Publicado por: Djalma Santos | 23 de setembro de 2011

Testes de fotossíntese (3/3)

01. (SANTA CASA-SP) O gráfico abaixo permite concluir que o ponto de compensação fótico está representado por:

01

a) e.

b) IV.

c) II.

d) III.

e) V.

02. (UEPG) Com relação à nutrição dos organismos fotossintetizantes, assinale o que for correto.

I   II

0 0 – O ponto de compensação fótico é aquele onde a intensidade da fotossíntese é exatamente igual à da respiração celular. Portanto, o oxigênio liberado pela fotossíntese é consumido na respiração celular, e o CO2 liberado na respiração celular é consumido na fotossíntese.

1 1 – A abertura e fechamento dos ostíolos resultam das variações de turgor das células estomáticas.

2  2 – No  interior  dos  cloroplastos,  os pigmentos  fotossintetizantes  se  concentram  nos tilacoides, prendendo-se às suas superfícies lamelares.

3  3 – Para haver crescimento de um vegetal, é considerado que a intensidade luminosa esteja abaixo de seu ponto de compensação e, portanto, a respiração supera a fotossíntese.

4  4 – Os pigmentos (clorofila, caroteno, xantofila) pertencem a uma categoria de substâncias capazes de absorver luz em seus diferentes comprimentos de onda.

03. (FEI-SP) Os fatores externos limitantes da fotossíntese são:
a) Concentração de O2.
b) Concentração de dióxido de carbono, água, oxigênio e luz.
c) Concentração de O2, água, oxigênio, luz e temperatura.
d) Concentração de dióxido de carbono, água, luz e temperatura.
e) Clorofila, água e luz.

04. (UFTM-MT) Na fotossíntese, substâncias pouco energéticas (CO2 e H2O) são transformadas em substâncias “ricas em energia” (como glicose), por meio da transformação da energia luminosa em energia química de ligação. A luz utilizada nesse processo é absorvida por uma série de pigmentos. Em relação à fotossíntese, pode-se afirmar:
a) Cada pigmento absorve determinados comprimentos de onda, mas tende a refleti-los igualmente em todo o espectro eletromagnético.
b) Durante a fotossíntese, a clorofila absorve totalmente luz verde e emite CO2.
c) A clorofila, durante a fotossíntese, absorve luz predominantemente no comprimento de onda do violeta, azul e vermelho, refletindo no verde, sendo as folhas, por isso, verdes.
d) A clorofila necessita absorver o máximo de energia luminosa, por isso absorve luz em todos os comprimentos de onda com a mesma eficiência.
e) A clorofila, durante a fotossíntese, absorve luz com comprimento de onda na faixa do verde e emite O2.

05. (FIR) Sabe-se que vários são os fatores capazes de influenciar a velocidade da fotossíntese. Dentre esses, talvez o mais significativo seja a concentração de CO2no meio onde se encontra o vegetal. Dos gráficos abaixo, qual o que melhor representa a influência do CO2 sobre a velocidade da fotossíntese?

05

06. (CESGRANRIO) O esquema abaixo representa um cloroplasto. A propósito desse esquema, são feitas três afirmações:

06


I. É nas lamelas que se processa a fase luminosa da fotossíntese.

II. É no estroma que se processa a síntese final da glicose.

III. A seta 1 indica gás carbônico e a seta 2, oxigênio.

Assinale:

a) Se somente I for correta.

b) Se somente I e II forem corretas.

c) Se I, II e III forem corretas.

d) Se somente I e III forem corretas.

e) Se somente II e III forem corretas.

07. (FCC-SP) Qual das alternativas da tabela abaixo representa corretamente algumas das condições essenciais para a realização da fotossíntese?
(+ fator essencial; – fator não essencial).

GÁS CARBÔNICO

ÁGUA

OXIGÊNIO

a

+

+

+

b

+

+

c

+

+

d

+

+

e

+

08. (CESGRANRIO) Qual dos gráficos a seguir relaciona corretamente a quantidade de oxigênio liberado pela fotossíntese (O2) com a intensidade luminosa?.

08

09. (UEL) No esquema abaixo, os números correspondem a substâncias que as plantas utilizam ou produzem no processo de fotossíntese.

09


Os números 1, 2 e 3 indicam, respectivamente:

a) CO2, O2 e H2O.

b) H2O, O2 e C6H12O6.

c) H2O, CO2 e O2.

d) C6H12O6, CO2 e O2.

e) O2, CO2 e C6H12O6.

10. (FCMSC-SP) Na intensidade luminosa em que a fotossíntese e a respiração se equivalem quanto aos volumes de gás carbônico (absorvido e eliminado), atinge-se o ponto de compensação fótico (PCF). Para que haja crescimento:

I. As plantas precisam receber luz em intensidade superior ao seu PCF.

II. As plantas umbrófilas precisam receber luz em intensidade abaixo de seu PCF.

III. As plantas heliófilas precisam receber luz em intensidade superior ao seu PCF.

Estão corretas as afirmativas:

a) I e II.

b) I e III.

c) II e III.

d) I, II e III.

e) Nenhuma das três.

11. (UFES) O gráfico abaixo é o resultado do trabalho de um estudante que investigou a ação de diferentes fatores que interferem na taxa de fotossíntese em árvores da Mata Atlântica. A partir da análise do gráfico, podemos afirmar que fator estudado por ele, representado no eixo horizontal, foi:

11

a) CO2.

b) O2.

c) H2O.

d) luz.

e) Temperatura.

12. (PUC-CAMPINAS) Responda a esta questão com base na figura abaixo.

12


I   II

0  0 – No esquema está representada a fotofosforilação acíclica.

1  1 – A = clorofila; B = clorofila; C = H2O;  D = citocromos; E = CO2.

2  2 – A = clorofila; B = clorofila; C = NADP;  D = citocromos; E = H2O.

3  3 – A = clorofila; B = citocromos; C = ATP;  D = clorofila; E = CO2.

4  4 –A  = clorofila;  B =  citocromos;  C =  ATP;  D  = plastoquinona;  E = CO2.

13. (FATEC) O equilíbrio da vida no planeta é consequência das relações de interdependência entre seres autótrofos e heterótrofos. Assim, é correto afirmar que:

a) Os seres autótrofos produzem, por meio da fotossíntese, alimento e oxigênio que serão utilizados só pelos seres heterótrofos no processo de respiração.

b) Os seres autótrofos produzem, por meio da fotossíntese, alimento e oxigênio que serão utilizados por eles e pelos seres heterótrofos no processo de respiração.

c) Os seres autótrofos e heterótrofos trocam entre si o alimento e o oxigênio necessários para a realização do processo de respiração.

d) Os seres heterótrofos produzem, por meio da respiração, a energia necessária para a manutenção do processo de fotossíntese realizado pelos autótrofos.

e) Os seres heterótrofos produzem, por meio da fotossíntese, o alimento necessário para a sobrevivência dos autótrofos.

14. (PUC-MG) A fotossíntese é de fundamental importância para a manutenção do equilíbrio biológico da Terra. Através desse processo, pode-se dizer que a planta, exceto:

a) Transforma matéria mineral em orgânica.

b) Contribui para manter, mais ou menos, constante a taxa de CO2 e O2 nos diversos ecossistemas.

c) Garante a nutrição direta e indireta para os seres vivos.

d) Estimula a quimiossíntese na região equatorial, garantindo vegetação mais exuberante.

15. (FUVEST) A figura a seguir mostra as curvas de absorção de energia pelas clorofilas e os comprimentos de onda da luz.

15


Analisando-se, conclui-se que, teoricamente, se obteria maior produtividade em plantas iluminadas por luz:

a) Azul.

b) Verde.

c) Amarela.

d) Laranja.

e) Vermelha.

16. (UFRS) Considere as afirmativas a seguir, relacionadas à fotossíntese.

I. A biossíntese de glicose nos tecidos vegetais pode contribuir para a diminuição do teor de CO2 da atmosfera.

II. A taxa de fotossíntese independe da concentração de CO2, embora possa ser influenciada pela intensidade luminosa e pela temperatura.

III. O oxigênio é produzido, durante a fotossíntese, a partir do CO2 da atmosfera.

Quais estão corretas?

a) Apenas I.

b) Apenas II.

c) Apenas III.

d) Apenas II e III.

e) I, II e III.

17. (UNITAU-SP) Um estudante de fisiologia vegetal realizou o seguinte experimento: manteve uma planta por determinado tempo em ambiente com temperatura e concentração de gás carbônico constantes e aumento gradativo de intensidade luminosa; decorrido o tempo previsto, o estudante observou que a taxa de fotossíntese:

a) Aumentou até atingir o ponto de saturação luminosa, permanecendo inalterada a partir desse momento.

b) Não sofreu nenhuma alteração.

c) Aumentou até atingir o ponto de saturação luminosa e depois começou a diminuir.

d) Aumentou indefinidamente.

e) Diminuiu gradativamente.

18. (UFRS) O gráfico abaixo se refere às taxas de fotossíntese de uma planta em duas diferentes situações (A e B) em um determinado período de tempo e em condições não limitantes de luz e de CO2.

18

Com base no gráfico, analise as afirmações a seguir.

I. Na situação A, a temperatura provavelmente foi insuficiente para a realização de fotossíntese.

II. A temperatura da situação B é mais alta do que em A.

III. A taxa fotossintética é praticamente constante na situação A, devido à desnaturação enzimática que ocorre em torno dos 25°C.

IV. Frequentemente, em temperaturas superiores a40°C costuma ocorrer um declínio rápido da taxa fotossintética, como na situação B.

Quais estão corretas?

a) Apenas I e II.

b) Apenas I e III.

c) Apenas II e III.

d) Apenas II e IV.

e) Apenas II, III e IV.

19. (UEL) Certas plantas desenvolvem-se bem em lugares sombrios ou no interior de residências, provavelmente porque:

a) São muito competitivas em relação à luz solar.

b) Têm pequeno porte ou são rasteiras.

c) Têm baixo ponto de compensação.

d) A superfície de suas folhas é grande e delicada.

e) São características de campos cerrados.

20. (UEL) Mantendo-se plantas no ponto de compensação fótico, espera-se que elas:

a) Morram por falta de nutrientes e de água.

b) Continuem vivas enquanto dispuserem de substâncias de reserva.

c) Aumentem a concentração de amido nos seus parênquimas clorofilianos.

d) Cresçam mais rapidamente por estarem na intensidade luminosa mais vantajosa.

e) Eliminem todo o CO2 produzido pela respiração através dos estômatos.

21. (UNIP-SP) O esquema a seguir representa o cloroplasto de uma célula eucariótica e a função que se realiza no seu interior.

21


Os algarismos indicam:

I

II

III

IV

a

clorofila

oxigênio

dióxido de carbono

hexose

b

água

oxigênio

dióxido de carbono

glicídio

c

clorofila

oxigênio

citocromos

monossacarídeo

d

água

citocromos

dióxido carbono

hexose

e

dióxido de carbono

oxigênio

água

glicídio

22. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

I   II

0  0 – Tendo por base a figura a seguir, que mostra o espectro de ação da luz sobre o processo da fotossíntese, podemos afirmar que a eficiência das radiações vermelhas, verdes e azuis, está representada, respectivamente, nas plantas 5, 2 e 1.

22A


1  1 – Com base na figura abaixo que representa um esquema, simplificado, do processo fotossintético, podemos afirmar que as substâncias I, II, III e IV são, respectivamente, H2O, O2, CO2 e C6H12O6.

22.11.B

2  2 – As  equações I e II, mostradas abaixo resumem, respectivamente, as etapas fotoquímica e termoquímica da fotossíntese.

22.22

3  3 – As reações de claro da fotossíntese ocorrem nas zonas clorofiladas dos cloroplastos.

4  4 – A fotossíntese  tem por  objetivo a síntese de compostos ricos em energia.

23. (FMU-SP) As plantas verdes são úteis na purificação do ar porque:

a) Absorvem CO2 e expelem O2.

b) Absorvem O2e expelem vapor de água.

c) Absorvem N2 e expelem CO2.

d) Absorvem CO2 e expelem N2.

e) Absorvem água líquida e expelem vapor de água.

24. (PUC-SP) O gráfico a seguir mostra o espectro de absorção de luz pelas clorofilas a e b em função dos diferentes comprimentos de onda que compõem a luz branca.

24


Comprimento de onda (nm)/luz

380 – 430  →  violeta

430 – 470    →  azul

470 – 540    →  verde

540 – 600    →  amarela

600 – 650    →   laranja

650 – 760    →   vermelha

Três plantas da mesma espécie são colocadas em um mesmo ambiente e passam pelo seguinte tratamento luminoso:

Planta I: recebe exclusivamente luz verde.

Planta II: recebe exclusivamente luz vermelha.

Planta III: recebe exclusivamente luz amarela.

Com relação a essas plantas, pode-se prever que:

a) I produzirá mais oxigênio que II e III.

b) II produzirá mais oxigênio que I e III.

c) III produzirá mais oxigênio que I e II.

d) Apenas a planta III produzirá oxigênio.

e) I, II e III produzirão a mesma quantidade de oxigênio.

25. (UERJ) O esquema a seguir representa as duas principais etapas da fotossíntese em um cloroplasto. O sentido das setas 1 e 4 indica o consumo, e o sentido das setas 2 e 3 indica a produção das substâncias envolvidas no processo.

25

(Adaptado de ALBERTS et alii. Molecular biology of the cell. New York: Garland Publishing, 1986)

Os números das setas que correspondem, respectivamente, às substâncias CO2, O2, açúcares e H2O são:

a) 1, 2, 4, 3.

b) 2, 3, 1, 4.

c) 3, 1, 2, 4.

d) 4, 2, 3, 1.

26. (UERJ) Observe o fenômeno esquematizado abaixo, que é de vital importância para a biosfera.

26

A substância produzida na fase luminosa capaz de “gerar” energia é:

a) O2.

b) CO2.

c) ATP.

d) C6H12O6.

e) NADPH2.

27. (UFBA) A ilustração abaixo representa o experimento em que um fragmento de Elodea é colocado em água pesada (H218O).

27

Na planta estudada, essa experiência evidencia:

a) A função da clorofila na síntese orgânica.

b) A origem do oxigênio desprendido na fotossíntese.

c) O mecanismo de formação dos carboidratos.

d) A importância do CO2 para os seres clorofilados.

e) A importância da luz para a síntese de glicose.

28. (COVEST) No gráfico (A), mostra-se o chamado espectro da luz das clorofilas alfa e beta. No gráfico (B), ilustra-se o rendimento fotossintético nas várias faixas do espectro luminoso. Análise comparativa dos dois gráficos irá ajudá-lo a responder às proposições apresentadas.

28

I    II

0   0 – Os  índices  de  fotossíntese  nas  folhas  se   mantém  uniformes  nos comprimentos de onda que vão de 400 a 700 nm.

1  1 – Na faixa  do verde (500 a 560 nm), a fotossíntese  é praticamente nula, porque as clorofilas alfa e beta, sendo verdes, absorvem toda a sua energia.

2   2 – Como as maiores taxas de fotossíntese nas folhas coincidem com os comprimentos de onda nos quais as clorofilas mais absorvem luz, esta é uma prova de que as clorofilas são realmente pigmentos fotoativos.

3  3 – Comparando os  gráficos A e B, observa-se que, na faixa do verde-amarelo (500-600 nm), há uma pequena diferença entre absorção de luz e ação fotossintética e, se nessa faixa a taxa de fotossíntese é maior do que a absorção de luz pelas clorofilas, isso pode significar que há outros pigmentos implicados no processo.

4  4 – A pequena diferença entre absorção de luz e ação fotossintética em 3-3 é devido ao alto teor da clorofila beta em relação à clorofila alfa.

29. As reações da etapa fotoquímica da fotossíntese suprem o ciclo de Calvin-Benson com:

a) Energia luminosa.

b) CO2 e ATP.

c) H2O e CO2.

d) NADPH e ATP.

30. (FUVEST) O gráfico abaixo mostra a variação de gás carbônico atmosférico (CO2), nos últimos 600 milhões e anos, estimada por diferentes métodos. A relação entre o declínio da concentração atmosférica de CO2 e o estabelecimento e a diversificação das plantas pode ser explicada, pelo menos em parte, pelo fato de as plantas:

30


a) Usarem o gás carbônico na respiração celular.

b) Transformarem átomos de carbono em átomos de oxigênio.

c) Resfriarem a atmosfera evitando o efeito estufa.

d) Produzirem gás carbônico na degradação de moléculas de glicose.

e) Imobilizarem carbono em polímeros orgânicos, como celulase e lignina.

31. (UFOP) Assinale a alternativa correta.

a) Plantas heliófitas são aquelas adaptadas a baixas intensidades de lua.

b) Até certo limite, um aumento na concentração de CO2 aumenta a taxa fotossintética.

c) As variações de temperatura não interferem no processo fotossintético.

d) Quando uma planta atinge o seu ponto de compensação fótico, ela pára de realizar a fotossíntese para compensar a baixa taxa respiratória.

e) A reação mais imediata da planta ao déficit hídrico no solo é a abertura dos estômatos.

32. (UFSC) As clorofilas são os pigmentos dos vegetais que absorvem energia luminosa usada na fotossíntese. Quanto maior a taxa de absorção de energia luminosa, mais ativo será o processo fotossintético. Com o auxílio do gráfico abaixo, assinale a proposição correta.

32


a) Quando iluminadas por luz vermelha e/ou azul, a fotossíntese é mais intensa.

b) Por serem verdes, a melhor luz para as plantas é justamente a verde.

c) Os dois tipos de pigmentos clorofilianos respondem de modo igual a todos os comprimentos de ondas.

d) Para estudar o desenvolvimento de uma planta, fazendo observações eventuais como se ela estivesse no escuro, devemos iluminá-la com fontes luminosas de comprimento de onde em torno de 550 nm.

33. (PUC-MG) Observe o gráfico a seguir.

33


A taxa de fotossíntese diminui significativamente a partir de 35°C, porque:

a) Nessa temperatura, a taxa de CO2 aumenta.

b) O oxigênio torna-se mais rarefeito, impedindo a fotossíntese.

c) Cai a eficiência enzimática, refletindo-se diretamente na taxa de fotossíntese.

d) Diminui a quantidade de COeliminado pelo processo fotossintético.

e) O metabolismo vegetal, como um todo, sofre uma aceleração.

34. (FAAP-SP)                LEIA COM ATENÇÃO O TEXTO ABAIXO:

“As pessoas estão se dando conta da importância de plantar árvores. Pela sombra, pela beleza, pelos frutos, pelo verde, pela manutenção dos sistemas da Terra, pela busca de um novo equilíbrio ser humano/natureza…. Infelizmente, porém, um plantio local e eventual ainda é muito pouco no esforço de reflorestamento necessário à preservação do Planeta se, paralelamente, não mudamos certos hábitos que dependem de desmatamento. (Só para compensar o gás carbônico que produz ao usar madeira e combustíveis fósseis, cada americano teria que plantar 900 árvores por ano!)”.

         Patrícia Blauth, abril/1996 no Jornal da Riviera, Bertioga, SP.

O texto acima se refere ao plantio de árvores e também a quanto cada cidadão americano “deve” ao resto do planeta em reflorestamento devido à emissão de gás carbônico para a atmosfera. O processo metabólico que permite às árvores retirarem o gás carbônico da atmosfera é:

a) Quimiossíntese.

b) Respiração.

c) Fotossíntese.

d) Saprofitismo.

e) Reciclagem.

35. (FGV-SP) Um agricultor, interessado em aumentar sua produção de hortaliças, adotou o sistema de cultivo em estufa. Desse modo, poderia controlar fatores, tais como concentração de CO2, luminosidade e temperatura, os quais interferem na taxa de fotossíntese e, consequentemente, na produção vegetal. Sobre a ação desses fatores na taxa fotossintética, é correto afirmar que:

a) O aumento da concentração de CO2 e o aumento da temperatura elevam a taxa da fotossíntese até um limite máximo, a partir do qual esta se estabiliza mesmo que a concentração de CO2 e a temperatura continuem aumentando.

b) O aumento da intensidade luminosa e o aumento da temperatura elevam a taxa fotossintética até um certo limite máximo, a partir do qual esta se estabiliza mesmo que a intensidade luminosa e temperatura continuem aumentando.

c) O aumento da concentração de CO2 e o aumento da intensidade luminosa elevam a taxa fotossintética até um limite máximo, a partir do qual esta se estabiliza mesmo que a intensidade luminosa continue em elevação.

d) O aumento na concentração de CO2 eleva a taxa fotossintética até um certo limite máximo, a partir do qual esta se estabiliza mesmo que a concentração de CO2 continuem elevação. Porém, quanto maior a intensidade luminosa, maior a taxa fotossintética.

e) O aumento da temperatura eleva a taxa fotossintética até um certo limite máximo, a partir do qual esta se estabiliza mesmo que a temperatura continuem elevação. Porém, quanto maior a intensidade luminosa, maior a taxa fotossintética.

36. (PUC-CAMPINAS)

CONSIDERE O TEXTO ABAIXO PARA RESPONDER ESTA QUESTÃO.

O pesquisador J. Craig Venter acredita que no futuro os cientistas poderão criar micróbios capazes de capturar dióxido de carbono da chaminé de uma usina elétrica, transformando-o em gás natural para as caldeiras. A GreenFuel, em Cambridge, Massachusetts, instalou fazendas de algas em usinas elétricas para converter até 40% do CO2 expelido em matéria-prima de biocombustíveis. A empresa afirma que uma grande fazenda de algas junto a uma usina de 1 GW poderia produzir cerca de 190 milhões de litros de álcool por ano.

(Adaptado: Scientific American Brasil. Micróbios projetados. outubro/2006. p. 88)

Nas fazendas de algas mencionadas no texto, ocorre um processo biológico complexo no qual o CO2 só pode ser aproveitado durante a fase denominada:

a) Fotólise da água.

b) Ciclo de Calvin.

c) Fotofosforilação acíclica.

d) Fotofosforilação cíclica.

e) Fosforilação oxidativa.

37. (FUVEST) Esta questão relaciona-se com o tecido clorofiliano íntegro e ativo de folhas de plantas vasculares. Considerando esse esclarecimento, aponte a alternativa correta:

a) As enzimas relacionadas com a redução do CO2 estão presentes nas lamelas dos cloroplastos.

b) Existe proporcionalidade entre o teor de clorofila do tecido e o rendimento da fotossíntese.

c) O cloroplasto encerra condições para que toda a fotossíntese ocorra nele.

d) A presença alternativa das clorofilas a ou b permite que ocorra a fotossíntese.

e) A composto que se combina com o CO2 na fotossíntese é o ácido 3-fosfoglicérico.

38. Num experimento realizado em presença de luz, dois organismos fotossintetizantes distintos foram colocados em recipientes separados (1 e 2) que continham inicialmente igual taxa de O2 e CO2 dissolvidos. Após algum tempo, o recipiente 1 continuava a apresentar a mesma taxa desses gases e o recipiente 2 tinha muito mais CO2 do que O2. Considerando as informações anteriores e os seus conhecimentos, podemos afirmar com certeza:

a) A taxa de fotossíntese do organismo do recipiente 1 foi superior à respiração.

b) A taxa de fotossíntese do organismo do recipiente 2 foi inferior a do indivíduo do recipiente 1.

c) O organismo 2 apresenta-se no ponto de saturação luminosa.

d) O organismo 1 está no ponto de compensação fótico.

e) As taxas de fotossíntese e de respiração do organismo do recipiente 2 foram iguais.

39. (UFPI) A fotossíntese é fundamental para reciclagem do carbono, do oxigênio e da água na biosfera porque:

a) Os autótrofos fotossintetizantes utilizam a luz, CO2 e H2O para formação de compostos orgânicos que, quando utilizados pelos heterótrofos, liberarão CO2 e H2O.

b) Os autótrofos fotossintetizantes utilizam a luz, compostos orgânicos e O2 para formação de CO2 e H2O, que serão utilizados pelos heterótrofos para formação de compostos orgânicos.

c) A reciclagem de energia necessária à síntese de moléculas simples ocorre através da captação da luz pelos heterótrofos.

d) A liberação de CO2, O2 e H2O das macromoléculas orgânicas se deve à luz captada pelos organismos fotossintetizantes.

e) A água absorvida pelos organismos fotossintetizantes reage com o CO2 para formar carboidratos, que, quando utilizados pelos heterótrofos, liberarão O2.

40. (UNIUBE-MG) A fotossíntese é um processo composto por duas séries de reações químicas. Uma delas é dependente de luz e se chama “reações de claro”, e a outra independe diretamente de luz, sendo por isso chamada “reação de escuro”. A figura abaixo resume os fenômenos principais da fotossíntese.

40


As afirmativas seguintes relacionam-se a acontecimentos da fotossíntese, representados na figura dada.

I. As setas 1, 2 e 3 indicam acontecimentos que fazem parte das “reações de claro”.

II. O ATP necessário para a síntese dos açúcares é produzido pelas “reações de escuro”.

III. Sem a presença de luz faltam íons hidrogênio para a síntese de açúcares.

IV. A luz solar é necessária, diretamente, para as reações identificadas por 4 e 5.

V. O desmatamento indiscriminado compromete, principalmente, a retirada do CO2 atmosférico, que é utilizado nas “reações de escuro”.

VI. O “efeito estufa” causado pelo desmatamento, origina-se da redução na liberação de oxigênio, resultante das “reações de claro”.

Com base na análise da figura e nos seus conhecimentos, assinale a alternativa cujas afirmativas estão corretas.

a) I, V e VI.

b) II, III e IV.

c) III, IV e VI.

d) I, III e V.

41. (U. SÃO JUDAS-SP) Com relação ao fenômeno da fotossíntese, sabe-se que a reação:

41

a) Corresponde ao ciclo de Calvin.

b) Corresponde à reação de Hill.

c) Ocorre no estroma do cloroplasto.

d) É o resultado do ciclo das pentoses.

e) É o resulto do ciclo de Krebs.

42. (PUCCAMP) Num experimento realizado em presença de luz, dois organismos clorofilados foram colocados em recipientes distintos (1 e 2) que continham inicialmente igual taxa de O2 e CO2 dissolvidos. Após algum tempo, o recipiente 1 continuava a apresentar a mesma taxa desses gases e o recipiente 2 tinha muito mais CO2 do que O2. Considere as afirmações a seguir:

I. A taxa de fotossíntese do organismo do recipiente 1 foi maior do que a de respiração.

II. As taxas de fotossíntese e de respiração do organismo do recipiente 1 foram iguais.

III. A taxa de respiração do organismo do recipiente 2 foi maior do que a de fotossíntese.

IV. As taxas de fotossíntese e de respiração do organismo do recipiente 2 foram iguais.

Com base nos dados obtidos no experimento, é possível aceitar como verdadeiras apenas as afirmações:

a) I e II.

b) I e III.

c) I e IV.

d) II e III.

e) III e IV.

43. (UNESP) Sobre o processo de fotossíntese, é correto afirmar que:

a) O CO2 é fonte de carbono para a síntese de matéria orgânica e fonte de O2 para a atmosfera.

b) A água é fonte de H+para a síntese de NADPH2 e de O2 para a atmosfera.

c) O NADPH2é fonte de energia para a conversão do CO2 em matéria orgânica.

d) O ATP é doador de energia para a quebra da molécula de água, que por sua vez fornece O2 para a atmosfera.

e) A conversão de CO2 em matéria orgânica produz energia que é acumulada pelo ATP.

44. (UFG) Um experimento foi conduzido durante 30 dias, utilizando-se plantas de milho, com o fornecimento de CO2 e nutrientes necessários ao seu crescimento e submetidas à temperatura e umidade constantes, porém à intensidade luminosa baixa. Essas plantas apresentaram desenvolvimento prejudicado, uma vez que:

a) A quantidade de luz disponível ultrapassou o ponto de compensação fótica.

b) O processo fotossintético foi mais rápido pelo fato de estarem em ambiente de baixa luminosidade.

c) A energia luminosa induziu a quebra de moléculas de água e o fluxo de elétrons entre os fotossistemas.

d) A quantidade de energia consumida no seu metabolismo superou a produção na fotossíntese.

e) A quantidade de luz recebida ultrapassou o limiar de saturação.

45. (CESGRANRIO) Observe o esquema abaixo e analise as seguintes afirmações:

45


I. A transferência de elétrons para os aceptores permite a transformação de energia luminosa em energia química.

II. Na ausência de aceptores de elétrons poderia haver a ocorrência do fenômeno conhecido como fluorescência.

III. Quando excitada pela luz, a clorofila absorve principalmente luz verde.

A(s) afirmação(ões) correta(s) é(são):

a) Apenas a I.

b) Apenas a II.

c) Apenas a I e a II.

d) Apenas a I e a III.

e) Apenas a II e a III.

46.  (FUVEST) As variações na concentração de gás carbônico (CO2) em um ambiente podem ser detectadas por meio de soluções indicadoras de pH. Uma dessas soluções foi distribuída em três tubos de ensaio que foram, em seguida, hermeticamente vedados com rolhas de borracha. Cada rolha tinha presa a ela uma folha recém-tirada de uma planta, como mostrado no esquema.

46

Os tubos foram identificados por letras (A, B e C) e colocados a diferentes distâncias de uma mesma fonte de luz. Após algum tempo, a cor da solução no tubo A continuou rósea como de início. No tubo B, ela ficou amarela, indicando aumento da concentração de CO2 no ambiente. Já no tubo C, a solução tornou-se arroxeada, indicando diminuição da concentração de CO2 no ambiente. Esses resultados permitem concluir que a posição dos tubos em relação à fonte de luz, do mais próximo para o mais distante, foi?

a) A, B e C.

b) A, C e B.

c) B, A e C.

d) B, C e A.

e) C, A e B.

47. (FEEQ-CE) O gráfico abaixo mostra os espectros de ação de dois organismos:

47


Analisando as afirmativas abaixo:

I. A alga vermelha e a alga verde, quando expostas a qualquer fonte de luz, não absorvem os mesmos comprimentos de onda com a mesma eficiência.

II. A eficiência  fotossintética é a mesma para os dois tipos de alga, somente em duas faixas de comprimento de onda.

III. A alga verde é mais eficaz na absorção de qualquer faixa de energia luminosa.

a) Se somente I for correta.

b) Se somente I e II forem corretas.

c) Se somente I e III forem corretas.

d) Se todas forem corretas.

e) Se nenhuma for correta.

48. Certa experiência realizada em duas etapas consecutivas com uma amostra de algas verdes, num meio de cultivo aquoso, está relatada a seguir:

1ª etapa: a amostra de algas verdes foi, inicialmente, colocada em presença de luz e ausência de CO2.

2ª etapa: em determinado instante, apagou-se a luz e, simultaneamente, adicionou-se CO2 marcado radioativamente (14CO2), mantido em concentração constante até o final da experiência.

O gráfico a seguir mostra um dos aspectos observado durante essa experiência.

48


Baseado no experimento realizado e nos seus conhecimentos verifique as proposições a seguir:

I   II

0  0 – Na 1ª etapa,  apenas foi  executada a fase  luminosa da  fotossíntese,  quando são produzidos ATP e NADPH2 utilizados na etapa termoquímica.

1  1 – Não tendo havido fixação do CO2 (1ª etapa), o ATP e o NADPH2 acumularam-se e foram utilizados na 2ª etapa, após adição de 14CO2.

2  2 – Como o ATP e o NADPH2 não são sintetizados pelo cloroplasto, na ausência de luz, se observou posterior decréscimo na velocidade de fixação do 14CO2.

3  3 – A redução do CO2 ocorre nas regiões dos fotossistemas presentes no estroma do cloroplasto.

4  4 – A fase enzimática (ciclo das pentoses) nas plantas MAC ocorre no parênquima dos tecidos condutores.

49. (FCC-SP) O esquema abaixo resume as reações fotoquímicas da fotossíntese.

49

Nesse esquema, os algarismos representam:

a) I = água; II = O2; III = glicose.

b) I = água; II = ADP; III = NADPH2.

c) I = CO2; II = ATP; III = glicose.

d) I = CO2; II = H2; III = O2.

e) I = água; II = O2; III = ATP + NADPH2.

50. Foram preparadas três séries de frascos com quantidades equivalentes de organismos, conforme a ilustração a seguir.

50


 Depois de uma semana, provavelmente haverá maior quantidade de CO2 e menor número de organismo nos frascos:

a) Da série I.

b) Da série II.

c) Das séries I e II, respectivamente.

d) Da série III.

e) Das séries II e III, respectivamente.

GABARITO

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

C

VVVFV

D

C

A

B

B

B

C

B

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

E

VFVFF

B

D

A

A

A

D

C

B

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

B

VVVVV

A

B

D

C

B

FFVVF

D

E

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

B

A

C

C

C

B

C

D

A

D

41

42

43

44

45

46

47

48

49

50

B

D

B

D

C

E

B

VVVFF

E

A

 

 

Anúncios

Responses

  1. gostei muito dessa atividade me ajudou muito

  2. Prof. estou estudando e gostaria de uma explicaçao por escrito da questao 12 se possivel,, obrigado.

    susidailha@hotmail.com

    Grata, Susi!

    • Susi
      – O esquema mostra liberação de O2, indicando que há um doador externo de prótons e elétrons, no caso, a água, tratando-se, portanto, de fotofosforilação acíclica. Alternativa 0 0 – verdadeira.
      – No esquema:
      * A = clorofila
      * B = clorofila
      * C = NADP
      * D = citocromos
      * E = água
      – Dessa forma:
      * Alternativa 1 1 – falsa
      * Alternativa 2 2 – verdadeira
      * Alternativa 3 3 – falsa
      * Alternativa 4 4 – falsa
      – Sabendo-se que o O2 liberado na fotossíntese provém da água e não do CO2, elimina-se as alternativas 1 1, 3 3 e 4 4.
      Sucesso
      Djalma Santos

  3. Professor, poderia me explicar como o oxigênio limita a fotossíntese, como afirma a questão 3?

    • 03. (FEI-SP) Os fatores externos limitantes da fotossíntese são:
      a) Concentração de O2.
      b) Concentração de dióxido de carbono, água, oxigênio e luz.
      c) Concentração de O2, água, oxigênio, luz e temperatura.
      d) Concentração de dióxido de carbono, água, luz e temperatura.
      e) Clorofila, água e luz.
      Prezada Clarissa
      ALTERNATIVA CORRETA: D (“Concentração de dióxido de carbono, água, luz e temperatura.”), como consta no gabarito.
      Um abraço
      Djalma Santos

  4. Eu não entendi porque o gabarito da questão nove será a letra C e não a D. Obrigada!!

    • Maria Alice
      Veja, a seguir, a resolução da questão que você solicitou.
      ALTERNATIVA CORRETA: C (“H2O, CO2 e O2.”)
      JUSTIFICATIVA
      – 1: raiz – absorção de ÁGUA e sais minerais (seiva bruta).
      – 2: folha – absorção do CO2 atmosférico.
      – 3: folha – liberação de O2, proveniente da fotólise da água.
      – Sugiro que você faça uma revisão envolvendo bioenergética, particularmente os conceitos básicos de fotossíntese.
      – Nível da questão: muito fácil.
      Djalma Santos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: