Publicado por: Djalma Santos | 15 de abril de 2016

TESTES DE PROGRAMA DE SAÚDE (5)

01. Os triglicerídios são formados pelo glicerol ligado a três ácidos graxos. Se os ácidos graxos forem de cadeia saturada, isto é, possuírem todos os átomos de hidrogênio que a cadeia carbônica pode conter, como o ácido esteárico, o triglicerídio será uma gordura, abundante nos animais e geralmente sólida à temperatura ambiente. Se os ácidos graxos forem de cadeia insaturada, isto é, possuírem moléculas que ainda podem receber átomos de hidrogênio, como o ácido oleico, o triglicerídio será um óleo, líquido à temperatura ambiente e predominante nos vegetais, como o óleo de milho e o de girassol. Pesquisas científicas mostraram os perigos do consumo excessivo de triglicerídios, principalmente os de origem animal. O gráfico a seguir relaciona o número de mortes por doença coronariana – coronárias são as artérias que irrigam o músculo cardíaco – em 10.000 homens de meia-idade durante um período de cinco anos e a porcentagem de gordura na dieta total, em diferentes países.

01

De acordo com o texto e com o gráfico, analise as afirmações a seguir.

I. Uma das diferenças entre gorduras e óleos é o estado físico à temperatura ambiente.

II. O número de mortes e a porcentagem de gordura na dieta são diretamente proporcionais.

III. Uma dieta rica em gordura está associada à grande risco de morte por doença coronariana.

IV. As gorduras oferecem maiores riscos à saúde do que os óleos.

São corretas:

a) Apenas II e IV.

b) Apenas I, II e III.

c) Apenas I e II.

d) Apenas I, III e IV.

e) Apenas III e IV.

02. (UEM) A vida agitada nos grandes centros urbanos, a falta de exercícios físicos, o estresse, a poluição, a alimentação rápida e rica em gordura e em açúcar, o consumo excessivo de bebidas alcoólicas e o tabaco estão causando diversas doenças nos brasileiros. Enquanto isso, na zona rural e nas periferias das grandes cidades, aumentam os casos de doenças infecciosas e parasitárias. Identifique o que for correto sobre as doenças humanas.

01. Bebidas alcoólicas podem danificar a camada de muco que protege a mucosa gástrica, causando a gastrite, que, por sua vez, pode progredir para uma úlcera pela ação do próprio suco gástrico.

02. O CO2 presente na fumaça do cigarro se associa à hemoglobina, formando a carboemoglobina, e diminui a eficiência respiratória dos fumantes.

04. Sob forte estresse, ocorre descarga de noradrenalina, a pressão arterial aumenta e predispõe ao infarto do miocárdio.

08. A teníase é uma doença causada por um animal triblástico, pseudocelomado, com simetria bilateral e sistema digestório completo.

16. A amebíase e a esquistossomose são doenças causadas por um protozoário ameboide e por um platelminto, respectivamente, transmitidas pela água ou por alimentos contaminados com os ovos dos parasitos.

Soma das alternativas corretas:

03. (UPE) “Se nadou e depois coçou, é porque pegou.” Este ditado popular faz uma alusão à contaminação por cercárias comuns nas chamadas lagoas de coceiras, que servem de abrigo aos caramujos, hospedeiros intermediários dos vermes causadores da Esquistossomose, doença muito comum no Brasil. Sobre isso, analise as afirmativas abaixo.

I. A postura dos ovos ocorre nos capilares do intestino do hospedeiro. Eles são dotados de pequeno espinho, que perfura os vasos capilares e permite sua passagem para cavidade intestinal, de onde são eliminados junto com as fezes.

II. Na água, os ovos eclodem e libertam os miracídios, larvas ciliadas, que ao encontrarem o caramujo da família dos Planorbídeos, que lhes serve de hospedeiro intermediário, nele penetram, perdem os cílios e transformam-se no esporocisto primário.

III. O esporocisto primário gera o esporocisto secundário e este, as cercárias, que atravessam os tecidos do caramujo, saindo para a água. Se uma pessoa entrar em contato com a água, as cercárias podem penetrar pela sua pele, por ação de enzimas, que elas produzem, gerando uma coceira característica.

IV. Ao penetrarem no corpo humano, as cercárias perdem a cauda, são esquistosômulos, que passam para os vasos sanguíneos ou linfáticos, migrando para o fígado. O ciclo se completa com a migração dos vermes adultos para os vasos mesentéricos do hospedeiro, iniciando a postura de ovos.

V. Na fase aguda da doença, os sintomas são coceiras, dermatites, febre, vômito e emagrecimento, sendo a fase crônica, assintomática. A doença pode evoluir para quadros mais graves com o aumento do baço e do fígado. As medidas profiláticas mais eficazes no combate à doença são: uso de calçados, construção de instalações sanitárias e ingestão de carnes cozidas, para evitar a ingestão de ovos do parasita.

Sobre o ciclo de vida do parasita causador da doença e das mediadas profiláticas mais importantes no combate à doença, assinale a alternativa correta.

a) Apenas II, IV e V.

b) Apenas I, III e V.

c) Apenas I, II, III e IV.

d) Apenas I e V.

e) Apenas a III.

04. (UNIFOR) O Ceará registra um surto de sarampo após 15 anos sem casos da doença. Até março deste ano, foram confirmados 125 casos de sarampo. De acordo com a secretaria, bebês de até um ano são mais afetados pelo surto por não serem imunizadas, pois a dose de vacina contra o sarampo é aplicada a partir do nono mês de vida. A vacina é eficaz em cerca de 97% dos casos. O sarampo é uma doença infecto-contagiosa transmitida por secreções das vias respiratórias como gotículas eliminadas pelo espirro ou pela tosse.

Fonte: http://g1.globo.com/ceara/noticia/2014/04/surto-de-sarampo-no-ceara-atinge-principalmentebebes-de-ate-um-ano.html Acesso em 22 abr. 2014. (com adaptações)

Sobre o sarampo é correto afirmar:

a) A transmissão não pode ocorrer antes de surgirem os sintomas, assim é possível isolar o doente antes que ele se torne transmissor.

b) É uma doença pouco contagiosa, o risco de evoluir para encefalite é inexistente e o período de incubação é cerca de 12 dias.

c) Além das manchas avermelhadas na pele e febre, são observadas manchas brancas na parte interna das bochechas do paciente com sarampo.

d) A vacina não deve ser administrada em adultos que não foram vacinados e não tiveram a doença na infância bem como em mulheres grávidas.

e) O tratamento é feito a base antitérmico e antibióticos e visa ao alívio dos sintomas e a destruição do vírus.

05. (CEDERJ) As doenças venéreas, também conhecidas como Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), são infecções transmitidas através de relações sexuais e uma das principais formas de evitá-las é o uso de preservativos. Essas doenças devem ser tratadas de forma rápida e correta, pois seu desenvolvimento no corpo humano pode causar sérios problemas, tais como, infertilidade, doenças neonatais, câncer anogenital, comprometimento do aparelho reprodutor e até mesmo a morte. As DST causadas, respectivamente, por protozoário, bactéria e vírus são:

a) Gonorreia, Tricomoníase e AIDS.

b) Giardíase, Gonorreia e Tricomoníase.

c) Tricomoníase, Sífilis e Herpes genital.

d) Sífilis, Tricomoníase e AIDS.

06. A coluna à esquerda apresenta vermes parasitários comuns no Brasil, ao passo que à direita são descritos sintomas ou características das verminoses causadas pelos organismos da coluna à esquerda:

06

A alternativa que traz a correlação correta entre as colunas é:

a) 1-B; 2-E; 3-A; 4-D; 5-C.

b) 1-D; 2-A; 3-E; 4-B; 5-C.

c) 1-D; 2-E; 3-A; 4-C; 5-B.

d) 1-B; 2-C; 3-A; 4-D; 5-E.

e) 1-D; 2-E; 3-A; 4-B; 5-C.

07. (FPS) Segundo dados do Ministério da Saúde do Brasil, as doenças negligenciadas apresentam maior incidência em populações pobres e com deficiência de acesso aos serviços de saúde. Sobre este assunto, leia as afirmativas.

1. A leishmaniose é uma doença crônica, de manifestação cutânea ou visceral, causada por protozoários flagelados do gênero Leishmania.

2. A esquistossomose é causada por platelmintos parasitas e multicelulares do gênero Schistosoma, que tem como hospedeiro intermediário o porco.

3. A filaríase ou filariose é uma doença tropical infecciosa, causada por nematoides e transmitida através da picada de espécies de mosquitos.

Está(ão) correta(s):

a) 1 e 2, apenas.

b) 1 e 3, apenas.

c) 1, 2 e 3.

d) 2 e 3, apenas.

e) 2, apenas.

08. (UEA) Nove, entre dez exames laboratoriais feitos diariamente na Unidade Básica de Saúde e Pronto Atendimento (UBSPA) Gebes de Medeiros, em Manaus, acusam a presença de parasitoses. Segundo os dados, 70% dos pacientes contaminados são crianças. Os parasitas mais comuns identificados nos exames são Ascaris lumbricoides (lombriga), Entamoeba hystolitica (ameba) e Escherichia coli (bactéria).

(http://portalamazonia.globo.com. Adaptado.)

Os três parasitas citados no texto têm em comum o fato de:

a) Causarem os mesmos sintomas em todas as crianças afetadas.

b) Pertencerem à mesma classe, porém a gêneros diferentes.

c) Serem unicelulares e viverem no intestino humano.

d) Produzirem ovos que, ingeridos, provocam a contaminação.

e) Serem transmitidos por água e alimentos contaminados.

09(ENADE) A leptospirose é uma zoonose de ocorrência mundial, causada por bactérias do gênero Leptospira. Trata-se de uma doença infectocontagiosa que acomete o ser humano, animais domésticos e silvestres, amplamente disseminada, assumindo considerável importância como problema econômico e de saúde pública. A doença é de notificação obrigatória. A prevalência de leptospirose depende de um animal portador, que é o disseminador da contaminação, da sobrevivência do agente no ambiente e do contato de indivíduos suscetíveis com o agente. A persistência de focos de leptospirose é devida aos animais infectados, convalescentes e assintomáticos, os quais se comportam como fonte contínua de contaminação ambiental.

Disponível em: <http://www.zoonoses.org.br&gt;. Acesso em: 9 ago. 2013 (adaptado).

Nesse contexto, avalie as afirmações que se seguem.

I. Nos animais, a infecção ocorre por inalação do agente, ingestão de água ou alimentos contaminados por urina de animais doentes ou portadores.

II. No Brasil, a leptospirose é uma doença endêmica, tornando-se epidêmica em períodos chuvosos, principalmente nas capitais e áreas metropolitanas.

III. Em situações de rotina, os métodos sorológicos são consagradamente eleitos para o diagnóstico da leptospirose. Os mais utilizados no Brasil são o teste ELISA-IgM e a microaglutinação (MAT).

IV. A efetividade das ações de prevenção e controle com relação aos animais (sinantrópicos, domésticos ou de criação) e a consequente diminuição do nível de contaminação ambiental são importantes para a redução do número de casos humanos de leptospirose.

É correto apenas o que se afirma em:

a) I e III.

b) I e IV.

c) II e III.

d) I, II e IV.

e) II, III e IV.

10. (FCM-PB) Há aproximadamente oito anos, a revista Ciências Hoje publicou que na região litorânea de Santa Catarina foi confirmado um surto de Doença de Chagas, atingindo 25 pessoas e resultando em três óbitos. Este fato totalmente inesperado, uma vez que a região era considerada não endêmica da doença, inicialmente dificultou a resolução do diagnóstico por parte dos profissionais de saúde. O ocorrido foi assunto de destaque nos meios de comunicação com repercussão em todo país. A confirmação da infecção natural pelo Trypanosoma cruzi em um gambá e em vários exemplares de Triatomíneos comprovou a existência de um ciclo de transmissão do parasita naquela região. Em relação à origem, forma de transmissão, aspectos clínicos e forma de tratamento, é correto afirmar que:

a) A Doença de Chagas, em geral, tem duas etapas distintas no homem: a fase inicial, considerada a fase aguda, caracterizada por febre elevada e parasitemia, seguida de uma fase crônica, caracterizada pela diminuição do número de parasitas circulantes.

b) Podem ser considerados hospedeiros intermediários do Trypanosoma cruzi tanto os vertebrados como os invertebrados.

c) O tratamento de maior eficácia para a Doença de Chagas baseia-se na aplicação de antibióticos potentes.

d) Na transmissão da doença as formas mais comuns são o contato com fluidos orgânicos de doentes e ingestão de alimento contaminado.

e) A Doença de Chagas resulta de uma malformação cardíaca congênita.

11. (MACKENZIE) Toxoplasmose, giardíase e amebíase são 3 doenças que podem ser adquiridas pelo homem. A respeito delas, são feitas as seguintes afirmações:

I. As 3 são causadas por protozoários.

II. Os causadores das três apresentam um único hospedeiro.

III. Nos 3 casos, a contaminação ocorre por via oral.

IV. Uma delas é causada por um protozoário que apresenta duas fases de vida: sexuada e assexuada.

Estão corretas:

a) I e II, apenas.

b) I e III, apenas.

c) I, II e III, apenas.

d) I, II e IV, apenas.

e) I, III e IV, apenas.

12. (UFSC) O gráfico indica, em escala logarítmica, a relação dos casos de câncer em diversos órgãos com a idade dos indivíduos.

12

Com relação ao gráfico e ao desenvolvimento de câncer, indique a soma da(s) proposição(ões) correta(s).

01. Nos indivíduos na faixa de 20 a 30 anos, são mais comuns casos de câncer de esôfago.,

02. O tipo de câncer com maior probabilidade de se desenvolver a partir dos 50 anos, tanto em homens quanto em mulheres, é o da próstata.

04. Entre os tipos mostrados no gráfico, o câncer de pele é o que afeta de maneira mais precoce os indivíduos.

08. Uma pessoa de 80 anos tem aproximadamente 500 vezes mais chances de ter câncer de próstata do que uma pessoa de 40 anos.

16. Não se pode concluir que a idade dos indivíduos esteja relacionada com o desenvolvimento de cânceres.

32. As mutações genéticas que levam uma célula a se tornar cancerosa têm origem em fatores ambientais ou hereditários.

64. Estatisticamente, o câncer de esôfago é mais precoce que o de estômago.

Soma das proposições corretas:

13. (UPE) Identifique a associação correta entre os elementos que compõem as colunas abaixo.

13

14. (UniEvangélica) Leia as afirmações abaixo e analise o gráfico a seguir.

I. O agente causador infecta, em geral, células das glândulas salivares parótidas, provocando inchaço em um ou em ambos os lados da porção superior do pescoço, acompanhado de febre e de dor ao engolir. Entre 20% e 30% dos homens infectados após a puberdade apresentam inflamação dos testículos que, em casos raros, provoca esterilidade.

II. Afeta principalmente crianças; os primeiros sintomas assemelham-se aos de um resfriado. Em seguida sobrevém uma fase de tosse intensa. A tosse é a tentativa do organismo de eliminar o muco acumulado nas vias respiratórias. A prevenção é feita pela vacinação. O tratamento emprega antibióticos específicos. A recuperação é lenta e pode levar meses.

III. Os esporos estão presentes no solo e penetrem no corpo através de lesões profundas da pele. As toxinas liberadas atuam sobre os nervos motores, provocando fortes contrações musculares; se não é tratada a tempo, ocorre morte por parada respiratória e cardíaca. Como prevenção, utiliza-se vacinação. Em caso de ferimentos sujos e profundos com sinais de contaminação, aplica-se soro.

14

Disponível em: <http://portalsaude.saude.gov.br/portalsaude/noticia/9243.thml&gt;.

Acesso em: 01 out. 2013.

Considerando-se as afirmações I, II e III e o gráfico, tem-se o seguinte:

a) A doença ilustrada no gráfico está descrita resumidamente na afirmação II, que se refere a uma doença humana causada por bactéria. A maior cobertura vacinal, segundo o gráfico, foi entre os anos 2005 e 2007.

b) A doença ilustrada no gráfico está descrita resumidamente na afirmação I, que se refere a uma doença humana causada por vírus. A maior cobertura vacinal, segundo o gráfico, foi entre os anos 2000 e 2012.

c) A doença ilustrada no gráfico está descrita resumidamente na afirmação I, que se refere a uma doença humana causada por bactéria. A maior cobertura vacinal, segundo o gráfico, foi entre os anos 2011 e 2012.

d) A doença ilustrada no gráfico está descrita resumidamente na afirmação III, que se refere a uma doença humana causada por vírus. A maior cobertura vacinal, segundo o gráfico, foi entre os anos 1990 e 1992.

15. (FMJ)

15

Considerando o ciclo de vida do Ascaris lumbricoides, representado na figura, e conhecimentos sobre o assunto, é correto afirmar que o helminto:

a) Migra pelo fígado, coração e alvéolos do hospedeiro, desenvolvendo-se nas diferentes fases larvais.

b) É hermafrodita e produz ovos por autofecundação no intestino delgado do hospedeiro.

c) Libera proglotes, que podem ser ingeridas com a água ou verduras.

d) Se reproduz preferencialmente nos pulmões e as larvas são liberadas pelas vias aéreas do hospedeiro.

e) Se aloja preferencialmente no estômago do hospedeiro, local rico em nutrientes provenientes da digestão.

16. (IFMG) A doença de Chagas é causada pelo protozoário Trypanosoma cruzi. Esse parasito foi descoberto pelo médico brasileiro Carlos Chagas, que também descreveu seu ciclo de vida. As afirmativas abaixo sobre a doença de Chagas estão corretas, exceto:

a) O parasito é transmitido para o hospedeiro vertebrado por insetos conhecidos como “barbeiros”.

b) O inseto, após picar seu hospedeiro vertebrado, defeca; caso esteja contaminado por cruzi, os parasitos poderão penetrar através da ferida resultante da picada.

c) Como os insetos se instalam nas frestas das casas, uma importante medida para a profilaxia da doença de Chagas é a construção de casas de alvenaria.

d) O tratamento de esgotos é uma medida que reduz a transmissão da doença de Chagas, pois os insetos vetores se infectam com cruzi ao entrarem em contato com fezes contaminadas.

17. (CEDERJ) Em 1796, o médico inglês Edward Jenner coletou pus da ferida de uma pessoa que trabalhava na ordenha de vacas e que apresentava varíola bovina. Com o mesmo estilete contaminado, gerou arranhões no braço de um menino de oito anos, chamado James Phipps. Alguns meses depois, feriu novamente o braço deste menino, mas, dessa vez, com varíola humana. Jenner observou então que James não contraiu a varíola humana, permanecendo saudável. A partir dessas observações, o processo de imunização tornou-se difundido, passando a ser denominado vacinação (do latim: vaccina = vaca). James não contraiu a varíola humana, pois a primeira inoculação com o material contaminado:

a) Realizou sua imunização de forma passiva.

b) Transmitiu para ele anticorpos contra varíola.

c) Protegeu seu organismo imediatamente contra varíola.

d) Sensibilizou-o a produzir anticorpos.

18. (UNICENTRO) Observe a figura a seguir.

18

Com base na figura e nos conhecimentos sobre o ciclo da esquistossomose, assinale a alternativa correta.

a) A doença é causada por cestódeos do gênero Taenia, que se alojam no intestino; I representa proglótides grávidas e II os cisticercos que invadem a musculatura, através dos membros inferiores.

b) A doença é causada pelo nematelminto do gênero Ascaris. Os vermes adultos vivem no fígado; I representa cisticercos após a eclosão e II o verme adulto que penetra através da pele.

c) A doença é causada pelo platelminto do gênero Ancylostoma que se aloja no intestino; I representa as larvas cercárias e II a proglótide grávida que libera os ovos através da pele.

d) A doença é causada pelo trematódeo do gênero Taenia, que se aloja nas células do fígado; I representa um cisticerco e II um miracídio que se liberta do hospedeiro intermediário.

e) A doença é causada pelo trematódeo do gênero Schistosoma. Os vermes adultos vivem nas veias do fígado humano; I representa os miracídios e II as cercárias, que penetram ativamente através da pele.

19. (UPF) Alguns vermes são parasitas e infestam milhões de pessoas em todo o mundo, causando vários agravos à saúde. Associe cada verme da primeira coluna do quadro à(s) sua(s) característica(s) na segunda coluna, e, na terceira coluna, ao(s) órgão(s) do corpo humano parasitado(s) por esses vermes.

19a

Entre as alternativas abaixo, assinale aquela que apresenta, de cima para baixo, as sequências corretas da segunda e da terceira coluna.

19b

20. (IFSC) O gráfico abaixo representa um processo de imunização.

20

Adaptado de: LOPES, S.G.B.C. BIO 1. 1ª Ed. São Paulo: Saraiva. 2006.

Sobre o processo de imunização, assinale no cartão-resposta a soma da(s) proposição (ões) correta(s).

01. O gráfico representa um processo de imunização ativa. Vacinas como a do sarampo, rubéola e febre amarela funcionam de acordo com este mecanismo.

02. A vacinação é historicamente eficiente como método de profilaxia para doenças imunopreveníveis, como a varíola (virose erradicada) e a poliomielite ou paralisia infantil.

04. A resposta imunológica primária, representada no gráfico, pode ocorrer naturalmente (sem estar relacionada a uma vacinação), quando o organismo entra em contato pela primeira vez com um determinado antígeno.

08. Vacinas usualmente induzem a resposta primária, através da inoculação de antígenos atenuados, partículas do antígeno ou toxinas.

16. O gráfico representa um processo de imunização passiva. Neste procedimento os antígenos são produzidos em velocidades maiores e aumentam sua concentração a cada nova inoculação.

Soma das proposições corretas:

gab


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: