Publicado por: Djalma Santos | 7 de abril de 2016

TESTES DE PROGRAMA DE SAÚDE (4)

01. (UNICID) A imagem mostra um parasita animal que necessita do corpo humano e de um molusco para completar seu ciclo de vida.

-1

A respeito do ciclo de vida desse parasita, pode-se afirmar corretamente que:

a) Os ovos liberados pelo molusco se transformam em cercarias que podem penetrar na pele humana.

b) A larva miracídio dará origem, assexuadamente, a várias larvas cercárias no interior do molusco.

c) Uma pessoa doente libera miracídios nas fezes e essas larvas podem penetrar na pele de uma pessoa saudável.

d) Os ovos do verme são produzidos assexuadamente no intestino humano e se transformam em miracídios.

e) A fase adulta do verme, chamada cercária, produzirá vários ovos no interior do homem.

02. (UECE) O herpes simples é uma infecção causada por vírus, que se caracteriza pelo aparecimento de pequenas bolhas que surgem agrupadas principalmente nos lábios e nos genitais, podendo aparecer também em qualquer outra parte do corpo. É uma doença desagradável, pois seus sintomas incluem coceira, ardor, pontadas e formigamento, e seu tratamento é feito com antivirais que aliviam as crises. Em relação a essa doença, assinale a proposição verdadeira.

a) Apesar de se manifestar na pele, as lesões produzidas deixam diversas sequelas gravíssimas em outros órgãos.

b) É uma doença contagiosa, transmitida por contato direto, porém quando o tratamento é bem feito, a cura se dá em poucos dias e o paciente nunca mais apresenta seus sintomas característicos.

c) O vírus do herpes simples se encontra no esperma e por isso, relações sexuais devem ser evitadas durante as crises.

d) O herpes labial é transmitido quando existe contato direto com a lesão atingida, portanto, durante os dias em que as bolhas estiverem expostas, não é aconselhável beijar na boca, nem compartilhar copos e talheres.

03.

FEBRE AMARELA – NÃO HÁ MOTIVO PARA PÂNICO

PRONUNCIAMENTO DO MINISTRO DA SAÚDE, JOSÉ GOMES TEMPORÃO

“Estou aqui para tranquilizar a população brasileira sobre um assunto que está preocupando os brasileiros nos últimos dias. O temor de que esteja ocorrendo uma epidemia de febre amarela no país…”

De acordo com o Ministério da Saúde, as áreas consideradas de risco no país são as de matas e rios dos Estados de região Norte e Centro-Oeste, parte da região Nordeste-Maranhão, sudoeste do Piauí, oeste e extremo-sul da Bahia, região Sudeste-Minas, oeste de São Paulo e norte do Espírito Santo e região Sul-oeste dos Estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.  Como argumento, lembrou que o pais não registra casos de febre amarela urbana desde 1942. “Os casos registrados de lá para cá foram todos de febre amarela silvestre, ou seja, de pessoas que contraíram a doença nas florestas”. E disse, também, que desde 2003 a ocorrência da doença vem caindo gradativamente.

Assinale a alternativa correta quanto ao vetor e a profilaxia da febre amarela urbana.

a) Fêmea do Aedes aegypti e vacina.

b) Fêmea do Anopheles e vacina.

c) Barbeiro e vacina.

d) Culex e soro.

e) Lutzomya e vacina.

04. (UPE) Dentre as doenças abaixo, estabeleça 5 associações corretas entre os sintomas e a sua profilaxia.

04

a) Cólera – letras C e E – figuras 3 e 5

Dengue – letras H e J – figuras 4 e 10

Esquistossomose – letras C e D – figuras 2 e 6

Amebíase – letras A e C – figuras 1 e 5

Ascaridíase – letras E e F – figuras 3 e 5

 

b) Hepatite – letras E e H – figuras 5 e 7

Dengue – letras B e E – figuras 4 e 8

Pneumonia – letras E e G – figuras 3 e 6

Poliomielite – letras H e J – figuras 3 e 5

Ascaridíase – letras G e I – figuras 6 e 9

 

c) Hepatite – letras A e D – figuras 1 e 3

Doença de Chagas – letras B e H – figuras 4 e 10

Cólera – letras E e H – figuras 3 e 9

Poliomielite – letras H e J – figuras 7 e 9

Ascaridíase – letras A e C – figuras 3 e 6

 

d) Cólera – letras C e B – figuras 1 e 3

Dengue – letras G e J – figuras 4 e 10

Esquistossomose – letras D e I – figuras 2 e 9

Hepatite – letras A e C – figuras 5 e 7

Tricomoníase – letras A e I – figuras 1 e 6

 

e) Amebíase – letras C e E – figuras 3 e 5

Esquistossomose – letras F e G – figuras 2 e 9

Doença de Chagas – letras A e D – figuras 4 e 8

Pneumonia – letras G e H – figuras 3 e 5

Tricomoníase – letras I e J – figuras 6 e 7

05. (FPS) Assinale a DST cujo agente infeccioso é uma bactéria.

a) Cancro duro.

b) Tricomoníase.

c) Condiloma.

d) Herpes genital.

e) Candidíase.

06. (UNIFOR) O enfermeiro britânico William Pooley, que contraiu o vírus ebola em Serra Leoa durante um período como enfermeiro voluntário e se recuperou, acaba de regressar ao país – um dos epicentros da epidemia no oeste da África – para retomar seu trabalho. Pooley se recuperou do ebola após ser tratado nos estágios iniciais da infecção, antes de sofrer qualquer sangramento interno ou externo, com uma droga experimental chamada ZMapp, que consiste em um “coquetel” de três anticorpos, cujos estudos para seu desenvolvimento se iniciaram a mais de uma década. Ele doou amostras de seu sangue para que cientistas busquem pistas e realizem pesquisas visando ao desenvolvimento de fármacos antivirais para cura dessa doença, que já deixou mais de 4,5 mil mortos.

Fonte: http://g1.globo.com/bemestar/ebola/noticia/2014/10/britanico-curado-do-ebola-voltaafrica-e-coloca-imunidade-prova.html. Acesso em 20out. 2014 (adaptado).

Acerca dos antivirais, analise as asserções:

I, É desafiante o desenvolvimento de antivirais que inibam a replicação viral sem causar simultaneamente alguma toxicidade para o organismo hospedeiro.

PORQUE

II. Os vírus são parasitas intracelulares obrigatórios que utilizam a maquinaria bioquímica da célula hospedeira necessária para sua replicação.

É correto afirmar que:

a) As duas afirmações são verdadeiras e a segunda não justifica a primeira.

b) As duas afirmações são verdadeiras e a segunda justifica a primeira.

c) As duas afirmações são falsas. d) A primeira afirmação é verdadeira e a segunda é falsa.

d) A primeira afirmação é falsa e a segunda é verdadeira.

07. (CESPE) Meninas com idade a partir de 9 anos e mulheres de até 45 anos de idade têm direito a receber gratuitamente a vacina contra o Papiloma Vírus Humano (HPV), fornecida pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Com a aplicação da vacina, a população do sexo feminino que pertence a essa faixa etária tem um aliado no combate ao HPV, vírus transmitido por contato sexual e principal causa do câncer do colo de útero. A vacinação contra o HPV é feita com a introdução de proteínas do envoltório desse vírus no organismo não suficientes para causar a doença, mas capazes de induzir o organismo a produzir:

a) Antígenos contra o HPV.

b) Anticorpos contra o HPV.

c) Anticorpos contra células tumorais.

d) Anticorpos contra células do colo de útero.

e) Fagócitos contra o HPV.

08. (URCA) Algumas bactérias são prejudiciais ao homem e podem levar a morte de populações inteiras, enquanto outras compõem a nossa flora intestinal e são úteis ao nosso metabolismo ou são utilizadas na fabricação de alimentos. Assinale a alternativa correta que possui gêneros de bactérias que são úteis e prejudiciais ao homem, respectivamente.

a) Treponema e Clostridium.

b) Salmonella e Lactobacillus.

c) Candida e Escherichia.

d) Lactobacillus e Salmonella.

e) Stafilococus e Escherichia.

09. (UPE) A água é um importante meio de transmissão de doenças, especialmente as do sistema digestório. Os agentes etiológicos atingem a água juntamente com os excrementos de pessoas ou animais infectados. Assinale a alternativa que apresenta corretamente o patógeno e as respectivas “doenças de transmissão hídrica”.

a) Vírus: difteria e poliomielite.

b) Bactérias: leptospirose e cólera.

c) Protozoários: disenteria amebiana e disenteria bacilar.

d) Platelmintos: ascaridíase e giardíase.

e) Nematelmintos: esquistossomíase e ancilostomíase.

10. (UNAMA) A malária é uma doença debilitante, geralmente fatal, por isto é preciso combatê-la. Em relação a essa doença é correto afirmar que:

a) Uma pessoa adquire malária ao ser picada por fêmeas e machos do mosquito Anopheles contaminados pelo protozoário do gênero Plasmodium.

b) Há quatro espécies de Plasmodium que causam a malária, o malariae, P. ovale, P. falciparum, P. vivax, todas estas formas são responsáveis pela transmissão da doença via picada de fêmeas do mosquito Anopheles, na sua forma de estágio inicial chamado de merozoíto.

c) A malária é transmitida através da picada da fêmea do mosquito Anopheles contaminadas pela forma infestante do plasmódio chamado de esporozoítos.

d) Uma das principais medidas para prevenir a malária é combater o mosquito transmissor, principalmente, o macho, transmissor da doença.

11. (PUC-RS) Para responder estas questão, analise as possibilidades de completar corretamente o texto abaixo, preenchendo os parênteses com V (verda­deiro) ou F (falso). Nosso país está mobilizado nas campanhas de vacina­ção contra o sarampo e o papilomavírus humano (HPV). A vacinação contra o sarampo é destinada a crianças de seis meses até quatro anos de idade. Já a imunização contra o HPV é indicada para meninas de 11 a 13 anos. Ambas as doenças são:

( ) Causadas por infecções virais.

( ) Combatidas com o uso de antibióticos.

( ) Mais frequentes em regiões de clima tropical.

( ) Transmitidas pelo contato direto com pessoas infectadas.

A sequência correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:

a) V – V – V – F.

b) V – V – F – F.

c) V – F – F – V.

d) F – F – V – V.

e) F – V – F – F.

12. (UDESC) O sistema imunológico ou sistema imune compreende os tecidos linfoides, órgãos e células livres dentro de um organismo e é responsável pela proteção contra doenças. Relacione os diversos componentes do sistema imunológico com sua estrutura e/ou funções.

1. Tonsila.

2. Linfonodo.

3. Timo.

4. Baço.

5. Medula Óssea.

(  ) É responsável pela remoção de antígenos presentes no sangue, bem como pela produção de anticorpos a estas substâncias.

(  ) Regula a proliferação, diferenciação, maturação e atividade dos linfócitos T.

(  ) Produz plaquetas, hemácias e leucócitos.

( ) Constituído por estrutura pequena, com 1mm a 2cm de comprimento, de tecido linfoide e envolvida por uma cápsula de tecido conjuntivo denso não modelado. Produz linfócitos e anticorpos.

(  ) Constituída por aglomerados de tecido linfoide sob o epitélio da boca e da faringe. Protege o organismo contra a entrada de moléculas estranhas junto com o ar ou com os alimentos.

Assinale a alternativa que tem a sequência correta, de cima para baixo.

a) 4 – 3 – 5 – 2 – 1.

b) 4 – 2 – 1 – 5 – 3.

c) 3 – 4 – 5 – 2 – 1.

d) 2 – 4 – 5 – 1 – 3.

e) 3 – 5 – 4 – 2 – 1.

13. (UEM) Com relação às doenças parasitárias humanas, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

01. A cisticercose é uma doença causada pelo cestoide Taenia solium adulto, o qual é ingerido com a carne de porco malpassada.

02. A febre tifoide é transmitida por gotículas de saliva contendo o vírus, que penetra pelas mucosas das vias respiratórias.

04. A malária é causada pelo esporozoário Plasmodium, através da picada do mosquito Anopheles, que introduz os esporozoítos.

08. A febre amarela é causada pelas cercárias de Ancylostoma duodenale, que tem como hospedeiro intermediário um molusco.

16. A raiva é causada por um vírus que atinge o sistema nervoso central e pode ser evitada pela vacinação dos cães.

Soma das alternativas corretas:

14. (UDESC) Relacione as doenças aos seus agentes etiológicos.

1. HPV.

2. Gripe A.

3. Hanseníase.

4. Coqueluche.

5. Tripanossomíase.

6. Sífilis.

7. Malária.

8. Doença do sono.

(  ) Mycobacterium leprae.

(  ) Bortadella pertusse.

(  ) Treponema pallidum.

(  ) Papiloma.

(  ) Influenza.

(  ) Trypanossoma cruzi.

(  ) Plasmodium spp.

(  ) Trypanossoma gambiense.

Assinale a alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo.

a) 3 – 6 – 7 – 4 – 2 – 8 – 1 – 5.

b) 8 – 4 – 6 – 1 – 2 – 7 – 3 – 5.

c) 8 – 3 – 4 – 6 – 2 – 3 – 7 – 5.

d) 7 – 3 – 6 – 2 – 1 – 5 – 4 – 8.

e) 3 – 4 – 6 – 1 – 2 – 5 – 7 – 8.

15. (IFMG) Os platelmintos e nematódeos são responsáveis por muitas doenças, principalmente nos países subdesenvolvidos. Em relação a esses vermes é incorreto afirmar que:

a) A Taenia solium e a Taenia saginata, em sua fase adulta, têm o homem como hospedeiro definitivo.

b) O verme causador da esquistossomose é adquirido pela penetração ativa da larva cercária através da pele do homem.

c) A ancilostomose é uma parasitose humana cuja transmissão independe de um hospedeiro intermediário.

d) A ascaridíase é contraída a partir da ingestão de carne mal passada.

16. (FATEC) Ao longo das últimas décadas, muito esforço tem sido feito para conter a propagação do mosquito Aedes aegypti no Brasil e em diversas regiões no mundo. Essa espécie de mosquito está relacionada a duas doenças graves que ocorrem no território nacional, a dengue e a febre amarela. Com relação ao agente causador e ao modo de transmissão dessas doenças, está correto afirmar que:

a) A dengue é causada por toxinas liberadas pelo mosquito, enquanto que a febre amarela é causada por vírus transmitidos pela picada.

b) A febre amarela é causada por toxinas liberadas pelo mosquito, enquanto que a dengue é causada por vírus transmitidos pela picada.

c) As duas doenças são causadas por toxinas liberadas no momento da picada, sendo a fêmea do mosquito a causadora de ambas as doenças.

d) As duas doenças são causadas por vírus transmitidos no momento da picada, sendo a fêmea do mosquito a transmissora de ambas as doenças.

e) As duas doenças são causadas por vírus transmitidos no momento da picada, sendo o macho do mosquito o transmissor do vírus da febre amarela e a fêmea o transmissor da dengue.

17. (UFT) “No 5º World Leish, o Congresso Mundial de Leishmaniose (CML), que aconteceu em Pernambuco, pesquisadores brasileiros apostam em uma pomada para substituir as dolorosas injeções do tratamento contra a leishmaniose, doença que afeta 2 milhões de pessoas por ano no mundo”.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/fsp/saudeciencia/110937-brasil-testa-pomada-contraleishmaniose.shtml (Acesso em 23-01-2014).

Em relação à leishmaniose, analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta.

I. A doença é adquirida pelo contato das mucosas com as fezes do mosquito palha infectado pelo protozoário.

II. Há dois tipos de leishmaniose, a visceral e a tegumentar, e ambas são causadas pela picada do mosquito do gênero Lutzomya.

III. Os cães infectados também são considerados reservatórios do parasita, portanto, os mosquitos ao picá-los podem ser contaminados e, posteriormente, podem transmitir o parasito ao homem.

a) Somente a afirmativa I está correta.

b) Somente a afirmativa II está correta.

c) Somente a afirmativa III está correta.

d) As afirmativas I e III estão corretas.

e) As afirmativas II e III estão corretas.

18. (FACTO) O esquema a seguir refere-se ao ciclo de vida do Schistosoma mansoni:

18

As formas I, II e III, sob as quais o verme pode ser identificado em ambiente aquático, correspondem, respectivamente a:

a) Cercária, miracídio e ovo.

b) Miracídio, ovo e cercaria.

c) Miracídio, cercária e ovo.

d) Ovo, miracídio e cercaria.

e) Ovo, cercária e miracídio.

19. (UECE) As bactérias são organismos microscópicos, procarióticos, que podem desenvolver relações simbióticas e de parasitismo com outros seres vivos. Algumas espécies são patogênicas, pois causam doenças em homens, animais e vegetais. Assinale a opção que traz exclusivamente doenças humanas causadas por bactérias.

a) Varíola, poliomielite, raiva e AIDS.

b) Sífilis, tuberculose, botulismo e tétano.

c) Gripe, tuberculose, caxumba e sarampo.

d) Encefalite, poliomielite, hepatite B e dengue.

20. (PUC-GO) “E por isso que frequento o hospital, vezes e vezes, a exibir minhas maleitas”.

O trecho acima, fragmento do texto O FIO DAS MISSANGAS, faz referência, metaforicamente, a uma doença que, por sua continental incidência, merece atenção em todos os seus aspectos: transmissão, sintomas e consequências. Analise as alternativas apresentadas a seguir e identifique a única correta sobre a referida doença:

a) É uma doença bacteriana, cuja transmissão está vinculada a água e a alimentos contaminados; sua principal consequência é a desidratação por diarreia.

b) É uma doença tropical infecciosa causada por nematoides, transmitida pelo mosquito culex.

c) É uma doença crônica causada por platelmintos parasitas e decorre da penetração ativa de suas larvas através da pele do indivíduo.

d) Dentre os seus sintomas estão crises paroxísticas variáveis de acordo com a espécie de plasmodium que parasita o homem.

gab

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: