Publicado por: Djalma Santos | 21 de junho de 2013

Testes de taxonomia

01. (UFTM) Na animação Rio, do brasileiro Carlos Saldanha, os personagens são, principalmente, diferentes tipos de aves e um cachorro.

01

Considerando que tenham sido baseados em animais reais e de acordo com a atual classificação biológica, pode-se afirmar que:

a) Todos pertencem à mesma classe, porém, seriam separados em duas ordens distintas.

b) Todos pertencem ao mesmo filo, porém, seriam separados em duas classes distintas.

c) As aves são do mesmo gênero, porém, pertencem a ordens distintas.

d) As aves são da mesma classe, porém, pertencem a reinos distintos.

e) Todos pertencem ao mesmo subfilo, porém, pertencem a domínios distintos.

02. (URCA) Assinale a alternativa correta relativa à classificação dos seres vivos e suas características gerais:

a) As cyanobacteria possuem como característica principal a ausência de pigmento.

b) As Rhodophyta possuem parede celular de peptoglucano.

c) As Chlorophyta possuem como substância de reserva o glicogênio.

d) As diatomacias possuem parede celular de silicatos.

e) Os fungos ascomycotina possuem amido como substância de reserva.

03. (UFPB) Em 1990, Carl Woese e colaboradores propuseram uma nova forma de classificação dos seres vivos e criaram uma categoria taxonômica acima do Reino, o Domínio. Assim, a nova classificação apresenta os Domínios Bacteria, Archaea e Eukarya, conforme a figura abaixo:

03

Com base na figura e nos conhecimentos acerca dos diferentes grupos de seres vivos, é correto afirmar:

a) O Domínio Eukarya foi o primeiro a apresentar o RNA ribossômico.

b) O Domínio Eukarya apresenta somente organismos pluricelulares.

c) O Domínio Archaea apresenta maior parentesco com Eukarya do que com Bacteria.

d) O Domínio Archaea possui, entre seus representantes, os protozoários e as algas unicelulares.

e) O Domínio Bacteria engloba os organismos que não apresentam peptidioglicano em suas paredes celulares.

04. (IFAL) Os morcegos são animais acusados injustamente de serem maus, embora a maioria desses mamíferos voadores seja frutívora, extremamente importantes na manutenção das florestas, pois ajudam a dispersar as sementes; os morcegos-vampiro alimentam o mito e provocam reações negativas. A ordem a que pertencem esses animais e:

a) Quirópteros.

b) Cetáceos.

c) Proboscideos.

d) Artiodactilos.

e) Lagomorfos.

05. (UPE)

05

Era uma vez uma cigarra que vivia cantando, sem se preocupar com o futuro. Encontrando uma formiga que carregava uma folha pesada, falou:

– Para que todo esse trabalho? O verão é para a gente aproveitar!

– Nós, formigas, não temos tempo para diversão. É preciso guardar comida para o inverno.

– Deixa esse trabalho para as outras! Vamos nos divertir.

– Se não mudar, você há de se arrepender, cigarra! Vai passar fome e frio.

– O inverno ainda está longe, querida!

O inverno chegou, e a cigarra começou a passar frio e fome. Desesperada, foi bater na casa da formiga.

Abrindo a porta, a formiga viu na sua frente a cigarra quase morta. Puxou-a para dentro, agasalhou-a e alimentou-a. Porém disse à cigarra:

– No mundo das formigas, todos trabalham e, se você quiser ficar conosco, cumpra o seu dever: toque e cante para nós.

Para a cigarra e para as formigas, aquele foi o inverno mais feliz das suas vidas.

Adaptado de Contos Tradicionais do Brasil

A cigarra e a formiga já foram tema de lendas, músicas e de contos. Analisando as proposições abaixo sobre esses artrópodes, pode-se concluir que:

I   II

0  0 – A divisão do corpo desses exemplares de Chilopoda restringe-se à cabeça e ao tronco.

1  1 – A formiga e a cigarra são hexápodes e díceros.

2  2 – A respiração desses insetos é do tipo traqueal.

3  3 – A alimentação desses exemplares de crustáceos ocorre por filtração.

4  4 – Aranhas e embuás são representantes da mesma classe de artrópodes que a cigarra e a formiga.

06. (UDESC) Sobre a classificação biológica, analise as proposições abaixo:

I. Pirâmides de teias alimentares são representações gráficas em forma de árvore nas quais são mostradas as relações de parentesco entre seres vivos.

II. A Fenética agrupa os organismos com o maior número de características fenotípicas possíveis, mesmo que não reflitam a história evolutiva do grupo.

III. Para a Filogenética, a classificação biológica deve refletir o máximo possível as relações de parentesco entre os grupos de seres vivos.

IV. A Cladística procura estabelecer relações de parentesco evolutivo pela escolha criteriosa de características que indiquem realmente a ancestralidade comum entre os grupos, tentando descartar as características decorrentes de convergência evolutiva.

Assinale a alternativa correta.

a) Somente as afirmativas II, III e IV são verdadeiras.

b) Somente as afirmativas II e IV são verdadeiras.

c) Somente as afirmativas I e III são verdadeiras.

d) Somente as afirmativas I, II e III são verdadeiras.

e) Todas as afirmativas são verdadeiras.

07. (PUC-CAMPINAS)

Atenção: Para responder esta questão considere o texto apresentado abaixo.

Esferas minúsculas podem se tornar uma arma contra a leishmaniose visceral, doença causada pelo protozoário Leishmania chagasi que, sem tratamento, é fatal em 90% dos casos. A principal terapia disponível emprega antimônio, um metal bastante tóxico para o paciente. Agora um grupo coordenado pelo farmacologista André Gustavo Tampone, do Instituto Adolfo Lutz, testou com sucesso a furazolidona, um medicamento usado contra a giardíase, uma parasitose intestinal, e contra a Helicobacter pylori, bactéria causadora da úlcera gástrica.

                         (Revista Pesquisa Fapesp, junho de 2010, p. 42)

Segundo certas classificações biológicas, toda a biodiversidade poderia ser dividida em 3 domínios: Bacteria, Eukarya e Archaea. A seguir, estão listadas algumas características e exemplos de seres classificados em cada domínio.

I. Archaea: organismos unicelulares procarióticos e habitantes de ambientes extremos.

II. Bacteria: organismos unicelulares procarióticos.

III. Eukarya: inclui todos os organismos eucarióticos.

Assinale a alternativa que apresenta e justifica corretamente a classificação de Leishmania em um desses domínios.

a) Em Eukarya, pois todos os protozoários possuem núcleo celular organizado.

b) Em Bacteria, pois a capacidade de causar patologias humanas é exclusiva desse grupo.

c) Em Archaea, pois vivem em um ambiente extremo onde há excesso de água e sais minerais.

d) Em Bacteria, pois aí estão todos os seres unicelulares e com núcleo celular.

e) Em Eukarya, pois os protozoários são animais, ainda que microscópicos.

08. (UNESP) No para-choque de um caminhão, estava escrita a frase:

08

Atrás do caminhão vinha um ônibus escolar e os alunos, além de se divertirem com a frase, fizeram os seguintes comentários:

Pedrinho: – A frase está errada, pois o cavalo-marinho não se faz passar por peixe. Ele é um peixe.

Marcos: – Sim, mas nem tudo está tão errado assim. Afinal, sendo cordados, cavalos e peixes possuem fendas branquiais em alguma etapa de seu desenvolvimento.

João: – É verdade. Porém só nisso se assemelham, pois os cavalos, como os demais mamíferos, têm sistema nervoso dorsal, enquanto que no peixe é lateral.

Flávia: – Vocês todos estão errados, pois os cavalos-marinhos não são peixes, mas sim crustáceos, como o camarão, a lagosta e o caranguejo.

Rafael: – É isso mesmo! Crustáceos, com todas as características típicas desse grupo de artrópodes, incluindo cauda articulada e exoesqueleto.

Paulo: – O Rafael só errou em uma coisa: os crustáceos não são artrópodes. Os insetos é que o são.

Gilmar: – Nem peixes, nem crustáceos. São mamíferos aquáticos, ou não se chamariam cavalos-marinhos.

Pode-se dizer que estão corretos:

a) Pedrinho, Marcos e João, apenas.

b) Pedrinho e Marcos, apenas.

c) Flávia e Rafael, apenas.

d) Flávia e Paulo, apenas.

e) Gilmar, apenas.

09. (UNCISAL) A taxonomia é o ramo da Biologia que trata da organização dos seres vivos em classificação. Assinale com falso (F) e verdadeiro (V).

(  ) Espécie é a unidade básica de classificação.

(  ) Espécies afins se juntam para formação de uma ordem.

(  ) Famílias é um grupo de gêneros.

(  ) Reino é um grupo de classes.

A ordem correta de cima para baixo é:

a) V, V, V, F.

b) V, F, V, F.

c) F, F, F, V.

d) F, F, V, V.

e) V, V, V, V.

10. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s):

I  II

0 0 – Canis familiarisCanis lupus, são dois  animais que  pertencem a uma mesma família.

1 1 – A inexistência de órgãos ou  de tecidos bem  definidos,  justifica a classificação das esponjas no sub-reino Parazoa.

2 2 – Na moderna  classificação, os  seres  vivos  foram  agrupados  em cinco reinos: protista, alga, protozoário, animal e vegetal.

3 3 – Diferenças  de tamanho entre  duas moscas  (Musca domestica)  não pode ser atribuída à diversidade de espécies.

4 4 – O nome científico  do grande gorila africano é Gorilla gorilla beringei. As palavras Gorilla e beringei são referentes, respectivamente, a gênero e espécie.

11. (FGV) A taxonomia fornece meios para esclarecer a evolução dos organismos, assim como suas inter-relações. Novos organismos são descobertos com frequência e a função dos taxonomistas é classificá-los de forma que reflitam as relações filogenéticas. A principal missão do taxonomista é conhecer a variabilidade e separá-la em intra e interpopulacional. Sabendo-se que as características morfológicas têm auxiliado os taxonomistas na classificação dos seres vivos, pode-se afirmar que:

a) A morfologia de uma célula é suficiente para esclarecer suas relações filogenéticas.

b) As características morfológicas são úteis na identificação de organismos como bactérias, por exemplo, diferenciando estruturas como endósporos ou flagelos.

c) Os organismos macro ou microscópicos são morfologicamente diversificados, portanto, os critérios morfológicos não criam dúvidas na separação dos mesmos.

d) Desde os tempos de Aristóteles, a classificação dos organismos vivos é baseada apenas em características morfológicas evidentes.

e) A morfologia é, ainda, a melhor ferramenta disponível visando a classificação, uma vez que a biologia molecular e a genética têm se mostrado inconclusivas, devido à grande variabilidade genética das espécies.

12. (UPE) Na música infantil Fui à Espanha, o caranguejo é comparado a um peixe, mas enquanto este se caracteriza pela presença de vértebras, aquele não as possui e, ainda assim, pertencem a uma mesma categoria hierárquica na nomenclatura Zoológica.

12

Dessa forma, obrigatoriamente devem pertencer à (ao) mesma(o):

a) Classe.

b) Espécie.

c) Família.

d) Ordem.

e) Reino.

13. (UFG)                                      Leia a tirinha a seguir.

13

WATTERSON, Bill. A hora da vingança: as aventuras de Calvin e Haroldo.

São Paulo: Conrad, 2009. p. 54. [Adaptado].

Para nomear cientificamente seus insetos de acordo com o sistema binominal de nomenclatura estabelecido por Lineu, Calvin deverá utilizar primeiro um epíteto:

a) Genérico para indicar o gênero, seguido do epíteto específico para indicar a espécie.

b) Genérico para indicar a família, seguido do epíteto específico para indicar o gênero.

c) Genérico para indicar a espécie, seguido do epíteto específico para indicar o gênero.

d) Específico para indicar o gênero, seguido do epíteto genérico para indicar a família.

e) Específico para indicar a espécie, seguido do epíteto genérico para indicar o gênero.

14. (IFTM)            Leia o texto para responder esta questão:

O rato que desapareceu em Brasília

Curiosamente, o pequeno rato-candango foi extinto pela mesma força que revelou sua existência: a construção de Brasília. A espécie foi descrita depois que operários da Novacap, a empresa que fazia a terraplanagem do futuro Jardim Zoológico do Distrito Federal, em 1964, encontraram ninhos próximos aos canteiros de obras. Os animais foram examinados e classificados como de uma espécie nova. O rato de Brasília, com cauda espessa e hábitos subterrâneos que constrói túneis e ninhos em buracos foi batizado com o curioso nome de Juscelinomys candango, em homenagem ao presidente Juscelino Kubitschek, idealizador da cidade. Já a palavra “Candango” era o nome dado aos trabalhadores que migravam à capital para a sua construção. Mas as obras de construção da capital também foram responsáveis pelo desaparecimento desse animal na natureza. No começo da semana, durante a divulgação da nova Lista Vermelha, elaborada pela União Internacional para a Conservação da natureza, o candango Juscelinomys subiu da categoria de criticamente ameaçado para “extinto” e virou o mais novo integrante do time dos bichos que existem apenas nos livros científicos. O mamífero é um dos destaques da lista, que também revelou que um em cada quatro mamíferos do planeta está sob ameaça de extinção. A parceira mais próxima de Juscelinomys na Lista Vermelha é a perereca de Santo André, Phrynomedusa fimbriata. Desde 1920, ninguém nunca mais coletou ou viu esse animal. “Provavelmente ela desapareceu devido ao aumento da poluição e da urbanização de seu habitat”, diz Adriano Paglia, analista de biodiversidade da Conservação Internacional. Tanto a perereca de Santo André quanto o rato de Brasília possuem um ponto em comum: desapareceram da natureza antes dos últimos cem anos… Já os outros animais brasileiros considerados extintos são bichos que ninguém nunca viu sequer a imagem, como um morcego vampiro gigante do Sudeste e um roedor do arquipélago de Fernando de Noronha, no litoral Nordeste do Brasil. Ambos são conhecidos apenas por publicações científicas e registro de ossadas encontradas nas escavações. O tal morcego vampiro gigante, que teria assombrado o Sudeste do país, pode ter sido extinto muito antes da construção de São Paulo. Já o roedor de Fernando de Noronha foi descrito apenas pelo náufrago Américo Vespúcio em 1503. “Estudos apontam que a chegada de espécies exóticas como o rato comum europeu, e os cães e gatos domésticos foram os responsáveis pelo desaparecimento desse animal no arquipélago”, diz Paglia.

             (Adaptado da Revista Época de 11/10/2008).

O nome científico surgiu da necessidade de se criar um nome para a espécie que tivesse padronização universal e fosse reconhecido no mundo todo, pois um mesmo ser vivo pode receber nomes diferentes, dependendo da região do Planeta na qual você quer fazer seu estudo. O nome científico do rato de Brasília é Juscelinomys candango. A palavra Juscelinomys e a palavra candango referem – se, respectivamente a:

a) Gênero e subgênero.

b) Termo específico e subespécie.

c) Ordem e espécie.

d) Gênero e termo específico.

e) Espécie e subespécie.

15. (UPE) Texto para esta questão.

                                      MORENA TROPICANA

                                      COMPOSIÇÃO ALCEU VALENÇA/VICENTE BARRETO

                                       Da manga rosa

                                       Quero o gosto e o sumo

                                       Melão maduro, sapoti, juá

                                       Jabuticaba teu olhar noturno

                                      Beijo travoso de umbu cajá…

                                      Pele macia

                                     Ai! carne de caju

                                     Saliva doce

                                     Doce mel

                                     Mel de uruçu

                                    Linda morena

                                    Fruta de vez temporana

                                    Caldo de cana caiana..

                                   Vou te desfrutar

                                         …Vem me desfrutar…

                                  Morena Tropicana

                                  Eu quero teu sabor

                                  Ai, ai, ioiô, ioiô…(2x)

DADOS AUXILIARES:

Manga 

Mangifera indica

Anacardiaceae

Melão 

Cucumis melo

Cucurbitaceae

Sapoti 

Manilkara zapota

Sapotaceae

Cana-de-açúcar 

Saccharum officinarum

Poaceae

Sobre as palavras destacadas na música “Morena Tropicana”, analise as afirmativas e conclua.

I    II

0   0 – A manga é o fruto da mangueira, que corresponde às seguintes categorias e aos nomes de  táxons: Reino Plantae, Divisão Bryophyta, Classe Araucariaceae.

1  1 – As frutas destacadas na primeira estrofe da música pertencem a plantas do mesmo gênero.

2  2 – Os produtos destacados na segunda estrofe da música provêm, respectivamente, de uma planta e de um animal, sendo estes pertencentes a reinos distintos.

3  3 – A abelha uruçu corresponde às seguintes categorias e aos nomes de táxons: Reino Animalia, Filo Arthropoda, Classe Insecta, Ordem Hymenoptera.

4 4 – A cana apresenta as categorias taxonômicas, organizadas na seguinte ordem de complexidade crescente: Plantae, Saccharum, Poaceae.

16. (PASES-UFV) Em uma aula prática de Biologia, o professor entregou aos alunos os seguintes artrópodes para que fossem agrupados em suas respectivas classes taxonômicas: aranha, borboleta, pulga, camarão, lacraia e escorpião. Quantas Classes estão representadas nesta lista?

a) 1.

b) 2.

c) 4.

d) 3.

e) 5.

17. (UPE)           LEIA O SEGUINTE TEXTO:

“PALMEIRAS DE OURO”

Por todo o Brasil, especialmente nas regiões Norte, Nordeste e Centro Oeste, existem vastas populações de palmeiras economicamente importantes, verdadeiras “minas de ouro vegetal”.

Açaí (Euterpe oleracea) – palmeira altamente ornamental. Ocorrência: várzeas úmidas do Pará, Amazonas, Maranhão e Amapá. Utilidade: Os frutos servem para fabricar vinho. O palmito é também muito utilizado.

Palmito juçara (Euterpe edulis) – é uma das palmeiras mais belas de toda a flora brasileira. Ocorrência: na Mata Atlântica, do sul da Bahia até Missiones, na Argentina.

Carnaúba (Copernicia prunifera) – Ocorrência: solos arenosos e alagadiços, várzeas e margens dos rios de regiões de clima quente. Das folhas desta palmeira, obtém-se uma cera de grande importância industrial.

Buriti (Mauritia vinifera e M. flexuosa) – Ocorrência: Brasil Central e o sul da planície amazônica. Utilidade: dos frutos se produz vinho, óleo comestível e medicinal.

Palmeiras imperiais (Roystonea oleracea), originárias das Antilhas e Venezuela. São muitas vezes confundidas com as palmeiras reais (Roystonea regia), trazidas do Caribe.

                                  Fonte: Kristina Michahelles Revista Terra da Gente – Campinas, SP. (adaptado).

Dentro das regras da classificação e nomenclatura biológica, assinale a alternativa correta.

a) Euterpe oleracea e Euterpe edulis são palmeiras classificadas na mesma espécie, porém, de subespécies distintas.

b) O gênero Mauritia (buriti) inclui a espécie Vinifera e a espécie Flexuosa que correspondem a diferentes filos.

c) As palmeiras imperiais (Roystonea oleracea) e as palmeiras reais (Roystonea regia) são classificadas dentro da mesma família e do mesmo gênero.

d) As palmeiras são classificadas dentro de uma grande diversidade de espécies, porém todas elas têm em comum sua posição taxonômica dentro do mesmo gênero e mesmo filo.

e) A carnaúba (Copernicia prunifera) e o açaí (Euterpe oleracea) são palmeiras do gênero das dicotiledôneas.

18. (CEFET-MG) Analise a figura abaixo.

18

Disponível em: <http://www.crbio3.org.br/bancoimg/060825000610charge_dezembro%202005PG>Acesso em: 09 abr. 2010.

Sobre o sistema de classificação dos seres vivos, e correto afirmar que:

a) O filo pode ser formado por vários reinos.

b) A categoria subgênero é superior a espécie.

c) O gênero deve ser escrito com letra inicial minúscula.

d) Os nomes científicos equivalem aos nomes populares.

e) O nome cientifico das espécies depende da língua de cada pais.

19. (UECE) Ao longo da história, muitos sistemas para a classificação dos seres vivos foram propostos, mas até hoje essa questão continua controversa e muitos organismos ainda não se encontram colocados nos grupos mais adequados. O sistema atual de classificação utiliza o Sistema Binomial de Nomenclatura, proposto por Lineu e, segundo essa proposta, o cão doméstico (Canis familiaris), o lobo (Canis lupus) e o coiote (Canis latrans) pertencem a uma mesma categoria taxonômica. Esses animais fazem parte de um(a) mesmo(a):

a) Gênero.

b) Espécie.

c) Raça.

d) Família.

20. (URCA) Quais dos animais abaixo são da ordem Xenarthra?

20

a) 2, 3, 4 e 5.

b) 4 e 5.

c) 2 e 4.

d) 3 e 5.

e) Todos.

21. (UESPI) A reorganização taxonômica dos seres vivos baseada em aspectos evolutivos e filogenéticos, proposta por Karl Woese em 1978, demonstrou a existência de três linhagens celulares conhecidas como “Domínios”. Sobre este assunto, é correto afirmar que:

a) Os Domínios são categorias taxonômicas acima de Reino.

b) O Domínio Archea inclui bactérias que podem causar doenças ao homem.

c) O Domínio Eukaria inclui fungos, algas azuis, protistas e vegetais.

d) O Domínio Eubacteria inclui organismos encontrados em ambientes ácidos ou hipersalinos.

e) A existência dos Domínios não alterou o sistema de classificação dos cinco Reinos proposta por Robert Wittaker em 1969.

22. (UEAP) A diversidade do reino animal é grande quando comparada aos demais reinos dos seres vivos. Uma das características gerais mais importantes na evolução dos animais é a simetria que pode ser bilateral ou radial. Alguns animais apresentam o mesmo padrão de simetria na fase embrionária e na fase adulta. Outros animais apresentam simetria na fase embrionária ou larval diferente da fase adulta (simetria secundária). Assinale a alternativa que apresenta um exemplo de animal com simetria radial secundária.

a) Poríferos.

b) Cnidários.

c) Equinodermos.

d) Moluscos.

e) Peixes.

23. (UFPel) Analise o diagrama abaixo:

23

Com base em seus conhecimentos e no diagrama, é correto afirmar que:

a) Não existem organismos unicelulares autotróficos. Os representantes dos autotróficos são as plantas (organismos E) e as algas.

b) Os fungos não são eucariotos, e sim organismos procariotos. Eles são autotróficos porque podem realizar fermentação e, a partir desse processo, produzir sua própria energia.

c) As angiospermas não são exemplos de organismos multicelulares sem tecidos verdadeiros, assim como as gimnospermas elas são organismos autotróficos que apresentam tecidos verdadeiros.

d) A abelha não é um organismo heterotrófico, pois ela produz o seu próprio alimento. Portanto, ela deve ser classificada como autotrófica.

e) Todos os organismos unicelulares são procariotos, como por exemplo, as cianobactérias, que são bactérias com capacidade fotossintetizante.

24. (UNINOEST) O motivo do grande sucesso da agricultura orgânica é a preservação do meio ambiente, a melhoria das condições de vida dos agricultores e a redução do uso dos agrotóxicos. Em razão disso, existem espécies tais como as minhocas (Lumbricus terrestris) que são as primeiras a desaparecerem com a utilização de produtos químicos e servem para indicar a qualidade do solo. Assinale a alternativa cuja classificação dessa espécie é correta.

a) Classe Hirudinea.

b) Classe Polychaeta.

c) Classe Scaphopoda.

d) Classe Trematoda.

e) Classe Oligochaeta.

25. (UDESC) Analise as proposições a respeito dos organismos do Reino Protista e assinale a(s) correta(s).

I    II

0   0 – Os protozoários são eucariontes unicelulares heterótrofos.

1   1 – A organela de locomoção dos protozoários é apenas do tipo flagelo.

2  2 – O Trypanosoma cruzi é o protozoário flagelado causador da doença de Chagas.

3  3 – As diatomáceas são algas do grupo das crisófitas; têm parede celular rígida por causa da presença de celulose.

4  4 – Nos protistas predomina a reprodução assexuada por cissiparidade, que se inicia com a divisão do núcleo e depois em divisão do citoplasma.

26. (IF-GO) Assinale a alternativa incorreta.

a) Sistemática é o ramo da biologia que estuda a diversidade biológica.

b) Os cientistas dividem os seres vivos em categorias de acordo com suas características comuns.

c) Lineu concluiu que características estruturais e anatômicas eram as mais adequadas para agrupar os seres vivos.

d) O Triatoma infestans transmite a doença de Chagas.

e) Lineu criou a nomenclatura trinonimal para dar nomes às espécies.

27. (UESPI) Os cordados (Chordata) compreendem um importante Filo do Reino Animalia. São exemplos de organismos desse Filo:

a) Ameba, paramécio e esquistossomo.

b) Sanguessuga, minhoca e solitária.

c) Urocordados, moluscos e esponjas.

d) Ouriço, estrela-do-mar e água-viva.

e) Anfioxo, cobra e cão.

28. (PUC-CAMPINAS) Para responder esta questão considere a figura abaixo que representa tipos de raízes encontrados em plantas dos manguezais.

28

A maneira correta de escrever o nome científico de uma árvore característica dos manguezais brasileiros é:

a) Rhizophora mangle.

b) Rhizophora Mangle.

c) rhizophora mangle.

d) rhizophora Mangle.

e) Rhizophora mangle.

29. (FGV) A nomenclatura científica não usa nomes comuns, pois, muitas vezes, o mesmo nome é utilizado para muitos organismos diferentes em locais distintos. Saber o nome científico de um organismo é importante, porque:

a) No caso de organismos patogênicos, um tratamento correto poderá ser aplicado.

b) Anualmente os taxonomistas precisam atualizar os nomes dos gêneros em códigos internacionais de identificação.

c) Ao caso de uso biotecnológico, o organismo deverá mudar o nome científico de acordo com o país onde está sendo utilizado.

d) As plantas e os animais, classificados no mesmo reino, servirão para estabelecer a sucessão biológica em áreas desérticas.

30. Atualmente, os seres vivos podem ser classificados em 5 Reinos, estabelecendo-se uma ordem na diversidade da natureza, facilitando a sua compreensão. Assim, é correto afirmar quer:

I   II

0 0 – O sistema binomial de nomenclatura adota a Espécie como unidade básica de classificação.

1  1 – Em taxonomia, uma Ordem engloba diversas Famílias, assim como um Gênero reúne diferentes espécies.

2 2 – Um determinado vegetal, de acordo com a classificação vigente, pertencerá obrigatoriamente a um Reino, a um Filo ou Divisão, a uma Classe, a uma Ordem, a uma Família, a um Gênero e a uma Espécie.

3  3 – O Reino Protista engloba organismos unicelulares eucariontes, entre os quais se incluem protozoários, algumas algas e certos fungos.

4  4 – Os seres vivos pertencentes ao Reino Monera se caracterizam por serem todos unicelulares, com uma estrutura nuclear bem-organizada.

31. (PUC-RIO) Um entomólogo estudando a fauna de insetos da Mata Atlântica encontrou uma espécie cujos caracteres não se encaixavam naqueles característicos dos gêneros de sua família. Isto levará o cientista a criar:

a) Uma nova família com um novo gênero.

b) Somente uma nova espécie.

c) Um novo gênero com uma nova espécie.

d) uma subespécie.

e) uma nova ordem com uma nova família.

32. (UFPA) Canis familiaris e Canis lupus correspondem, respectivamente, aos nomes científicos para cães domésticos e lobos, de acordo com o sistema binominal de classificação dos seres vivos elaborado por Lineu, no século XVIII. No atual sistema de classificação biológica, cães e lobos enquadram-se no(a):

a) Família Canidae.

b) Ordem Mammalia.

c) Classe Carnívora.

d) Filo Metazoa.

e) Reino Chordata.

33. (OLIMPÍADA BRASILEIRA DE BIOLOGIA) Um zoólogo encontrou uma nova espécie de animal para a ciência e resolveu descreve-lo com o nome de Callis panipitus. Por que ele denominou esta espécie com dois nomes?

a) Porque já existia outra espécie denominada Callis, assim a nova espécie precisa de um segundo nome.

b) Porque é uma espécie nova, e espécies novas necessitam de pelo menos dois nomes para distinguir das espécies antigas segundo as normas de nomenclatura utilizadas pelos zoólogos.

c) Porque nas normas de nomenclatura utilizadas pelos zoólogos, as espécies são referidas sempre por dois nomes quando pertencem a um gênero ou três quando pertencem a uma família.

d) Porque este animal é um vertebrado e, somente no caso dos vertebrados, são necessários dois nomes pelas normas zoológicas.

e) Porque nas normas de nomenclatura utilizadas pelos zoólogos, as espécies são denominadas por dois nomes.

34. (UNESP) Considerando o sistema de classificação taxonômica, se duas espécies pertencem a duas famílias diferentes, então:

a) Podem pertencer ao mesmo gênero.

b) Podem pertencer à mesma ordem.

c) Obrigatoriamente são da mesma classe.

d) Pertencem a gêneros diferentes, mas não a ordens diferentes.

e) Podem pertencer à mesma ordem, mas não à mesma classe.

35. (Osec-SP) O cão doméstico pertence ao gênero Canis, família Canidae, ordem Carnívora, classe Mammalia, filo Chordata, reino Animalia. O lobo pertence ao mesmo gênero e a raposa à mesma família. Logo:

a) Lobo, raposa e cão não pertencem à mesma ordem.

b) As semelhanças entre lobo e cão são maiores do que entre lobo e raposa.

c) As semelhanças entre lobo e raposa são maiores do que entre lobo e cão.

d) A diversificação lobo-cão é mais antiga do que a diversificação lobo-raposa.

e) O cruzamento entre cão e raposa é normalmente possível.

36. (UFES) Observando-se o nome científico da planta pau-rosa − Aniba rosaeodora var amazônica Ducke syn Aniba duckei Kostermans − é correto afirmar que os termos Aniba e Kortermans se referem, respectivamente, a:

a) Espécie e variedade.

b) Gênero e autor.

c) Espécie e subespécie.

d) Gênero e espécie.

e) Espécie e sinonímia.

37. (UFBA) A partir do diagrama abaixo, não é correto afirmar-se que:

37

a) Todos os cordados são animais.

b) Nem todos os cordados são vertebrados.

c) Os mamíferos formam uma das classes dos vertebrados.

d) Estrela-do-mar e anfioxo pertencem a filos diferentes.

e) A classe é um grupo menos homogêneo que o filo.

38. (UNISINOS-RS) Um aluno, ao observar os seres vivos microscópicos de um charco, verifica a grande quantidade de seres eucariontes unicelulares, coloniais ou não, e, com a ajuda da bibliografia, consegue identificar um microrganismo do gênero Euglena, que apresenta características tanto animais como vegetais, sendo autotrófico ou heterotrófico dependendo da presença ou ausência da luz e deslocando-se através de um flagelo.

Considerando o sistema de Classificação de Whittaker (1969), o aluno concluirá, pelas características observadas, que tal organismo pertence ao Reino:

a) Animalia.

b) Metaphyta.

c) Protista.

d) Monera.

e) Dos vírus.

39. (UNIPAC) Para nomear um ser vivo, é necessário observar algumas regras. Marque a opção correta:
a) Deve ser usado o latim, sendo o prenome referente à ordem e o nome à espécie.
b) Deve ser escrito em latim, sendo o prenome com inicial maiúscula e se referindo ao gênero.
c) De ser usado o grego, sendo o prenome com inicial minúscula e o nome maiúscula.
d) Deve ser escrito em grego, sendo o nome em letra minúscula e se referindo à espécie.

40. (FGV) Assim como algumas espécies formam um gênero, gêneros relacionados formam uma família, e assim por diante. Portanto, na hierarquia taxonômica é correto afirmar que:

a) As classes são agrupadas em filos.

b) Os domínios são agrupados em reinos.

c) As espécies são agrupadas em subespécies.

d) Os gêneros são agrupados em classes.

41.  (UFJF) Observe as figuras e assinale a opção que contém, em ordem, os protozoários por seus nomes científicos.

41

a) Entamoeba histolytica, Leishmania brasiliensis, Plamodium malariae, Giardia lamblia.

b) Entamoeba histolytica, Trypanosoma cruzi, Toxoplasma gondii, Giardia lamblia.

c) Entamoeba histolytica, Leishmania brasiliensis, Toxoplasma gondii, Trichomanas vaginalis.

d) Entamoeba histolytica, Leishmania brasiliensis, Balantidium coli, Trichomanas vaginalis.

e) Entamoeba histolytica, Trypanosoma cruzi, Balantidium coli, Giardia lamblia.

42. (UFBA) Crassostrea rhizophora, Rhizophora mangle e Crassostrea brasiliana são os nomes científicos de três espécies. Com base nos princípios da nomenclatura biológica, pode-se concluir que:

a) Há maior grau de parentesco entre Crassostrea rhizophora e Crassostrea brasiliana que entre Crassostrea rhizophora e Rhizophora mangle.

b) Há maior grau de parentesco entre Crassostrea rhizophora e Rhizophora mangle que entre Crassostrea rhizophora e Crassostrea brasiliana.

c) Entre Crassostrea brasiliana e Rhizophora mangle evidencia-se uma relação de parentesco no nível de ordem.

d) Entre Crassostrea rhizophora e Rhizophora mangle evidencia-se uma relação de parentesco no nível de gênero.

e) Crassostrea brasiliana e Crassostrea rhizophora são aparentadas, embora pertençam a famílias diferentes.

43. (UFPA) O Museu Emílio Goeldi abriga centenas de animais da fauna amazônica, acessíveis à visitação pública. Lá podemos apreciar a graciosidade do macaco aranha Ateles paniscus. De acordo com a classificação de Linnaeus (1758), o nome científico desse macaco refere:

a) A família e a espécie.

b) A ordem e o gênero.

c) O gênero e a espécie.

d) A família e o gênero.

e) O filo e o gênero.

44. (UNIRIO) Se reunirmos as famílias Canidae (cães), Ursidae (ursos), Hienidae (hienas) e Felidae (leões), veremos que todos são carnívoros, portanto, pertencem à(ao) mesma(o):

a) Espécie.

b) Ordem.

c) Subespécie.

d) Família.

e) Gênero.

45. (UPE) O reino protoctista agrupa organismo os com origens evolutivas distintas. Inclui os protozoários e as algas. Associe corretamente alguns dos diferentes filos desse reino listados na coluna A, com seus representantes distribuídos na coluna B e suas respectivas características contidas na coluna C.

COLUNA A

COLUNA B

COLUNA C

I. Chlorophyta 1. Algas marrons

A

Apresentam flagelos, que permitem a natação ou a captura de alimento. Possuem espécies de vida livre e parasitas.

II. Euglenophyta 2. Algas verdes

B

Locomoção e captura de alimentos por meio de pseudópodes. Há espécies de vida livre e parasitas.

III. Foraminifera 3. Amoeba proteus

C

Multicelular; com parede celular composta por celulose e algina; substâncias de reserva – óleos e laminarina.

IV. Phaeophyta 4. Euglenoides

D

Possuem esqueleto perfurado, de quitina ou de carbonato de cálcio.

V. Sarcodina 5. Foraminíferos

E

Unicelular; sem parede celular; substância de reserva – paramilo.

VI. Zoomastigophora 6. Trypanosoma cruzi

F

Unicelular ou multicelular; substância de reserva – amido; clorofilas a,b.

Assinale a alternativa que contém a associação correta.

a) I-1-F; II-4-C; III-5-B; IV-3-E; V-2-A; VI-6-D.

b) I-6-D; II-5-E; III-4-A; IV-3-B; V-1-C; VI-2-F.

c) I-4-A; II-3-B; III-2-E; IV-5-D; V-6-C; VI-1-F.

d) I-2-F; II-4-E; III-5-D; IV-1-C; V-3-B; VI-6-A.

e) I-5-C; II-6-A; III-2-E; IV-4-F; V-1-D; VI-3-B.

46. (UERJ) A enorme diversidade das formas de vida sempre encanta aqueles que tentam descrever e classificar as espécies. A taxonomia moderna não leva em consideração apenas as características do animal, mas procura correlacioná-las a outros organismos, baseando-se em estruturas hereditárias. Desse modo, à medida que se analisam as variações na passagem do nível de espécie para o nível do reino, é possível observa que:

a) Diminui a diversidade biológica.

b) Diminui o grau de parentesco.

c) Aumenta a semelhança histofisiológica.

d) Aumenta o número de estruturas comuns.

47.  (PUC-RS) Considerando a hierarquia das categorias taxonômicas, é correto afirmar que dois animais que fazem parte da mesma ordem obrigatoriamente pertencerão …….., e dois animais pertencentes …….. sempre terão maior semelhança entre si:

a) à mesma classe – à mesma espécie

b) à mesma família – ao mesmo gênero

c) ao mesmo gênero – à mesma família

d) ao mesmo gênero – à mesma espécie

e) à mesma espécie – à mesma classe

48. (FUVEST) Um paleontólogo constatou inúmeras semelhanças morfológicas entre os fósseis X e Y, e grandes diferenças entre esses dois e um terceiro fóssil Z. Constatou também acentuada semelhança entre os fóssil Z um quarto fóssil W. Dentre as classificações a seguir, qual apresenta maior concordância com os dados?

a) Os quatro fósseis pertencem à mesma espécie, mas a gêneros diferentes.

b) Cada fóssil pertence a um reino diferente.

c) Os quatro fósseis pertencem ao mesmo filo, sendo que X e Y pertencem a um gênero e Z e W a outro gênero.

d) Os quatro fósseis pertencem ao mesmo filo, sendo que X e Y pertencem a um reino e Z  e W a outro reino.

e) Os quatro fósseis pertencem ao mesmo gênero, sendo X e Y pertencem a um filo e Z e W a outro filo.

49. (UPE) Um turista gaúcho, em visita ao Recife, solicitou ao garçom um prato típico da região, sendo-lhe sugerido a “Sinfonia marítima”. Indique o FILO e a CLASSE dos animais usados como ingrediente desse delicioso prato regional.

34

50. (PUC-RS) A figura a seguir representa agrupamentos de cocos, que, de acordo com a sequência das letras, são exemplos de:

50

a) Sarcinas, estafilococos e estreptococos.

b) Pneumococos, estafilococos e tétrades.

c) Sarcinas, estafilococos e tétrades.

d) Estreptococos, espirilos e vibriões.

e) Estreptococos, sarcinas e espirilos.

51. (FMIt-MG) Considere:

I. Homo erectus.

II. Homo sapiens.

III. Homo sapiens neanderthalensis.   

Podemos dizer que os indivíduos acima pertencem:

a) À mesma espécie.

b) Ao mesmo gênero.

c) À mesma família.

d) À mesma classe.

e) Três das alternativas estão corretas.

52. (PUC-RS)

RESPONDER À QUESTÃO ADIANTE COM BASE NO TEXTO A SEGUIR.

“Após os atentados terroristas de 11 de setembro de 2001 ao World Trade Center (Nova Iorque) e ao Pentágono (Washington), os norte-americanos estão atentos aos ataques com armas bacteriológicas. Casos de contaminação por antraz em vários estados americanos estão sendo investigados. Em 1984, os Estados Unidos também sofreram um ataque de terrorismo biológico, quando os seguidores de uma seita contaminaram um grande número de pessoas com salmonela em uma cidade do Estado de Oregon”.

                       (O Estado de São Paulo, 10 de outubro de 2001)

Os organismos utilizados como armas na guerra bacteriológica citados acima pertencem ao reino.

a) Fungi.

b) Protista.

c) Monera.

d) Plantae.

e) Animalia.

53. (COVEST) Segundo as regras de nomenclatura binominal, a primeira palavra de um nome científico é referente ao gênero e a segunda, à espécie. Na figura a seguir são apresentados os nomes científicos de diversas espécies.

53

Assinale a alternativa que relaciona os itens corretos da figura.

a) I, III e V.

b) II, III, IV e V.

c) II e IV.

d) Todas as alternativas.

e) Apenas a III.

54. (UFMG) A partir de conhecimentos sobre as regras de nomenclatura zoológica, responda a esta questão.  Com qual das fêmeas citadas, o macho de Anopheles (Nyssorhynchus) triannulatus triannulatus pode cruzar e produzir descendentes férteis, através de várias gerações.

a) Anopheles (Nyssorhynchus) aquasalis.

b) Anopheles (Nyssorhynchus) triannulatus davisi.

c) Anopheles (Nyssorhynchus) albitarsis domesticus.

d) Anopheles (Nyssorhynchus) brasiliensis.

e) Anopheles (Nyssorhynchus) intermedius.

55. (UFMG) O quadro apresenta uma amostragem hipotética de uma coleta de mosquitos realizada num parque.

55

Considerando-se os dados desse quadro, a biodiversidade de mosquitos é expressa pelo número de:

a) Espécies.

b) Famílias.

c) Indivíduos.

d) Ordens.

56. (CESGRANRIO) Certos fungos são empregados na produção de queijos, sendo responsáveis por sabores característicos. Os fungos Penicillium roquefortii e Penicillium camembertii, por exemplo, são utilizados na fabricação de queijos tipos roquefort e camembert, respectivamente. Pela análise dos nomes científicos acima citados, podemos concluir que esses seres não pertencem ao (à) mesmo(a):

a) Gênero.

b) Classe.

c) Família.

d) Ordem.

e) Espécie.

57. (UFES) Em um trabalho de pesquisa, foram classificados dois mosquitos como sendo: Aedes (Stegomyia) aegypti e Anopheles (Myzomya) gambiae. O grau de semelhança entre esses mosquitos permite que sejam colocados no(a) mesmo(a):

a) Espécie.

b) Subespécie.

c) Gênero.

d) Subgênero.

e) Família.

58. (UPE) No clássico Moby Dick, de Herman Melville, a baleia é considerada um tipo de peixe, refletindo o pensamento de uma época. Atualmente, sabe-se que, apesar de o peixe e de a baleia serem animais vertebrados, esta não é um peixe, e o formato de seu corpo se deve à locomoção aquática, situação conhecida como convergência evolutiva. Assinale a alternativa abaixo que contempla a categoria hierárquica da nomenclatura Zoológica, à qual a baleia pertence.

a) Subfilo Urochordata.

b) Classe Mammalia.

c) Ordem Primates.

d) Família Felidae.

e) Gênero Canis.

59. (UFBA) No diagrama abaixo, em que se exemplifica, esquematicamente, o sistema de classificação dos seres vivos em grupos inclusivos, I representa espécie e III representa família. II corresponde à representação de um(a):

59

a) Classe.

b) Filo.

c) Gênero.

d) Subespécie.

e) Ordem.

60. (URRJ) Numere a segunda coluna de acordo com a primeira e depois assinale a alternativa que contenha a sequência correta:

COLUNA I                        

1. Bacilos.                          

2. Estreptococos.              

3. Estafilococos.                

4. Tétrades.                       

5. Sarcina.                          

6. Espirilo.                           

COLUNA II

(   ) Cocos em grupos densos.

(   ) Cocos em grupos aproximadamente cúbicos.

(   ) Cocos em fileira.

(   ) Filamentos helicoidais.

(   ) Bastonete reto em geral de 1 a 15 micra.

(   ) Cocos em grupo de quatro.

a) 325614.

b) 35261 4.

c) 3521 64.

d) 3526 4 1.

e) 351246.

GABARITO

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

B

D

C

A

FVVFF

A

A

B

B

VVFVF

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

B

E

A

D

FFVVF

C

C

B

A

D

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

A

C

C

E

VFVFV

E

E

E

A

VVVFF

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

C

A

E

B

B

B

E

C

B

A

41

42

43

44

45

46

47

48

49

50

E

A

C

B

D

B

A

C

A

A

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

E

C

E

B

A

E

E

B

C

B

Anúncios

Responses

  1. letra d

    • Prezada Fernanda
      A seguir a explicação que você solicitou.
      – Antes de tudo se lembre da ordem hierárquica das categorias taxonômica: Reino, Filo, Classe, Ordem, Família, Gênero e Espécie (táxon básico). Eventualmente, essas categorias taxonômicas podem ser divididas, quando da necessidade de uma classificação mais precisa. Dessa forma, podermos ter: sub-reinos, subfilos, subclasses, etc.
      – ALTERNATIVA A (“Todos pertencem à mesma classe, porém, seriam separados em duas ordens distintas.”) – INCORRETA
      * Cão e aves não pertencem a mesma classe. Classe do cão (Mammalia) e das aves (Aves).
      – ALTERNATIVA B (“Todos pertencem ao mesmo filo, porém, seriam separados em duas classes distintas.”) – CORRETA
      * Todos pertencem ao mesmo filo (Chordata) e a duas classes distintas [cão (classe Mammalia) e aves (classe Aves)], logo, a alternativa B está correta.
      – ALTERNATIVA C (“As aves são do mesmo gênero, porém, pertencem a ordens distintas.”) – INCORRETA
      * Sendo do mesmo gênero, pertencem, obrigatoriamente, à mesma ordem (ver “a ordem hierárquica das categorias taxonômica”, mostrada acima).
      – ALTERNATIVA D (“As aves são da mesma classe, porém, pertencem a reinos distintos.”) – INCORRETA
      * Todas as aves pertencem ao mesmo reino (Animmalia), pois todas são animais.
      * Ao que parece sua dúvida estava nessa alternativa.
      – ALTERNATIVA E (“Todos pertencem ao mesmo subfilo, porém, pertencem a domínios distintos.”) – INCORRETA
      * Realmente cão e aves pertencem ao mesmo subfilo (Vertebrata). Eles pertencem, entretanto ao mesmo domínio (Domínio Eukaria), que está acima do reino. Veja a seguir o conceito de domínio.
      * Domínio (super-reino) é a designação dada em biologia ao taxon de nível mais elevado utilizado para agrupar os organismos vivos numa classificação científica. O domínio agrupa os diferentes reinos, sendo a mais inclusiva das divisões taxonômicas em que se dividem as espécies que compõem a vida na Terra. No sistema dos três domínios temos:
      I. Domínio Eubacteria, que inclui as bactérias.
      II. Domínio Archaea, anteriormente chamado Archaebacteria, que inclui os procariontes que não recaem na classificação anterior.
      III. Domínio Eukaria, que inclui todos os eucariontes [seres com um núcleo celular organizado, dotados de carioteca (Protista, Fungi, Plantae e Animalia)].
      Um forte abraço
      Djalma Santos

  2. Porque não poderia ser a letra e na questão 7?

    • ALTERNATIVA E (“Em Eukarya, pois os protozoários são animais, ainda que microscópicos.”) – INCORRETA
      – Os protozoários não são animais e sim protistas.
      Djalma Santos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: