetora. A partir das camadas mais profundas da epiderme, formam-se, nos mamíferos, os fâneros ou anexos da pele (pelos, cabelos, unhas, cascos, chifres, etc.). Na epiderme, localizam-se os melanócitos, células que produzem a melanina, pigmento responsável pela cor da pele e por sua proteção contra os raios ultravioleta. Os melanócitos determinam, também, a cor dos pelos. Lembramos que a epiderme não é vascularizada. Os nutrientes e o oxigênio chegam à epiderme por difusão a partir dos vasos sanguíneos da derme, como veremos a seguir.
      II. Derme: localizada sob a epiderme, é um tecido conjuntivo que contém fibras proteicas, vasos sanguíneos, terminações nervosas, órgãos sensoriais e glândulas. Os vasos sanguíneos da derme são responsáveis pela nutrição e oxigenação tanto das células dérmicas quanto das epidérmicas. Terminações nervosas e órgãos sensoriais, presentes na derme, respondem pelas percepções de calor, frio, viscosidade, dureza, umidade, aspereza, maciez, etc. Nos mamíferos, os vasos sanguíneos da derme desempenham importante papel na manutenção da temperatura corporal. Quando a temperatura do corpo sobe, impulsos nervosos provocam a dilatação dos vasos sanguíneos da derme, levando a que uma maior quantidade de sangue passe a circular na pele. Isso provoca aumento da irradiação de calor para o meio, fazendo com que o corpo esfrie. Quando a temperatura do corpo diminui, os vasos sanguíneos da pele se contraem, fazendo com que menos sangue passe a circular na superfície corporal, o que reduz a perda de calor.

      Abaixo da derme, há uma camada de tecido conjuntivo frouxo (tecido subcutâneo), rico em fibras e em células que armazenam gordura (células adiposas ou adipócitos), denominada “hipoderme”. A gordura aí armazenada é uma reserva de energia e atua como isolante térmico.

      Dessa forma, as atividades descritas no enunciado estão relacionadas com a derme que é bastante vascularizada.
      ALTENATIVA CORRETA B (“b) Rica vascularização da derme.”)
      Um abraço
      Djalma Santos

  3. Professor, não entendi o porquê da ordem da questão 3.
    O senhor poderia explicar?

    Abraço.

    • Vitoria
      A sequência indicada na questão mostra, resumidamente, o processo de regeneração óssea. Ele tem início (2) com a remoção de células mortas e de restos de matriz óssea, pelos osteoclastos, que fagocitam esses fragmentos. Em seguida (1) o periósteo e o endósteo próximo à área fraturada respondem com uma intensa proliferação formando um tecido rico em células osteogênicas, que darão origem ao tecido ósseo (3). A deposição de osteoblastos no local da fratura leva à formação do calo ósseo (4).
      Sucesso
      Djalma Santos

  4. Existe zonas de oclusão e desmossomos no epitélio intestinal para evitar a passagem de substâncias indesejáveis?

    • Vitória
      Nas células do epitélio intestinal existe o complexo unitivo, constituído pela zônula de oclusão, zônula de adesão e desmossomos, que funciona como eficiente barreira à passagem de substâncias indesejáveis.
      Um abraço
      Djalma Santos

  5. Pra mim a 27 é letra c, pois ele quer a incorreta, e a letra b é correta.

    • 27. (UFOP) Com relação ao tecido sanguíneo, analise as afirmativas abaixo e assinale a incorreta:
      a) Quando o funcionamento dos linfócitos é prejudicado todo o sistema de defesa do organismo fica vulnerável, como acontece com os portadores do vírus da AIDS. Por isso os portadores do HIV são mais susceptíveis às infecções.
      b) Antígenos são moléculas biológicas estranhas ao corpo do indivíduo e os anticorpos são células que agem contra os antígenos.*
      c) Macrófagos são células de defesa do corpo e atuam pela fagocitose, apresentando, portanto, grande número de lisossomos.
      d) A destruição dos eritrócitos humanos leva à formação de bilirrubina que, em altas concentrações no sangue, provoca coloração amarelada na pele.
      Caro Maykon
      ALTERNATIVA INCORRETA: B (“Antígenos são moléculas biológicas estranhas ao corpo do indivíduo e os anticorpos são células que agem contra os antígenos.”)
      ANTICORPOS não são células.
      Djalma Santos

  6. Djalma, por que a alternativa E da questão 12 é incorreta?

    • 12. (UFPEL) A pele é um órgão muito importante para a homeostasia do corpo humano. Ela protege contra agentes mecânicos, químicos e biológicos, além de evitar a perda excessiva de água e de fazer o controle da temperatura corporal. Baseado no texto e em seus conhecimentos é incorreto afirmar que:
      a) O suor é formado por água e outras substâncias, como os sais. Ele é produzido pelas glândulas sudoríparas presentes na pele, que são exemplos de glândulas exócrinas.
      b) A epiderme é formada por um epitélio estratificado, e a camada mais superficial é formada por células repletas de queratina.
      c) A derme é formada por tecido conjuntivo; esse tecido é vascularizado e responsável pela nutrição do tecido epitelial que é avascular.
      d) A pele possui células mecanorreceptoras, que estão associadas a terminações nervosas e conduzem o estímulo mecânico ao sistema nervoso.
      e) O tecido adiposo é encontrado na região mais profunda da derme. Ele produz gordura (sebo), que é liberada diretamente para a epiderme, fazendo sua lubrificação.
      ALTERNATIVA INCORRETA: E (“O tecido adiposo é encontrado na região mais profunda da derme. Ele produz gordura (sebo), que é liberada diretamente para a epiderme, fazendo sua lubrificação.”)
      – Lembramos que a questão solicita a alternativa incorreta (“… Baseado no texto e em seus conhecimentos é incorreto afirmar que: …”).
      PELE (ALGUMAS CONSIDERAÇÕES)
      A pele é o maior órgão do nosso corpo, representando cerca de 15-16% do peso de uma pessoa adulta, sendo formada por duas camadas. A mais externa é a epiderme (tecido epitelial pavimentoso estratificado), de origem ectodérmica. A mais interna é a derme (tecido conjuntivo denso não modelado), de origem mesodérmica e cerca de 15 a 40 vezes mais espessa que a epiderme. A epiderme e a derme estão unidas firmemente pelas papilas dérmicas, numerosas interpenetrações que em microscopia aparecem como uma linha ondulada, sinuosa, no limite das duas camadas. A pele atua protegendo estruturas internas contra infecções, desidratação e raios solares prejudiciais, bem como colabora no controle da temperatura do corpo. Em face de as terminações nervosas da derme atuarem como receptores de estímulos ambientais (calor, frio, etc.), a pele funciona também como um importante órgão sensorial.
      Abaixo da derme, há uma camada de tecido conjuntivo frouxo (tecido subcutâneo), rico em fibras e em células que armazenam gordura (células adiposas ou adipócitos), denominada “hipoderme”. A gordura aí armazenada é uma reserva de energia e atua como isolante térmico.
      Como você pode constatar, o tecido adiposo (“hipoderme”) não se encontra na região mais profunda da derme, como consta na alternativa E (“O tecido adiposo é encontrado na região mais profunda da derme. …”) e sim abaixo da derme. Ressaltamos, ainda, que a gordura presente na hipoderme não tem relação com a produção de sebo, contrariando, também, a alternativa E (“… produz gordura (sebo), …”) que é realizada pelas glândulas sebáceas.
      Djalma Santos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: