Publicado por: Djalma Santos | 30 de novembro de 2017

TESTES DE BOTÂNICA (21)

01. (PUC-MG) É preciso diferenciarmos o que vulgarmente denominamos “frutas” do que em biologia devemos considerar um “fruto”. Frutos são estruturas auxiliares do ciclo reprodutivo das angiospermas. Protegem as sementes e auxiliam a sua disseminação. Os frutos verdadeiros derivam do ovário amadurecido após a fecundação. A esse respeito, assinale a frase incorreta.

a) A parte suculenta e comestível da maçã e da pera não deriva do ovário, essas frutas não apresentam partes correspondentes ao fruto.

b) A parte suculenta do caju deriva do pedúnculo, mas a castanha é um fruto seco cuja parte comestível é a semente.

c) A banana utilizada na dieta humana é fruto verdadeiro, porém partenocárpico, não apresentando sementes.

d) O abacaxi é derivado de uma inflorescência, formando uma infrutescência dos ovários e demais peças florais.

02. (UEM) Com relação aos tecidos e aos órgãos vegetais, é correto afirmar que:

01. A epiderme é substituída pela periderme em órgãos com crescimento secundário.

02. Gemas apicais e laterais são estruturas de raízes associadas ao crescimento longitudinal.

04. Xilema, parênquima aquífero e esclerênquima são, respectivamente, tecido de condução, de reserva e de sustentação.

08. O androceu e o gineceu estão presentes em uma flor monóclina.

16. Tomate, morango e abacaxi são exemplos de pseudofrutos.

Soma das alternativas corretas:

03. (UFSC) Analise a descrição abaixo.

Agrupamento artificial de organismos fotossintetizantes, aquáticos ou de ambientes úmidos, cujo corpo é pouco diferenciado, com ausência de sistema especializado para condução de água e de células estéreis envolvendo as estruturas reprodutivas. Sobre a descrição, assinale a alternativa correta.

a) A descrição se refere às briófitas.

b) O grupo dos fungos se enquadra na descrição.

c) A descrição se refere ao grupo das algas.

d) Trata-se da descrição de um grupo monofilético de protistas.

e) Os corais fazem parte do grupo em questão.

04. (UFJF) As bromélias constituem um grupo vegetal que apresenta diversas espécies adaptadas à vida longe do solo. Também chamadas de epífitas, essas espécies desenvolvem suas raízes sobre troncos e galhos de árvores, sem causar prejuízos à planta suporte e dispõem de adaptações morfológicas em suas folhas para captação de água e nutrientes. Entre as alternativas a seguir, assinale aquela que apresenta estruturas morfológicas que possibilitam a ocorrência do epifitismo nesse grupo vegetal.

a) Raízes tuberosas e epiderme foliar revestida por cutícula espessa.

b) Raízes sugadoras e epiderme foliar desprovida de estômatos.

c) Raízes aéreas fixadoras e epiderme foliar com tricomas absorventes.

d) Gavinhas e estômatos localizados em cavidades da epiderme foliar.

e) Pneumatóforos e epiderme foliar com hidatódios.

05. (UEPG) A flor é a estrutura reprodutiva das plantas fanerógamas. Sobre os componentes da flor, assinale o que for correto.

01. A flor é um conjunto de folhas modificadas dispostas geralmente em círculos, os verticilos florais, que têm diferentes funções. De fora para dentro há três verticilos: o cálice, constituído de pétalas, a corola, constituída de sépalas, e a estrutura reprodutora masculina ou feminina.

02. Quanto à distribuição das estruturas reprodutoras, as flores são chamadas diclinas, ou seja, são unissexuadas, pois apresentam apenas estames quando femininas ou pistilo quando masculinas.

04. A flor se origina de uma gema floral que brota no caule, junto ao pecíolo de uma folha, e em geral fica protegida por uma bráctea sepaloide, em forma de pequena escama.

08. O cálice tem função protetora e geralmente é verde. Seus componentes podem se apresentar isolados ou ligados. A corola tem função atrativa, o que favorece a polinização, sendo colorida. Seus componentes também podem se apresentar isolados ou unidos, formando um tubo. O conjunto do cálice e corola constitui o perianto.

Soma das alternativas corretas:

06. (UEM) Identifique o que for correto sobre os processos fisiológicos das células vegetais.

01. Os elementos nitrogênio, fósforo e potássio são requeridos pelos vegetais em quantidades relativamente pequenas, sendo, por isso, chamados de micronutrientes.

02. A capilaridade é a principal força responsável pela ascensão da seiva do floema.

04. Fitocromo é um pigmento relacionado aos processos de germinação de sementes e de floração.

08. Inibição do crescimento, indução à dormência de gemas e de sementes são efeitos das giberelinas.

16. A fotossíntese é exemplo de processo anabólico e a respiração, de processo catabólico.

Soma das alternativas corretas:

07. (UFAC) Um professor, no intuito de demonstrar aos alunos o processo de germinação de uma semente, preparou o solo da escola com adubo orgânico e outros nutrientes. Em seguida, plantou algumas sementes, em locais com iluminação solar. Todo dia, o professor regava o referido local para favorecer a germinação das sementes e o aparecimento das plantas. Ao final do experimento, o professor explicou que a primeira estrutura vegetal que se forma, durante a germinação, denomina-se:

a) Folha.

b) Epicótilo.

c) Cotilédone.

d) Hipocótilo.

e) Radícula.

08. (UFV) As plantas de mangue apresentam “raízes respiratórias” que crescem verticalmente emergindo da água, permitindo sua sobrevivência no solo lodoso característico do manguezal. As raízes e as suas estruturas de aeração são chamadas, respectivamente, de:

a) Pneumatóforos e lenticelas.

b) Pneumatóforos e estômatos.

c) Raízes escoras e estômatos.

d) Raízes escoras e lenticelas.

09. (UFJF) Ao prescrever uma dieta para seu paciente, um nutricionista recomendou a ingestão de legumes de baixa caloria como a abobrinha, o pepino e a berinjela. De acordo com a terminologia botânica, no entanto, tais alimentos não podem ser considerados legumes porque o termo legume designa frutos:

a) Secos e deiscentes, e os alimentos citados correspondem a cápsulas, que são frutos carnosos e indeiscentes.

b) Carnosos e deiscentes, e os alimentos citados correspondem a drupas, que são frutos secos e indeiscentes.

c) Secos e deiscentes, e os alimentos citados são pseudofrutos (não são frutos verdadeiros).

d) Secos e deiscentes, e os alimentos citados correspondem a bagas, que são frutos carnosos e Indeiscentes.

e) Partenocárpicos (frutos que se desenvolvem sem a produção de sementes).

10. (UFV) O cruzamento entre duas linhagens de milho produziu sementes de endosperma AAaBBbddd. Qual é a constituição genotípica do embrião dessa semente?

a) AABBdd.

b) AaBBDD.

c) AaBbdd.

d) aabbdd.

11. (UNIFOR) De acordo com a sistemática moderna, a classificação dos seres vivos deve ser baseada nas relações filogenéticas existentes entre os atuais grupos de seres vivos. Assim, as atuais plantas terrestres: Briófitas, Pteridófitas, Gimnospermas e Angiospermas estão agrupadas no Reino Plantae, porque todas derivam, provavelmente, de um ancestral comum, que desenvolveu características capazes de possibilitar a exploração do ambiente terrestre. Nesse contexto, a inovação evolutiva que permitiu a grande expansão da vegetação nos continentes a partir deste ancestral comum foi:

a) o surgimento de sementes e dos vasos condutores de seiva.

b) o surgimento de flores e frutos.

c) o aparecimento de estruturas semelhantes aos caules e raízes atuais.

d) o surgimento de folhas modificadas para reprodução.

e) o aparecimento de órgãos reprodutores.

12. (UEPG) Com relação à anatomia, fisiologia e classificação das Gimnospermas e Angiospermas, assinale o que for correto.

I  II

0 0 – O termo gimnosperma significa que as sementes estão descobertas ou expostas, isto é, não protegidas nas flores.

1  1 – O pinheiro-do-paraná (Araucaria angustifolia) se enquadra entre as gimnospermas.

2  2 – O caulículo dá origem à parte inicial do caule ou hipocótilo, a gêmula origina a parte superior do caule, e o epicótilo as primeiras folhas.

3  3 – As flores são partes altamente especializadas de uma planta, nas quais se formam as estruturas reprodutivas das angiospermas.

4  4 – As monocotiledôneas apresentam folhas com nervuras paralelas, já as dicotiledôneas apresentam folhas com nervuras ramificadas.

13. (UERN) “Os vegetais vasculares caracterizam-se por apresentar tecidos condutores de seivas. A seiva mineral (bruta) é conduzida da raiz para a folha através do lenho ou xilema. A seiva orgânica (elaborada) é conduzida da folha para a raiz através do líber ou floema. A madeira corresponde ao lenho que deixou de transportar a seiva mineral e passou a exercer a função de sustentação no vegetal. Sabemos da sua importância no nosso cotidiano devido à grande utilização desse material pelo homem. Boa parte dos móveis das casas é feito de madeira. Pode ser usada também como combustível (carvão vegetal), na construção de casas, como dormente de linhas férreas, na construção de carroceria de caminhão, moirões de cerca etc. Esse tecido originado da diferenciação de células oriundas do câmbio ou do procâmbio, ocupa uma região mais interna no caule e na raiz, possuindo características que o difere do líber ou floema, que também tem sua origem da diferenciação de células produzidas pelo câmbio ou procâmbio.”

(Ser Protagonista: Biologia, 3: Ensino Médio / Antônio Carlos Bandouk. [ET. AL..]. – 1ª edição – São Paulo: Edições SM, 2009)

A figura a seguir ilustra um dos componentes do lenho. Observe:

13

Em qual das alternativas a seguir encontramos uma característica do lenho que o difere do líber?

a) Enquanto o lenho e um tecido formado por células mortas, o líber e formado por células vivas.

b) Enquanto o lenho conduz a seiva mineral no sentido folha-raiz, o líber conduz a seiva orgânica no sentido raiz-folha.

c) Enquanto o lenho não possui reforço de lignina, o líber possui esse tipo de reforço.

d) Enquanto o lenho ocupa a menor parte do caule, o líber ocupa a maior parte do caule.

14. (UENP) Os manguezais constituem-se em um tipo de vegetação pertencente ao bioma Floresta Atlântica. Ocorrem nas regiões litorâneas, especialmente estuarinas, desde o estado do Amapá até Santa Catarina. As espécies vegetais dos manguezais toleram condições ambientais muito severas, tais como substrato hipóxico e com baixa capacidade de sustentação, alta salinidade e variação de marés. Assinale a alternativa que, corretamente, cita algumas estruturas morfológicas que essas espécies possuem e que conferem tolerância a tais condições ambientais severas.

a) Raízes tabulares, haustórios, folhas decíduas, acúleos.

b) Raízes aéreas, haustórios, folhas compostas, espinhos.

c) Raízes aéreas, apreensórios, pneumatóforos, estômatos.

d) Raízes tabulares, raízes escora, folhas decíduas, glândulas de sal.

e) Pneumatóforos, raízes escora, glândulas de sal, viviparidade.

15. (UEPG) O homem deve muito às plantas, pois além de alimentos elas fornecem matérias-primas para as mais diversificadas utilizações. Com relação a essas utilizações, assinale o que for correto.

01. Atualmente, o IBAMA decretou a extração ampla de madeira de lei para a indústria moveleira.

02. Fitoterápicos são medicamentos compostos por substâncias derivadas de plantas ou partes de plantas.

04. O látex produzido a partir da seringueira é utilizado na produção de borracha e derivados.

08. Todas as substâncias alcaloides produzidas pelas plantas são inertes se administradas aos seres humanos.

Soma das alternativas corretas:

16. (UEPG) Quanto à diversidade das folhas e suas adaptações, assinale o que for correto.

01. Nas plantas de regiões áridas, as folhas são em geral pequenas e duras, devido à presença de tecidos de sustentação mecânica, sendo chamadas de xeromorfas. Às vezes, ficam reduzidas a pequenas escamas ou se transformam em espinhos, como nas cactáceas, o que resulta em boa economia de água para a planta porque diminui a superfície de transpiração.

02. Nas plantas de regiões úmidas, as folhas são geralmente grandes, sem tecido de sustentação. São chamadas de higromorfas. Nas que crescem à sombra (as umbrófilas), há maior quantidade de clorofila para garantir uma boa taxa de fotossíntese.

04. Algumas folhas mudam de forma e assumem outras funções, como os catáfilos dos bulbos da cebola, que acumulam reservas, e as gavinhas da ervilha, que promovem suporte para o crescimento da planta.

08. Quanto às cores, as folhas são sempre verdes, podendo variar a intensidade da cor, sendo mais escuras nas plantas que crescem diretamente expostas ao sol e mais claras naquelas que crescem à sombra.

Soma das alternativas corretas:

17. (UFRN) Ao longo do processo de evolução, os organismos vão aumentando sua complexidade, o que lhes proporciona maiores alternativas de sobrevivência e reprodução. No reino Plantae, a sequência crescente de complexidade é briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiospermas. Levando-se em conta tipos de vegetais comuns, a sequência da espécie mais simples para a mais complexa pode ser:

a) Musgo, samambaia, cacto.

b) Alga verde, capim, coqueiro.

c) Urtiga, carnaúba, mangueira.

d) Cajueiro, cana, coentro.

18. (UFSC) Assinale a alternativa correta, sobre anatomia e fisiologia vegetal.

a) Plantas de locais secos apresentam geralmente folhas longas e espessas, com cloroplasto somente na epiderme da face abaxial.

b) As mudanças de turgência das células-guarda são resultado da entrada e saída de potássio e do nível de sacarose nestas células. O estômato se fecha quando há acúmulo de potássio e sacarose dentro das células-guarda.

c) Com base na sua necessidade de água, as plantas classificadas como hidrófitas são plantas adaptadas a ambientes com carência de água por longos períodos.

d) Nas folhas de plantas C4, a bainha de células parenquimáticas que envolve os feixes vasculares possui cloroplastos.

e) Os estômatos estão relacionados com a entrada e saída de ar e com a transpiração. As plantas do tipo CAM fecham seus estômatos à noite e abrem-nos apenas durante o dia.

19. (UPE) As angiospermas compreendem uma ampla diversidade de plantas; os dois maiores grupos que as constituem correspondem às monocotiledôneas e às dicotiledôneas, os quais são distintos por diversas características. O quadro abaixo mostra, de forma aleatória, características que são observadas frequentemente em um ou outro grupo.

I. Raiz axial.

II. Pólen monoaperturado (possui um poro ou sulco).

III. Folhas com nervuras paralelas.

IV. Flores tetrâmeras ou pentâmeras.

V. Vasos de condução ordenados regularmente.

Assinale a alternativa que indica características que estão presentes apenas nas Monocotiledôneas.

a) I, II, III e IV.

b) II e III.

c) II, III e IV.

d) III, IV e V.

e) IV e V.

20. (UNIOESTE) O reino Plantae é composto por organismos cuja história evolutiva foi marcada pela progressiva adaptação ao ambiente terrestre. Pode-se afirmar que:

a) As briófitas possuem vasos condutores, mas dependem da agua para a reprodução.

b) A aquisição evolutiva mais importante das pteridófitas foi o surgimento das sementes.

c) A independência da água para a reprodução surgiu nas gimnospermas, devido à presença de elementos que permitiram a fecundação sem a necessidade de água.

d) As angiospermas são plantas que não possuem sementes no interior dos frutos

e) As gimnospermas foram as primeiras plantas vasculares.

21. (UFV) Analise as seguintes afirmativas sobre o ciclo reprodutivo de diferentes grupos de plantas:

I. Os anterozoides são células flageladas produzidas pelas briófitas, e requerem água livre para moverem-se até a oosfera.

II. Uma característica comum entre as briófitas e as plantas vasculares é a retenção do zigoto e do esporófito jovem no interior do gametófito feminino.

III. Nas plantas vasculares, o esporófito haploide é a fase predominante no ciclo de vida, e produz grande quantidade de esporos diploides.

Está correto o que se afirma apenas em:

a) I e II.

b) II e III.

c) I e III.

d) II.

22. (UEMS) Qual característica das Angiospermas, que as difere dos outros grupos vegetais, sendo decisiva para o sucesso evolutivo desse grupo?

a) O crescimento rápido, o que é favorável às suas relações de competição com outras plantas.

b) Sementes protegidas por frutos, que facilitam a dispersão e preparam o solo onde caem garantido sua própria germinação.

c) Menor exigência de nutrientes, o que facilita a sua dispersão e ocupação de solos pobres.

d) Apresentação de maior área foliar, o que permite uma melhor utilização da luz solar.

e) Independência do meio aquático para reprodução.

23. (UPE) As afirmativas abaixo se referem a eventos comuns que são observados na reprodução das Angiospermas. Analise-as.

I. O transporte do pólen até o estigma da própria flor ou de outras flores pode ser realizado por diversos tipos de agentes polinizadores, dependendo de processos adaptativos, que as plantas sofreram durante a evolução. Assim, flores polinizadas por animais, por exemplo, geralmente têm características que os atraem, como corola vistosa, glândulas odoríferas e produtoras de substâncias açucaradas.

II. Ocorrendo a polinização, o grão de pólen entra em contato com o estigma de uma flor reprodutivamente compatível, germina e forma o tubo polínico. Esse tubo cresce no interior do estilete, atinge o ovário e penetra no óvulo, através da micrópila.

III. No interior do tubo polínico, um dos núcleos espermáticos degenera, e o outro fecunda a oosfera, formando o zigoto (2n), que se desenvolverá, originando o embrião, o qual será nutrido através de um tecido triploide (3n), denominado de endosperma.

IV. Após a fertilização, o óvulo e o ovário serão modificados, originando a semente e o fruto, respectivamente. Nesse processo, as sinérgides e os núcleos polares se fundem, formando o tecido suspensor.

Somente está correto o que se afirma em:

a) I e II.

b) II e III.

c) III e IV.

d) I, II e III.

e) II, III e IV.

24. (UNICENTRO) Uma visita ao supermercado pode ser uma aula de botânica, já que em várias gôndolas podem ser encontrados diversos órgãos vegetais à venda. A este respeito, assinale a alternativa correta.

a) A parte comestível da cenoura e da batata-inglesa são exemplos de raízes tuberosas.

b) Os tubérculos são caules subterrâneos que armazenam substâncias, como a batata-inglesa e o rabanete.

c) Órgãos fotossintetizantes também são comercializados no supermercado como as folhas de alface e couve.

d) É considerado fruto simples, além da maçã e banana, também o abacaxi.

e) As sementes são comercializadas apenas após secagem, como no caso de arroz, feijão e ervilha.

25. (UEM) O corpo do vegetal é composto por órgãos vegetativos e reprodutivos. Levando em consideração a estrutura e a função desses órgãos, assinale o que for correto.

01. As flores são formadas por verticilos florais protetores, representados pelo gineceu e pelo androceu e pelos verticilos reprodutores, representados pelo cálice e pela corola.

02. A condução da seiva bruta nas angiospermas ocorre das raízes até as folhas; esse transporte é realizado pelo floema, no interior do qual as moléculas de água se mantêm unidas por pressão osmótica.

04. As células dos meristemas apicais do caule e da raiz originam os tecidos meristemáticos primários, representados pela epiderme, meristema fundamental e câmbio fascicular.

08. Os feixes vasculares no caule dos representantes de monocotiledôneas encontram-se espalhados pelo parênquima fundamental, enquanto que, nos representantes de dicotiledôneas, estão dispostos em anel, ao redor da medula.

16. A estrutura de uma folha de plantas terrestres é composta pela epiderme superior, pelo parênquima clorofiliano do tipo paliçádico, por outro do tipo lacunoso e pela epiderme inferior com estômatos.

Soma das alternativas corretas:

26. (UEM) Considere as afirmações abaixo e assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

01. Beterraba, maçã, tomate e batata-inglesa são exemplos, respectivamente, de raiz tuberosa,

pseudofruto, fruto carnoso tipo baga e caule do tipo tubérculo.

02. O colênquima é um tecido de sustentação, formado por células mortas, com paredes espessas e lignificadas.

04. O único fitormônio gasoso, o etileno, atua na indução do amadurecimento de frutos.

08. Os frutos da gimnosperma Araucaria angustifolia ou pinheiro-do-Paraná são comestíveis e popularmente conhecidos como pinhão.

16. Os organismos formadores de mofos, bolores e micoses são autotróficos e armazenam o glicogênio como substância de reserva em suas células.

Soma das alternativas corretas:

27. (COVEST) A figura abaixo apresenta alguns tecidos vegetais. Analise-a para avaliar as proposições seguintes.

27

I   II

0  0 – Em A, as estruturas identificadas pelo número 1 têm a função de efetuar trocas gasosas e fazer a regulação hídrica do vegetal.

1  1 – A estrutura indicada pelo número 3 é chamada “coifa” e tem a função de proteger o tecido subjacente durante o crescimento radicular.

2 2 – O tecido indicado pelo número 2 é conhecido como mesênquima. É constituído principalmente de células rígidas, em sua maioria, mortas, para resistir às tensões provocadas pelo crescimento radicular.

3  3 – O esclerênquima é um tecido rígido, formado principalmente por células mortas, quando maduro, e com função de sustentação.

4 4 – Xilema e floema constituem o tecido de condução que permite a circulação da seiva, constituída essencialmente de matéria orgânica, e da seiva com matéria inorgânica, respectivamente.

28. (UPE) Uma das vegetações típicas do sertão nordestino corresponde às cactáceas, como, por exemplo, o mandacaru e o cacto. Esses e outros vegetais dessa região apresentam características morfofisiológicas que permitem sua adaptação ao ambiente seco. Sobre essas características e seus respectivos efeitos, analise as afirmativas abaixo.

I. Folhas modificadas em espinhos, reduzindo a superfície foliar e, consequentemente, a perda de água.

II. Presença de parênquima aquífero, contribuindo para o suprimento hídrico da planta.

III. Epiderme rica em ceras impermeabilizantes ou portadora de pelos, favorecendo o aumento da transpiração.

IV. Abertura permanente dos estômatos durante o dia, favorecendo a absorção do CO2 e retenção de água.

Somente está correto o que se afirma em:

a) I, II e III.

b) II, III e IV.

c) I, III e IV.

d) I e II.

e) III e IV.

29. (UNESP) As “espécies” dos grupos vegetais A e B assemelham-se, pois:

– Crescem preferencialmente em solos úmidos.

– Possuem órgãos de reprodução pouco desenvolvidos.

– São destituídas de flores, sementes e frutos.

– Dependem da água para a reprodução.

– Reproduzem-se por alternância de gerações.

Contudo, as “espécies” do grupo A são vasculares e as do grupo B, avasculares. Nos grupos A e B, poderiam estar incluídas, respectivamente,

a) Clorófitas e rodófitas.

b) Samambaias e avencas.

c) Musgos e hepáticas.

d) Musgos e samambaias.

e) Avencas e hepáticas.

30. (UFPB) A figura abaixo, ilustra a evolução das plantas atuais.

30

                 (Adaptada de: PURVES, K. W.; SADAVA, D.; ORIANS, G. H.; HELLER, H. C.

Vida: a ciência da biologia. 6. ed. Porto Alegre: Artmed, 2005, p. 508.).

Sobre os diversos grupos vegetais pertencentes às Traqueófitas (plantas vasculares), assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

I   II

0  0 – Licopódios e Cavalinhas apresentam alternância de geração e são plantas homósporas.

1  1 – Cícadas e Gnetófitos fazem parte do grupo de plantas com flores, sem frutos e com sementes, conhecidas como Gimnospermas.

2  2 – Angiospermas são plantas que, além de apresentarem dupla fecundação, possuem endosperma triploide.

3  3 – Angiospermas possuem dois grandes grupos monofiléticos: as dicotiledôneas e as monocotiledôneas.

4  4 – Gimnospermas e Angiospermas apresentam as traqueídes como as principais células condutoras do xilema.

gab

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: