Publicado por: Djalma Santos | 10 de março de 2012

Testes sobre a biosfera (4/4)

01. (UFV) Associe as tabelas de maneira que as características correspondam aos respectivos biomas.

CARACTERÍSTICAS

I

Folhas reduzidas ou modificadas em espinhos

II

Casca grossa e galhos retorcidos

III

Raízes escoras e respiratórias

IV

Raízes tabulares e folhas largas

BIOMAS

A

Cerrado

B

Manguezal

C

Mata Atlântica

D

Caatinga

A sequência correta é:

a) IA; IIC; IIID; IVB.

b)  ID; IIA; IIIB; IVC.

c) IB; IID; IIIA; IVC.

d) IB; IIA; IIIC; IVD.

e) ID; IIA; IIIC; IVB.

02. (UEPA)            Leia o texto abaixo para responder esta questão.

O lobo-guará é um animal solitário que habita o cerrado brasileiro. Alimenta-se de roedores, rãs, aves e répteis. O lobo-guará é um canídeo muito perseguido. Há aqueles que, inspirados em lendas e crendices, o matam apenas para extrair seus olhos para confecção de patuás de boa sorte. Na verdade, o guará é um animal útil. Além de atuar como regulador da população de ratos, preás e gafanhotos, ele dissemina as sementes de inúmeros frutos silvestres, através de suas fezes.

(Adaptado de Paulino, W. R. Ecologia Atual. São Paulo, 1991).

Sobre o canídeo referido no texto, analise as afirmativas:

I. Exerce o predatismo.

II. Tem hábito alimentar carnívoro.

III. Ocupa todos os níveis tróficos da cadeia alimentar.

IV. Vive no bioma brasileiro com características de savana, com vegetação arbórea esparsa formada por pequenas árvores e arbustos.

V. O bioma em que vive apresenta vegetação exuberante, com árvores de grande porte, cujas folhas não caem.

De acordo com as afirmativas acima, a alternativa correta é:

a) I, II e IV.

b) II, III e V.

c) II, IV e V.

d) III, IV e V.

e) I, II, III, IV e V.

03. (UFPR) Sobre as principais regiões fitogeográficas do Brasil, é correto afirmar.

I   II

0 0 – As duas principais áreas florestadas do país são denominadas Floresta Amazônica e Floresta Atlântica. Ambas apresentam alta diversidade, tanto de espécies vegetais quanto animais.

1  1 – A Floresta com Araucária é uma formação artificial, já que o seu principal elemento, a Araucaria angustifolia, é uma espécie introduzida pelo homem.

2  2 – Os Campos Cerrados e os Pampas são formações vegetais onde há predomínio de plantas lenhosas, com caules tortuosos, de cascas espessas.

3  3 – O Manguezal é vegetação que se desenvolve em regiões onde os rios encontram-se com o mar. Caracteriza-se pelas plantas adaptadas a uma condição de excesso de água.

4  4 – A Caatinga é um tipo de vegetação que ocorre em regiões onde as chuvas são irregulares e as secas prolongadas. Caracteriza-se pela presença de cactáceas e de árvores e arbustos que perdem as folhas durante os períodos de seca.

04.  (UEMA) Sítios RAMSAR correspondem às zonas úmidas estabelecidas por meio de critérios criados durante a Convenção Internacional de Áreas Úmidas em 1971 na cidade de Ramsar, Irã, cujos objetivos implicam sua conservação e uso sustentável. Dentre os oito sítios brasileiros, destacam-se os maranhenses: Área de Proteção Ambiental das Reentrâncias Maranhenses, onde se encontra o Oceano Atlântico; Área de Proteção Ambiental da Baixada Maranhense, onde se encontra o Lago de Viana, e Parque Nacional Marinho Parcel de Manuel Luiz, onde se encontram grandes recifes de corais. Quando destacamos essas áreas, estamos tratando respectivamente dos biociclos:

a) Talassociclo, talassociclo e limnociclo.

b) Talassociclo, limnociclo e talassociclo.

c) Limnociclo, talassociclo e limnociclo.

d) Epinociclo, talassociclo e limnociclo.

e) Talassociclo, limnociclo e limnociclo.

05. (UFPR)                            Leia atentamente o artigo.

Resultados preliminares de um estudo feito por quatro pesquisadores brasileiros e um norte-americano indicam que 97% das espécies de bactérias identificadas nas folhas das árvores da Mata Atlântica são desconhecidas pela ciência. A identificação das bactérias foi por um método de reconhecimento de trechos específicos de DNA. Os dados sugerem que, apenas nesse bioma, pode haver até 13 milhões de espécies de bactérias, ou quase três mil vezes mais do que o total conhecido hoje – e isso porque só restam 8% da superfície original da Mata Atlântica. O artigo publicado na Science relata apenas as primeiras conclusões da equipe. No momento, eles já começaram o levantamento bacteriológico em um número maior de espécies de plantas em outras áreas da Mata Atlântica. “Um dos objetivos futuros do trabalho é explorar essas comunidades bacterianas. Cultivá-las, investigar se elas produzem alguma substância de interesse farmacêutico ou agrícola e determinar seu papel ecológico”, diz Lambais. “As possibilidades são tantas que, quanto mais dados obtemos, mais se abre o leque de aproveitamento desses microrganismos”.

(VERJOVSKY. Marina. Diversidade insuspeita: árvores da Mata Atlântica podem abrigar milhões de espécies de bactérias desconhecidas. Ciência Hoje on line, 29 jun. 2006 – Adaptado.)

Com base nas informações do texto e em seus conhecimentos sobre biologia, assinale a alternativa correta.

a) O número expressivo de espécies de bactérias obtido com apenas 8% da cobertura vegetal restante indica que o número de espécies deveria ser muito superior ao estimado de 13 milhões caso a floresta estivesse mais conservada.

b) Além da Mata Atlântica ser conhecida pela grande biodiversidade de vegetais e animais, o estudo destaca a riqueza de espécies do reino protista presente nas folhas das árvores.

c) O texto indica que toda a rica biodiversidade de bactérias, além de ser espantosa pelo número, possui imenso potencial de aplicação imediata já identificado na pesquisa.

d) O interesse da pesquisa sobre as bactérias da Mata Atlântica é determinar o papel ecológico que as substâncias que produzem executam no ecossistema, para que essas bactérias possam ser combatidas.

e) Para um número tão grande de espécies a serem descritas, o sistema binomial de classificação de Lineu não é suficiente e deve ser substituído por outro sistema de classificação molecular.

06. (PUC-RIO) Assinale a alternativa que indica o que é correto afirmar sobre a diversidade de espécies.

I. As florestas temperadas apresentam maior diversidade de espécies do que as florestas tropicais.

II. As savanas apresentam maior diversidade de espécies do que as florestas tropicais.

III. Com o aumento da altitude, aumenta a diversidade de espécies.

IV. Com o aumento da latitude, aumenta a diversidade de espécies.

a) Apenas as afirmativas I e II estão corretas.

b) Apenas as afirmativas I e III estão corretas.

c) Apenas as afirmativas II e IV estão corretas.

d) Apenas as afirmativas III e IV estão corretas.

e) Nenhuma afirmação está correta.

07. Qual das alternativas a seguir traz uma associação incorreta?

a) Pradaria – Plantas epífitas.

b) Deserto – Xeromorfismo.

c) Floresta temperada – Árvores caducifólias.

d) Tundra – Seca fisiológica.

08. (UEFS) A expansão das atividades humanas afeta os ambientes naturais e a biodiversidade, ocasionando a fragmentação de hábitats em florestas tropicais. Acredita-se que, por conta da intervenção humana, restem apenas 7% da Mata Atlântica original. Com relação aos efeitos da ação humana sobre a Mata Atlântica, analise as alternativas a seguir, identificando com V as verdadeiras e com F, as falsas.

( ) Os pequenos fragmentos florestais gerados a partir da intervenção humana sobre o ambiente florestal tornam-se, cada vez mais, internamente homogêneos quanto à composição de espécies e grupos ecológicos.

(  ) Nas bordas dos fragmentos florestais, ocorre a redução da variedade de espécies de árvores, sendo que as árvores pioneiras proliferam e as típicas de florestas entram em declínio.

(  ) As alterações microclimáticas decorrentes da formação de fragmentos florestais são insuficientes para intervir na taxa reprodutiva dos animais e desequilíbrio populacional.

(  ) Um dos principais problemas da formação de fragmentos florestais advém da total incapacidade de regeneração de florestas tropicais, após a perturbação humana.

A alternativa que indica a sequência correta, de cima para baixo, é a:

a) F F F V.

b) V V F F.

c) F V F V.

d) V V F V.

e) V F V F.

09. (IFMT) “Situado no Centro Geodésico da América do Sul, Mato Grosso possui grande parte de cada um dos três mais importantes ecossistemas da América do Sul e do mundo: Amazônia, Cerrado e Pantanal. Amazônia, um caldeirão de biodiversidade, onde já foram identificadas 30.000 espécies de plantas. Cerrado, com sua paisagem agreste, árvores de pequeno porte e retorcidas em terrenos aparentemente áridos e sem vida. Pura ilusão! Sua biodiversidade é imensa, são 10.000 espécies de plantas diferentes, exóticas e, principalmente, medicinais. Pantanal, um ecossistema único, em uma das regiões mais fascinantes do planeta. São230.000 kmde vida silvestre, dos quais grande parte está dentro do estado de Mato Grosso, onde nasce e se forma. Além dessas riquezas, ainda temos a região do Araguaia, de uma beleza ímpar, cuja flora e fauna caracterizamse pela transição entre dois grandes ecossistemas brasileiros, o cerrado e a floresta amazônica.”

(REVISTA MATO GROSSO QUATRO ESTAÇÕES, QUATRO REGIÕES, MIL EMOÇÕES! Cuiabá: Sedtur, p. 20, 2011.)

A respeito dos ecossistemas presentesem Mato Grossoé correto afirmar que:

a) A floresta amazônica, localizada ao norte de Mato Grosso, apresenta predomínio de formação vegetal típica das regiões de clima equatorial, quente e úmido, caracterizada pela enorme variedade de espécies em diferentes estratos arbóreos, apesar do solo pobre em nutrientes.

b) O pequeno porte das árvores do Cerrado, bem como os caules retorcidos e com cascas grossas, pode ser explicado pela escassez de água e excesso de alumínio no solo.

c) essa região de transição, presente na região do Araguaia, recebe a denominação de biótopo pela Ecologia.

d) Nas áreas alagadas do Pantanal, a vegetação aquática que se desenvolve é unicamente flutuante, representada pelo aguapé e erva-de-santa-luzia, enquanto que, nas áreas secas, o predomínio é de gramíneas, arbustos e áreas de cerrado nas regiões baixas e de densas áreas de floresta nas regiões altas.

e) O Cerrado e o Pantanal são ecossistemas únicos, não existindo biomas que se assemelhem a eles em nenhuma outra parte do mundo.

10. (UPE) O manguezal é um ecossistema costeiro de transição entre os ambientes marinho e terrestre. É considerado no Brasil como de preservação permanente, inserido em diversos dispositivos constitucionais. Estende-se ao longo do litoral brasileiro, existindo, em Pernambuco, uma área de cerca de 270km2. O mangue urbano de nossa cidade – Parque dos Manguezais e manguezal do entorno de Suape têm sido temas de debates veiculados pela imprensa em relação ao valor ambiental, desenvolvimento sustentável e ameaças de desmatamento e destruição de ambientes naturais. Sobre as características dos manguezais, analise as afirmativas e conclua.

I    II

0  0 – Baixa disponibilidade de nutrientes e matéria orgânica faz do mangue uma região de produtividade baixa, com vegetação composta por poucas espécies, limitada por fatores edáficos.

1  1 – As plantas do manguezal apresentam elevado potencial osmótico em suas células. É uma adaptação fisiológica do vegetal para, por osmose, retirar água do solo salgado.

2  2 – Rhizophora mangle e Avicennia tomentosa são espécies vegetais características do manguezal. A avicênia possui pneumatóforos ou raízes respiratórias, uma adaptação ao solo encharcado, pobre em oxigênio.

3  3 – Sobre a vegetação arbórea, é possível encontrar bromélias e orquídeas epífitas. No solo alagado, as garças alimentam-se de peixes e pequenos vertebrados, que caçam usando seus bicos. A orquídea é uma planta parasita, e a garça, uma ave predadora.

4  4 – No solo lodoso, constantemente alagado e pouco aerado, vivem bactérias anaeróbicas produtoras de gases, que conferem a esse bioma um cheiro característico.

11. Observe o mapa a seguir onde estão representadas paisagens brasileiras.

11

Plantas com as partes aéreas adaptadas para diminuir a perda d’água e árvores de pequeno porte com raízes muito profundas são elementos característicos da vegetação, nas regiões:

a) 4 e 7.

b) 6 e 2.

c) 3 e 6.

d) 2 e 7.

e) 4 e 2.

12. O conjunto de todos os ecossistemas da Terra forma:

a) A biosfera.

b) Um hábitat.

c) Uma comunidade.

d) Um bioma.

e) Um nicho ecológico.

13. (UFMS)Em sua grande extensão territorial, o Brasil apresenta grande variedade de climas e solos, o que permite a configuração de vários tipos de biomas, característicos das diferentes regiões brasileiras. Sobre os biomas brasileiros, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

I   II

0  0 – A Floresta Amazônica é composta por uma vegetação muito densa, formando diversos estratos.

1 1 – As árvores do Cerrado geralmente apresentam casca grossa e troncos retorcidos, provavelmente devido ao excesso de nutrientes minerais no solo.

2 2 – No Pantanal Mato-Grossense, formam-se grandes agregações de aves aquáticas, principalmente durante o período de águas rasas na região.

3  3 – A Caatinga caracteriza-se por apresentar árvores de grande porte entremeadas com plantas xeromórficas.

4  4 – A vegetação do manguezal está adaptada à zona de transição entre a terra firme e o mar.

14. (UCPel) Ao longo do processo evolutivo, regiões que diferem em solo e clima desenvolveram comunidades adaptadas às condições locais. A Terra é ocupada por um mosaico de ecossistemas aquáticos e terrestres. Os biomas são os que mais chamam atenção por serem grandes e terrestres. O bioma que recebe muito calor e chuva situa-se entre os trópicos e apresenta uma enorme biodiversidade é:

a) A floresta de coníferas.

b) A floresta tropical.

c) A savana.

d) A caatinga.

e) O pinheiral.

15. (UCS-RIO) O bioma terrestre, cuja vegetação típica é composta de musgos, liquens, plantas herbáceas e, em alguns casos, pequenos arbustos, pois a temperatura não ultrapassa os 10oC, é denominado:

a) Taiga.

b) Tundra.

c) Floresta temperada.

d) Campo.

e) Deserto.

16. (UPE) Acerca dos biomas brasileiros, representados no mapa a seguir, analise as afirmativas a seguir:

16

OBSERVAÇÃO

1. CAATINGA

2. PAMPA

3. FLORESTA AMAZÔNICA

4. CERRADO

5. MATA ATLÂNTICA

6. PANTANAL

I   II

0  0-O bioma (4) que cobre a maior parte do Nordeste brasileiro apresenta vegetação com caules retorcidos, uma adaptação ao intenso calor local. Suas raízes são profundas para retirar água do lençol freático. O solo é ácido, com grande quantidade de sais de alumínio.

1  1- Os Pampas (1) e a Caatinga (5) são biomas que apresentam a água como fator limitante. As chuvas são escassas e, por isso, a vegetação é pouco desenvolvida, o que lhes habilita à classificação de Campos. São pouco degradados pela ação do homem.

2  2- O Cerrado (4) e a Caatinga (1) são biomas onde encontramos caracterização vegetal de xeromorfismo devido à falta de água no local. As queimadas são fenômenos naturais nesses locais, não causando prejuízo à vida ou ao solo.

3  3 – A Mata Atlântica (2) é bastante distinta da Floresta Amazônica em termos de fauna e, principalmente, de flora. O solo da Floresta Amazônica (3) é rico em nutrientes, ao contrário da Mata Atlântica que é ácido e muito lixiviado.

4 4- O Pantanal (6) ou Complexo Pantanal é uma grande planície alagável. É possível encontrar vegetação característica de Cerrado em locais de raras inundações. Há plantas típicas de brejos em partes que ficam constantemente alagadas.

17. (IFTO) Em um ecossistema bem diversificado como o bioma Amazônia é possível ver plantas que produzem caju, cupuaçu, açaí e castanha-do-pará e animais como guariba, tucano, galo-da-serra e peixes, a exemplo do pirarucu e tucunaré. A respeito desses organismos, tem-se como correta a seguinte proposição:

a) A castanheira-do-pará, como as demais plantas, possui parênquima clorofiliano. Este tecido é responsável pela fotossíntese nas mesmas e assim é importante tanto para o desenvolvimento desses vegetais quanto para a manutenção do ciclo da água nesse bioma.

b) Provavelmente, as angiospermas (Ex: cajueiro) surgiram por volta de 10 mil anos atrás e os mamíferos (Ex: guariba), 570 milhões de anos atrás.

c) Nos peixes condrictios como o tucunaré a respiração é branquial, já nas aves (tucano e galo-da-serra) é pulmonar.

d) Ao se alimentarem dos filhotes do galo-da-serra, um tucano desenvolve uma relação de inquilinismo com tal espécie.

e) O guariba é um eucarionte, com meiose gamética e pertence ao Sub-reino Archaea.

18. A popular seringueira (Hevea brasiliensis) é típica de qual bioma?

a) Caatinga.

b) Cerrado.

c) Floresta Amazônica.

d) Floresta Atlântica.

e) Floresta de Cocais.

19. (FUVEST) As formações fitogeográficas brasileiras típicas das áreas assinaladas no mapa abaixo, são:

19

a) I – Floresta Amazônica; II – Caatinga; III – Pantanal.

b) I – Cerrado; II – Caatinga; III – Mata das Araucárias.

c) I – Floresta Amazônica; II – Cerrado; III – Caatinga.

d) I – Pantanal; II – Zona dos Cocais; III – Mata das Araucárias.

e) I – Cerrado; II Floresta Amazônica; III – Pantanal.

20. (UFMS) O Cerrado, que é o segundo maior Bioma brasileiro, ocupa aproximadamente 2 milhões de hectares e apresenta grande biodiversidade, devido principalmente à influência de outros biomas com os quais mantém contato (Floresta Amazônica, Floresta Atlântica, Caatinga, Matas Secas e Pantanal). Entretanto, o Cerrado vem sofrendo com grandes desmatamentos desde a década de 70, uma vez que não é protegido por lei, e sua área plana fez com que fosse considerado o local ideal para o desenvolvimento de grandes culturas e pastagens. Assim, o Cerrado sempre foi visto como uma fronteira agropastoril, onde, através da correção do solo ácido, tudo se produz. Com relação ao aspecto geral da vegetação do Cerrado, é correto afirmar:

I   II

0  0 – Apresenta árvores altas, de tronco retilínio e com casca lisa.

1  1 – As folhas são pequenas e coriáceas, para evitar a transpiração excessiva.

2  2 – As folhas são grandes e membranáceas, para realizar maior quantidade de fotossíntese.

3  3 – Apresenta árvores baixas, com tronco retorcido e casca grossa como proteção ao fogo.

4  4 – As raízes são superficiais para facilitar a sua fixação.

21. (F.E.E. Queiroz-CE) O esquema abaixo representa a estratificação na zona profunda de uma floresta.

21

Maior luminosidade e maior concentração de matéria orgânica em decomposição ocorrem, respectivamente, nos estratos:

a) I e IV.

b) I e III.

c) I e II.

d) II e III.

e) III e IV.

22. (COVEST) A biosfera pode ser dividida em 3 partes, ou biociclos: o epinociclo, o talassociclo e o limnociclo. Estabeleça a relação entre esses ciclos e os seres da 2a coluna:

BIOCICLOS

I. Epinociclo

II. Talassociclo

III. Limnociclo

SERES (2ª COLUNA)

(  ) Tubarão

(  ) Minhoca

(  ) Vaca

(  ) Néctons

(  ) Seres do Distrito Abissal

A sequência correta na 2a coluna (de cima para baixo) é:

a) III, I, II, III, II.

b) II, I, I, II, II.

c) I, III, III, II, II.

d) II, III, I, II, II.

e) III, I, I, III, II.

23. (UFSC)O Brasil possui uma enorme extensão territorial, com grandes variações climáticas, e uma ampla diversidade de tipos de solo.  Em função dessas características, há uma evidente diversidade de biomas, definidos sobretudo pelo tipo de cobertura vegetal.Com relação à distribuição dessa cobertura vegetal no Brasil, assinale a(s) proposição(ões) correta(s).

I   II

0 0 – A Floresta Amazônica tem uma grande extensão e se espalha pelas regiões Norte, Centro-Oeste e parte da região Sudeste.

1  1 – A zona de Cocais se distribui, principalmente, na costa nordestina.

2  2 – Os manguezais preenchem uma faixa larga e descontínua, paralela ao litoral do país.

3  3 – A caatinga é uma formação exclusiva do Brasil central.

4  4 – Tanto o pampa como a Mata de Araucárias são formações vegetais exclusivas da região Sul.

24. (OLIMPÍADA BRASILEIRA DE BIOLOGIA) A Mata Atlântica é considerada uma das grandes prioridades para a conservação de biodiversidade em todo o continente americano. Em estado crítico, sua cobertura florestal acha-se reduzida a cerca de 7,6% da área original, que perfazia uma extensão de aproximadamente 1.306.421 km2.

24

            Distribuído por mais de 17 estados brasileiros, este bioma é composto de uma série de fitofisionomias bastante diversificadas, determinadas pela proximidade da costa, relevo, tipos de solo e regimes pluviométricos. Essas características foram responsáveis pela evolução de um rico complexo biótico de natureza florestal. Apesar da devastação acentuada, a Mata Atlântica ainda contém uma parcela significativa da diversidade biológica do Brasil, com altíssimos níveis de endemismo (fonte: http://www.mataatlantica.org.br).

Marque das alternativas abaixo a que confere explicação incorreta para a devastação ocorrida na Mata Atlântica.

a) A exploração do pau-brasil, cana e café foram fatores historicamente importantes para a devastação deste bioma.

b) A monocultura de soja é fator predominante na devastação atual da Mata Atlântica.

c) A ocupação costeira do território nacional favoreceu a destruição da Mata Atlântica, restingas e manguezais.

d) A utilização de madeira para alimentação de fornos e produção de carvão agridem a Mata Atlântica.

e) Fatores naturais, como secas prolongadas, podem acelerar sua degradação.

25. Rizóforos e pneumatóforos são adaptações ao solo encharcado, salgado e pouco consistente do bioma conhecido como:

a) Caatinga.

b) Cerrado.

c) Mata Atlântica.

d) Floresta Amazônica.

e) Manguezal.

26. (VUNESP) Assinale a alternativa que representa, em ordem crescente, os ecossistemas com maior diversidade de vida.

a) Floresta tropical pluvial, tundra, taiga, floresta temperada caducifólia.

b) Tundra, taiga, floresta tropical pluvial, floresta temperada caducifólia.

c) Taiga, tundra, floresta tropical pluvial, floresta tropical caducifólia.

d) Taiga, floresta temperada caducifólia, tundra, floresta tropical pluvial.

e) Tundra, taiga, floresta temperada caducifólia, floresta tropical pluvial.

27. (COVEST) A biosfera representa a parte do planeta que contém vida e é, em última análise, o conjunto de todos os ecossistemas da terra. Neste contexto, analise as proposições apresentadas quanto à correção:

I  II

0  0 – Os grandes padrões  de vida que existem na terra estão sistematizados em três biociclos, o epinociclo, o limnociclo e o talassociclo, os quais se reportam, respectivamente, à vida em terra firme, vida na água doce e vida no mar.

1  1 – Um biociclo  comporta  subdivisões  tanto  que, no  biociclo  terrestre, existem os biócoros floresta, campo e deserto.

2  2 – As fronteiras entre dois ou mais ecossistemas não são bem definidas ou rígidas, sendo as zonas entre eles, os ecótonos, possuidores de uma grande variedade de vida (efeito de borda) já que o número de nichos ecológicos neles é grande.

3  3 – Nos ecossistemas de água salgada existem animais de, praticamente, todos os grandes grupos, incluindo miriápodas (lacraias e centopéias) e alguns insetos  e anfíbios, sendo o número de espécies maior no mar do que na terra.

4  4 – Entre as subdivisões  ecológicas do mar, quanto à profundidade, há de se destacar o sistema nerítico (zona de marés, com muita luz, O2, alimentos e grande quantidade de algas e animais fixos às rochas) e o sistema abissal (águas profundas de 200 até mais ou menos2.000 metros, rico em plâncton).

28. (UFSCar) No mapa abaixo, constituído de acordo com o Conselho Nacional de Geografia e modificado por Ferri, 1, 2, 3 e 4 correspondem, respectivamente, a:

28

a) Floresta Amazônica, Mata das Araucárias, Caatinga e Cerrado.

b) Floresta Amazônica, Caatinga, Cerrado e Mata das Araucárias.

c) Mata das Araucárias, Cerrado, Caatinga e Floresta Amazônica.

d) Floresta Amazônica, Cerrado, Caatinga e Mata das Araucárias.

e) Cerrado, Floresta Amazônica, Mata das Araucárias e Caatinga.

29. (UDESC) As florestas cobrem 31% de toda a área terrestre do planeta e têm responsabilidade direta na garantia da sobrevivência de 1,6 bilhões de pessoas e de 80% da biodiversidade terrestre. Pela importância que têm para o planeta, elas merecem ser mais preservadas e valorizadas, por isso a ONU declarou 2011 o Ano Internacional das Florestas. Analise as proposições abaixo, em relação às florestas:

I. A Floresta Atlântica é uma floresta tropical de clima quente e úmido distribuída ao longo do litoral brasileiro.

II. A Floresta Amazônica é a maior floresta tropical do mundo e está situada no norte da América do Sul.

III. A Mata de Araucárias é um tipo de floresta subtropical onde predomina o pinheiro-do paraná.

IV. Na Floresta Atlântica há o predomínio de cactáceas e gramíneas de pequeno porte, e poucas árvores e arbustos.

Assinale a alternativa correta.

a) Somente as afirmativas I, III e IV são verdadeiras.

b) Somente as afirmativas II e IV são verdadeiras.

c) Somente as afirmativas I, II e III são verdadeiras.

d) Somente as afirmativas I, II e IV são verdadeiras.

e) Todas as afirmativas são verdadeiras.

30. (UFSC) Sobre as formações fitogeográficas ou Biomas existentes no Brasil, assinale a(s) proposição(ões) correta(s).

I   II

0  0 – O Cerrado é uma formação fitogeográfica caracterizada por uma floresta tropical que cobre cerca de 40% do território brasileiro, ocorrendo na Região Norte.

1  1 – O Mangue ocorre desde o Amapá até Santa Catarina e desenvolve-se em estuários, sendo utilizados por vários animais marinhos para reprodução.

2  2 – A Caatinga é caracterizada por ser uma floresta úmida da região litorânea do Brasil, hoje muito devastada.

3 3  – O Pantanal ocorre nos estados do Mato Grosso do Sul e do Mato Grosso, caracterizando-se como uma região plana que é alagada nos meses de cheias dos rios.

4  4  – A Floresta Amazônica está localizada nos estados do Maranhão e do Piauí e as árvores típicas dessa formação são as palmeiras e os pinheiros.

31. (UEL) Plantas do genro Rhizophora com raízes-escoras, que permitem melhor fixação em solo lodoso, e do gênero Avicennia com raízes respiratórias, que possibilitam obtenção de oxigênio em solo alagado, são características:

a) Do Cerrado.

b) Do Pantanal.

c) Dos Manguezais.

d) Da Mata Atlântica.

e) Da Floresta Amazônica.

32. (UEL) O fenômeno de queda das folhas que caracteriza as árvores de florestas decíduas no hemisfério norte é uma proteção contra:

a) As variações bruscas de temperatura.

b) O peso da neve sobre os limbos foliares.

c) O excesso de chuva que ocorre no inverno.

d) A velocidade crescente dos ventos do inverno.

e) A baixa umidade relativa do ar que predomina durante o inverno.

33. São mamíferos típicos da fauna dos cerrados do Brasil:

a) Ema, lobo-guará, onça-pintada.

b) Tamanduá-bandeira, lobo-guará, tatu-canastra.

c) Veado-campeiro, zebra, tamanduá-bandeira.

d) Onça-pintada, ema, tamanduá-bandeira.

e) Veado-campeiro, avestruz, tatu-canastra.

34.  (UECE) Os manguezais são considerados ecossistemas extremamente produtivos e de grande importância, pois contribuem para a biodiversidade do planeta e asseguram a integridade ambiental da faixa costeira, além de serem responsáveis pelo fornecimento dos recursos e serviços ambientais relacionados a diversas atividades econômicas. Sobre os manguezais, analise as seguintes afirmações:

I. Esse tipo de ecossistema se desenvolve onde há água salobra, e toda sua dinâmica está relacionada às gamboas que permitem a troca entre água doce e salgada.

II. Seu solo é bastante pobre, de aspecto lodoso, sendo habitado por plantas que desenvolvem estruturas denominadas pneumatóforos, para possibilitar as trocas gasosas.

III. Os manguezais são grandes berçários de animais marinhos, fundamentais para diversas espécies que se reproduzem, crescem e se alimentam entre as raízes das plantas.

IV. Dentre as estratégias reprodutivas para sobreviver nos manguezais, muitas plantas produzem sementes compridas e pontudas, que caem como lanças apontadas para baixo, vindo a enterrar-se na lama na baixa mar.

Está correto o que se afirma em:

a) I, II, III e IV.

b) I, II e III, apenas.

c) I, III e IV, apenas.

d) II e IV, apenas.

35. Entre as diversas formações vegetais brasileiras, a que apresenta a mais alta frequência de Gimnospermas é conhecida como:

a) Mata pluvial de coníferas.

b) Campos cerrados.

c) Floresta pereniforme de encosta.

d) Mata de araucárias.

e) Mata amazônica.

36. (VUNESP) Observe a figura abaixo.

36

O bioma representado é conhecido como:

a) Mata Atlântica.

b) Tundra.

c) Taiga.

d) Cerrado.

e) Floresta decídua temperada.

37. (PUC-SP) A biomassa aquática pode ser dividida em três grupos:

I. Organismos que nadam ativamente.

II. Organismos flutuadores ou que se deslocam passivamente na água.

III. Organismos do fundo, que podem ser fixos ou rastejantes.

Os grupos I, II e III são denominados, respectivamente:

a) Plâncton, nécton e bentos.

b) Plâncton, bentos e nécton.

c) Bentos, plâncton e nécton.

d) Bentos, nécton e plâncton.

e) Nécton, plâncton e bentos.

38. (UFRS)                    LEIA O TEXTO A SEGUIR:

“Subindo sempre, os campos misturados com pinhais se adiantam até a orla exterior. De vez em quando, vastas porções planas são inteiramente brejosas, revestidas de uma vegetação palustre estranha, entre a qual assoma em toda a parte, os tufos purpúreos de Sphagnum, o musgo das turfeiras.”

(RAMBO, Balduíno S. J.. A fisionomia do Rio Grande do Sul. Ed. Unisinos, 1994)

As comunidades fisionomicamente descritas no texto acima estão associadas a que tipo de vegetação natural do Rio Grande do Sul?

a) À vegetação de dunas.

b) À mata com araucária.

c) À mata de restinga.

d) A campos da campanha.

e) A banhados litorâneos.

39. (UESPI) São características observadas nos biomas da Caatinga, do Cerrado e dos Manguezais, respectivamente:

a) Baixo índice pluviométrico; árvores com diversidade de epífitas; plantas com pneumatóforos.

b) Plantas xeromórficas; planícies inundadas; plantas com rizóforos.

c) Árvores com folhas perenes; temperatura moderada; alto índice pluviométrico.

d) Prevalência de gramíneas; amplas planícies; solo salgado.

e) Plantas caducifólias; clima quente; solo lodoso.

40. (UEM) Sobre os biomas brasileiros, assinale o que for correto.

I  II

0  0 – O pantanal mato-grossense ou complexo do pantanal é uma vasta planície inundada que abriga uma das mais ricas reservas de vida selvagem do mundo.

1  1 – O estrato ou andar superior das Florestas Amazônica, Atlântica e de Araucária é composto pelas mesmas espécies de árvores.

2  2 – A vegetação da Caatinga é formada por plantas com marcante adaptação ao clima seco, como aquelas cujas folhas se transformaram em espinhos.

3  3 – Os manguezais podem penetrar vários quilômetros no continente, seguindo o curso de rios, cujas águas se misturam com o mar durante as marés cheias.

4  4 – O cerrado – situado, por exemplo,em Minas Gerais– é um tipo de Savana, geralmente com árvores de troncos retorcidos.

GABARITO

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

B

A

VFFVV

B

A

E

A

B

A

FVVFV

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

E

A

VFVFV

B

B

FFFFV

A

C

B

FVFVF

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

A

B

FFFFV

B

E

E

VVVFF

D

C

FVFVF

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

C

E

B

C

D

C

E

B

E

VFVVV


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: