Publicado por: Djalma Santos | 16 de setembro de 2015

TESTES DE CITOLOGIA (2)

01. (PUC-GO) Leia o texto a seguir para responder esta questão

Ocasiões há, em que o sertanejo dá para assobiar. Cantar, é raro; ainda assim, à surdina; mais uma voz íntima, um rumorejar consigo, do que notas saídas do robusto peito. Responder ao pio das perdizes ou ao chamado agoniado da esquiva jaó, é o seu divertimento em dias de bom humor.

É-lhe indiferente o urro da onça. Só por demais repara nas muitas pegadas, que em todos os sentidos cortam a estrada.

— Que bichão! murmura ele contemplando um rasto mais fortemente impresso no chão; com um bom onceiro não se me dava de acuar este diabo e meter-lhe uma chumbada no focinho.

O legítimo sertanejo, explorador dos desertos, não tem em geral família. Enquanto moço, o seu fim único é devassar terras, pisar campos onde ninguém antes pusera pé, vadear rios desconhecidos, despontar cabeceiras e furar matas que descobridor algum até então haja varado.

Cresce-lhe o orgulho na razão direta da extensão e importância das viagens empreendidas; o seu maior gosto cifra-se em enumerar as correntes caudais que transpôs, os ribeirões que batizou, as serras que trasmontou e os pantanais que afoitamente cortou, quando não levou dias e dias a rodeá-los com rara paciência.

Cada ano que finda lhe traz mais um valioso conhecimento e acrescenta uma pedra ao monumento da sua inocente vaidade.

— Ninguém pode comigo, exclama ele enfaticamente. Nos campos da Vacaria, no sertão do Mimoso e nos pântanos do Pequiri, sou rei.

E esta presunção de realeza infunde-lhe certo modo de falar e de gesticular majestático em sua singela manifestação.

A certeza, que tem de que nunca poderá perder-se na vastidão, como que o liberta da obsessão do desconhecido, o exalta e lhe dá foros de infalibilidade. Se estende o braço, aponta com segurança para o espaço e declara peremptoriamente:

— Neste rumo, daqui a vinte léguas fica o espigão-mestre de uma serra braba, depois um rio grosso: dali a cinco léguas outro mato sujo que vai findar num brejal. Se vassuncê frechar direitinho assim, umas duas horas, topa com o Pouso do Tatu, no caminho que vai a Cuiabá.

O que faz numa direção, com a mesma imperturbável serenidade e firmeza o indica em qualquer outra.

A única interrupção que aos outros consente, quando conta os inúmeros descobrimentos, é a da admiração. À mínima suspeita de dúvida ou pouco caso, incendem-se-lhe de cólera as faces e no gesto denuncia indignação.

Vassuncê não credita! protesta então com calor. Pois encilhe o seu bicho e caminhe como eu lhe disser. Mas assunte bem, que no terceiro dia de viagem ficará decidido quem é cavouqueiro e embromador. Uma coisa é mapiar à toa, outra, andar com tento por este mundo de Cristo.

(TAUNAY, Visconde de. Inocência. 3. ed. São Paulo: FTD, 1996, p. 30-31. Adaptado.)

“É-lhe indiferente o urro da onça. Só por demais repara nas muitas pegadas, que em todos os sentidos cortam a estrada.

— Que bichão! murmura ele contemplando um rasto mais fortemente impresso no chão; com um bom onceiro não se me dava de acuar este diabo e meter-lhe uma chumbada no focinho.”

O trecho extraído da obra Inocência, de Visconde de Taunay (Texto acima), faz menção a um dos maiores felinos do mundo, a onça, um animal ameaçado de extinção. Acredita-se que a onça-preta (pelagem totalmente preta) seja uma variação da onça-pintada (pelagem amarelo-castanho com manchas pretas), um caso de mutação dentro na mesma espécie.

Sobre o tema mutação, leia atentamente as alternativas abaixo e marque a única correta:

a) A poliploidia é uma aneuploidia que produz alterações estruturais nos cromossomos.

b) A deleção é uma mutação cromossômica que leva à redução do número de cromossomos do genótipo.

c) A trissomia é uma aneuploidia causada por alteração numérica dos cromossomos..

d) A triploidia é uma alteração estrutural dos cromossomos.

02. A membrana plasmática já estava presente na estrutura do ser primordial, devido, entre outras ações, à sua importante função no controle da entrada e saída de determinadas moléculas da célula. A respeito dessa função, pode-se afirmar que:

a) A composição glicoproteica da membrana favorece a passagem de substâncias com afinidades químicas diferentes.

b) A membrana consegue isolar a célula do ambiente externo, impedindo que os ambientes intra e extracelular se tornem idênticos em sua concentração.

c) A presença da membrana plasmática no primeiro ser vivo foi essencial para dar individualidade química ao citoplasma da célula original e, consequentemente, permitir a manutenção das reações metabólicas nos primeiros seres primitivos, mantendo-o “distinto” do meio.

d) A propriedade de autosselagem é responsável pela capacidade da membrana de desenvolver um transporte através de permeases.

e) Determinadas substâncias, como a água, sofrem uma rigorosa restrição de movimento através da membrana, devido à sua importância na manutenção do metabolismo celular.

03. (UCPel) A membrana plasmática é constituída, principalmente, por proteínas e lipídeos. Essa, apesar de invisível ao microscópio óptico, está presente:

a) Em todas as células, seja ela procariótica ou eucariótica.

b) Apenas em células animais.

c) Apenas em células bacterianas.

d) Apenas em células vegetais.

e) Em todos os vírus.

04. (UFPel)   ”Caiu na rede é invasor”

Os neutrófilos são células do sangue responsáveis por fazer a defesa no nosso corpo. Eles apresentam o núcleo dividido em partes (lóbulos) e o citoplasma repleto de grânulos, que armazenam moléculas capazes de matar microrganismos (Figura abaixo). Essas células desempenham a função microbicida por meio de três mecanismos: fagocitose, de granulação e por um mecanismo descoberto recentemente, a “netose”. Neste caso, a cromatina é liberada formando uma armadilha em rede (net) que confina os agentes causadores de doenças, evitando a sua disseminação pelo corpo e permitindo a ação conjunta e localizada das diversas proteínas microbicidas.

Ciência Hoje, vol. 48, nº 285, Setembro 2011 [adapt.].

04

Com base em seus conhecimentos e nos “textos”, é correto afirmar que:

a) Durante o processo de “netose”, a célula fagocita a Leishmania e depois perde dois núcleos, ficando apenas com um.

b) A rede que aprisiona a Leishmania é formada principalmente pelo citoesqueleto da célula, que se localiza no citoplasma.

c) Outra função do núcleo, além da ”netose”, é a produção de proteínas, pois ele é responsável pelo processo da tradução.

d) No processo de fagocitose, o neutrófilo forma pseudópodos que envolvem o patógeno, conduzindo-o para o interior da célula.

e) O núcleo é uma organela presente apenas nos eucariotos, portanto o protozoário Leishmania é anucleado.

05. (UFAM) Por mais que tentemos justificar a importância da membrana plasmática, isso sempre se torna uma tarefa aquém de sua real importância: simplesmente sem ela, não haveria vida. Em seu conceito mais elementar, as membranas plasmáticas definem os limites celulares. Dada sua importância, observe a figura a seguir e relacione os termos com sua respectiva numeração na figura.

05

A sequência que relaciona corretamente os termos é:

a) 1- meio extracelular; 2- citosol; 3- proteína periférica; 4 – proteína integral; 5 – carboidratos; 6 – região hidrofílica; 7- região hidrofóbica.

b) 1- citosol; 2 – meio extracelular; 3 – proteína periférica; 4 – proteína integral; 5 – carboidratos; 6 – região hidrolítica; 7 – região hidrofóbica.

c) 1 – meio extracelular; 2 – citosol; 3 – proteína integral; 4 -proteína periférica; 5 – carboidratos; 6 – região hidrofílica; 7 – região hidrofóbica.

d) 1 – meio extracelular; 2 – citosol; 3 – proteína periférica; 4 – proteína integral; 5 – carboidratos; 6 – região hidrofóbica; 7 – região hidrofílica.

e) 1- meio extracelular; 2- citosol; 3 – proteína integral; 4 – proteína periférica; 5 – carboidratos; 6 – região hidrofóbica; 7- região hidrofílica.

06. (COVEST) A figura abaixo representa uma membrana celular, estrutura essencial por limitar o conteúdo da célula e regular a troca de substâncias entre os meios intra e extracelular. Nesse sentido, podemos afirmar que:

06

I   II

0  0 – A imagem representa o modelo de mosaico-fluido.

1  1 – O item 1, na figura, representa uma proteína globular.

2  2 – O item 2, na figura, representa a parte hidrofóbica dos lipídios.

3 3 – A membrana celular possui proteínas associadas aos lipídios, o que está representado pelo item 3 da figura.

4 4 – Em função de sua constituição química, substâncias lipossolúveis podem atravessar a membrana por difusão simples.

07. (UFJF) Segundo o Portal da Sociedade Brasileira de Dermatologia, o Pênfigo Foliáceo Brasileiro ou fogo selvagem é uma doença caracterizada pelo aparecimento de bolhas, feridas e crostas na pele e mucosas. Essa doença é causada pela destruição de estruturas que aumentam a adesão entre as células do tecido epitelial. Assinale a opção correta que indica a estrutura que é responsável pela adesão entre as células.

a) Ribossomos.

b) Desmossomos.

c) Junções comunicantes.

d) Lisossomos.

e) Fagossomos.

08. (UFU) A explicação correta sobre o fato da composição química do meio intracelular ser muito diferente daquela referente ao meio extracelular é a presença de:

a) Uma membrana celular altamente impermeável que controla a entrada e saída de solutos da célula.

b) Uma membrana plasmática com transportadores e canais proteicos que regulam as trocas entre os meios.

c) Uma membrana plasmática com organização molecular que impede troca de substâncias entre os meios.

d) Uma membrana celular com composição predominantemente lipídica o que a torna permeável aos solutos.

09. (UCPel) As paredes celulares sofrem modificações que permitem o fácil movimento de água e de materiais dissolvidos de uma célula para outra. Nas células, que não desenvolvem parede secundária, a parede primária apresenta, geralmente, regiões delgadas. Cordões plasmáticos atravessam a parede primária nessas regiões, permitindo o livre movimento de substâncias de célula para célula, sem precisar atravessar a membrana plasmática. Baseado no exposto anteriormente e em seus conhecimentos, assinale, abaixo, a alternativa que expressa corretamente o nome dado a esses cordões plasmáticos, que ligam as células adjacentes.

a) Desmossomos.

b) Plasmodesmos.

c) Interdigitações.

d) Microvilosidades.

10. (PUC-CAMPINAS) Para responder esta questão considere o texto abaixo

Até hoje o corpo humano é um enorme depósito de gorduras. Até uma pessoa magra, de 1,80 m de altura e 70 kg, carrega consigo, em média, cerca de um quinto de seu peso em forma de gordura; ou seja, 14 quilos. (…) Independente de como esse material está distribuído, ele sempre é constituído do mesmo tipo de célula − o adipócito ou célula adiposa. (…) Programados para se depositarem, os adipócitos vão juntando gradualmente os blocos de construção básica que formam a gordura: os ácidos graxos. Cada três deles constroem um chamado triglicerídeo, uma minúscula molécula de gordura que é armazenada pelas células (…).

(Revista Geo, n. 38. p. 47)

As gorduras, também conhecidas como lipídeos, são componentes estruturais importantes. Nas membranas celulares encontram-se na forma de fosfolipídeos, e organizam-se:

a) Em uma bicamada na membrana celular e em camada única na carioteca.

b) Em uma bicamada, com as partes apolares voltadas para o interior.

c) Em uma camada simples, sendo a parte apolar interna à célula.

d) Na camada central, protegidos pelas proteínas estruturais da membrana.

e) Densamente em torno das proteínas estruturais do citoesqueleto.

11. (UFJF) Analise as informações abaixo sobre a membrana plasmática e especializações de membrana.

I. O glicocálice é caracterizado pela presença de glicídios ligados às proteínas e aos lipídios na face interna de membrana.

II. O glicocálice participa do reconhecimento de uma célula por outra, promovendo a adesão entre elas.

III. Os microvilos aumentam a superfície de absorção de alimentos na cavidade intestinal.

IV. Células glandulares podem apresentar estruturas semelhantes aos microvilos, que aumentam a velocidade de eliminação do produto secretado.

V. O glicocálice está presente nas células animais e vegetais, mas não em protistas.

São corretas as alternativas:

a) I, II e III.

b) II, III e IV.

c) II, III e V.

d) I, III, IV e V.

e) I, II, IV e V.

12. (UEPG) Os conhecimentos atuais sobre a membrana plasmática permitiram a construção de um modelo conhecido como mosaico fluido. Com relação à estrutura, função e permeabilidade da célula, assinale a alternativa correta.

a) Um exemplo de transporte passivo pela membrana é a chamada bomba de sódio.

b) As proteínas presentes nas membranas têm função apenas estrutural e nunca funcionam como receptoras.

c) O glicocálix tem função protetora e realiza reconhecimento de moléculas, além de revestir a face interna da membrana plasmática.

d) O transporte ativo depende de energia fornecida pela Adenosina Trifosfato – ATP e ocorre contra gradientes de concentração.

e) O modelo de membrana lipossolúvel constitui-se de uma bicamada lipídica denominada anfipática; a parte situada entre as duas camadas é hidrofílica e as faces externas hidrofóbicas.

13. (UEM) Sobre a membrana plasmática, assinale o que for correto.

01. A parede celular é um revestimento externo da membrana plasmática e está relacionada à sustentação das células de vegetais, de algas, de fungos e de bactérias.

02. Durante o transporte passivo, a célula transporta substâncias contra o gradiente de concentração, o que envolve gasto de energia e consumo de ATP.

04. Microvilosidades são modificações da membrana plasmática, encontradas nas células do tecido de revestimento interno do intestino, que aumentam a superfície de absorção.

08. A troca gasosa realizada nas brânquias de um peixe é um exemplo de difusão simples, processo que ocorre diretamente pela bicamada lipídica da membrana, sem “gasto” de energia.

16. Ciclose é o processo de entrada e de movimento de partículas sólidas no citoplasma, realizado pelas expansões citoplasmáticas.

Soma das alternativas corretas:

14. (UFSJ) Em relação à estrutura da membrana celular, assinale a alternativa correta.

a) A membrana celular tem como uma de suas propriedades principais a seletividade. De acordo com a conformação de sua estrutura, a membrana pode, em determinado momento, modificar sua estrutura para permitir que algumas moléculas passem livremente por ela e, em outros momentos não permitir que a mesma molécula a atravesse. Essa propriedade é fundamental no metabolismo celular.

b) A membrana celular é formada por uma bicamada lipídica, que faz com que o meio externo não tenha contato com o meio intracelular, sendo esta a principal função da membrana, evitar que moléculas extracelulares invadam o meio interno da célula.

c) A bicamada lipídica é a estrutura celular responsável pela proteção das células. Dentro de seu limite, as organelas estão soltas e se deslocam livremente, de um lado para outro, imersas no citoplasma.

d) A rigidez ou fluidez da célula é dependente da composição dos lipídios presentes na membrana celular. Assim, se os lipídios forem de composição rígida, a célula poderá apresentar uma parede celular mais espessa. Se, por outro lado, os lipídios forem mais fluidos, a célula apresentará conformação mais frouxa.

15. (UECE) As células apresentam um envoltório, que as separa do meio exterior, denominado membrana plasmática, extremamente fina. A disposição das moléculas na membrana plasmática foi proposta por Singer e Nicholson, e recebeu o nome de Modelo Mosaico Fluido, que pode ser definido como:

a) Dupla camada lipídica com extremidades hidrofóbicas voltadas para o interior da célula e extremidades hidrofílicas voltadas para proteínas globulares, presente apenas em eucariontes.

b) Uma camada lipídica com extremidades hidrofílicas voltadas para dentro e extremidades hidrofóbicas voltadas para proteínas globulares, em que as proteínas encontram-se estendidas sobre a membrana e ocupam espaços vazios entre lipídios.

c) Uma camada monomolecular composta apenas por lipídios, presente em todas as células, sejam elas procariontes ou eucariontes.

d) Dupla camada lipídica com extremidades hidrofóbicas voltadas para o interior e as hidrofílicas voltadas para o exterior, composta por proteínas (integrais ou esféricas) e glicídios ligados às proteínas (glicoproteínas) ou lipídios (glicolipídios).

16. (COVEST) Considere o seguinte desenho esquemático de uma membrana plasmática.

16

Estabeleça a correta correspondência das setas com as estruturas indicadas.

I  II

0  0 – Seta 4 = porção da proteína de membrana que pode atuar como receptor para hormônio.

1 1 – Seta 2 = aminoácido hidrofóbico de uma proteína integrante de uma membrana plasmática.

2  2 – Seta 3 = porção apolar de uma membrana plasmática.

3  3 – Seta 1 = aminoácido hidrofóbico da porção intracelular de uma proteína.

4  4 – Seta 5 = carboidrato ligado à porção extracelular de uma proteína de membrana.

17. (UFRN) O corpo humano, como na maioria dos animais, é formado por sistemas. No homem, pode-se encontrar o sistema digestório, respiratório, cardiovascular, nervoso, entre outros. Cada sistema é formado por órgãos, constituídos por tecidos, que são compostos por células. No que se refere à organização celular humana, marque a alternativa correta.

a) No citoplasma ocorre a maioria das reações químicas celulares.

b) As partes fundamentais das células são membrana plasmática e núcleo.

c) O núcleo é responsável por controlar as trocas de substâncias entre o interior e o exterior da célula.

d) A membrana plasmática é envolta por uma parede celular semirrígida que exerce o controle sobre as substâncias que penetram na célula.

18. (PUC-RIO) Vimblastina é um fármaco quimioterápico padrão usado para tratar câncer. Devido ao fato de ela interferir no alinhamento dos microtúbulos, sua efetividade está diretamente relacionada à inibição da:

a) Formação do fuso mitótico.

b) Fosforilação de proteínas regulatórias.

c) Respiração celular.

d) Síntese de DNA.

e) Produção de protease.

19. (IFPE) O conceito de mutação foi proposto no começo do século XX, pelo biólogo holandês Hugo de Vries. Segundo ele, “a mutação é uma modificação brusca do material genético, ao acaso, que pode ser transmitida aos descendentes”. As mutações podem ocorrer ao nível de genes (mutações gênicas) e ao nível dos cromossomos (mutação cromossômica). Sobre essas alterações genéticas, assinale a única afirmativa correta.

a) Deficiência ou deleção é uma euploidia e, nesse caso, ocorre perda de um segmento cromossômico.

b) A translocação é uma mutação gênica onde ocorre a troca de segmentos entre cromossomos não homólogos.

c) A triploidia e a tetraploidia são euploidias e, portanto, nesses casos, ocorre acréscimo de um ou dois genomas, respectivamente, em um organismo diploide.

d) A perda ou substituição de um ou mais nucleotídeos na molécula de DNA caracteriza uma mutação cromossômica estrutural.

e) O acréscimo ou perda de um ou mais cromossomos em uma célula caracteriza uma mutação cromossômica estrutural.

20. (IFGOIANO) Era o que ele estudava. ‘A estrutura, quer dizer, a estrutura’, ele repetia e abria a mão branquíssima ao esboçar o gesto redondo. Eu ficava olhando seu gesto impreciso porque uma bolha de sabão é mesmo imprecisa, nem sólida nem líquida, nem realidade nem sonho. Película e oco.

(Conto A estrutura da bolha de sabão, p. 139)

É possível estabelecer semelhanças entre a bolha de sabão e as membranas celulares. Em vista dessa relação, tanto a bolha de sabão, quanto as membranas celulares:

a) São compostas por proteínas e ácidos nucleicos, moléculas inorgânicas com características apolares.

b) São estruturas com capacidade de se manter em formas hexagonais e rígidas.

c) São estruturas flexíveis, promovem a “separação” do meio interno com o meio externo e possuem alta capacidade de reorganização.

d) São estruturas inflexíveis, rígidas e compostas principalmente por lipídios.

e) São formadas por uma bicamada lipídica com características hidrofóbicas, polares com alta solubilidade em água.

gab

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: