Publicado por: Djalma Santos | 4 de dezembro de 2014

TESTES DE BOTÂNICA (II)

01. (PUCCAMP) Considere as características a seguir.

I. Epiderme com cutícula espessa.
II. Presença de parênquima aquífero.
II. Presença de lenticelas nas raízes.
IV. Estômatos fechados durante o dia e abertos à noite.
Em regiões secas e áridas, como desertos e caatingas, é de se esperar que as plantas apresentem
a) Apenas I, II e III.
b) Apenas I, II e IV.
c) Apenas I, III e IV.
d) Apenas II, III e IV.
e) I, II, III e IV.

02. (UNIOESTE) Referente às estruturas das angiospermas, considere as colunas I e II e assinale a(s) associação(ões) correta(s).

0201. a1, b2, c3, d4, e5.

02, f1, g2, h3, i4, j5.

04. a3, b1, c5, d2, e1.

08. a3, b5, c2, d4, e1.

16. f1, g2, h1, i2, j5.

32. f3, g4, h4, i5, j2.

Soma das alternativas corretas:

03. (FFB) Segundo o aluno Alberto de Figueiredo Almeida, do 5° Semestre de Marketing da Faculdade Farias Brito, mais vale se agarrar ao tronco da árvore que aos galhos. De fato, as árvores são constituídas de várias partes, que, do ponto de vista econômico, podem ser consideradas mais ou menos nobres. Do ponto de vista morfológico, a árvore é formada por raiz, caule e folhas e pode ter ou não flores e frutos. Algumas dessas principais partes estão listadas na coluna I. A coluna II apresenta a descrição de cada uma dessas partes.

03

Relacione a coluna I com a coluna II escrevendo nos parênteses da coluna II a respectiva parte da árvore que está sendo descrita. A ordem correta da coluna II, de cima para baixo, é:

a) Folhas; Caules; Raízes; Flores.

b) Raízes; Caules; Folhas; Flores.

c) Caules; Raízes; Flores; Folhas.

d) Flores; Folhas; Raízes; Caules.

e) Raízes; Folhas; Caules; Flores.

04. (UEA) Comparando briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiospermas, pode-se perceber, na evolução das primeiras para as últimas:

a) A redução do gametófito, que se tornou dependente do esporófito.

b) A substituição dos esporos por gametas no processo reprodutivo.

c) A redução da geração esporofítica em relação à gametofítica.

d) A substituição da reprodução assexuada pela reprodução sexuada.

e) O crescente predomínio dos gametófitos sobre os esporófitos.

05. (IFG) Considere o texto a seguir para responder esta questão.

A feijoada, alimento dos escravos africanos no passado, é, hoje, um prato típico brasileiro, muito apreciado pela população e por turistas. Diferentemente do que comiam os escravos, atualmente, os ingredientes são mais nobres, e, para quem gosta, listamos os principais:

– Feijão preto e arroz branco.

– Carnes e defumados, sempre de porco: linguiça, lombo, costelinha, paio, carne seca, bacon, entre outras a gosto.

– Molho: pimenta malagueta, tomate, pimentão, azeite, vinagre, folhas de louro e de coentro.

– Acompanhamentos: laranja, farofa, farinha de mandioca, pão francês, couve na manteiga e salada de tomate, alface, cenoura, pepino.

Assinale a alternativa que apresenta, respectivamente: frutos, ou parte destes, sementes e folhagens.

a) Arroz e feijão; mandioca; couve e folhas de louro.

b) Pimenta malagueta e tomate; pimentão; folhas de coentro e couve.

c) Arroz e pimenta malagueta; feijão; folhas de coentro e alface.

d) Laranja e tomate; arroz; mandioca e alface.

e) Feijão e arroz; tomate; couve e folhas de louro.

06. (UEM) Sobre os vegetais, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

01. Briófitas e Pteridófitas são plantas avasculares, por isso vivem em ambientes úmidos e sombreados.

02. Nas Pteridófitas o gametófito é a fase duradoura, enquanto que o esporófito é a fase menos desenvolvida e passageira.

04. Gimnospermas e Angiospermas são plantas que produzem frutos e sementes responsáveis pela dispersão.

08. Baga é um tipo de fruto carnoso, com muitas sementes, encontrado em algumas espécies de Angiospermas.

16. Rizoma é um tipo de caule subterrâneo, que se desenvolve paralelamente à superfície, frequentemente encontrado nas Pteridófitas.

Soma das alternativas corretas:

07. (MACK) No ciclo de vida dos vegetais, há duas fases de vida, a gametofítica que produz gametas e a esporofítica que produz esporos. A esse respeito, é correto afirmar que:

a) Os gametas são formados por meiose e os esporos são formados por mitose.

b) Os gametas são formados por mitose e os esporos são formados por meiose.

c) Tanto os gametas quanto os esporos são formados por meiose.

d) Tanto os gametas quanto os esporos são formados por mitose.

e) Os gametas são células haploides e os esporos são células diploides.

08. (UFSC) Até pouco tempo, acreditava-se que a cafeína presente nas flores do café era produzida pela planta com o intuito de inibir a herbivoria. Experimentos recentes trazem à tona uma nova perspectiva. Descobriu-se que existem baixos níveis de cafeína no néctar dessas flores. Além disso, constatou-se que as abelhas que ingerem a cafeína presente no néctar das flores de café guardam por mais tempo a associação entre o cheiro das flores e o prazer obtido ao consumir o seu néctar açucarado. Assim como um vendedor de crack fornece drogas psicoativas capazes de viciar o consumidor, garantindo sua volta para obter uma nova dose, podemos imaginar que a planta de café utiliza a cafeína para alterar o cérebro das abelhas e garantir que elas retornem às suas flores.

REINACH, Fernando. A função da cafeína na natureza. O Estado de São Paulo, 4 abr. 2013. [Adaptado]

Sobre os pontos abordados no texto, indique a soma da(s) proposição(ões) correta(s).

01. O néctar é um composto que pode ser produzido por flores, caules e folhas.

02. Como estratégia para atrair polinizadores, além do néctar contendo ou não cafeína, as flores podem apresentar pétalas com cores vibrantes ou aromas perfumados.

04. O transporte de pólen por animais, como as abelhas, representa uma estratégia evolutiva importante para a independência de um ambiente aquoso na reprodução de Briófitas, Pteridófitas e Angiospermas.

08. Os grupos de plantas que apresentam pólen são os mesmos que produzem sementes. A semente deriva de um óvulo fecundado e a fecundação só pode ocorrer com a formação de um tubo polínico.

16.  O pólen representa o gameta masculino produzido pelo gineceu das flores. O androceu é responsável pela produção de óvulos.

32. A cafeína é capaz de causar dependência por aumentar os níveis de neurotransmissores, como a dopamina, no cérebro.

Soma das alternativas corretas:

09. (UECE) Com relação à reprodução das plantas, é correto afirmar-se que:

a) Em se tratando de gimnospermas, o gametófito predomina em relação ao esporófito.

b) Nas pteridófitas, vegetais que não produzem flores, a reprodução se dá somente por meio de esporos produzidos através de divisões mitóticas.

c) Em todos os vegetais, a fase gametofítica é diploide e a fase esporofítica é haploide.

d) Em uma briófita, a fase gametofítica é mais duradoura do que a esporofítica.

10. (PUCCAMP) Considere as características a seguir.

I. Folhas invaginantes.
II. Folhas pecioladas.
III. Folhas com nervuras reticuladas.
IV. Folhas paralelinérveas.
V. Semente com um cotilédone.
VI. Semente com dois cotilédones.
Assinale a alternativa que associa corretamente essas características às plantas mencionadas.
a) Arroz (I, III, V) – café (II, IV, VI) – feijão (II, IV, VI) – trigo (I, III, V).
b) Arroz (I, IV, V) – café (II, III, VI) – feijão (II, III, VI) – trigo (I, IV, V).
c) Arroz (I, IV, V) – café (II, III, VI) – feijão (I, IV, V) – trigo (II, III, VI).
d) Arroz (II, III, VI) – café (I, IV, V) – feijão (II, III, VI) – trigo (I, IV, V).
e) Arroz (II, III, VI) – café (I, II, VI) – feijão (I, IV, V) – trigo (I, IV, V)

11. (UECE) No que diz respeito às estratégias de dispersão dos vegetais, relacione as colunas abaixo, numerando as características contidas na coluna II, de acordo com os termos apresentados na coluna I.

COLUNA I

1. Anemocoria.

2. Mirmecoria.

3. Hidrocoria.

4. Ornitocoria.

5. Autocoria.

COLUNA II

( ) Os frutos são secos e deiscentes, com sementes pequenas e leves, normalmente apresentando estruturas aerodinâmicas que auxiliam o voo.

(  ) A planta lança suas sementes pelas redondezas, por meio de algum mecanismo particular, ou simplesmente libera as sementes diretamente no solo.

(  ) A dispersão das sementes é realizada por formigas.

(  ) Presença marcante de coloração nos frutos maduros.

(  ) Inclui frutos com durabilidade e capacidade de flutuação.

A sequência correta, de cima para baixo, é:

a) 1, 5, 2, 4, 3.

b) 2, 3, 4, 5, 1.

c) 1, 5, 4, 2, 3.

d) 2, 3, 1, 4, 5.

12. (COVEST) A figura abaixo apresenta alguns tecidos vegetais. Analise-a para avaliar as proposições seguintes.

12

I    II

0  0 – Em A, as estruturas identificadas pelo número 1 têm a função de efetuar trocas gasosas e fazer a regulação hídrica do vegetal.

1  1 – A estrutura indicada pelo número 3 é chamada “coifa” e tem a função de proteger o tecido subjacente durante o crescimento radicular.

2 2 – O tecido indicado pelo número 2 é conhecido como mesênquima. É constituído principalmente de células rígidas, em sua maioria, mortas, para resistir às tensões provocadas pelo crescimento radicular.

3  3 – O esclerênquima é um tecido rígido, formado principalmente por células mortas, quando maduro, e com função de sustentação.

4 4 – Xilema e floema constituem o tecido de condução que permite a circulação da seiva, constituída essencialmente de matéria orgânica, e da seiva com matéria inorgânica, respectivamente.

13. (MACK) Responda esta questão com base na figura abaixo.

13

I e II correspondem, respectivamente, ao:

a) Zigoto 2n e endosperma secundário 3n.

b) Endosperma secundário 3n e zigoto 2n.

c) Endosperma primário 2n e zigoto 2n.

d) Zigoto 2n e endosperma primário 2n.

e) Endosperma primário 2n e endosperma secundário 3n.

14. (PUCCAMP) Impedindo-se a polinização das flores de um pé de melancia e aplicando-se sobre os estigmas do gineceu pasta de lanolina contendo auxina e giberelina, espera-se obter, nessa planta, frutos:

a) Maiores, com sementes normais.
b) Maiores, com sementes atrofiadas.
c) De tamanho normal, porém sem sementes.
d) De tamanho normal, com sementes triploides.
e) Pequenos, com sementes estéreis.

15. (UNICENTRO) Observe a figura a seguir.

15

Com base na figura e nos conhecimentos sobre flores e seus elementos férteis, assinale a alternativa correta.

a) A figura representa uma flor hipógina, e I é uma estrutura que contém sacos polínicos em seu interior.

b) A figura representa uma flor perígina, e II é um elemento cujo conjunto forma o cálice.

c) A figura representa uma flor homoclamídea, e o conjunto formado por III e IV é denominado tépala.

d) A figura representa uma flor epígina, e V é a parte do ramo floral em que se encaixam os elementos florais.

e) III representa um elemento cujo conjunto forma a corola, e IV é a base dilatada do pistilo, no interior do qual se formam os óvulos.

16. (UFV) Observe o diagrama abaixo que apresenta o surgimento dos diferentes grupos de plantas, ao longo da linha evolutiva, que se deu após o aparecimento de estruturas que foram vantajosas adaptativamente e que foram transmitidas aos descendentes. Assim, podem-se enumerar aquisições evolutivas importantes nesse processo.

16

Assinale a alternativa que indica incorretamente a aquisição evolutiva:

a) O número 1 indica o embrião.

b) O número 2 indica os tecidos vasculares.

c) O número 4 indica a fecundação.

d) O número 3 indica a semente.

17. (MACK) Considere as seguintes afirmações a respeito do mecanismo de fechamento e abertura dos estômatos.

I. As plantas, de uma maneira geral, têm seus estômatos abertos durante o dia e fechados à noite.

II. Em uma planta cujos estômatos estejam completamente fechados, a perda de água por transpiração cessa completamente.

III. Esse mecanismo depende do grau de turgor (turgescência) das células estomáticas.

IV. A presença de cloroplastos nas células estomáticas não tem relação com esse mecanismo.

Estão corretas apenas as afirmações.

a) I e II.

b) I e III.

c) II e III.

d) I e IV.

e) II e IV.

18. (UEM) O caule liga e integra raízes e folhas, tanto do ponto de vista estrutural como do funcional. Sobre esse órgão, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

01. Nos caules que apresentam crescimento secundário, o câmbio vascular produz xilema para o lado interno e floema para o lado externo, aumentando a espessura do mesmo.

02. Periderme é o tecido de revestimento dos caules jovens e apresenta estômatos que ajudam nas trocas gasosas.

04. Mandioca é um caule subterrâneo que se desenvolve paralelamente à superfície da terra. Dele podem emergir folhas aéreas ou ramos caulinares.

08. Xilema ou lenho é o tecido vascular responsável pelo transporte de água e de sais minerais e é constituído por elementos de tubo crivado e de células crivadas.

16. Estipe é um tipo de caule aéreo, ereto, com nós e entrenós e com folhas apenas no ápice.

Soma das alternativas corretas:

19. (FATEC) Três diferentes estruturas (I, II e III) de uma variedade de ervilha serviram como material para a construção de um cariótipo. O número de cromossomos encontrados em cada estrutura está apresentado a seguir:

Parte I: 7 cromossomos

Parte II: 21 cromossomos

Parte III: 14 cromossomos

As estruturas I, II, e III utilizadas para a construção desse cariótipo e o número diploide de cromossomos dessa variedade de ervilha são, respectivamente:

a) Óvulo, embrião e oosfera; 21 cromossomos.

b) Embrião, endosperma e grão-de-pólen; 14 cromossomos.

c) Núcleo espermático, endosperma e embrião; 14 cromossomos.

d) Grão-de-pólen, endosperma e embrião; 21 cromossomos.

e) Óvulo, embrião e grão-de-pólen; 7 cromossomos.

20. (IFPE) No reino Plantae encontramos os grupos vegetais, cuja metagênese (alternância de gerações) é bem marcante. Com relação aos seus ciclos reprodutivos, é correto afirmar que:

a) Os esporos são células haploides formadas pela meiose.

b) Nas briófitas, a fase dominante é o esporófito e a fase passageira é o gametófito.

c) O gametófito é diploide (2n), sendo formado pela germinação dos gametas.

d) Nas gimnospermas, o fruto é formado pelo desenvolvimento do óvulo fecundado e desenvolvido.

e) Nas pteridófitas, o gametófito é haploide e chamado de protonema.

21. (UPE) A evolução das plantas terrestres se deu a partir de plantas aquáticas, provavelmente algas clorofíceas multicelulares, relativamente complexas, há aproximadamente 500 milhões de anos. Entretanto, a conquista do ambiente terrestre necessitou de uma série de adaptações que permitissem sua sobrevivência e seu ciclo de vida. Os problemas enfrentados pelas espécies de plantas terrestres estão relacionados a seguir:

I. Desidratação.

II. Sustentação.

III. Reprodução.

IV. Respiração.

V. Nutrição.

Correlacione as adaptações evolutivas das plantas terrestres aos problemas listados acima. Assinale a alternativa que apresenta a respectiva correlação.

21

22. (UNIOESTE) Relativo a plantas superiores, é correto afirmar que:

01. A glicose produzida pela fotossíntese é transportada pelos vasos liberianos até as raízes.

02. As auxinas controlam o crescimento e determinam a curvatura do vegetal devido a uma distribuição desigual destas substâncias.

04. A heterostilia em certas espécies vegetais constitui uma adaptação destinada a evitar a polinização cruzada.

08. Em um caule, após alguns anos de vida, a parte periférica do lenho, mais nova, que mantém elementos vivos, é denominada alburno.

16. As flores são classificadas em oligostêmones quando o número de estames que apresentam é o dobro do número de pétalas.

32. Qualquer perda de vapor d’água pelas plantas é denominada sudação e se processa através das células do mesófilo foliar.

64. Segundo as condições ecológicas de umidade, as plantas hidrófitas são próprias de regiões secas e ensolaradas.

Soma das alternativas corretas:

23. (UDESC) As plantas pertencentes à Divisão Angiospermae ou Magnoliophyta apresentam reprodução sexuada com uma característica exclusiva denominada dupla fecundação. Em relação à dupla fecundação é correto afirmar que:

a) Uma célula espermática masculina se funde a um núcleo polar feminino originando o zigoto, e a outra célula espermática masculina se funde à oosfera que origina o endosperma.

b) Uma célula espermática masculina se funde à oosfera e origina o zigoto, e a outra célula espermática se funde com dois núcleos polares femininos dando origem a uma célula triploide.

c) O núcleo polar se funde à oosfera originando o zigoto, e a célula espermática se funde à sinérgide, dando origem ao albúmen.

d) Uma antípoda se funde à oosfera e origina o zigoto, e a outra antípoda se funde com um núcleo polar, originando a célula mãe do albúmen.

e) Uma sinérgide se funde à oosfera e origina o zigoto, e a outra sinérgide se funde com dois núcleos polares e origina uma célula triploide.

24. (UNICENTRO) O sistema caulinar, que consiste no caule e suas folhas, é a porção aérea da planta que é familiar. Assim como as raízes, os caules também costumam ser classificados de acordo com sua forma e função. Com base na morfologia dos diferentes tipos de caules, assinale a alternativa correta.

a) Colmos são estruturas complexas formadas pelo caule e por folhas modificadas.

b) Cladódios são caules subterrâneos que acumulam substâncias nutritivas, distinguindo-se das raízes por apresentar gemas laterais.

c) Estipes são caules geralmente não ramificados, que apresentam, no ápice, um tufo de folhas.

d) Gavinhas são ramos curtos, resistentes e com ponta afiada, que protegem a planta, afastando animais que poderiam danificá-la.

e) Rizóforos são ramos modificados que servem para a fixação de plantas trepadeiras.

25. (IFG) No reino vegetal, as angiospermas são o grupo mais evoluído, adaptaram-se a praticamente todos os ambientes aquáticos e terrestres. Muitas apresentam flores coloridas, com odor e néctar. Tudo isso para atrair animais para a polinização, que consiste no transporte do grão de pólen da antera até o estigma da flor. Sobre a reprodução das angiospermas, é correto afirmar que:

a) A flor é constituída de verticilos; cálice, formado por pétalas; corola, formada por sépalas, a parte colorida e atrativa da flor; órgãos reprodutores: o gineceu, masculino, e o androceu, feminino.

b) A polinização cruzada entre plantas da mesma espécie não é um fator favorável porque reduz a variabilidade genética.

c) Após a fecundação das angiospermas, o ovário fecundado se desenvolverá em uma semente, e o óvulo fecundado dará origem a um fruto.

d) Plantas de espécies diferentes podem se fecundar e desenvolver descendentes férteis, mediante determinadas condições ambientais, como a falta de água ou baixas temperaturas.

e) O grão de pólen, ao chegar ao estigma, produzirá o tubo polínico, que, chegando ao óvulo, deixará dois núcleos espermáticos: um que se unirá à oosfera, formando o embrião, e o outro, que se unindo aos núcleos polares, formará o endosperma triploide.

26. (PUC-PR) Palinologia é a ciência que estuda grãos de pólen, esporos e demais micro fósseis. Está baseada no fato de que cada espécie vegetal possui um único tipo de grão de pólen ou esporo. O conhecimento e identificação dos esporomorfos propiciam sua utilização em várias áreas.

Fonte: <http://www.ulbra.br/palinologia/palinologia.htm&gt;. Acesso em: 02 set. 2013.

Sabendo que as sementes e o pólen são adaptações essenciais à vida das plantas em ambientes terrestres, é correto afirmar:

a) Para atrair os agentes polinizadores bióticos, as espécies vegetais oferecem recompensas, pólen, néctar, óleos ou mesmo odores, utilizadas na alimentação ou reprodução dos animais como, por exemplo, a polinização que ocorre pela ação das abelhas em briófitas.

b) As anteras das pteridófitas são órgãos pouco visíveis, por isso a polinização se dá através da água.

c) A polinização é a transferência de grãos de pólen das anteras de uma flor para o estigma (parte do aparelho reprodutor feminino) da mesma flor ou de outra flor da mesma espécie. A polinização cruzada favorece o aumento da variabilidade genética.

d) Gimnospermas e angiospermas possuem sementes. As sementes derivam dos ovários não fecundados e apresentam um número diploide de cromossomos.

e) Até o surgimento das sementes, o grão de pólen era o único estágio de proteção no ciclo de vida das plantas. Os esporos são formados por mitose e permanecem dentro das sementes das gimnospermas.

27. (UNITAU) Três plantas (A, B e C) apresentam as seguintes características quanto à sua estrutura reprodutiva:

Planta A – apresenta sépala, pétala, estames e carpelos com estigma e estilete. O ovário fica abaixo do estilete.

Planta B – apresenta estróbilos masculinos que liberam pólens e estróbilos femininos que possuem um megasporângio no qual um megásporo se desenvolve.

Planta C – apresenta esporófito com esporângios, que liberam esporos que se desenvolvem em um gametófito haploide, o qual morre após a produção de gametas.

Considerando essas informações, as plantas A, B e C são classificadas, respectivamente, como:

a) Angiosperma, pteridófita, briófita.

b) Gimnosperma, briófita, algas clorofíceas.

c) Angiosperma, gimnosperma, pteridófita.

d) Briófita, pteridófita, basidiomiceto.

e) Algas clorofíceas, basidiomiceto, pteridófita.

28. (UEM) As pteridófitas foram as primeiras plantas a apresentarem tecido de condução, o que lhes possibilitou grande expansão no ambiente terrestre. Sobre a reprodução desse grupo, assinale o que for correto.

01. Os gametófitos, quando monoicos, produzem anterídios e arquegônios.

02. Para que ocorra a fecundação, é necessário que a água conduza o anterídio até o esporângio.

04. Os esporângios são estruturas diploides e os esporos são haploides.

08. A heterosporia ocorre em Selaginella, pertencente ao grupo Lycophyta (licopodíneas).

16. Os representantes do grupo Pterophyta (filicíneas) são caracterizados por apresentarem folhas reprodutivas chamadas de báculos.

Soma das alternativas corretas:

29. (PUC-RIO) O cladograma abaixo representa as relações filogenéticas dos principais grupos vegetais. A linha inclinada é uma representação do tempo, e os ramos laterais apontam a ocorrência de importantes eventos evolutivos:

29

No cladograma, os símbolos I, II e III representam, respectivamente, o surgimento de:

a) Vasos condutores, flores e frutos, sementes.

b) Sementes, flores e frutos, vasos condutores.

c) Flores e frutos, vasos condutores, sementes.

d) Vasos condutores, sementes, flores e frutos.

e) Flores e frutos, sementes, vasos condutores.

30. (UDESC) Um aluno precisava organizar a coleção botânica da sua escola, e separar as plantas em monocotiledôneas e dicotiledôneas. Assim selecionou plantas de arroz, trigo e milho, que foram corretamente colocadas em um grupo; enquanto as de feijão, soja e ervilha foram colocadas em outro grupo. Analise as proposições em relação às características de plantas monocotiledôneas e de dicotiledôneas, e assinale (V) para verdadeira e (F) para falsa.

( )  As raízes das monocotiledôneas são fasciculadas (cabeleira) e encontradas nas plantas de arroz, trigo e milho.

( ) As folhas das dicotiledôneas apresentam nervuras paralelas e podem ser observadas nas plantas de feijão e soja.

( ) As sementes de monocotiledôneas são constituídas por dois cotilédones e encontradas nas plantas de trigo.

( ) As flores das dicotiledôneas apresentam, geralmente, as peças florais em número de três ou múltiplos de três e são comuns nas plantas de milho e trigo.

( ) As folhas das monocotiledôneas são constituídas por nervuras reticuladas, ou ramificadas, e são observadas nas plantas de arroz e milho.

Assinale a alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo.

a) F – F – V – F – V.

b) V – V – F – F – F.

c) F – V – V – V – F.

d) F – V – F – V – F.

e) V – F – F – F – F.

gab

 

 

 

 

 

 

 


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: