Publicado por: Djalma Santos | 31 de dezembro de 2015

TESTES SOBRE EVOLUÇÃO (3)

01. (UEL) Leia a tirinha e o texto a seguir.

01

Antes do século XVIII, as especulações sobre a origem das espécies baseavam-se em mitologia e superstições e não em algo semelhante a uma teoria científica testável. Os mitos de criação postulavam que o mundo permanecera constante após sua criação. No entanto, algumas pessoas propuseram a ideia de que a natureza tinha uma longa história de mudanças constantes e irreversíveis.

(Adaptado de: HICKMAN, C. P.; ROBERTS, L.; LARSON, A. Princípios Integrados de Zoologia. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2001. p.99.)

De acordo com a ilustração, o texto e os conhecimentos sobre as teorias de fatores evolutivos, assinale a alternativa correta.

a) A variabilidade genética que surge em cada geração sofre a seleção natural, conferindo maior adaptação à espécie.

b) A variabilidade genética é decorrente das mutações cromossômicas e independe das recombinações cromossômicas.

c) A adaptação altera a frequência alélica da mutação, resultando na seleção natural em uma população.

d) A adaptação é decorrente de um processo de flutuação na frequência alélica ao acaso de uma geração para as seguintes.

e) A adaptação é o resultado da capacidade de os indivíduos de uma mesma população possuírem as mesmas características para deixar descendentes.

02. (UEM) Sobre o processo de especiação é correto afirmar que:

01. Espécies simpátricas são aquelas que ocupam a mesma região, enquanto as espécies alopátricas vivem em diferentes regiões, apresentando isolamento geográfico.

02. As mutações que ocorrem nas células somáticas são transmitidas às gerações seguintes, nas quais surgem novas características.

04. Em uma população de insetos, a alta taxa de reprodução por via sexuada fornece populações variadas, cuja quantidade de genes mutantes diferentes é alta.

08. Após um longo período de isolamento geográfico, as diferenças genéticas podem impedir o acasalamento entre os indivíduos de duas populações.

16. A reprodução sexuada não cria novos genes, mas os reúne em novas combinações, o que aumenta a variabilidade genética.

Soma das alternativas corretas:

03. (FUVEST) Certa planta apresenta variabilidade no formato e na espessura das folhas: há indivíduos que possuem folhas largas e carnosas, e outros, folhas largas e finas; existem também indivíduos que têm folhas estreitas e carnosas, e outros com folhas estreitas e finas. Essas características são determinadas geneticamente. As variantes dos genes responsáveis pela variabilidade dessas características da folha originaram-se por:

a) Seleção natural.

b) Mutação.

c) Recombinação genética.

d) Adaptação.

e) Isolamento geográfico.

04. (UPE) Observe as imagens a seguir:

04

                   (Disponível em: http://www.ib.usp.br/evosite/lines/IIhomologies.shtml)

Elas correspondem a fotos de plantas nas quais as folhas são bem diferentes das que conhecemos. Observe que, nas imagens, as folhas não desempenham a mesma função, embora possuam a mesma origem embrionária, o desenvolvimento estrutural semelhante e apresentem características similares por causa do parentesco. Considerando-se o processo evolutivo em questão, relacionado nas respectivas imagens, podemos classificá-lo como exemplo de:

a) Homoplasia.

b) Analogia.

c) Órgãos vestigiais.

d) Convergência evolutiva.

e) Homologia.

05. (UCS) Nos animais, as estruturas corporais que se desenvolvem de forma semelhante durante a vida embrionária, mas que na vida adulta podem desempenhar funções diferentes, são chamadas de órgãos ____________, como é o caso da asa de uma ave e a nadadeira de um golfinho. Já órgãos que desempenham funções semelhantes, mas que possuem origem embrionária diferentes são chamados de _____________, como é o caso das asas das aves e dos insetos: ambos estão adaptados à função de voar. Esse processo evolutivo que leva duas espécies, um tanto diferentes, como é o caso das aves e dos insetos, a apresentarem uma estrutura semelhante com a mesma função, é chamado de ___________ evolutiva.

Assinale a alternativa que completa correta e respectivamente as lacunas acima.

a) homólogos; análogos; convergência

b) divergentes; convergentes; deriva

c) homólogos; divergentes; divergência

d) análogos; convergentes; divergência

e) análogos; homólogos; convergência

06. (IFSC) O preá mais raro do mundo vive na Grande Florianópolis, em Santa Catarina. Ele é simpático e sociável. Vive isolado em uma pequena ilha do litoral catarinense há 8 mil anos. Da mesma família de outro preá que vive no continente (Cavia magna), o preá do arquipélago de Moleques do Sul, em Palhoça, foi descrito como uma nova espécie (Cavia intermedia) por apresentar diferenças em relação ao seu parente continental e é considerado o mamífero mais raro do planeta. Primeiro, porque o único lugar de que se tem notícia que ele habite é a ilha de 9,86 hectares. Segundo, porque o total de indivíduos da espécie não passa de 100. Mas, afinal, como foi parar lá? A hipótese mais provável é de que, oito mil anos atrás, com o fim da era do gelo, o nível do oceano subiu muito e o arquipélago, que era o topo de uma montanha ligada ao continente, acabou cercado por água e virou uma ilha. Alguns preás que estavam no local ficaram isolados.

Adaptado de: http://diariocatarinense.clicrbs.com.br/sc/noticia/2010/06/prea-mais-raro-do-mundo-vive-em-santa-catarina-2935554.html Acesso: 9 mar. 2014.

Assinale a soma da(s) proposição (ões) correta(s).

01. O processo de cladogênese que separou o arquipélago do continente e com isso isolou uma população de preás na ilha, foi determinante para que, junto ao processo de anagênese, a nova espécie surgisse.

02. Certamente a diferença que existe entre os preás do continente e aqueles da ilha é resultado da lei dos caracteres adquiridos que permite que as características dos indivíduos sejam transmitidas para seus descendentes através das gerações.

04. O caso descrito no texto é um caso extremo de deriva genética, chamado de princípio do fundador. Nesse caso, uma “nova” população é fundada por uns poucos indivíduos; os indivíduos que iniciam a nova população não constituem uma amostra representativa dos alelos presentes na população original.

08. Quando o texto diz que o preá Cavia intermedia é da mesma família do preá Cavia magna, ele poderia também afirmar que os dois preás são da mesma classe, da mesma ordem ou do mesmo gênero.

16. Ao se referir aos dois preás pelo nome científico, bastaria dizer intermedia e magna. Colocar o Cavia na frente dos dois nomes é somente um formalismo desnecessário.

32. Por ser uma população pequena, é muito difícil que entre os indivíduos da espécie Cavia intermedia na ilha, os cruzamentos não sejam em sua maioria endogâmicos, ocasionando uma alta taxa de homozigose.

Soma das alternativas corretas:

07. (CEFET-MG) O comércio de remédios falsos contra a malária difundiu-se de forma significativa em países onde essa doença é comum e frequente. Apesar de não serem eficazes contra o parasita, são mais baratos e, dessa forma, mais acessíveis às pessoas com renda muito limitada. Mesmo sendo baseados em artemisinina, ingrediente mais recente e poderoso no tratamento contra essa doença, o grande problema é que podem conter quantidade muito inferior dessa substância do que o indicado.

Disponível em: <http://www.planetseed.com/pt-br/relatedarticle/medicamentos-contra-malaria&gt;. Acesso em 06 jan 2014. (Adaptado)

O problema causado pela utilização desses medicamentos falsificados é que eles:

a) Favorecem a disseminação dessa doença pelo mundo.

b) Resultam na morte de pacientes mais sensíveis ao tratamento.

c) Provocam o desenvolvimento de novas variedades de parasitas.

d) Estimulam a proliferação dos protozoários no sangue dos pacientes.

e) Ocasionam a seleção de variedades resistentes desses agentes etiológicos.

08. (MACK) Considere as afirmações abaixo:

I. Órgãos análogos são aqueles que desempenham a mesma função, mas têm origem embrionária e estruturas anatômicas diferentes.

II. A presença de órgãos homólogos é evidência a favor do parentesco evolutivo entre duas espécies.

III. As asas dos insetos e das aves são consideradas órgãos homólogos.

Assinale:

a) Se apenas I for verdadeira.

b) Se apenas II for verdadeira.

c) Se apenas III for verdadeira.

d) Se apenas I e II forem verdadeiras.

e) Se apenas I e III forem verdadeiras.

09. (IFMG)  OMS alerta: a era pós-antibiótico está próxima

Um relatório divulgado nesta quarta-feira, 30, pela Organização Mundial de Saúde alerta: estamos nos aproximando de uma era perigosa para a humanidade, em que doenças e infecções que sempre foram tratadas de maneira eficiente com antibióticos voltarão a ser letais.

O motivo: as bactérias estão cada vez mais resistentes a agentes antibióticos.

Disponível em: http://www.revistagalileu.globo.com/Revista/abril-2014. Acesso em: 13 de junho 2014 (adaptado).

Sobre a resistência bacteriana a antibióticos, pode-se afirmar que, exceto:

a) O uso de determinados antibióticos transforma bactérias sensíveis em resistentes.

b) Determinados antibióticos atuam favorecendo a seleção natural, eliminando bactérias sensíveis e permitindo a sobrevivência de bactérias resistentes.

c) Nas bactérias, os genes que conferem resistência aos antibióticos encontram-se nos plasmídeos, transferidos de um organismo ao outro durante a conjugação.

d) Recombinação gênica e mutação podem explicar a existência de variabilidade entre bactérias

10. (UFSJ) A figura a seguir destaca (conforme a seta) uma estrutura sensorial, o olho, presente em duas linhagens distintas de animais: nos protostômios e nos deuterostômios.

10

Sobre a estrutura sensorial destacada, é correto afirmar que:

a) Trata-se de uma convergência, pois os olhos da lula e os dos peixes não apresentam a mesma origem.

b) Os olhos dos peixes derivaram dos olhos da lula, que são moluscos, animais mais primitivos.

c) Os olhos da lula e os dos peixes são homólogos, pois derivaram de um mesmo ancestral.

d) Os olhos da lula derivaram dos olhos dos peixes cartilaginosos.

11. Competindo com as tartarugas gigantes pela posição de espécie mais famosa das ilhas de Galápagos, estão 13 espécies de tentilhões. Elas são conhecidas como tentilhões de Darwin porque serviram como prova para a sua teoria da evolução e seleção natural. Esses tentilhões são um exemplo de:

a) Isolamento geográfico.

b) Mimetismo.

c) Irradiação adaptativa.

d) Espécie alopátrica.

e) Camuflagem.

12. (UEPG) Darwin propôs a teoria da seleção natural. Essa teoria expõe a reprodução diferencial dos indivíduos de uma população, em que os mais bem adaptados têm maior chance de deixar descendentes. Com relação à seleção natural, assinale o que for correto.

01. O uso errôneo de um antibiótico pode acarretar na seleção de bactérias resistentes. Esse é um exemplo de seleção estabilizadora.

02. A seleção pode ser classificada por tipos, na seleção estabilizadora os fenótipos intermediários apresentam maior chance de sobrevivência e reprodução.

04. A seleção disruptiva ou diversificadora pode levar a diversificação de uma população, favorecendo os extremos e eliminando a média.

08. A seleção natural decorre das restrições que o meio impõe à sobrevivência dos organismos, tais como disponibilidade de alimento, disputa de recursos com outros seres, ação de predadores e parasitas, doenças, sucesso reprodutivo, entre outros.

16. A seleção direcional sempre favorece os indivíduos de fenótipo intermediário em uma população, os quais, por cruzamento, voltam a regenerar os extremos.

Soma das alternativas corretas:

13. (UniEvangélica) Observe a figura e leia o texto a seguir:

13

Quando Charles Darwin visitou as Ilhas Galápagos, registrou a presença de várias espécies de tentilhão que tinham aparência muito similar, exceto por seus bicos. Tentilhões do solo têm bicos profundos e largos; tentilhões do cacto têm bicos longos e pontudos; tentilhões-rouxinóis têm bicos afilados e pontudos; refletindo diferenças em suas respectivas dietas. Darwin especulou que todos os tentilhões tinham um ancestral comum que tinha migrado para as ilhas. Parentes próximos dos tentilhões das Galápagos são conhecidos no continente da América do Sul, e o caso dos tentilhões de Darwin se tornou desde então o exemplo clássico de como a seleção natural levou à evolução de uma variedade de formas adaptadas a nichos ecológicos diferentes a partir de uma espécie ancestral.

SILVA JÚNIOR, César da; SASSON, Sezar; CALDINI JÚNIOR, Nelson. Biologia. Vol. único. São Paulo: Saraiva, 2011. p. 256.

Os tentilhões de Darwin exemplificam um caso de:

a) Irradiação adaptativa.

b) Convergência evolutiva.

c) Equilíbrio de Hardy-Weinberg.

d) Deriva genética.

14. Três espécies diploides diferentes de plantas da família do girassol, convivendo em uma mesma área geográfica, geraram híbridos férteis incapazes de cruzar com as espécies ancestrais. Essas espécies novas se espalharam por uma área geográfica maior que a ocupada pelas espécies parentais. Nesse caso, o processo e o mecanismo de especiação que melhor se adaptam à situação descrita são, respectivamente:

a) A alopatria e o efeito do fundador.

b) A simpatria e a poliploidia..

c) A parapatria e o fluxo gênico.

d) A alopatria e a seleção sexual.

e) A simpatria e o efeito do fundador.

15. (PUC-MG) A análise morfofuncional das semelhanças e diferenças nas estruturas corporais de diferentes animais fornece subsídios para a classificação filogenética sendo evidências da evolução biológica. A figura abaixo representa a estrutura interna e externa dos membros anteriores de três animais.

15

Analisando-se esses apêndices articulados, é correto afirmar:

a) I, II e III surgiram em um processo de divergência adaptativa.

b) I, II e III são órgãos homólogos originados por irradiação adaptativa.

c) II e III são órgãos análogos que indicam ancestralidade comum e função homóloga.

d) I e II são órgãos análogos que foram selecionados por convergência adaptativa.

16. (UFPR) A Seleção Natural é um dos principais fatores responsáveis pela evolução, juntamente com a mutação, a deriva genética e a migração genética. Para que a Seleção Natural ocorra em uma população, é imprescindível que haja:

a) Alteração do meio ambiente, propiciando o favorecimento de alguns indivíduos da população.

b) Diversidade da composição genética dos indivíduos da população.

c) Informações genéticas anômalas que produzam doenças quando em homozigose.

d) Disputa entre os indivíduos, com a morte dos menos aptos.

e) Mutação em taxa compatível com as exigências ambientais.

17. Assinale com V (verdadeiro) ou com F (falso) o as afirmações que seguem, relativas à especiação.

( ) As espécies de tentilhão observadas por Darwin nas ilhas Galápagos se diversificaram por cladogênese.

( ) Duas espécies estabelecidas em razão de isolamento geográfico prolongado apresentam especiação alopátrica.

( ) Novas espécies são atualmente descritas segundo o conceito tipológico no qual um indivíduo é tido como padrão.

( ) As espécies atuais, por estarem em seu pico adaptativo, não estão sujeitas às forças evolutivas.

A sequência correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:

a) V – F – V – F.

b) F – V – F – V.

c) V – F – F – F.

d) F – V – V – V.

e) V – V – F – F.

18. (UFTM) O texto ilustra um trecho de uma importante descoberta para a Biologia.

(…) Em alguns casos, essas variações – um rabo de macaco mais forte para se pendurar num galho, uma língua de sapo mais longa para capturar uma mosca, uma flor mais colorida para atrair a atenção de um polinizador – são benéficas. Consequentemente, os indivíduos portadores dessas variações sobrevivem por mais tempo e se reproduzem com mais frequência e transmitem essas características aos descendentes, enquanto variações prejudiciais ou menos eficientes são gradativamente exterminadas. ‘É uma luta pela sobrevivência, na qual os mais fracos e menos perfeitamente organizados devem sempre sucumbir’, escreveu Wallace. (…)

(O Estado de S.Paulo, 29.06.2008. Adaptado.)

Pode-se afirmar que Alfred Russel Wallace, assim como:

a) Gregor Mendel, são os elaboradores das leis de transmissão genética aos descendentes.

b) Jean Baptiste Lamarck, são os idealizadores da lei da transmissão dos caracteres adquiridos.

c) Watson e Crick, são os descobridores do modelo de dupla hélice do DNA.

d) Charles Darwin, são os elaboradores da teoria da seleção natural.

e) Thomas Morgan, são os descobridores da presença de genes ligados nos cromossomos.

19. (UFU) O princípio do equilíbrio gênico prediz que, se não existirem fatores evolutivos atuando sobre uma população, as frequências de seus genes alelos permanecerão inalteradas ao longo das gerações. Em relação às condições e aos fatores que podem atuar nessa população, marque a alternativa correta.

a) A seleção natural é um fator que altera o equilíbrio gênico de maneira aleatória e drástica.

b) Os fatores evolutivos mutação e migração alteram o equilíbrio gênico por meio da seleção sexual.

c) Para que ocorra equilíbrio gênico essa população deve ser muito grande e panmítica.

d) A deriva genética e o efeito fundador são fatores que alteram o equilíbrio gênico de maneira direcional e gradual.

20. (UNIFOR) A variedade de seres vivos em nosso planeta, isto é, a biodiversidade, tem fascinado a humanidade ao longo de sua história. De acordo com as explicações científicas, a enorme variedade de espécies viventes é resultado do processo de transformação e adaptação inerentes à própria vida, que constituem a evolução biológica. As ideias mais consistentes sobre a evolução foram propostas originalmente pelos naturalistas ingleses Charles Darwin (1809-1882) e Alfred Russel Wallace (1823-1913). Essas ideias ficaram conhecidas como Darwinismo. Com o desenvolvimento da Genética, a partir do século XX, novos dados foram incorporados às ideias darwinianas, surgindo a Teoria Moderna da Evolução. Essa teoria considera a mutação gênica, a recombinação gênica e a seleção natural como os três principais fatores evolutivos. Neste contexto, a alternativa que indica qual (is) deles é (são) responsável (eis) pela origem das variações hereditárias é:

a) Recombinação gênica e seleção natural.

b) Seleção natural e mutação gênica.

c) Mutação gênica e recombinação gênica.

d) Mutação gênica, somente.

e) Recombinação gênica, somente.

gab

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: