Publicado por: Djalma Santos | 11 de junho de 2015

TESTES DE BIOTECNOLOGIA (II)

01. (PUC-RS) Com a participação de pesquisadores da PUC-RS, um projeto de biotecnologia permitiu o nascimen­to da primeira cabra clonada e transgênica da América Latina. Chamada pelos cientistas de Gluca, ela possui uma modificação genética que deverá fazer com que produza em seu leite uma proteína humana chamada glucocerebrosidase, usada no tratamento da doença de Gaucher. A técnica da _________ foi realizada introdu­zindo um _________ humano no núcleo de uma célula de cabra, para que o animal passasse a sintetizar uma proteína humana.

a) clonagem; gene

b) clonagem; RNA

c) clonagem; DNA

d) transgenia; RNA

e) transgenia; gene

02. (CEFET-MG) Para tratar um paciente com leucemia que contraiu AIDS, os médicos fizeram transplantes sucessivos de células-tronco retiradas da medula óssea de um doador imune ao HIV. Esse doador produz células de defesa sem os receptores para a infecção viral. Após o tratamento, o paciente continuou apresentando o câncer, mas não a AIDS.

                      Disponível em: <http://noticias.r7.com&gt;. Acesso em: 06 jan. 2014 (Adaptado).

Nesse caso, a cura mencionada foi atribuída à:

a) Recuperação das defesas do organismo pelo transplante.

b) Impossibilidade de penetração dos vírus nos novos linfócitos T.

c) Ausência de receptores de membrana em células-tronco indiferenciadas.

d) Ocupação dos sítios de proliferação do HIV pelas partículas cancerosas.

e) Reposição dos leucócitos mortos na infecção pela proliferação do câncer.

03. (UNIMONTES) Nos últimos anos, empresas tem investido na comercialização de insetos para controle de pragas. A BUG Agentes Biológicos tem representado o pioneirismo nessa área e se destacado como uma das maiores empresas inovadoras do mundo. O esquema abaixo mostra, resumidamente, como o processo funciona. Analise-o.

03

Considerando o assunto abordado e o esquema apresentado, analise as afirmativas a seguir e assinale a incorreta.

a) As vespas matam a larva da praga antes que nasça e promova uma infestação na cana-de-açúcar.

b) A morte das vespas apos 10 dias de nascimento evita desequilíbrio ambiental.

c) Como esse processo não reduz o uso de inseticidas, os benefícios para o meio ambiente e para o consumidor são pouco significativos.

d) Outras culturas, além da cana-de-açúcar, podem utilizar esse processo no controle de suas pragas.

04. (UFPA) A biotecnologia da fertilização in vitro humana abrange muitos aspectos biológicos e éticos sobre os quais é possível afirmar:

I. É necessária a multiplicação in vitro de espermatozoides e óvulos, separadamente, para que posteriormente, ambas as células germinativas sejam cultivadas juntas em um mesmo recipiente possibilitando a fertilização.

II. Numerosos embriões, obtidos in vitro são implantados no útero da mulher receptora para garantir que ocorra a gravidez por pelo menos um dos embriões implantados.

III. O descarte ou destruição dos embriões excedentes é polêmico, causando conflitos éticos, religiosos e jurídicos, sendo comparados muitas vezes ao aborto.

IV. Esta tecnologia gera a possibilidade de criação de seres humanos programados geneticamente, como, por exemplo, para a seleção de sexo.

V. No Brasil, a Lei nº 11.105/05, Lei de Biossegurança, permite pesquisas com células–tronco embrionárias usando-se embriões excedentes congelados.

Considerando estes aspectos, estão corretas as seguintes assertivas:

a) I, II e IV.

b) II, III e V.

c) II, III, IV e V.

d) I, III, IV e V.

e) Todas as assertivas.

05. (UNEAL) Leia os textos I e II para responder esta questão.

Texto I

Atualmente, as doenças ainda são, em sua maior parte, tratadas de forma ampla, sem considerar as diferenças genéticas entre os indivíduos. Além disso, os tratamentos não levam em conta que uma mesma doença, como o câncer de mama, pode estar associada a genes variados.

Texto II

O biólogo israelense Aaron Ciechanover, laureado com o Nobel de Química de 2004, por elucidar processo de degradação e reciclagem de proteínas, batizou o crescente uso dos testes genéticos para orientar o tratamento de doenças. (ATUALMENTE, …2014).

Marque com V as afirmativas verdadeiras e com F, as falsas.

De acordo com o biólogo israelense Aaron Ciechanover, vivemos a terceira revolução da medicina, que nos levará a um modelo em que as características únicas dos pacientes e das doenças ajudarão a definir seus tratamentos. Sob a luz da biotecnologia e da engenharia genética, essa nova tendência possui vantagens e desvantagens, tais como:

(  ) Tendência à personalização, previsão, prevenção e participação.

(  ) Emprego de tecnologia de sequenciamento genético mais rápida, de alto custo, contanto que seja capaz de sequenciar a totalidade do genoma humano.

(  ) Identificação e caracterização de marcadores moleculares para as várias doenças, assim como o desenvolvimento de drogas que modulem a atividade desses alvos biológicos.

(  ) Dificuldade de se realizarem experimentos em humanos e a ausência de modelos animais confiáveis são considerados obstáculos para o desenvolvimento do uso desse novo método de tratamento.

A alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo, é a:

a) F F V F.

b) F V F V.

c) V V F F.

d) V F V V.

e) V F V F.

06. (UCB) Todos os dias, é possível observar os avanços tecnológicos na área da ciência, tais como a descoberta de pó que pode gerar osso, da celulose de bactéria para regeneração de dentes e das plantas transgênicas, para citar alguns exemplos. Acerca da engenharia genética e da biotecnologia, julgue os itens a seguir.

I    II

0  0 – Entre os objetivos da manipulação genética em plantas cultivadas, está o desenvolvimento de plantas resistentes a insetos.

1   1 – A técnica do DNA recombinante utiliza plasmídios de bactérias e enzimas ligases.

2   2 – Um organismo transgênico é assim chamado, pois recebeu genes de outra espécie.

3   3 – O Projeto Genoma Humano permite constatar o parentesco das espécies, avaliando as diferenças entre seus genes.

4  4 – A terapia gênica atua na correção de defeitos genéticos, substituindo os genes defeituosos, assim como na produção de vacinas.

07. (UniEvangélica-Anápolis) Leia as afirmações a seguir.

I. Todos os organismos que têm reprodução assexuada formam clones.

II. A tecnologia do DNA recombinante consiste, basicamente, em “enxertar” no genoma de um organismo um gene de outra espécie, produzindo um organismo transgênico.

              GRIFFITS, Anthony J. F. et al. Introdução à genética. 8. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006. p. 351

A diferença básica entre um organismo clone e um organismo transgênico é a seguinte:

a) O organismo transgênico possui toda a informação gênica dos ancestrais e o clone possui somente a metade.

b) O clone pode se reproduzir constantemente e o transgênico não pode ter seguidas reproduções.

c) As células dos clones se dividem por mitose, a partir da célula inicial, e os transgênicos apenas por meiose.

d) Os clones são geneticamente idênticos ao organismo ancestral e os transgênicos são geneticamente diferentes dos ancestrais.

08. (X OLIMPÍADA BRASILEIRA DE BIOLOGIA)

O infográfico abaixo descreve de forma simplificada a aplicação da terapia gênica. Analise a figura e responda esta questão:

08

Identifique a alternativa que contenha uma doença metabólica que poderia ser combatida através desta terapia:

a) AIDS.

b) Escorbuto.

c) Miopia.

d) Diabetes mellitus.

e) Beribéri.

09. (UEG) As técnicas de engenharia genética podem ser consideradas ferramentas que possibilitam a identificação de pessoas com base na análise do DNA, além de propiciar aconselhamentos genéticos e resolver casos de paternidade desconhecida e problemas criminais. Sobre essas técnicas e sua importância, é correto afirmar:

a) O aconselhamento genético é indicado para casais normais e consanguíneos, em que um dos cônjuges recebeu irradiação ionizante ou fez ingestão de drogas mutagênicas.

b) A terapia gênica, também conhecida como geneterapia, consiste em introduzir genes anormais e recombinantes em pessoas que tenham o alelo que causa uma determinada doença.

c) A identificação de pessoas com base na análise do DNA possibilita um nível de certeza similar ao utilizado nas impressões digitais, ambas as técnicas são conhecidas como DNA fingerprint.

d) A engenharia genética permite alterar a composição gênica dos indivíduos num intervalo de tempo maior, visto que a reprodução seletiva não permite a manipulação de genes.

10. (CEFET-MG) Os avanços na biotecnologia permitem ao homem criar seres transgênicos através da manipulação do material genético. Sobre esses organismos, é correto afirmar que:

a) Possuem ciclo de vida anormal.

b) Causam grande desequilíbrio ambiental.

c) Produzem substâncias de outras espécies.

d) Oferecerem riscos confirmados a saúde humana.

11. (CESGRANRIO) A Lei de Biossegurança tenta regulamentar duas questões polêmicas no Brasil e no mundo: a produção e comercialização de organismos geneticamente modificados e a pesquisa com células-tronco. A esse respeito, analise as afirmações a seguir.

I. Células-tronco são células neutras que ainda não possuem características que as diferenciem como uma célula especializada de um determinado tecido e que podem ser usadas para gerar outro órgão.

II. Os transgênicos são aqueles produtos acrescidos de um novo gene ou fragmento de DNA para que desenvolvam uma característica em particular, como mudanças do valor nutricional ou resistência a pragas.

III. Muitos ambientalistas e alguns pesquisadores receiam que alimentos transgênicos possam prejudicar a saúde humana e modificar o meio ambiente.

IV. O principal objetivo das pesquisas com células-tronco é o seu uso para recuperar tecidos danificados por doenças cardiovasculares, neurovegetativas, diabetes, acidentes cerebrais, traumas na medula espinhal, dentre outras.

Está correto o que se afirma em:

a) I e II, apenas.

b) III e IV, apenas.

c) I, II e III, apenas.

d) I, III e IV, apenas.

e) I, II, III e IV.

12. (UFPB) A tecnologia do DNA recombinante abriu novas perspectivas no melhoramento genético dos organismos. Essa técnica consiste na inserção de um segmento de DNA de uma espécie em outra e, para o seu desenvolvimento, diversas enzimas são utilizadas. Com base na literatura sobre a tecnologia do DNA recombinante, é correto afirmar:

a) As enzimas de restrição identificam o segmento de DNA que será inserido na célula alvo.

b) Os plasmídeos são enzimas importantes para unir as moléculas de DNA.

c) A enzima DNA ligase é importante para inserir o DNA na célula alvo.

d) As enzimas de restrição são utilizadas para cortar a molécula de DNA.

e) O uso de plasmídeos diminui a eficiência das técnicas de manipulação do DNA.

13. (PUCCAMP) Os avanços biotecnológicos fazem-se notar sobretudo no setor agrícola. A cada ano são anunciados os resultados de novos experimentos, tais como manipulação genética para obtenção de sementes mais produtivas e criação de novas linhagens de plantas, levando a um grande aumento na produção de alimentos. Todavia, o problema da fome persiste no mundo. Por que? Em uma discussão sobre o assunto, surgiram as seguintes respostas:

I. Não há igualdade de distribuição de alimentos entre países e dentro de um mesmo país.
II. Em muitas regiões, o aumento da população sobrepuja o aumento na produção de alimento.
III. Pragas atacam e apodrecem alimentos armazenados, impedindo que sejam distribuídos às populações carentes.
IV. A má distribuição de renda deixa boa parte da população humana impossibilitada de comprar alimento.
Estão corretas
a) I e II, somente.
b) I e III, somente.
c) II e III, somente.
d) I, II e III, somente.
e) I, II, III e IV.

14. (UFSM) Bioma é uma região com o mesmo tipo de clima, possui plantas e animais característicos [Planeta Terra: Ecossistemas, 2008]. Mas, como a interferência do homem na natureza é constante, os cientistas criaram uma nova espécie de mosquito da malária modificado geneticamente para não transmitir essa doença e o introduziram na Amazônia. Então, é correto afirmar que:

a) Modificar geneticamente um mosquito não significa alterar o seu DNA.

b) Modificar um organismo geneticamente significa cruzar espécies diferentes.

c) A modificação genética dos mosquitos pode ser feita pelo cruzamento dos mosquitos da malária com outros tipos de insetos, gerando novas combinações.

d) Os ambientalistas defendem o uso da engenharia genética, pois os seus efeitos são totalmente previstos e controlados, não trazendo perigo para a humanidade.

e) Transgenia significa a inserção de um gene de uma espécie diferente em outra espécie.

15. O diabetes tipo I era letal até 1621, quando se descobriu o papel da proteína insulina na regulagem do nível de açúcar no sangue. Desde então, a produção dessa proteína tornou-se um negócio industrial. No início, ela era obtida de animais domésticos, pois difere apenas ligeiramente da insulina humana; numa cadeia com 51 aminoácidos, os porcos diferem em um aminoácido e as vacas em três. Essa pequena diferença, às vezes, é suficiente para provocar efeitos adversos em alguns pacientes, como alergia. A utilização da tecnologia do DNA recombinante, por meio do processo esquematizado a seguir, resolveu esse problema para os diabéticos.

15

De acordo com o texto, o esquema e os seus conhecimentos, é correto afirmar que:

a) A insulina produzida pela bactéria é idêntica à insulina de porcos e vacas, no entanto é mais pura.

b) Os efeitos adversos eram mais comuns quando se administrava aos pacientes a insulina suína.

c) A tradução da insulina humana utilizou aminoácidos, ribossomos e RNAt da bactéria.

d) A insulina produzida pela bactéria é idêntica à obtida em animais como os porcos e as vacas.

e) O processo esquematizado não é possível, pois DNA humano e bacteriano não se recombinam.

16. (UFPEL) O esquema a seguir mostra uma clonagem reprodutiva humana. Nesse processo, o núcleo de uma célula somática de um tenista é retirado, (1), é removido o núcleo de um ovócito, (2) e finalmente é introduzido o núcleo da célula do atleta no ovócito enucleado, (3). Essa nova célula, (4), é transferida para um útero para que se desenvolva e forme um embrião. O embrião se desenvolverá, e o adulto (5) terá praticamente as mesmas características fenotípicas do indivíduo que doou o núcleo, uma vez que o fenótipo é resultado do genótipo (DNA) mais as influências do ambiente. Por muito tempo, o núcleo foi considerado uma organela que apresentava as seguintes estruturas: um envoltório, o material genético (DNA, RNA), o nucléolo e enzimas. Em 1997, porém, cientistas britânicos descobriram uma nova estrutura nuclear, que foi denominada de retículo nucleoplasmático, sendo descrita como uma estrutura membranosa que está envolvida no processo de regulação de cálcio.

                                                                                             “Ciência Hoje”, n0. 195, 2003 [adapt.]

16

Com base no texto e em seus conhecimentos, é incorreto afirmar que:

a) O núcleo é uma organela exclusiva das células eucarióticas. No seu interior, estão presentes várias enzimas, entre elas as envolvidas nos processos de transcrição e replicação.

b) O nucléolo é responsável pela síntese do RNA ribossômico; este – juntamente com proteínas – forma os ribossomos, estruturas importantes no processo de tradução.

c) A função do retículo nucleoplasmático é semelhante à do retículo endoplasmático, que é uma organela citoplasmática.

d) Todo o DNA da nova célula formada na clonagem citada no texto, (4), será a célula doadora do núcleo.

e) O envoltório nuclear é formado por duas membranas, sendo que cada uma delas é composta por duas camadas de lipídios com proteínas inseridas.

17. (FEI) Células-tronco são células primitivas, produzidas durante o desenvolvimento do organismo e que dão origem a outros tipos de células. Os tipos de células-tronco são as:

a) Totipotentes, que produzem as células embrionárias e as extra embrionárias.

b) Oligopotentes, que produzem as pluripotentes.

c) Unipotentes, que produzem vários tipos de células imaturas.

d) Pluripotentes, que produzem somente um tipo de célula embrionária.

18. Tracy foi uma ovelha gerada na Inglaterra em 1992. Ela possui um gene humano para produzir a proteína alfa-1-antripsina e a excreta no leite. A Tracy é:

a) Um clone.

b) Um organismo assexuado.

c) Um híbrido.

d) Um plasmídio.

e) Um organismo transgênico.

19. (UPE) Para responder esta questão leia o texto a seguir:

19a

                Disponível em: http://revistapesquisa.fapesp.br/2013/04/18/pesquisadoresidentificam-ancestral-dos-vertebrados-de-quatro-patas/. Adaptado.

19b

Em relação ao experimento com o uso de transgenia mencionado no texto, assinale a alternativa correta.

a) Os celacantos são considerados transgênicos por possuírem bactérias que permitem a inserção de genes de desenvolvimento de membros nos camundongos.

b) Os camundongos são considerados transgênicos por possuírem, naturalmente, genes de desenvolvimento do celacanto, responsáveis pela ativação de genes codificadores de proteínas relacionadas ao desenvolvimento de membros.

c) Os genes de desenvolvimento de membros nos celacantos ativaram os mesmos mecanismos para o surgimento de membros nos camundongos transgênicos, evidenciando sua ancestralidade comum.

d) Os genes inativos relacionados ao desenvolvimento de membros do celacanto são responsáveis pela ativação de genes inativos codificadores de membros nos embriões de camundongos transgênicos.

e) Os genes do celacanto receberam e incorporaram os nucleotídeos dos genes do camundongo, permitindo o acesso ao genoma do mamífero, que, nesse caso, é um organismo transgênico.

20. (PUCCAMP) Os projetos genomas, que estão sendo desenvolvidos em centros de pesquisas de vários países, empenham-se no momento em descobrir:

a) A interação dos genes.
b) A expressão dos genes, isto é, como eles agem.
c) A sequência exata de nucleotídeos de cada gene.
d) Quais nucleotídeos servem de molde para a síntese de RNAm.
e) Como ocorrem a duplicação e as mutações dos nucleotídeos.

21. (UFSM) Células-tronco são células com capacidade de se diferenciar em vários tipos celulares, e seu estudo pode trazer contribuições importantes para a medicina. Sobre as células-tronco naturais do corpo humano, e correto afirmar:

I. São diploides e originam-se de divisões mitóticas.

II. O padrão de atividade de seus genes determina a diferenciação celular.

III. Para haver diferenciação, e necessário induzir alterações no numero de cromossomos ou na estrutura dos genes.

IV. São diploides, com exceção das células-tronco embrionárias, haploides.

Estão corretas:

a) Apenas I e II.

b) Apenas I e III.

c) Apenas II e IV.

d) Apenas II, III e IV.

e) Apenas III e IV.

22. (UFAM) O projeto do genoma humano, concluído em 2003, foi uma intrépida viagem para o interior do homem. Antes da finalização do projeto, as projeções para o número de genes humanos eram em torno de 100.000. Era evidente que esse complexo vertebrado que foi capaz de enviar uma nave espacial a Marte e escrever Guerra e Paz deveria necessitar de muito mais genes que uma levedura (Saccharomyces cerevisiae) ou uma mosca da fruta (Drosophila melanogaster). Com a conclusão do projeto, diversas informações extremamente relevantes vieram à tona. Uma das questões que foi melhor abordada diz respeito a relação, entre a complexidade do ser humano e o número de genes que ele possui. Sendo assim, é correto afirmar que:

a) Por sermos mais complexos, apresentamos muito mais genes que os demais seres vivos em uma escala evolutiva.

b) Não há relação direta entre a complexidade de um ser vivo e o número de genes codificadores de proteínas que ele apresenta.

c) Os seres humanos compartilham entre si menos que 50% de seus genes, donde se conclui que há razões científicas para a segregação das raças.

d) A complexidade dos seres humanos pode ser totalmente explicada pela idade evolutiva da nossa espécie, visto que espécies mais antigas apresentam um genoma maior.

e) O nosso genoma apresentou muito mais genes do que previamente se esperava encontrar; isso demonstra a relação direta entre complexidade e tamanho do genoma.

23. (UFG) Leia o texto a seguir.

No Brasil, atualmente, existe a Rede BrasilCor, que congrega bancos públicos de cordão umbilical e placentário em todo país, sendo um aliado importante na luta contra as doenças hematológicas como a leucemia.

                           Disponível em: <http://www.inca.gov.br&gt;. Acesso em: 3 set. 2013. (Adaptado).

Para o tratamento dessa doença, é necessário o transplante de medula óssea. O material biológico armazenado nesses bancos pode ser utilizado para esse tratamento, pois é rico em:

a) Glóbulos brancos.

b) Células-tronco.

c) Glóbulos vermelhos.

d) Plaquetas.

e) Macrófagos.

24. (UFMG) Em 1978, registrou-se o nascimento do primeiro bebê gerado in vitro. Desde então, alguns aspectos éticos importantes vêm sendo discutidos em relação às consequências da aplicação de técnicas de reprodução humana assistida sobre o equilíbrio genético de populações humanas. Todas as alternativas apresentam procedimentos que podem alterar esse equilíbrio genético, exceto:

a) Clonagem.

b) Doação de embriões.

c) Seleção de embriões.

d) Seleção de sexo.

25. (UNIOESTE) O esquema abaixo representa o resultado de um exame de paternidade realizado pela técnica de impressão digital de DNA (DNA fingerprint), onde A representa a suposta mãe, B suposto pai 1, C suposto pai 2 e D-E-F são as crianças.

25

Observe a figura acima, analise as proposições e escolha a(s) correta(s).

01. D é filho de A com B.

02. E é filho de A com B.

04. F é filho de A com C.

08. D e E são filhos de A com B.

16. D e F são filhos de C.

32. F é filho de C com outra mulher.

64. B não é o pai de qualquer das crianças.

Soma das alternativas corretas:

26. (UEM) Uma maneira de se obter o clone de um animal é transferir o núcleo de uma célula somática de um animal adulto Y para um óvulo de uma fêmea X da mesma espécie, do qual foi previamente eliminado o núcleo. O embrião resultante é implantado no útero de um animal Z (da mesma espécie), originando um novo indivíduo (clone). Sobre esse assunto, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

I   II

0  0 – O DNA nuclear do clone é igual ao do organismo Y.

1   1 – O DNA mitocondrial do clone é igual ao do organismo X.

2  2 – Clones genotipicamente idênticos terão os mesmos fenótipos por causa da ação do meio.

3  3 – Clones naturais são comuns em esponjas.

4  4 – Clone é o indivíduo originário de outro, de forma assexuada, com o mesmo patrimônio genético.

27. (PUC-SP) Pesquisas recentes indicam que segmentos de DNA dispostos entre os genes nos cromossomos, conhecidos por “DNA lixo”, teriam importante papel na regulação da atividade gênica. Até o momento, sabe-se que tais segmentos podem servir de molde na transcrição de moléculas. Esses segmentos de DNA:

a) São capazes de controlar a produção de RNA e estão presentes em apenas algumas células do corpo.

b) Não são capazes de controlar a produção de RNA e estão presentes em apenas algumas células do corpo.

c) São capazes de controlar a produção de RNA, sendo transmitidos de uma célula às suas filhas no processo de mitose.

d) Não são capazes de controlar a produção de RNA e não são transmitidos de uma célula às suas filhas no processo de mitose.

e) Não são capazes de se replicar nem de controlar a produção de RNA.

28. (PUC-CAMPINAS) Para responder esta questão considere o texto abaixo

A receita mais antiga da história ensina a fazer cerveja e foi escrita na Mesopotâmia, há cerca de 4 mil anos. Desde aquela época, a matéria-prima básica da bebida era a cevada, primeiro cultivo da humanidade. O grão desse cereal é tão duro que, colocado na água, ele não amolece. É por isso que os cervejeiros precisam fazer o malte – um grão de cevada germinado e seco. O embrião da semente produz enzimas que quebram as pedrinhas de amido guardadas ali. Macio, o grão solta na água esse ingrediente energético para formar o mosto. As enzimas também partem o amido em moléculas de maltose, açúcar que vai alimentar as leveduras, a seguir, na fermentação.

                                                                                        (Revista Galileu, outubro de 2012. p. 77)

Dado: Reação global que ocorre na fermentação da maltose:

28

“A Cevada BR 2, criada pela Embrapa-Centro Nacional de Pesquisa de Trigo (CNPT), originou-se a partir de descendentes F3 de duas linhagens puras. A BR 2 é a primeira cevada brasileira resistente a Pyrenophora teres, agente causal da mancha-reticular, principal moléstia da cevada no Brasil.”

(Adaptado de Minella,E.; Arias, G.; Linhares, A.G.; Silva, M.S. − Cultivar de cevada cervejeira resistente à mancha-reticular causada por Pyrenophora teres. Pesq. agropec. bras. v.34, n.11, 1999)

A descrição da cevada BR 2 indica que foi obtida por um processo de:

a) Genômica e de bioinformática.

b) Engenharia genética.

c) Tecnologia de DNA recombinante.

d) Criação de transgênicos.

e) Cruzamento e seleção.

29. (UNIOESTE) “A dengue infecta anualmente cerca de 100 milhões de pessoas no mundo, provocando diversos problemas: desde dores, semelhantes as da gripe, até hemorragia interna, choque e morte. Não existe vacina nem cura para a doença e a principal estratégia da saúde pública é impedir que as pessoas sejam picadas pelo mosquito Aedes aegypti seu transmissor. Entretanto, novas ideias de controle envolvendo a genética estão sendo desenvolvidas. Biólogos da Universidade da Califórnia adicionaram genes que bloqueiam o desenvolvimento dos músculos de voo em A. aegypti fêmeas, responsáveis por picar seres humanos e consequentemente transmitir o vírus da dengue. Assim, sem conseguirem voar, não são capazes de se alimentar do sangue humano, nem de transmitirem o vírus, e acabam morrendo de inanição. Os pesquisadores também adicionaram no DNA do inseto genes para proteínas fluorescentes, que fazem as larvas modificadas brilharem em vermelho e verde, permitindo o acompanhamento da propagação dos genes na população.”

                                    Texto adaptado da revista Scientific American Brasil, ano II, no 11, 2012.

Com base no texto e correto afirmar que:

a) Mosquitos transgênicos, ao se reproduzirem, transmitem os genes inseridos aos seus descendentes.

b) Fragmentos do DNA exógeno são inseridos no genoma de células do aegypti fêmea por meio de plastídios nucleares.

c) Os benefícios dos mosquitos geneticamente modificados justificam sua utilização no meio ambiente e, por isso, não necessitam ser testados.

d) Transgênicos são obtidos por seleção artificial, processo de cruzamentos seletivos conduzidos pelo homem com o objetivo de selecionar características de interesse comercial.

e) Transgênicos são organismos que recebem genes da mesma espécie.

30. (UEG) Além de identificar um número representativo de genes humanos e de outros organismos, os cientistas brasileiros desenvolveram uma estratégia de sequenciamento do genoma de uma bactéria que causa a doença conhecida como “amarelinho” e que atinge as plantações de frutos cítricos no Brasil. A finalidade dos “projetos genômicos” dos diferentes seres vivos permite:

a) Identificar os organismos transgênicos e possibilitar a reprodução sexuada em ambiente natural destes organismos.

b) Reconhecer as mutações como alterações no código genético e os fatores radioquímicos que geraram tais mutações.

c) Identificar a posição de cada gene no cromossomo e estabelecer a sequência de base nitrogenada.

d) Manipular genes, corrigir defeitos no código genético e diminuir os efeitos dos genes letais.

gab

 

 

Anúncios

Responses

  1. Olá… a questão numero 6, A técnica do DNA recombinante utiliza plasmídios de bactérias e enzimas ligases. ( enzimas ligases) não seria enzimas de restrição… portanto o gabarito estaria errado… obrigada

    • 06. (UCB) Todos os dias, é possível observar os avanços tecnológicos na área da ciência, tais como a descoberta de pó que pode gerar osso, da celulose de bactéria para regeneração de dentes e das plantas transgênicas, para citar alguns exemplos. Acerca da engenharia genética e da biotecnologia, julgue os itens a seguir.
      I II
      0 0 – Entre os objetivos da manipulação genética em plantas cultivadas, está o desenvolvimento de plantas resistentes a insetos.
      1 1 – A técnica do DNA recombinante utiliza plasmídios de bactérias e enzimas ligases.
      2 2 – Um organismo transgênico é assim chamado, pois recebeu genes de outra espécie.
      3 3 – O Projeto Genoma Humano permite constatar o parentesco das espécies, avaliando as diferenças entre seus genes.
      4 4 – A terapia gênica atua na correção de defeitos genéticos, substituindo os genes defeituosos, assim como na produção de vacinas.
      ITEM 11 (“A técnica do DNA recombinante utiliza plasmídios de bactérias e enzimas ligases.”) – CORRETO.
      – A técnica do DNA recombinante utiliza, dentre outras “ferramentas”, as DNA ligases (enzimas ligases). Ver CLONAGEM GÊNICA, matéria publicada neste blog no dia 26/02/2011.
      Djalma Santos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: