Publicado por: Djalma Santos | 30 de setembro de 2015

TESTES DE DIVISÃO CELULAR (3)

01. Analise as figuras:

01

Observando-se a figura acima, é correto afirmar que:

a) 1 representa uma anáfase da mitose de uma célula 2n = 4.

b) 2 é a metáfase II da meiose de uma célula 2n = 2.

c) 3 é a prófase da mitose de uma célula 2n = 8.

d) 4 é a metáfase da mitose de uma célula 2n = 4.

e) 5 é a anáfase II da meiose de uma célula 2n = 4.

02. (UDESC) Durante o processo de divisão celular, o material genético sofre ____________, dando origem aos ____________. Essas estruturas apresentam uma constrição primária denominada ___________, em que se ligam as fibras do fuso.

Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas do texto acima.

a) Espiralização; cromossomos; centrômero.

b) Diluição; centrômero; cinetócoro.

c) Empacotamento; nucléolos; cromátide-irmã.

d) Desespiralização; cromossomos; cinetócoro.

e) Compactação; centrômeros; cromossomos.

03. Em uma célula de um determinado indivíduo, com 2n igual a 4, afigura abaixo representa.

03

a) Uma célula procariota em metáfase.

b) Uma célula animal em mitose.

c) Uma célula vegetal em metáfase.

d) Uma célula animal em anáfase II da meiose.

e) Uma célula animal em anáfase I da meiose.

04. (UEM) A seguir são feitas afirmações referentes aos processos de mitose e de meiose.

A. Duas divisões celulares consecutivas, cada uma dividida em quatro fases.

B. Ocorre o emparelhamento dos cromossomos homólogos e o processo de permutação de material genético.

C. Processo equacional de divisão celular.

D. Como consequência, ocorre redução à metade do número de cromossomos nas células filhas.

E. Na espécie humana é através deste processo que se originam os gametas.

F. As células filhas são idênticas às células mães.

Em relação a essas afirmações, assinale o que for correto.

01. A afirmação A refere–se à meiose.

02. A afirmação B refere–se à mitose.

04. A afirmação C refere–se à meiose.

08. A afirmação D refere–se à meiose.

16. A afirmação E refere–se à mitose.

32. A afirmação F refere–se à mitose.

Soma das alternativas corretas:

05. (IFSul) Os seres vivos multiplicam suas células, no processo de divisão celular, com a finalidade de reproduzir-se, crescer e repor células perdidas. Sobre esse processo, são feitas algumas considerações:

I. Enquanto na mitose ocorre uma duplicação cromossômica para uma divisão celular, na meiose ocorre uma duplicação cromossômica para duas divisões celulares.

II. A interfase é o período que precede a divisão de uma célula. Nessa fase, a célula está em grande atividade celular, pois ocorre a duplicação do DNA.

III. Na anáfase I, ocorrem separação de cromossomos homólogos e migração para os polos, enquanto, na anáfase II, ocorrem separação das cromátides-irmãs e migração dos cromossomos-irmãos para os polos.

IV. Nos vegetais, a mitose é cêntrica e a citocinese é centrípeta (de “fora para dentro”), enquanto que, nos animais, é acêntrica e a citocinese é centrífuga (de “dentro para fora”).

Estão corretas as afirmativas

a) I, II e III, apenas.

b) I, III e IV, apenas.

c) II e IV, apenas.

d) I, II, III e IV.

06. (UNISINOS) Considere os processos abaixo, relativos às divisões celulares, em que as esferas repre­sentam células haploides (n) e diploides (2n):

06

Sobre esses processos, assinale a sequência cor­reta, da esquerda para a direita, das divisões celu­lares representadas pelas figuras:

a) I – Meiose; II – Mitose; III – Meiose.

b) I – Mitose; II – Mitose; III – Meiose.

c) I – Meiose; II – Meiose; III – Mitose.

d) I – Mitose; II – Meiose; III – Meiose.

e) I – Mitose; II – Meiose; III – Mitose.

07. (UEM) Considerando o processo da divisão celular, assinale a alternativa correta.

a) Durante a prófase da mitose, os cromossomos homólogos formam pares e trocam pedaços.

b) Durante a anáfase I da meiose, as cromátides irmãs se separam, indo para os polos da célula.

c) As fibras do fuso mitótico das células de animais são organizadas a partir do centro celular.

d) Nos vegetais, a citocinese é centrípeta e, nos animais, é centrífuga.

e) A interfase é o período entre as duas divisões da meiose.

08. (UPF) As figuras abaixo mostram, de forma esquemática, células de um mesmo organismo em diferentes fases da mitose ou da meiose I. As células somáticas desse indivíduo apresentam número cromossômico 2n = 6. Identifique em que fase da divisão celular se encontram as células representadas nas figuras 1 a 5, respectivamente:

08

a) Metáfase, telófase I, prófase, metáfase I, telófase.

b) Metáfase I, anáfase, prófase I, metáfase, anáfase I.

c) Metáfase, anáfase I, prófase, metáfase I, anáfase.

d) Prófase I, anáfase I, metáfase, prófase I, anáfase.

e) Prófase, anáfase, metáfase I, prófase, anáfase I.

09. (UNIMONTES) Divisão celular é o processo que ocorre nos seres vivos, através do qual uma célula se divide por meio de mitose ou meiose. As alternativas abaixo estão relacionadas a esse processo. Analise-as e assinale a que corresponde a uma característica da meiose.

a) Ocorre em todas as fases da vida.

b) Resulta em duas células.

c) Ocorre uma divisão de cromossomos e uma de citoplasma.

d) Há emparelhamento de cromossomos homólogos.

10. (VUNESP) Assinale a alternativa que representa a associação correta entre o tipo de divisão celular e os processos que ocorrem durante a divisão.

a) Mitose – produção de gametas com redução no número de cromossomos.

b) Meiose – ocorrência de crossing-over ou permutação na Prófase I.

c) Meiose – número de células-filhas ao fim do processo é o dobro do número de células-mãe.

d) Meiose – produção de células 2n, após a Meiose I.

e) Mitose – emparelhamento dos cromossomos homólogos na Prófase.

11. (UEM) Em relação à reprodução celular, assinale a alternativa correta.

a) Durante a mitose, os cromossomos homólogos se emparelham na metáfase e se repelem na anáfase.

b) Durante o ciclo celular, os cromossomos se duplicam na prófase da mitose.

c) Os cromossomos homólogos se emparelham e trocam pedaços durante a prófase da primeira divisão meiótica.

d) A anáfase da primeira divisão da meiose é idêntica à anáfase da mitose.

e) Durante a mitose e a meiose, o conteúdo de DNA da célula é duplicado.

12. (UNESP) Em relação ao processo de divisão celular, podemos afirmar que:

a) A mitose consiste em duas divisões celulares sucessivas.

b) Os óvulos e os espermatozoides são produzidos por divisões mitóticas.

c) Durante a meiose não ocorre a permutação ou “crossing-over”.

d) A meiose é um processo que dá origem a quatro células haploides.

e) Durante a mitose as cromátides irmãs não se separam.

13. Com relação à interfase, marque a alternativa incorreta:

a) Durante a interfase, os filamentos cromossômicos permanecem descondensados e distribuídos no interior do núcleo, constituindo a cromatina.

b) É no período de interfase que o DNA cromossômico está em plena atividade, produzindo moléculas de RNA com instruções para síntese de proteínas.

c) É também durante a interfase que a célula cresce e que as moléculas de DNA dos cromossomos se duplicam, preparando a célula para a próxima divisão.

d) A interfase é subdividida em quatro fases: a fase G1, a fase S, a fase G2 e a fase gap.

e) Na interfase o material genético está na forma de filamentos de cromatina.

14. Observe o seguinte esquema de uma célula em divisão:

14

É correto afirmar que ele representa uma célula em:

a) Meiose, já que está ocorrendo migração dos cromossomos homólogos para polos opostos.

b) Meiose, dada a migração das cromátides-irmãs para polos opostos.

c) Mitose, porque os cromossomos homólogos estão emparelhados.

d) Mitose, por existirem duas cópias de cada cromossomo.

e) Mitose, devido à presença de duas cromátides em cada cromossomo.

15. (UNIOESTE) Considere que as células de um organismo diploide contenham dois cromossomos. Considere ainda que essas células se apresentam em mitose e/ou meiose.

15

Observe as figuras acima, analise as proposições e escolha a(s) correta(s).

01. A e B representam células em metáfase da meiose I.

02. A e C representam células em anáfase da mitose.

04. B e C representam células em prófase da mitose.

08. A representa uma célula em telófase da meiose II.

16. B representa célula em metáfase da meiose II.

32. C representa célula em anáfase da meiose I.

64. A, B e C representam células em fases diferentes da mitose.

Soma das alternativas corretas:

16. (UEM) Identifique o que for correto sobre a interfase, a mitose e a meiose de células eucarióticas.

01. A separação do centrômero acontece na anáfase da mitose e na anáfase da meiose I.

02. A prófase da mitose termina com o rompimento da carioteca.

04. Na interfase, a atividade metabólica das células cessa.

08. Na meiose, ocorrem duas divisões celulares sucessivas, mas apenas a meiose I é reducional, decrescendo o número de cromossomos à metade.

16. A síntese de DNA nuclear ocorre durante a fase S da interfase.

Soma das alternativas corretas:

17. (UNEASPAR) Assim como os seres humanos tem seu ciclo de vida, em que nascemos, crescemos, podemos nos reproduzir e morremos; as células também tem seu ciclo de vida. Sobre ele, assinale a alternativa correta:

a) O ciclo celular é dividido em interfase e meiose nas células somáticas.

b) A interfase é a fase mais curta do ciclo celular em todas as células do corpo.

c) A mitose é subdividida nas fases G1, S e G2.

d) A interfase é a etapa do ciclo celular em que a célula apresenta intensa atividade metabólica.

e) O ciclo celular ocorre somente em células que originam os gametas.

18. (UPF) Nos animais, incluindo o homem, as células diploides apresentam dois conjuntos de cromossomos (2n). Nos anfíbios essas células apresentem, geralmente, 2n entre 16 e 28 cromossomos. Um anfíbio com 2n = 20 cromossomos deverá apresentar células em metáfase II com:

a) 10 pares de cromossomos duplicados.

b) 10 cromossomos duplicados.

c) 10 cromossomos simples.

d) 10 pares de cromossomos simples.

e) 20 cromossomos duplicados.

19. (IFNMG) Em relação aos processos de divisão celular, observe as figuras abaixo e marque a proposição incorreta:

19

a) A proliferação celular anormal, representada na figura A, causa a formação de tumor cancerígeno e ocorre por alterações no processo de mitose.

b) A mitose é um processo que ocorre em animais e vegetais, porém a meiose é exclusiva de animais.

c) Problemas cromossômicos como a trissomia do 21, representada na figura B, ocorre por alterações no processo de meiose.

d) Quando a célula tumoral atinge a corrente sanguínea, ela poderá se instalar em um novo local e originar um novo tumor.

20. (UPE) A proliferação celular exagerada está diretamente relacionada ao desenvolvimento de câncer. Tem-se como exemplo de bloqueio desse processo o uso de drogas antimitóticas, que desorganizam o fuso mitótico. Em relação à formação e ao papel do fuso mitótico em condições normais, é correto afirmar que:

a) A carioteca, membrana nuclear formada por proteínas fibrosas do citoesqueleto, está envolvida na formação do fuso mitótico, essencial à adesão celular.

b) O citoesqueleto é uma rede citoplasmática de ácidos nucleicos envolvidos no processo da formação do fuso mitótico, de lisossomos e do acrossomo, responsáveis pela mitose.

c) Os centríolos são cilindros formados por actina e miosina, envolvidos na formação do fuso mitótico, dos cílios e flagelos, que auxiliam na movimentação celular.

d) Os centrômeros são responsáveis pela formação do fuso mitótico constituído de carboidratos, essencial ao direcionamento do ciclo celular.

e) Os microtúbulos são constituídos de tubulinas e formam o fuso mitótico, responsável pela correta segregação dos cromossomos durante a divisão celular.

gab

Publicado por: Djalma Santos | 30 de setembro de 2015

TESTES DE POLUIÇÃO (IV)

01. (UCB)

Brasileiros na Antártida verificam presença de substâncias tóxicas em aves marinhas.

A análise de pinguins e skuas, aves marinhas abundantes na Antártida, aponta contaminação por mercúrio e poluentes orgânicos. Essas aves são consideradas excelentes indicadores da contaminação ambiental porque estão no topo da cadeia alimentar. Pinguins e skuas alimentam-se de peixes, que, por sua vez, comem peixes menores, os quais se alimentam de plâncton, que absorve as substâncias tóxicas presentes na água. A maioria das substâncias tóxicas que estão sendo encontradas tem origem humana e é transportada para a Antártida por massas de ar e pelos próprios animais que migram para regiões contaminadas durante o inverno austral e, quando voltam para a área de reprodução no sul, espalham as substâncias tóxicas no ambiente. O mercúrio, quando exposto à ação de microrganismos do ambiente, transforma-se em metilmercúrio, uma variante que é de cem a mil vezes mais tóxica que a forma original do metal. Por ser lipossolúvel, ele atravessa a membrana plasmática das células com facilidade e pode agir sobre o sistema nervoso, além de também alterar a formação dos embriões, prejudicando a oportunidade de sobrevivência e afetando o sucesso reprodutivo das espécies.

                        Internet: <http://cienciahoje.uol.com.br&gt; (com adaptações). Acesso em 6/5/2011.

Quanto ao assunto abordado no texto, julgue os itens a seguir, assinalando (V) para os verdadeiros e (F) para os falsos.

I   II

0  0 – Pinguins e skuas foram selecionados para servirem de referência no estudo feito na Antártida porque, como estão no topo da cadeia alimentar, concentram em seus organismos altos índices de poluentes.

1 1 – O plâncton é a base da cadeia alimentar marinha, pois é constituído por organismos autótrofos.

2 2 – Os embriões de aves e peixes apresentam desenvolvimento externo em ovos do tipo oligolécitos com o tipo de segmentação holoblástica parcial.

3  3 – A estrutura básica do sistema nervoso central de aves e peixes é semelhante, mas o tamanho das diferentes regiões do cérebro é variável.

4 4 – A contaminação por mercúrio e poluentes orgânicos, se não controlada, afeta negativamente a taxa de crescimento populacional dos organismos envolvidos.

02. (UFSC) Durante sua longa história, a Terra experimentou períodos de aquecimento e resfriamento globais. Há evidências de que nos últimos anos a troposfera está ficando mais quente e que esta tendência levará a uma mudança climática significativa durante este século. Sobre o efeito estufa e o aquecimento global, analise as afirmativas abaixo.

I. O efeito estufa é o fenômeno natural pelo qual a energia emitida pelo sol, em forma de luz e radiação, é acumulada na superfície e na atmosfera terrestres, aumentando a temperatura do planeta.

II. O efeito estufa acontece principalmente pela ação de dióxido de carbono (CO2), CFCs, metano, óxido nitroso e vapor de água, que formam uma barreira contra a dissipação da energia solar.

III. Mesmo com um corte radical na emissão de gases, os efeitos do aquecimento continuarão, porque são necessárias décadas para que as moléculas dos gases que já estão na atmosfera sejam desfeitas e parem de acumular energia solar em excesso.

IV. A atividade humana tem contribuído para aumentar o efeito estufa. A constante queima de combustíveis fósseis tem provocado aumento significativo da taxa de gás carbônico no ar.

Assinale a alternativa correta.

a) Todas as afirmativas estão corretas.

b) Somente as afirmativas II, III e IV estão corretas.

c) Somente as afirmativas I, II e III estão corretas.

d) Somente as afirmativas I e II estão corretas.

e) Somente as afirmativas III e IV estão corretas.

03. (UEG) O gás carbônico age como um gás estufa e suas concentrações na atmosfera têm mudado no decorrer dos anos, conforme apresentado na figura a seguir.

03

Sobre este assunto, é correto afirmar:

a) O aumento na concentração de CO2 foi maior nos últimos 30 anos, atingindo a estabilidade a partir do ano 2000.

b) Os níveis crescentes de CO2 na atmosfera, a partir de 1860, podem ter sido ocasionados pela diminuição da temperatura média da Terra.

c) A diminuição da concentração de CO2, na atmosfera, antes de 1960, pode ter sido causada pelo menor consumo de carvão, óleo e gás para produção de energia.

d) Antes de 1860, a concentração de CO2 na atmosfera era escassa numa ordem de 280ppm, havendo um aumento para mais de 350ppm, durante os últimos 150 anos.

04. (COVEST) A popularização de carros bicombustíveis no Brasil fez o consumidor utilizar uma máquina calculadora antes de abastecer o veículo, de forma a tentar prever a relação custo-benefício no uso do etanol ou da gasolina. Neste caso, a vantagem financeira ao abastecer com etanol é real quando seu valor não ultrapassa 70 % do valor da gasolina. Mas e o custo ambiental dessa escolha? Sobre esse assunto, considere as afirmações seguintes.

I   II

0  0 – Nos meses de inverno, ocorre resfriamento do solo, e a convecção que dispersa os poluentes para as camadas superiores da atmosfera é interrompida.

1  1 – São vantagens derivadas da utilização de etanol em relação a gasolina, a maior eficiência  energética e o fato de ser ele um combustível renovável.

2  2 – As queimadas para o plantio da cana de açúcar causam poluição atmosférica, mas boa parte do gás carbônico liberado é reabsorvido durante o crescimento da planta.

3  3 – A utilização de gasolina adulterada com resíduos de enxofre libera gases nocivos à camada de ozônio, tais como o dióxido de enxofre.

4  4 – A combustão da gasolina libera para a atmosfera monóxido de carbono, o qual é perigoso para a saúde humana, pois pode provocar asfixia.

05. (UPE) O nível de substâncias radioativas registrou forte alta no mar a 15 quilômetros da área da central nuclear de Fukushima, afetada pelo terremoto e tsunami de 11 de março, informou a operadora da usina, Tokyo Electric Power Company (Tepco).

Amostras coletadas apresentaram um resultado 600 vezes superior ao nível máximo que havia sido encontrado até agora no entorno da usina.

A empresa diz que é difícil avaliar os resultados das amostras, porque não existem limites legais quanto à presença dessas substâncias no oceano. Também não soube informar se os padrões atuais são considerados perigosos e disse que ainda avalia o impacto desses níveis na vida marinha.

Trecho adaptado da Revista Veja on line http://veja.abril.com.br/noticia/internacional/nivel-de-radioatividade-aumenta-no-mar-nasproximidades-de-fukushima

Sobre isso, analise as afirmativas a seguir:

I. A energia nuclear é utilizada como alternativa energética em vários países, inclusive no Brasil, e tem como um de seus aspectos positivos o lixo nuclear, resultado do processo de geração de energia das usinas que é acumulado, de forma eficiente, em todo o mundo.

II. A contaminação do ar e dos oceanos é motivo de preocupação, pois a radiação pode ser causa de mutações genéticas nos seres expostos, mas, apenas, na geração já existente, sem qualquer efeito teratogênico nas futuras gerações.

III. Energias limpas, como eólica ou solar, têm sido uma alternativa utilizada no mundo, em particular, em áreas que favoreçam sua utilização, como regiões de alta incidência solar, a exemplo da região do nordeste brasileiro.

Somente está correto o que se afirma em:

a) I.

b) II.

c) III.

d) I e II.

e) II e III.

06. (FEI) Torna-se cada vez mais premente a necessidade em cuidar da natureza. Sabemos que as ações antrópicas sobre os ecossistemas devem ser minimizadas ou até cessadas, devido aos grandes desequilíbrios ambientais que podem causar. Um exemplo disso é o derramamento de óleo nos oceanos, fato preocupante, pois:

a) Atua sobre seres nectônicos, que podem ser fotossintetizantes, gerando a morte desses organismos e o desequilíbrio na cadeia alimentar.

b) Atua sobre seres bentônicos, os quais podem ser fotossintetizantes, gerando a morte desses organismos e o desequilíbrio na cadeia alimentar.

c) Atua sobre seres planctônicos, os quais podem ser fotossintetizantes, gerando a morte desses organismos e o desequilíbrio na cadeia alimentar.

d) Atua sobre seres abissais, os quais podem ser quimiossintetizantes, gerando a morte desses organismos e o desequilíbrio na cadeia alimentar.

e) Atua sobre seres nectônicos, os quais podem ser quimiossintetizantes, gerando a morte desses organismos e o desequilíbrio na cadeia alimentar.

07. (URCA) Os dados a seguir indicam a produção de oxigênio (em toneladas por hectare) para alguns ambientes:

Oceanos 10,0

Florestas 6,67

Terras cultivadas 3,95

Campos 0,93

De acordo com esses dados, o suprimento de oxigênio atmosférico é mais seriamente ameaçado por:

a) Poluição do mar que destrói o fitoplâncton.

b) Transformação das terras cultivadas em campos.

c) Poluição por organoclorados, que afeta a vida de ervas daninhas.

d) Derrubada e replantio de arvores de florestas.

e) Transformação de desertos em terras cultivadas.

08. (UECE) A qualidade da água disponível tem sido uma preocupação constante por parte de diferentes setores da sociedade, uma vez que todos os organismos vivos dependem desse recurso para sobreviver. Assim, a poluição é um dos fatores que fazem com que esta temática seja motivo de ampla discussão no que diz respeito à existência da vida no planeta. Com relação à poluição das águas, assinale a afirmação verdadeira.

a) Substâncias orgânicas biodegradáveis não podem ser consideradas poluentes, pois em qualquer concentração, são degradadas por microrganismos existentes no meio aquático.

b) A temperatura é um poluente que pode causar a aceleração do metabolismo celular e alterações nos ciclos reprodutivos de espécies aquáticas, além da diminuição da solubilidade dos gases dissolvidos e o aumento da velocidade de reações que envolvem outros poluentes aquáticos.

c) Compostos recalcitrantes não oferecem maiores riscos à saúde humana, pois, ao longo da cadeia alimentar, tendem a atingir níveis de concentração inofensivos.

d) A discussão sobre a poluição dos recursos hídricos é exagerada, uma vez que a água existente no planeta é sistematicamente renovada através do ciclo hidrológico, que sempre garante o reabastecimento dos reservatórios através da ocorrência regular de chuvas.

09. (UEPG) Muitas cidades, em particular as próximas aos centros industriais, possuem uma camada de poeira cinzenta que atinge de 1.500 a 2.500 metros de altura. Essa poeira fica circulando sobre a cidade, afetando, inclusive, a passagem dos raios solares, podendo reduzir a taxa de iluminação em até 50% no inverno, em algumas localidades. Esses poluentes do ar são uma mistura de várias substâncias dispersas. Sobre esses poluentes, assinale o que for correto.

01. Os seguintes poluentes atmosféricos estão diretamente ligados à queima de combustíveis fósseis: dióxido de carbono, monóxido de carbono, óxido de nitrogênio, enxofre, chumbo, ozônio, benzeno e amianto.

02. O chumbo, presente na gasolina, quando se combina com o vapor d’água atmosférico origina a conhecida chuva ácida e em contato com seres humanos diminui sua capacidade de formação de anticorpos.

04. O dióxido de carbono, também chamado de gás carbônico, é o subproduto normal das combustões e da respiração de animais e plantas. Sua taxa vem crescendo e ele é um dos maiores responsáveis pelo efeito estufa.

08. O monóxido de carbono é um gás invisível e inodoro que pode ser letal a partir de certa dosagem. Ele se combina com a hemoglobina de forma estável, prejudicando o transporte de oxigênio e, portanto, a oxigenação dos tecidos.

Soma das alternativas corretas:

10. (PUC-RIO) A disponibilização do CO2 através da queima de combustíveis é uma das causas do aumento do aquecimento global. A fixação do carbono na biomassa é uma das formas de promover sua estabilização. Em relação à fixação biológica do carbono, é correto afirmar que ela é feita somente por organismos.

a) Fotossintético, do reino vegetal.

b) Ruminantes, do reino animal.

c) Algas fotossintetizantes.

c) Organismos decompositores.

e) Organismos autotróficos.

11. (UEPG) Alguns dos problemas da saúde do aparelho respiratório podem ser atribuídos à poluição e a hábitos humanos. Com relação ao assunto, assinale o que for correto.

01. O fumo inibe o movimento dos cílios que limpam as vias respiratórias e prejudica, progressivamente, as trocas gasosas nos alvéolos.

02. Quando a mucosa das vias respiratórias é irritada pela penetração de partículas estranhas, ocorre o espirro, um reflexo para eliminar o corpo estranho.

04. Quando ocorre a penetração e proliferação de um vírus nas mucosas respiratórias, essa sofre um inchaço, produzindo um intenso fluxo de muco, a ponto de dificultar a respiração.

08. A poluição do ar pode levar a uma reação alérgica, em que os músculos que envolvem os bronquíolos podem se contrair, prejudicando a respiração.

Soma das alternativas corretas:

12. O despejo de detergentes nos rios de grandes cidades constitui uma das causas da poluição. Tal prática desencadeia uma sequência de eventos que está abaixo esquematizada. Analise-a e assinale a opção que completa a sequência, indicando o significado das letras A, B e C no quadro de opções.

12a

12b

13. Em cidades litorâneas, a queda da qualidade da água marinha coincide com as épocas de maior afluxo de turistas. Uma campanha educativa, destinada a esclarecer a população a respeito de medidas que permitam minimizar o problema, deve incluir duas informações:

I. Origem da carga poluidora

II. O parâmetro adotado para o monitoramento e controle da balneabilidade das praias pelos governos

Identificam-se corretamente, I e II da seguinte maneira:

13

14. (UPE) “Os limites da sujeira na Terra: análise feita por cientistas de 13 universidades calcula quanta poluição, destruição e exploração o planeta aguenta”.

                                                                                                        Superinteressante, maio 2010.

Sobre a ação do homem em relação aos poluentes em termos de níveis atuais, ao limite de segurança e às possíveis catástrofes e destruições do meio ambiente, analise as afirmativas e conclua.

I    II

0   0 – A camada de gás ozônio é excelente filtro de radiação ultravioleta. No ser humano, esta radiação pode causar na pele mutação e câncer e este ser transmitido geneticamente à descendência. A destruição da camada de ozônio se deve ao CFC utilizado em aerossóis e em gases de refrigeração.

1  1 – O despejo de esgoto sanitário em rios é responsável pela sua eutrofização. É também uma das causas da expansão de doenças parasitárias, como a leishmaniose. A análise da qualidade da água é feita pela quantidade de coliformes fecais (bactérias) nela presentes.

2 2 – No lixo acumulado e em água estagnada, proliferam vetores de diversas doenças humanas. O chorume dos lixões infiltra no solo e contamina lençóis freáticos. A cólera é uma doença que pode ser adquirida por ingestão de água contaminada.

3  3 – Entre os gases de efeito estufa, temos o dióxido de carbono (CO2), o metano (CH4), o óxido nitroso (N2O) e o vapor d’água. A queima de combustível fóssil e a decomposição da matéria orgânica dos lixões aumentam a liberação de CO2 e CH4, respectivamente.

4  4 – A poluição da água e a do solo por substâncias não biodegradáveis, como metais pesados e organoclorados (DDT), afetam os ecossistemas. Essas substâncias se depositam nos tecidos orgânicos, ao longo da cadeia alimentar, havendo um acúmulo crescente nestes.

15. (UFSC) O USO DOMÉSTICO DOS RECURSOS HÍDRICOS TEM PREOCUPADO AS AUTORIDADES AMBIENTAIS DE TODO O MUNDO, TANTO NO QUE DIZ RESPEITO AO DESPERDÍCIO DE ÁGUA QUANTO À SUA CONSERVAÇÃO.

Um estudo publicado na Revista Biotemas (www.biotemas.ufsc.br) dá conta de que é possível criar peixes (tilápias) em lagoas de estabilização de efluentes domésticos tratados. Segundo o artigo: “O sistema de criação de peixes melhorou a qualidade do efluente gerado, reduzindo as concentrações de nitrogênio orgânico total e diminuindo os sólidos suspensos. As análises de coliformes fecais, Salmonella sp. e Staphylococcus aureus dos efluentes e da carne dos peixes produzidos ficaram dentro dos padrões exigidos pela OMS (Organização Mundial de Saúde)”.

A respeito do assunto, assinale a(s) proposição(ões) correta(s).

01. Quando uma quantidade excessiva de matéria orgânica é lançada nos rios e lagos pode haver um fenômeno biológico conhecido como eutrofização.

02. O nitrogênio, sob qualquer forma que se apresente na natureza, não participa da composição química dos seres vivos.

04. A análise quanto à variação e quantificação de coliformes fecais é um importante indicador do grau de poluição da água por esgotos domésticos.

08. Salmonelas e estafilococos presentes nas águas são bactérias muito comuns, responsáveis pelo fenômeno biológico conhecido como “maré vermelha”.

16. Existem bactérias capazes de fixar o nitrogênio atmosférico e transferi-lo para o solo e para algumas plantas, como o feijão e a soja.

32. A água tratada dos efluentes domésticos das lagoas de estabilização citadas no texto acima, por ser tóxica não pode ser usada para nenhuma finalidade humana.

Soma das alternativas corretas:

16. (UDESC) A questão da geração de resíduos urbanos, agrícolas ou industriais constitui problema global, que adquire características próprias em cada região. Analise as proposições que apresentam ações que contribuem para a redução da geração de resíduos.

I. Segregação de resíduos recicláveis na origem.

II. Consumo consciente.

III. Coleta domiciliar de lixo.

IV. Aumento do tempo de vida útil de produtos industrializados.

V. Compostagem de resíduos orgânicos urbanos e agrícolas.

Assinale a alternativa correta.

a) Somente as afirmativas II, III e V são verdadeiras.

b) Somente as afirmativas I, III e V são verdadeiras.

c) Somente as afirmativas I, II e IV são verdadeiras.

d) Somente as afirmativas I, II, IV e V são verdadeiras.

e) Todas as afirmativas são verdadeiras.

gab

Publicado por: Djalma Santos | 30 de setembro de 2015

TESTES DE SISTEMA DIGESTÓRIO (III)

01. (UECE) O intestino faz parte do sistema digestório e é através dele que ocorre a absorção dos nutrientes no organismo; nesse caso, as microvilosidades do epitélio do intestino apresentam como principal função:

a) Minimizar a perda de água e de nutrientes durante a digestão.

b) Aumentar a superfície de absorção dos nutrientes.

c) Realizar os movimentos peristálticos importantes para a digestão dos alimentos.

d) Facilitar a quebra dos alimentos em moléculas menores.

02. (UFSCar) Durante um estudo sobre a digestão humana, foi realizado o seguinte experimento:

02

É correto afirmar que a digestão da carne ocorreu apenas:

a) No tubo I.

b) No tubo II.

c) No tubo III.

d) Nos tubos I e II.

e) Nos tubos II e III.

03. (UFT) O sistema digestivo humano é composto de um longo tubo e glândulas associadas que secretam substâncias responsáveis pela digestão química dos alimentos. Sobre a digestão humana é correto afirmar:

a) Na boca ocorre digestão mecânica pela ação da ptialina presente na saliva.

b) Na parede do estômago as glândulas estomacais secretam pepsinogênio, enzima responsável pela digestão de proteínas.

c) A digestão do quimo ocorre predominantemente no duodeno sob a ação das enzimas contidas no suco gástrico.

d) A secreção produzida pelo fígado contém diversas substâncias digestivas e é responsável pela neutralização do quimo no duodeno.

e) Uma secreção que atua no duodeno é a bile, produzida pelo fígado e armazenada na vesícula biliar.

04. (UPE) O esquema a seguir indica o estômago de ruminantes.

04

Assinale a alternativa que indica o(s) nome(s) e a localização da(s) câmara(s) onde ocorre a atuação do suco gástrico.

a) Apenas em 1 e denomina-se pança.

b) Em 1 e 2 e denominam-se, respectivamente, pança e folhoso.

c) Apenas em 3 e denomina-se folhoso.

d) Em 2 e 3 e denominam-se, respectivamente, folhoso e barrete.

e) Apenas em 4 e denomina-se coagulador.

05. (UFLA) Uma vez ingeridos pelo ser humano, os alimentos sofrerão a ação sequencial das seguintes enzimas nos três primeiros passos da digestão:

05

 

 

 

 

 

06. (UFSCAR) Ao preparar um lanche foram usados pão francês, maionese, filé mignon, queijo e alface. O primeiro desses ingredientes a sofrer ação de enzimas digestivas é:

a) A alface.

b) O queijo.

c) A maionese.

d) O filé mignon.

e) O pão francês.

07. (UCDB-MT) O fígado participa da digestão:

a) Dos lipídios, pois produz proteases.

b) Dos carboidratos, pois sua reserva é de glicogênio.

c) Das gorduras, pela atuação da bile.

d) Dos ácidos graxos, pela atuação de amilases.

e) Das proteínas, uma vez que produz a enteroquinase.

08. (FATEC-SP) Os nutrientes desempenham várias funções no organismo humano: fornecem energia para todos os processos vitais; suprem o organismo de substâncias que permitem o crescimento e regeneração das partes do corpo; regulam os processos fisiológicos. A alternativa que relaciona a sequência correta dos nutrientes com as funções acima discriminadas é:

a) Carboidratos; vitaminas; proteínas.

b) Vitaminas; proteínas; carboidratos.

c) Proteínas; vitaminas; carboidratos.

d) Carboidratos; proteínas; vitaminas.

e) Vitaminas; carboidratos; proteínas.

09. (PUC-RS) “A metade sul do Estado do Rio Grande do Sul é caracterizada pelo bioma dos Campos Sulinos, onde as principais atividades econômicas são a agricultura e a pecuária. Na pecuária, destaca-se a criação de gado bovino, o qual se alimentar de material de origem vegetal rico em celulose. Como estes herbívoros ruminantes não produzem a celulase, enzima que hidrolisa a celulose, a digestão de seu alimento ocorre com o auxílio de microrganismos que vivem em seu sistema digestório. As figuras abaixo mostram parte do aparelho digestório desses ruminantes.”

09

A absorção dos produtos da digestão ocorre no:

a) Intestino delgado.

b) Esôfago.

c) Retículo.

d) Abomaso.

e) Omaso.

10. (PUC-MG) Nos recém-nascidos, está presente no estômago, em grandes quantidades, a enzima renina, que atua na coagulação da parte solúvel do leite, transformando-a em precipitado branco, a caseína. Isso faz com que esse precipitado permaneça mais tempo no estômago sofrendo a ação da pepsina. Essa digestão gástrica é de:

a) Lipídeos.

b) Proteínas.

c) Amido.

d) Carboidratos.

11. (PUC-RJ)O fígado é uma glândula encontrada nos mamíferos com diversas características e funções. Assinale a opção na qual não encontramos uma função ou característica deste órgão.

a) É responsável pela detoxificação do sangue.
b) É um dos responsáveis pela destruição de hemácias velhas.
c) Produz bile, que auxilia na emulsão das gorduras.
d) Está associada à reserva de glicogênio.
e) Secreta o hormônio insulina.

12. (UERJ) Qualquer pessoa saudável pode resistir por várias semanas ao jejum, desde que o desequilíbrio hidroeletrolítico seja evitado por ingestão de água e eletrólitos. No esquema a seguir, estão representadas por setas as etapas anabólicas e catabólicas de alguns compostos importantes do metabolismo da célula hepática.

12

Para a adaptação do organismo às condições de jejum, devem ser ativadas no fígado as etapas de números:

a) 1 – 3 – 6 – 8.

b) 1 – 4 – 6 – 8.

c) 2 – 3 – 5 – 7.

d) 2 – 4 – 5 – 7.

13. (UEPB) Certas substâncias, ao serem ingeridas pelo homem, atravessam a parede digestória e alcançam a corrente sanguínea sem sofrerem hidrólise, pois são suficientemente pequenas para serem absorvidas pelo organismo. Dos itens a seguir, tais substâncias são:

a) Vitaminas, ácidos nucleicos, lactose, água.

b) Água, vitaminas, sais minerais, álcool.

c) Álcool, sais minerais, sacarose, vitaminas.

d) Ácidos nucleicos, glicose, vitaminas, sais minerais.

e) Água, sais minerais, frutose, sacarose.

14. (UECE) Marque a opção na qual todos os animais possuem tubo digestivo completo.

a) Água viva, minhoca e gafanhoto.

b) Água viva, esponja e peixe.

c) Peixe, minhoca e gafanhoto.

d) Esponja, peixe e minhoca.

15. (PUC-RIO) As condições de acidez dos sucos presentes no sistema digestório humano variam de acordo com as diferentes partes do tubo digestório. Assim em relação ao pH podemos afirmar que.

a) Na boca é ácido e lá ocorre principalmente a digestão de amido.

b) Na boca é neutro e lá ocorre principalmente a digestão de gordura.

c) No estômago é ácido e lá ocorre principalmente a digestão de proteínas.

d) No intestino é neutro e lá não ocorre nenhum tipo de digestão enzimática.

e) No estômago é básico e lá ocorre principalmente a digestão de proteínas.

16. (FUVEST) A ingestão de alimentos gordurosos estimula a contração da vesícula biliar. A bile, liberada no:

a) Estômago, contém enzimas que digerem lipídios.

b) Estômago, contém ácidos que facilitam a digestão dos lipídios.

c) Fígado, contém enzimas que facilitam a digestão dos lipídios.

d) Duodeno, contém enzimas que digerem lipídios.

e) Duodeno, contém ácidos que facilitam a digestão dos lipídios.

17. (UNIVASF) No quadro abaixo, são mostradas algumas reações que ocorrem no trato digestivo humano. Assinale a alternativa que indica, respectivamente, enzimas que atuam em 1, 2 e 3.

17

a) Lipase, pepsina e ptialina.

b) Pepsina, peptidas e etripsina.

c) Ptialina, pepsina e tripsina.

d) Lipase, ptialina e pepsina.

e) Pepsina, tripsina e ptialina.

18. (PUC-CAMPINAS) Responda esta questão com base no texto abaixo.

 Durante a digestão dos animais ruminantes ocorre a formação do gás metano (constituído pelos elementos carbono e hidrogênio) que é eliminado pelo arroto do animal. Os ruminantes possuem o estômago dividido em quatro compartimentos, dois dos quais possuem as bactérias cujo metabolismo libera o gás metano. O capim ingerido por um boi primeiramente sofre atuação:

a) Das bactérias, que são em seguida digeridas durante as mastigações.

b) Do suco gástrico, que deixa o capim adequado para as bactérias.

c) De amilases pancreáticas e depois das secreções do duodeno.

d) Do suco gástrico que é posteriormente regurgitado para a atuação das bactérias.

e) Das bactérias que, posteriormente, são digeridas com a ação do suco gástrico.

19. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

I   II

0  0 – Embora participe do processo da digestão, o fígado não produz enzimas digestivas.

1 1 – As proteínas são digeridas pela pepsina produzida nas glândulas gástricas e sua absorção ocorre, principalmente, no estômago.

2   2 – O “estômago” das aves é dividido em duas partes, que são o proventrículo e a moela.

3  3 – A válvula espiral de certos peixes pode ser comparada, funcionalmente, ao estômago dos ruminantes.

4 4 – Nas vilosidades intestinais, os aminoácidos e o ácidos graxos são absorvidos, respectivamente, pelos capilares sanguíneos e vasos linfáticos.

20. (UNIFESP)No tubo 1 existe uma solução contendo células de fígado de boi. Em 2, há uma solução de células extraídas de folhas de bananeira.

20

Você deseja eliminar completamente todos os constituintes dos envoltórios celulares presentes em ambos os tubos. Para isso, dispõe de três enzimas digestivas diferentes:

C: digere carboidratos em geral.
L: digere lipídios.
P: digere proteínas.

Para atingir seu objetivo gastando o menor número possível de enzimas, você deve adicionar a 1 e 2, respectivamente:
a) 1 = C; 2 = P.

b) 1 = L; 2 = C.

c) 1 = C e P; 2 = C e L.
d) 1 = C e P; 2 = C, L e P.

e) 1 = L e P; 2 = C, L e P.

21. (FUVEST) Ao passar pelas vilosidades do intestino delgado, o sangue de uma pessoa alimentada.

a) Perde gás oxigênio e ganha aminoácidos.

b) Perde gás oxigênio e perde glicose.

c) Ganha gás oxigênio e ganha aminoácidos.

d) Ganha gás carbônico e perde glicose.

e) Perde gás carbônico e ganha aminoácidos.

22. (UNIFOR) Uma enzima e um hormônio, ambos produzidos no estômago humano, são, respectivamente:

a) A gastrina e a pepsina.

b) A tripsina e a pepsina.

c) A pepsina e a gastrina.

d) A pepsina e o ácido clorídrico.

e) O ácido clorídrico e a tripsina.

23. (FUVEST) Qual cirurgia comprometeria mais a função do sistema digestório e por quê: a remoção dos vinte e cinco centímetros iniciais do intestino delgado (duodeno) ou a remoção de igual porção do início do intestino grosso?

a) A remoção do duodeno seria mais drástica, pois nele ocorre a maior parte da digestão intestinal.

b) A remoção do duodeno seria mais drástica, pois nele ocorre a absorção de toda a água de que o organismo necessita para sobreviver.

c) A remoção do intestino grosso seria mais drástica, pois nele ocorre a maior parte da absorção dos produtos do processo digestório.

d) A remoção do intestino grosso seria mais drástica, pois nele ocorre a absorção de toda a água de que o organismo necessita para sobreviver.

e) As duas remoções seriam igualmente drásticas, pois, tanto no duodeno quanto no intestino grosso, ocorrem digestão e absorção de nutrientes e de água.

24. (UFC) Atualmente uma das áreas da pesquisa médica onde se investe muito é a que trata das questões de obesidade, um mal cada vez mais frequente no mundo ocidental. Recentemente, um medicamento foi lançado com promessas de auxiliar nos tratamentos de redução do peso corporal. O mecanismo de ação da droga é a inibição da digestão dos lipídios no trato digestivo e consequente redução da absorção de gorduras. Assinale a alternativa que melhor explica o mecanismo de ação desta droga.

a) Estimula a liberação de ácidos biliares, que atuam no intestino.

b) Inibe a ação da lipase pancreática, que atua no intestino.

c) Inibe a ação das enzimas proteolíticas no intestino.

d) Estimula o processo de emulsificação das gorduras.

e) Estimula os processos de hidrólise das gorduras.

25. Assinale a alternativa em que todos os açúcares relacionados possam estar tanto no tubo digestório como no sangue de um mamífero:

a) Frutose, galactose, glicose.

b) Frutose, glicose, sacarose.

c) Desoxirribose, amido, galactose.

d) Maltose, sacarose, celulose.

e) Pentose, lactose, glicose.

26. (PUCCAMP) Os fenilcetonúricos têm falta de uma enzima do fígado responsável pelo metabolismo do aminoácido fenilalanina. Para que essa substância não se acumule no sangue, sua dieta alimentar deve restringir, dentre os nutrientes mencionados a seguir:

a) As proteínas, apenas.

b) Os carboidratos, apenas.

c) As gorduras, apenas.

d) As gorduras e os carboidratos.

e) As gorduras e as proteínas.

27. (UFSM) No ser humano, o sistema digestório compõe-se de boca, faringe, esôfago, estômago, intestino e ânus. Com os dentes, o ser humano corta e tritura o alimento (digestão mecânica, da qual participa a língua). A dentição permanente é formada por:

a) 32 dentes: 8 incisivos, 4 caninos, 8 pré-molares e 12 molares.

b) 32 dentes: 6 incisivos, 4 caninos, 10 pré-molares e 12 molares.

c) 36 dentes: 10 incisivos, 6 caninos, 8 pré-molares e 12 molares.

d) 36 dentes: 8 incisivos, 8 caninos, 12 pré-molares e 8 molares.

e) 34 dentes: 8 incisivos, 6 caninos, 10 pré-molares e 10 molares.

28. (UFRGS)Assinale a afirmação correta a respeito do sistema digestório dos vertebrados.

a) Nas aves, o papo, segmento do esôfago, é responsável pela trituração do alimento.
b) Nos humanos, a digestão da celulose auxilia a eliminação do bolo fecal.
c) Nos humanos, o piloro é a válvula que “separa” o estômago do intestino.
d) Nos ruminantes, o intestino delgado é dividido em quatro compartimentos que otimizam a absorção de celulose.
e) Nos humanos, o fígado é o órgão responsável pela produção da bile, que atua na digestão de carboidratos.

29. (UFJF) Os itens relacionam-se com o estômago de um ruminante. Verifique qual das ordenações corresponde à sequência correta do processo digestivo:

1. Pança ou rúmem.

2. Intestino.

3. Abomasum ou coagulador.

4. Esôfago.

5. Boca.

6. Folhoso ou psaltério (omasum).

7. Retículo ou barrete.

a) 5 – 4 – 1 – 7 – 5 – 4 – 6 – 3 – 2.

b) 5 – 4 – 3 – 2 – 1 – 6 – 7 – 4 – 2.

c) 5 – 4 – 7 – 1 – 5 – 1 – 3 – 6 – 2.

d) 5 – 4 – 1 – 7 – 1 – 5 – 6 – 2 – 3.

e) 5 – 4 – 1 – 6 – 7 – 1 – 5 – 3 – 2.

30. Um técnico de laboratório colocou, separadamente, em seis tubos de ensaio, soluções de amido e soluções de proteínas, juntamente com suas respectivas enzimas digestivas. As soluções apresentavam diferentes índices de pH e diferentes temperaturas, de acordo com a tabela seguinte.

30

Passados alguns minutos, observou-se a ocorrência do processo digestivo. A digestão do amido e a digestão da proteína ocorreram, respectivamente, nos tubos:

a) I e III.

b) IV e VI.

c) II e IV.

d) IV e V.

e) III e IV.

gab

 

Publicado por: Djalma Santos | 23 de setembro de 2015

TESTES DE GENÉTICA MOLECULAR (3)

01. (UECE) A molécula de DNA armazena informação genômica que é transcrita e traduzida por mecanismos elegantes como os de transcrição e tradução. Entretanto, entre os distintos indivíduos biológicos construídos por mensagem contida no DNA, há uma singularidade biológica que se repete, mas se diferencia pelo modo como esta é organizada. Essa descrição corresponde à(s):

a) Molécula de RNAr.

b) Moléculas de RNAt.

c) Bases nitrogenadas.

d) Molécula de RNAm.

02. (PUC-RIO) O AZT é um dos fármacos constituintes do coquetel que vem sendo utilizado com sucesso no tratamento da AIDS. O AZT é um análogo de nucleosídeo que tem como princípio impedir a transcrição reversa do HIV. Dessa forma, é correto afirmar que o AZT atua sobre a síntese de.

a) Proteínas dos vírus, nos ribossomos.

b) RNA a partir do DNA da célula hospedeira.

c) DNA a partir do RNA viral, na célula hospedeira.

d) DNA viral e posterior inserção no genoma da célula hospedeira.

e) RNA infectante a partir do DNA viral.

03. (UFAM) Quando os pesquisadores começaram a desconfiar que as informações para a síntese de proteínas estavam contidas no DNA, eles foram confrontados com um problema: reconheciam a existência de quatro bases (A, T, C e G) nos nucleotídeos e, ao mesmo tempo, reconheciam a existência de 20 aminoácidos. Como apenas quatro bases poderiam codificar 20 aminoácidos diferentes? Matematicamente, se um aminoácido fosse determinado por uma única base, teríamos a possibilidade de formação de apenas 4 aminoácidos (41). Em se tratando desse código universal, analise as seguintes afirmações:

I. A trinca de bases como código genético permite 22 possíveis arranjos, os quais são suficientes para especificar todos os aminoácidos conhecidos. Assim, codificam-se os 20 aminoácidos, além dos códons de “parada” e de “início”.

II. A conversão da informação genética contida no DNA para uma molécula de RNA mensageiro (mRNA) é chamada de transcrição e ocorre no núcleo.

III. O termo “código universal” refere-se à constância da sequência de bases nitrogenadas na molécula de DNA em todos os seres vivos, mantida ao longo do processo evolutivo.

IV. Uma sequência 5’-UGAUUAGGACCUCAA-3’ do mRNA permite a codificação de cinco aminoácidos na cadeia polipeptídica.

Assinale a alternativa correta:

a) Somente as afirmativas I e II estão corretas.

b) Somente as afirmativas I e IV estão corretas.

c) Somente as afirmativas II e III estão corretas.

d) Somente as afirmativas II e IV estão corretas.

e) Somente as afirmativas III e IV estão corretas.

04. (UFAM) Em abril de 1953, James Watson e Francis Crick agitaram a comunidade científica com um elegante modelo de dupla-hélice para a estrutura do DNA, o ácido desoxirribonucleico, cuja “linguagem” química codifica a informação hereditária. Sobre o DNA, assinale a alternativa correta:

a) Uma fita de DNA em dupla hélice apresenta 10% de bases do tipo citosina. Logo, a concentração de bases do tipo guanina é de 90%.

b) A replicação de DNA ocorre conforme o modelo conservativo, onde as duas fitas parentais se associam novamente após servirem de moldes para a síntese das novas fitas, restaurando a dupla-hélice parental.

c) Uma fita de DNA em dupla hélice apresenta 10% de bases do tipo adenina. Logo, a concentração de bases do tipo guanina nessa fita é de 40%.

d) A sequência de bases no DNA é a “linguagem” química que, após transcrita, originará a sequência de nucleotídeos em uma proteína.

e) A complementaridade de bases no DNA permite que uma base purínica (C ou G) de uma fita seja pareada com uma base pirimidínica (A e T) na outra fita.

05. (UNCISAL) A causa da doença (anemia falciforme) é uma mutação pontual no gene beta da globina, em que há a substituição de uma base nitrogenada do códon GAG para GTG, resultando na troca do ácido glutâmico (Glu) pela valina (Val) na posição número seis do gene. Manifesta-se somente em indivíduos homozigotos com uma mutação específica, chamada HbS, que leva, após tradução do RNAm, à produção de cadeias beta de hemoglobina alteradas.

BENFATO, Mara da Silveira et all. A fisiopatologia da anemia falciforme. Infarma. vol.19, n.1/2, 2007 (adaptado).

Qual genótipo caracteriza um indivíduo com anemia falciforme?

a) HbSS.

b) HbAS.

c) HbAA.

d) HbAa.

e) HBss.

06. (FUVEST) No processo de síntese de certa proteína, os RNA transportadores responsáveis pela adição dos aminoácidos serina, asparagina e glutamina a um segmento da cadeia polipeptídica tinham os anticódons UCA, UUA e GUC, respectivamente. No gene que codifica essa proteína, a sequência de bases correspondente a esses aminoácidos é:

a) U C A U U A G U C.

b) A G T A A T C A G.

c) A G U A A U C A G.

d) T C A T T A G T C.

e) T G T T T T C T G.

07. (UNISC) Nos eucariontes, o código genético:

a) É formado por regiões codificantes chamadas íntrons.

b) De cada códon é escrito no sentido 3’ …. 5’.

c) Consiste em 46 códons distintos.

d) Consiste em 46 códons similares.

e) Consiste em 64 códons distintos.

08. (UCS) As bases nitrogenadas presentes do RNAm, agrupadas em conjuntos de três em três, são identificadas pelos ribossomos que produzem os aminoácidos correspondentes, no processo chamado de tradução gênica. Considerando que os códons AAU, GGA e ACG de uma molécula de RNAm codificam, respectivamente, para os aminoácidos asparagina, glicina e treonina, quais os aminoácidos formados a partir de um segmento de DNA com a seguinte sequência de nucleotídeos TGC CCT TTA?

a) Treonina, glicina e asparagina.

b) Glicina, asparagina e treonina.

c) Asparagina, glicina e treonina.

d) Asparagina, treonina e glicina.

e) Glicina, treonina e asparagina.

09. (UNEAL) Considerando-se o gene, é correto afirmar que é:

01. Uma região do DNA que não codifica polipeptídeo, mas regula o processamento de RNA mensageiro.

02. Um segmento de RNA transportador correspondente a uma única proteína.

03. Uma sequência de DNA envolvida na síntese de um polipeptídeo ou de uma proteína.

04. Toda a informação do genoma necessária para a síntese de proteínas de um indivíduo.

05. A informação contida em uma sequência de RNA mensageiro, a qual é lida em grupos de três nucleotídeos por vez.

Soma das alternativas corretas:

10. (URCA) A figura abaixo representa a ligação entre duas bases nitrogenadas. A partir de sua observação, responda corretamente:

10

a) A ligação adenina timina é do tipo apolar.

b) Essas bases são encontradas no RNA.

c) A ligação entre as bases é do tipo ponte de hidrogênio.

d) A ligação das bases ocorre entre os açúcares.

e) As bases descritas acima não podem fazer parte da mesma molécula.

11. (UNEB) Desde que médicos começaram a solicitar regularmente exames de tomografia computadorizada, cientistas se preocupam que o procedimento de imageamento médico possa aumentar o risco de o paciente desenvolver câncer. O aparelho bombardeia o organismo com feixes de raios X, que podem danificar o DNA e provocar mutações que estimulam as células a formar tumores. Médicos sempre declararam, no entanto, que os benefícios superam os riscos. Os raios X, que giram em torno da cabeça, tórax ou outra região do corpo, ajudam a criar uma imagem tridimensional muito mais detalhada que as produzidas por um aparelho padrão de raios X, mas uma única tomografia submete o corpo humano à radiação de 150 a 1.100 vezes mais intensa que os raios X convencionais, ou o equivalente a um ano de exposição à radiação de origens naturais e artificiais no ambiente.

(STORRS. 2013. p.24-25).

Considerando as possíveis alterações que os raios X podem provocar nas moléculas de DNA, é correto afirmar:

01. A radiação induz replicações do DNA fora da etapa S, do ciclo celular, o que inviabiliza a entrada da célula na divisão por mitose.

02. O câncer é uma anomalia na regulação do ciclo celular e à perda de controle da mitose a partir de alteração de genes controladores desse ciclo.

03. A emissão de raios X pela tomografia identifica as regiões no corpo que apresentam o DNA alterado e quais os tecidos que irão desenvolver um provável câncer no futuro.

04. As alterações nas posições das pentoses, a partir da exposição de um DNA aos raios X, produzem mudanças irreversíveis na informação genética presente no organismo.

05. A exposição à radiação de raios X só é segura quando apresenta valores próximos ao de um aparelho de raios X convencional, mesmo que seja com uma intensa repetição.

Soma das alternativas corretas:

12. Sobre os cromossomos sexuais das fêmeas de mamíferos é correto afirmar que:

a) Grande parte dos genes de ambos os cromossomos X fica impedida de transcrever RNAs mensageiros por causa do mecanismo de inativação.

b) Um dos dois cromossomos X transcreve seus RNAs mensageiros, mas fica impedido de traduzir polipeptídeos por causa do mecanismo de inativação.

c) Grande parte dos genes de um dos dois cromossomos X fica impedida de transcrever RNAs mensageiros por causa do mecanismo de inativação.

d) O mecanismo de inativação reduz a transcrição de cada cromossomo X à metade, de modo que a quantidade de produto é igual entre os machos e as fêmeas.

e) Todos os genes de um cromossomo X das fêmeas sofrem o mecanismo de inativação, ou seja, um dos alelos é sempre eliminado das células somáticas.

13. Utilizando uma amostra de DNA descobriu-se que 12,5% dessas bases nitrogenadas eram de Adenina. Logo, a porcentagem  de  Citosina ( C) será de:

a) 8,5%.

b) 17%.

c) 37,5%.

d) 83%.

e) 12,5%.

14. (FCM-PB) O modelo molecular para o DNA proposto por Watson e Crick (1953) apresenta propriedades definidas. Considere as afirmações a seguir, assinalando-as com V (verdadeiro) ou F (falso):

I. A molécula de DNA contém três polinucleotídeos, as bases estão empilhadas no exterior da hélice.

II. As bases dos dois polinucleotídeos na molécula de DNA interagem através de pontes de hidrogênio.

III. Os dois filamentos da dupla hélice têm polaridade inversa, um polinucleotídeo aponta para a direção 5→3, o outro para a direção 3→5.

IV. A dupla hélice executa um giro a cada dois pares de bases.

V. A dupla hélice possui giro para a esquerda e apresenta dois sulcos diferentes.

A sequência correta é:

a) V – F – V – F – F.

b) F – V – V – V – V.

c) V – V – F – F – F.

d) F – V – V – F – F.

e) V – V – V – V – F.

15. (UNIOESTE) Com relação a genes, ácidos nucleicos e cromossomos, é correto afirmar que:

01. Os organismos que incorporam genes de outros organismos são denominados transgênicos, cuja transferência pode ser realizada de diferentes maneiras.

02. O conjunto de duas cromátides unidas pelo centrômero constitui um cromossomo duplicado.

04. Radiações ou produtos químicos não são responsáveis por alterações na molécula de DNA, portanto não são responsáveis por alterações na codificação de uma proteína.

08. A tradução do RNA mensageiro não ocorre em ribossomos localizados na face externa da membrana nuclear e no retículo endoplasmático, apenas naqueles livres no citoplasma.

16. RNA ribossômico é produzido em regiões dos cromossomos denominadas organizadores nucleolares.

32. O cromossomo é formado por um filamento de cromatina descondensada, que em certas regiões aparece enrolada em volta de proteínas denominadas não histônicas.

64. Entre cromossomos homólogos, ocorre crossing over, fenômeno importante como fonte de variabilidade genética e que ocorre na prófase da meiose I.

Soma das alternativas corretas:

16. (CEFET-MG) O vírus da AIDS possui RNA como material genético e introduz esse ácido nucleico durante a infecção dos linfócitos TCD4. Além disso, possui a enzima transcriptase reversa que converte o RNA viral em DNA. Se o número de linfócitos reduzir drasticamente, então é necessária a utilização de um coquetel com ação antirretroviral, que consiste em:

a) Inibir a enzima.

b) Destruir os vírus.

c) Impedir a infecção.

d) Imunizar os pacientes.

e) Proliferar os linfócitos.

17. (UEA) Grandes descobertas científicas dependem sempre de descobertas anteriores. Assim, é correto afirmar que a descoberta:

a) Da estrutura química dos ácidos nucleicos dependeu da descoberta do código genético.

b) Do mecanismo de replicação do DNA dependeu da descoberta da estrutura química do DNA.

c) Da composição química dos cromossomos dependeu da descoberta dos mecanismos de replicação do DNA.

d) Do mecanismo de replicação do DNA dependeu da descoberta do código genético.

e) Da presença de genes nos cromossomos dependeu da descoberta da estrutura química do DNA.

18. (UPE) Há 60 anos, Watson e Crick publicaram um artigo sobre a estrutura do ácido desoxirribonucleico (DNA).

Leia, a seguir, trechos traduzidos e adaptados da publicação original.

Uma estrutura para o ácido nucleico foi proposta anteriormente por Pauling e Corey (1953), na qual o modelo consiste de três cadeias entrelaçadas com os fosfatos próximos do eixo do filamento e as bases localizadas na parte externa…. Fraser também apresenta um modelo de estrutura com três cadeias. Nesse modelo, os fosfatos estão na parte externa, e as bases, na interna, unidas por ligações de hidrogênio (…)

Propomos uma estrutura radicalmente diferente para o sal de ácido desoxirribonucleico. Essa estrutura tem duas cadeias helicoidais, cada uma delas enrolada em torno do mesmo eixo (…)

Foi observado experimentalmente, por Chargaff e Wyatt (1952), que a razão entre as quantidades de adenina e timina e a razão entre guanina e citosina são sempre muito próximas da unidade para o DNA (…)

Os dados de raios-X sobre o DNA, publicados por Atsbury (1974), Wilkins e Randal (1953), são insuficientes, mas compatíveis com os dados experimentais de helicoidização da molécula (…)

Não escapou à nossa observação que o emparelhamento específico que postulamos sugere imediatamente um possível mecanismo de cópia para o material genético. (…)

(Fonte: Watson, J. D. e Crick, FHC – 1953. Molecular Structure of Nucleia Acid. Nature v. 171, n. 4356, p.737-738).

Sobre a estrutura do DNA e com base no texto, assinale a alternativa correta.

a) A exemplo do modelo de Pauling e Corey, o modelo de Watson e Crick também apresenta fosfatos próximos do eixo do filamento e as bases localizadas na parte externa.

b) No modelo de Fraser, as bases estão ligadas por hidrogênio, enquanto no de Watson e Crick, isso é feito por meio de pontes de sulfeto.

c) Utilizando a informação de Chargaff e Wyatt, Watson e Crick concluíram: a sequência de bases em uma única cadeia sofre restrições, ou seja, uma cadeia será rica em purinas, e a complementar, rica em pirimidinas.

d) O emparelhamento específico dos nucleotídeos foi a grande novidade na proposta de Watson e Crick, os quais se utilizaram dos dados de Atsbury, Wilkins e Randal para elaborar essa informação.

e) Quando pares específicos de bases são formados, a sequência de bases de uma cadeia determina a sequência da cadeia complementar, servindo de molde para a cópia do material genético.

19. (FUVEST) Observe a figura abaixo, que representa o emparelhamento de duas bases nitrogenadas.

19a

Indique a alternativa que relaciona corretamente a(s) molécula(s) que se encontra(m) parcialmente representada(s) e o tipo de ligação química apontada pelas:

19b

20. (UNITAU) O desenvolvimento de um ser multicelular, com células variadas quanto à morfologia e fisiologia, a partir de uma única célula, o zigoto, é algo que surpreende e intriga pesquisadores do mundo inteiro. Na tentativa de entender esse processo de desenvolvimento, cientistas têm realizado pesquisas de genética do desenvolvimento com modelos animais, dos quais os mais comuns são aqueles como as moscas-de-fruta do gênero Drosophila, nas quais bastante se exploraram as descobertas acerca dos genes Hox, os genes homeóticos. A função desses genes é dar identidade aos segmentos ao longo do eixo anteroposterior, para que cada um possa expressar de forma correta as características que lhes cabem. Desse modo, tais genes agem como:

a) Fatores inibidores da tradução de proteínas que irão diferenciar os segmentos.

b) Fatores de transcrição que controlam a expressão dos genes que diferenciam segmentos.

c) Fatores que facilitam a duplicação do DNA das novas células dos segmentos.

d) Fatores precursores do DNA que irão diferenciar os segmentos.

e) Fatores que possibilitam a replicação do DNA nos segmentos que irão se diferenciar.

gab

 

Publicado por: Djalma Santos | 23 de setembro de 2015

TESTES DE MEIOSE (3/5)

01. (PUC-MG) Alterações no material genético, quantitativas ou qualitativas, podem ocorrer durante os processos de preparação para duplicação e mesmo durante as divisões mitóticas ou meióticas. A esse respeito, é correto afirmar, exceto:

a) Recombinações cromossômicas ocorrem somente durante a primeira divisão meiótica.

b) Mutações gênicas ocorrem somente durante as divisões celulares.

c) Recombinações gênicas iniciam-se na prófase da primeira divisão meiótica.

d) Alterações cromossômicas, como as aneuploidias, podem ocorrer devido a não disjunções tanto na primeira quanto na segunda divisão da meiose.

02. (UFAC) A meiose é um tipo de divisão celular na qual:

a) Uma célula diploide origina outra célula diploide.

b) Uma célula diploide origina 4 células haploides.

c) Uma célula diploide origina 2 células haploides.

d) Uma célula haploide origina 4 células haploides.

e) Uma célula diploide origina 4 células diploides.

03. (FUVEST) Um pesquisador que deseje estudar a divisão meiótica em samambaia deve utilizar em suas preparações microscópicas células de:

a) Embrião recém-formado.

b) Rizoma da samambaia.

c) Soros da samambaia.

d) Rizoides do prótalo.

e) Estruturas reprodutivas do prótalo.

04. (PUC-PR) Durante a meiose, o pareamento dos cromossomos homólogos é importante, porque garante:

a) A formação de células-filhas geneticamente idênticas à célula-mãe.

b) A menor variabilidade dos gametas.

c) A separação dos cromossomos não homólogos.

d) A duplicação do DNA, indispensável a esse processo.

e) A possibilidade de permuta gênica.

05. Assinale a alternativa incorreta.

a) A prófase I apresenta cinco etapas, são elas: leptóteno, zigóteno, paquíteno, diplóteno e diacinese.

b)  O termo meiose deriva da palavra grega meíosis, que significa diminuição, e constitui uma alusão ao fato de, nesse tipo de divisão celular, o número de cromossomos ser reduzido à metade nas células-filhas.

c)  Em linhas gerais, nas prófases I e II ocorre condensação dos cromossomos; nas metáfases I e II eles se ligam aos microtúbulos do fuso e se dispõem na região equatorial da célula; nas anáfases I e II os cromossomos migram para os polos opostos da célula; nas telófases I e II eles se descondensam e formam núcleos-filhos nos polos da célula em divisão.

d)  Geralmente, logo após a primeira divisão meiótica se completar, ocorre a citocinese I, resultando na separação de duas células-filhas.

e)  Na meiose são produzidas duas células geneticamente diferentes entre si e com a metade do número de cromossomos da célula original.

06. Assinale a alternativa que contém, em sequência, todas as fases da meiose I.

a) Prófase I, metáfase I, anáfase I, telófase I.

b) Metáfase I, anáfase I, telófase I, prófase I.

c) Metáfase I, prófase I, anáfase I, telófase I.

d) Prófase I, metáfase I, telófase I, anáfase I.

e) Anáfase I, telófase I, anáfase I, prófase I.

07. (UERGS) Para um experimento em que se deve observar células em divisão meiótica, seria correto avaliar um corte de:

a) Túbulos seminíferos.

b) Mórula.

c) Cerebelo.

d) Retina.

e) Ectoderme.

08. (PUC-CAMPINAS) Leia o texto abaixo para responder esta questão.

A Drosophila melanogaster é uma mosca de até 2 milímetros de tamanho, frequentemente encontrada em frutas em estado de fermentação ou decomposição, nas quais ela deposita seus ovos. Desde 1907, ela é usada em estudos genéticos e de desenvolvimento biológico. As células da Drosophila contêm apenas quatro pares de cromossomos o que facilita imensamente as pesquisas.

(Revista Geo, n. 31, 2011. p. 53)

Sobre os cromossomos de Drosophila melanogaster foram feitas as afirmações a seguir:

I. No início da prófase I da meiose podem ser observados oito pares de cromossomos.

II. Na anáfase II da meiose cada cromossomo tem uma cromátide.

III. Uma mosca dessa espécie que possui 12 cromossomos é triploide.

Está correto o que se afirma somente em:

a) I.

b) II.

c) III.

d) I e II.

e) II e III.

09. (UFSM) Uma senhora está grávida e deseja adquirir conhecimentos a respeito da saúde de seu futuro bebê. Após um exame, ela fica sabendo que seu filho terá uma mutação cromossômica.

09

As mutações cromossômicas que correspondem ao resultado da divisão celular 1 e 2 são, respectivamente:

a) Trissomia – monossomia.

b) Diploidia – haploidia.

c) Triploidia – haploidia.

d) Tetrassomia – trissomia

e) Trissomia – diploidia.

10. (PUC-SP) A célula a seguir pertence a uma espécie que apresenta quatro cromossomos (2n = 4):

10

Um indivíduo heterozigoto para três pares de genes (AaBbCc) tem esses genes localizados nos  cromossomos, conforme é mostrado na figura. Se uma célula desse indivíduo entrar em meiose e não ocorrer crossing-over, podem ser esperadas, ao final da divisão, células com constituição:

a) AbC; aBc ou Abc; aBC.

b) ABC; abc ou ABc; abC.

c) Apenas ABC e abc.

d) Apenas Abc e abC.

e) Apenas AaBbCc.

11. (UEAP) Uma célula com 8 cromossomos sofre meiose e origina:

a) 2 células com 4 cromossomos.

b) 2 células com 8 cromossomos.

c) 4 células com 2 cromossomos.

d) 4 células com 4 cromossomos.

e) 4 células com 8 cromossomos.

12. Considere os seguintes eventos:

I. Ocorrência de crossing-over.

II. Separação de cromossomos homólogos.

III. Emparelhamento de cromossomos homólogos.

IV. Separação de cromátides-irmãs.

Na meiose, esses eventos ocorrem na sequência:

12

13. (UEA) Analise o esquema abaixo.

13

Assinale a alternativa que indica, correta e respectivamente, a divisão celular, a fase e o nome do processo ilustrado.

a) Meiose, prófase I e permutação.

b) Mitose, metáfase e segregação.

c) Mitose, interfase e duplicação.

d) Mitose, telófase e disjunção.

e) Meiose, prófase II e mutação.

14. (UFLA) O pareamento dos cromossomos homólogos, a ocorrência de permuta genética e a orientação dos cromossomos homólogos na placa equatorial da célula ocorrem nas seguintes fases da meiose, respectivamente:

a) Leptóteno na prófase I, diplóteno na prófase I e metáfase I.

b) Zigóteno na prófase I, diplóteno na prófase I e anáfase I.

c) Zigóteno na prófase I, paquíteno na prófase I e metáfase I.

d) Diplóteno na prófase I, leptóteno na prófase I e anáfase I.

15. (UFU) Uma célula humana apresenta 46 cromossomos. Dois processos de divisão celular são possíveis de ocorrer: a mitose e a meiose. Cada um deles tem suas especificidades e resultam em número de células-filhas e de cromossomos distintos. Após a ocorrência da meiose, serão encontradas:

a) Quatro células com 23 cromossomos cada uma.

b) Duas células com 23 cromossomos cada uma.

c) Quatro células com 46 cromossomos cada uma.

d) Duas células com 46 cromossomos cada uma.

16. (UEA) Para responder esta questão tome por base o fragmento abaixo.

A Castanheira

A castanheira (Bertholletia excelsa), também conhecida como castanha-do-Brasil, é a mais famosa espécie de árvore nativa da Amazônia e as maiores concentrações estão na Amazônia Brasileira. Árvore de grande porte, a castanheira chega a atingir até 60 metros de altura e diâmetro, na base, superior a 4 metros. Os frutos, conhecidos como ouriços, são lenhosos e esféricos, atingindo entre 10 e 15 centímetros de diâmetro, pesando até 1,5 kg, e contendo até 25 sementes. Diversas espécies de fauna, incluindo pássaros e mamíferos (como roedores e primatas), utilizam-se destas sementes para seu alimento, inclusive o homem. A castanha (semente da castanheira) é um alimento muito rico. Quando desidratada, possui cerca de 17% de proteína e seu teor de gordura chega a 67%.

(www.greenpeace.org. Adaptado.)

Um pesquisador, ao realizar o cariótipo de uma célula retirada desse vegetal, visualizou ao microscópio cromossomos migrando para os polos da célula sem que ocorresse a separação das cromátides, ainda ligadas pelos centrômeros. Pode-se afirmar que a célula analisada foi retirada do:

a) Endosperma, que tem por função a nutrição do embrião, é triploide e encontrava-se em anáfase I.

b) Meristema secundário, que é responsável pelo crescimento em espessura, é diploide e encontrava-se em metáfase II.

c) Tecido embrionário da semente em germinação, que realiza constantemente divisões mitóticas, e encontrava-se em anáfase.

d) Estame, tecido no qual ocorrem divisões meióticas originando o grão de pólen, e encontrava-se em anáfase II.

e) Megasporângio, tecido no qual ocorrem divisões meióticas, e encontrava-se em anáfase I.

17. (UFV) Qual a fase da divisão celular em que ocorre crossing-over?

a) Prófase.

b) Metáfase I.

c) Prófase II.

d) Prófase I.

18. (Acafe-SC) A sequência das subfases da prófase I é:

a) Leptóteno, diplóteno, paquíteno, zigóteno, diacinese.

b) Leptóteno, diplóteno, paquíteno, diacinese, zigóteno.

c) Leptóteno, zigóteno, paquíteno, diacinese, diplóteno.

d) Leptóteno, zigóteno, paquíteno, diplóteno, diacinese.

e) Leptóteno, paquíteno, zigóteno, diplóteno, diacinese.

19. (UFU) Uma célula humana apresenta 46 cromossomos. Dois processos de divisão celular são possíveis de ocorrer: a mitose e a meiose. Cada um deles tem suas especificidades e resultam em número de células-filhas e de cromossomos distintos. Após a ocorrência da meiose, serão encontradas:

a) Quatro células com 23 cromossomos cada uma.

b) Duas células com 23 cromossomos cada uma.

c) Quatro células com 46 cromossomos cada uma.

d) Duas células com 46 cromossomos cada uma.

20. (URCA) A meiose e um importante evento celular que permite a maior variabilidade possível dentro das espécies. Quanto a esse evento, e correto afirmar:

a) Nesse evento não se formam as fibras do fuso.

b) A prófase I tem os mesmos eventos da prófase da mitose.

c) O processo de redução do numero de cromossomos nas células gaméticas só é possível ao longo de pelo menos duas divisões celulares.

d) É no processo meiótico que o sexo homogamético forma dos tipos de gametas.

e) A permuta de alguns genes entre cromátides ocorre na ultima telófase das divisões.

GAB

 

 

Publicado por: Djalma Santos | 16 de setembro de 2015

TESTES DE BOTÂNICA (VI)

01. (UFJF) Sobre os processos reprodutivos das briófitas e pteridófitas, é correto afirmar:

a) A reprodução assexuada em briófitas e pteridófitas ocorre por fragmentação, processo em que pedaços de um indivíduo adulto geram novos gametófitos.

b) A reprodução sexuada em briófitas e pteridófitas envolve, obrigatoriamente, a formação de micrósporos e megásporos.

c) Uma condição comum à reprodução sexuada das briófitas e pteridófitas consiste na produção de anterozoides flagelados no interior de anterídios.

d) Nas briófitas e nas pteridófitas, a produção dos esporos ocorre no interior de estruturas diploides, as quais correspondem à fase dominante do ciclo de vida.

e) A ausência de tecidos vasculares nas briófitas e pteridófitas limita a fecundação em ambientes aquáticos ou úmidos, uma vez que os anterozoides precisam nadar até a oosfera.

02. (UNICENTRO) Com base nos conhecimentos sobre os grandes grupos de plantas atuais, considere as afirmativas a seguir.

I. As angiospermas são plantas que produzem frutos, dentro dos quais estão as sementes.

II. As briófitas são plantas que não possuem tecidos condutores de seivas.

III. As gimnospermas são plantas cujas sementes ficam expostas sobre o órgão reprodutivo.

IV. As pteridófitas são plantas que têm sementes nuas.

Assinale a alternativa correta.

a) Somente as afirmativas I e II são corretas.

b) Somente as afirmativas I e IV são corretas.

c) Somente as afirmativas III e IV são corretas.

d) Somente as afirmativas I, II e III são corretas.

e) Somente as afirmativas II, III e IV são corretas.

03. (FAMERP) A figura ilustra os componentes florais característicos de uma angiosperma.

03

As estruturas onde se desenvolvem os gametófitos masculino e feminino são, respectivamente:

a) Filete e sépala.

b) Ovário e antera.

c) Antera e estigma.

d) Estilete e ovário.

e) Pétala e estilete.

04. (URCA) As leguminosas são um grupo de plantas muito cultivas pelo homem para a produção de sementes. Podemos citar como exemplo de plantas desse grupo:

a) Milho e feijão.

b) Soja e trigo.

c) Ervilha e soja.

d) Aspargo e trigo.

e) Milho e trigo.

05. (UECE) Apesar de serem mais conhecidas pela maioria das pessoas por sua função decorativa, as flores são os órgãos responsáveis pela reprodução nas angiospermas, sendo compostas por folhas modificadas, com funções específicas, denominadas verticilos florais. Com relação aos verticilos florais, pode-se afirmar corretamente que:

a) As tépalas são o conjunto de pétalas coloridas e a corola compreende o conjunto de sépalas.

b) A corola corresponde ao conjunto de sépalas e o perianto compreende o conjunto de pétalas.

c) O cálice é constituído pelas sépalas; já a corola é constituída pelas pétalas.

d) Todas as flores possuem cálice, corola, androceu e gineceu.

06. (UFMS) O Reino Vegetal ou Plantae é formado por organismos em geral fotossintetizantes que, possivelmente, originaram-se no ambiente aquático. A perfeita adaptação das plantas ao ambiente terrestre só foi possível graças ao surgimento de diversas novidades evolutivas. Sobre esse assunto, assinale a alternativa que contém apenas informações corretas.

a) Os estômatos são aberturas reguláveis que auxiliam no controle da perda d’água na forma de vapor, estando presentes apenas nas angiospermas.

b) Apenas hepáticas e antóceros possuem um sistema vascular verdadeiro, formado de xilema e floema; esse sistema permite a condução de água, sais minerais e produtos da fotossíntese a maiores distâncias dentro da planta.

c) A cutícula é uma camada cerosa que auxilia as plantas, reduzindo as perdas d’água por evapotranspiração e protegendo-as da ação danosa dos raios U.V. do sol, e essa estrutura ocorre apenas nas gimnospermas.

d) A fecundação intermediada pelo transporte do gameta masculino através de um tubo polínico reduz a dependência de água nas plantas, durante a reprodução, e é um fenômeno presente nas angiospermas.

e) A redução da geração esporofítica (esporófito) e o aumento da geração gametofítica (gametófito) nas angiospermas permitiram seu sucesso reprodutivo no ambiente terrestre.

07. (UNEASPAR) As angiospermas constituem um grupo de plantas com inovações evolutivas como flores típicas e frutos, que lhes permitem dominar vastas áreas do planeta. Os frutos protegem as sementes e podem também alimentar agentes dispersores. Assinale a alternativa que contém apenas frutos verdadeiros, carnosos do tipo baga.

a) Banana, pêssego, goiaba e acerola.

b) Caju, jabuticaba, pitanga e nectarina.

c) Abacaxi, limão, maracujá e pera.

d) Laranja, tomate, goiaba e pitanga.

e) Pepino, tomate, amendoim e feijão.

08. (UNICENTRO) Uma determinada espécie de vegetal possui flores monóclinas, também denominadas de hermafroditas. Com base nessa informação, assinale a alternativa que apresenta, corretamente, as estruturas dessa flor que justificam que ela seja monóclina.

a) Cálice e corola.

b) Filete e antera.

c) Ovário e estigma.

d) Pétalas e estilete.

e) Pistilos e estames.

09. (CEFET-MG) Em uma situação específica, uma prática comum consiste em envolver frutos em folhas de jornal durante alguns dias com o objetivo de:

a) Evitar a eliminação de odores desagradáveis.

b) Impedir a postura de ovos por moscas da fruta.

c) Prevenir a contaminação por micro-organismos.

d) Favorecer o acúmulo do hormônio gasoso etileno.

e) Bloquear a ação tóxica do leite eliminado pelo fruto.

10. (UFT) As angiospermas são as plantas que estão em maior quantidade dentre as traqueófitas, sendo uma de suas características a presença de frutos. Em relação aos frutos das angiospermas, marque a alternativa correta.

a) Auxiliam na disseminação das sementes e conferem proteção às mesmas.

b) Auxiliam na camuflagem da planta e evitam a hercogamia das espécies.

c) Auxiliam na produção de frutose e cedem energia para o crescimento da planta.

d) Auxiliam no mimetismo das angiospermas e sintetizam frutose para a planta.

e) Auxiliam na dicogamia e evitam a diminuição energética das sementes.

11. (UEPA) Leia o texto abaixo para responder esta questão.

Há séculos, os chineses aprenderam que os frutos amadureciam mais rapidamente quando colocados em câmaras onde queimavam incenso, isso também foi observado, por exemplo, em laranjas que produzem um gás o qual promove o amadurecimento de bananas. Tais observações levaram os botânicos a suspeitarem da existência de uma substância gasosa liberada em processos de combustão e também pelas plantas. Tal substância é produzida por todos os órgãos do vegetal, com exceção das sementes.

(Adaptado de: Favaretto e Mercadante, BIOLOGIA, Volume único, 2005.)

Sobre o assunto tratado no texto, analise as afirmativas abaixo.

I. O órgão vegetal que não produz o referido gás se origina do óvulo fecundado.

II. O gás é a giberelina que estimula o crescimento da raiz da planta.

III. O referido gás é o etileno que atua no amadurecimento de frutos.

IV. Os órgãos vegetais em destaque no texto estão presentes em representantes tanto de angiospermas como de gimnospermas.

A alternativa que contém todas as afirmativas corretas é:

a) I e II.

b) I e III.

c) II e III.

d) II, III e IV.

e) I, II, III e IV.

12. (UEMA) Sabendo-se que os movimentos dos vegetais respondem à ação de hormônios, de fatores ambientais, de substâncias químicas e de choques mecânicos, observe as informações abaixo sobre esses movimentos relacionando-os às plantas 1 e 2.

12

– Tigmotropismo é o encurvamento do órgão vegetal em resposta ao estímulo mecânico.

– Gravitropismo é também chamado de geotropismo por muitos. O fator que estimula o crescimento do vegetal é a força da gravidade da terra, podendo ser negativo e positivo.

– Hidrotropismo é o movimento orientado para a água, enquanto que o quimiotropismo é o movimento orientado para determinadas substâncias.

– Fototropismo é a resposta do vegetal quando o estímulo é a luz. Os caules tendem a crescer em direção à luz, assim apresentando fototropismo positivo.

Fonte: SANTOS, F. S. dos; AGUILAR. J. B. V.; OLIVEIRA, M. M. A. de. Ser protagonista, Biologia Ensino Médio, 2º ano. São Paulo: Edições SM, 2010. (adaptado)

Os movimentos que ocorrem nas plantas 1 e 2 são, respectivamente:

a) Hidrotropismo e fototropismo.

b) Fototropismo e hidrotropismo.

c) Fototropismo e gravitropismo.

d) Tigmotropismo e gravitropismo.

e) Gravitropismo e hidrotropismo.

13. (UFG) As angiospermas e as gimnospermas evoluíram em ambiente terrestre com independência da água para a fecundação. Uma característica que distingue esses dois grupos de plantas é a presença de:

a) Raiz.

b) Caule.

c) Folha.

d) Fruto.

e) Semente.

14. (UEG) As angiospermas são classificadas em monocotiledôneas e em eudicotiledôneas pelo sistema de classificação APG (Angiosperm Philogeny Group). Um dos parâmetros para esta classificação é o número de cotilédones presentes na semente. Sobre a função dos cotilédones, constata-se que:

a) Armazenam nutrientes no estágio inicial de desenvolvimento das plantas.

b) Formam um ou dois embriões nas mono e eudicotiledôneas, respectivamente.

c) Impedem que a polinização ocorra pelo vento, ou seja, por zoofilia e anemofilia.

d) Propiciam proteção nutricional e mecânica ao corpo do embrião sem fazer parte dele.

15. (IFMT) As plantas “carnívoras” sempre despertaram o interesse do público em geral, acendendo a imaginação das pessoas, devido à sua natureza exótica, quando comparada com os demais membros do reino vegetal. As armadilhas “jaula” são as mais famosas por ser a própria representação da ação carnívora por meio de vegetais! As folhas são modificadas em duas metades com gatilhos no interior. Quando os gatilhos são tocados por presas potenciais, as metades da folha se fecham em incríveis frações de segundo, esmagando a presa e digerindo-a. Esse tipo de armadilha é encontrado na Dionaea e ldrovanda. O mecanismo de fechamento das folhas descrito acima é conhecido por:

a) Fotoperiodismo.

b) Tigmotropismo.

c) Fototropismo.

d) Geotropismo.

e) Sismonastia.

16. (MACK) Nas plantas superiores (gimnospermas e angiospermas), a fase gametofítica é bastante reduzida e desenvolve-se no interior do próprio esporângio. Os gametófitos masculino e feminino, nessas plantas, correspondem, respectivamente, ao:

a) Grão-de-pólen e óvulo.

b) Célula do tubo polínico e endosperma.

c) Tubo polínico e saco embrionário.

d) Microsporócito e megasporócito.

e) Célula espermática e oosfera.

17. (UNICAMP) Use o texto a seguir para responder esta questão.

Seca faz cidades do interior de SP decretarem emergência.

A falta de água enfrentada pelo Sudeste do país tem feito cada vez mais cidades de São Paulo e de Minas Gerais adotarem o racionamento, para reduzir o consumo de água, ou decretarem estado de emergência. Além do desabastecimento, a seca tem prejudicado também setores como a agricultura, a indústria, a saúde e o turismo dessas cidades.

(Adaptado de http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2014/07/07/seca-faz-cidades-do-interior-decretarem-emergencia.htm.Acessado em 16/07/2014.)

A situação de seca citada na reportagem é determinada por mudanças no ciclo hidrológico, em que as plantas têm papel determinante, uma vez que representam uma fonte de vapor d’água para a atmosfera. Os vasos que conduzem a água das raízes até as folhas são os:

a) Floemáticos e a transpiração ocorre pelos estômatos.

b) Floemáticos e a transpiração ocorre pelos tricomas.

c) Xilemáticos e a transpiração ocorre pelos tricomas.

d) Xilemáticos e a transpiração ocorre pelos estômatos.

18. (UniEvangélica) Leia o texto e analise a figura a seguir.

As plantas podem ser caracterizadas como organismos eucariontes, pluricelulares e autótrofos fotossintetizantes. O ciclo de vida das plantas é caracterizado por duas fases: uma diploide e outra haploide, sendo, portanto, sexuada. Da reprodução sexuada resulta um embrião, que originará o esporófito adulto (1). O caminho foi longo, no processo evolutivo desses organismos, desde as algas, grupo do qual provavelmente se originaram, até as plantas atuais. Nessa história evolutiva, uma conquista crucial foi a transição do meio aquático para o terrestre. No grupo dos musgos existem caule e folhas muito simples, sem vasos condutores de seivas. No grupo das samambaias, o surgimento de vasos condutores está diretamente relacionado à adaptação ao meio terrestre (2). Esse grupo apresenta raízes, caules e folhas bem desenvolvidos. O passo seguinte nessa conquista evolutiva foi a formação de sementes (3). As flores e os frutos, característica do maior grupo vegetal, são a grande e a mais recente aquisição das plantas, responsáveis pela vasta diversidade desse grupo (4).

LOPES, Sônia. Bio. Volume único. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2008. p. 440-441.

18a

Um cladograma que condiz com o texto e com o esquema da figura é:

18b

19. (FUVEST) Abaixo estão listados grupos de organismos clorofilados e características que os distinguem:

I. Traqueófitas – vaso condutor de seiva.

II. Antófitas – flor.

III. Espermatófitas – semente.

IV. Embriófitas – embrião.

V. Talófitas – corpo organizado em talo.

Considere que cada grupo corresponde a um conjunto e que a interseção entre eles representa o compartilhamento de características. Sendo P um pinheiro-do-paraná (araucária), indique a alternativa em que P está posicionado corretamente, quanto às características que possui.

19

20. (UNICAMP) São estruturas encontradas em vegetais:

a) Parede celular, grana, arquêntero, mitocôndria, DNA.

b) Mitocôndria, vacúolo, tilacoide, vasos, cromossomo.

c) Mitocôndria, carioteca, axônio, núcleo, estroma.

d) Dendrito, cloroplasto, DNA, endométrio, estômato.

gab

 

Publicado por: Djalma Santos | 16 de setembro de 2015

TESTES DE MITOSE (3/5)

01. (VUNESP) A professora explicava aos alunos que alguns tecidos e/ou órgãos são mais indicados para se obter células nas diferentes fases da mitose. Nos animais e vegetais, esses tecidos e/ou órgãos são, respectivamente:

a) Medula óssea e meristema.

b) Sangue e meristema.

c) Medula óssea e esclerênquima.

d) Testículo e esclerênquima.

e) Testículo e xilema.

02. (PUC-RS) Para fazer o estudo de um cariótipo, qual a fase da mitose que seria mais adequada usar, tendo em vista a necessidade de se obter a maior nitidez dos cromossomos, em função do seu maior grau de espiralização?

a) Prófase.

b) Pró-Metáfase.

c) Anáfase.

d) Telófase.

e) Metáfase.

03. (FUVEST) Analise os eventos mitóticos relacionados a seguir:

I. Desaparecimento da membrana nuclear.

II. Divisão dos centrômeros.

III. Migração dos cromossomos para os polos do fuso.

IV. Posicionamento dos cromossomos na região mediana do fuso.

Qual das alternativas indica corretamente sua ordem temporal?

a) IV – I – II – III.

b) I – IV- III – II.

c) I – II – IV – III.

d) I – IV – II – III.

e) IV – I – III – II.

04. (FUVEST) A vimblastina é um quimioterápico usado no tratamento de pacientes com câncer. Sabendo-se que essa substância impede a formação de microtúbulos, pode-se concluir que sua interferência no processo de multiplicação celular ocorre na:

a) Condensação dos cromossomos.

b) Descondensação dos cromossomos.

c) Duplicação dos cromossomos.

d) Migração dos cromossomos.

e) Reorganização dos nucléolos.

05. (FEI) No processo de mitose:

a) A partir de uma célula diploide originam-se duas novas células diploides.

b) A partir de uma célula diploide originam-se quatro novas células diploides.

c) A partir de uma célula haploide originam-se duas novas células diploides.

d) A partir de uma célula haploide originam-se quatro novas células diploides.

e) A partir de uma célula diploide originam-se quatro novas células haploides.

06. (UNIFOR) Em organismos unicelulares, divisão por mitose significa:

a) Crescimento.

b) Regeneração.

c) Recombinação.

d) Reprodução.

e) Gametogênese.

07. (UERGS) A definição correta de mitose é:

a) Divisão de um núcleo diploide para produzir duas células haploides.

b) O processo que consiste em duas divisões nucleares sucessivas com apenas um ciclo de replicação dos cromossomos.

c) Divisão celular em eucariotos que leva à formação de dois núcleos filhos, cada um com um conjunto de cromossomos idênticos ao original.

d) Estágio da divisão celular no qual os centrômeros dos cromossomos estão alinhados no plano perpendicular aos dois polos de divisão.

e) Estágio da divisão celular durante o qual os cromossomos se condensam e o envelope nuclear é formado.

08. (INSTITUTO FEDERAL DE SÃO PAULO) Bioquímicos, médicos, biólogos, químicos, entre outros, podem trabalhar em pesquisa e descobrir substâncias que podem interferir em algum mecanismo celular e com isso auxiliar na saúde humana. Entre elas, está a vinblastina, alcaloide que impede a formação das proteínas chamadas microtúbulos, presentes nas fibras do fuso. Ela pode:

a) Inibir divisões mitóticas, impedindo, assim, o crescimento de um tumor.

b) Inibir divisões meióticas, impedindo, assim, a formação de células somáticas.

c) Reduzir a digestão lipídica, favorecendo a perda de massa corpórea.

d) Facilitar a perda de proteínas durante a digestão, favorecendo o emagrecimento.

e) Estimular a divisão citoplasmática do final da mitose, estimulando o crescimento.

09. (UNICENTRO) Uma nova droga no tratamento contra o câncer está sendo testada e atinge as células que estão em divisão celular, mais especificamente no final da metáfase. Nessas células a droga impedirá que ocorra a:

a) Condensação dos cromossomos.

b) Separação das cromátides irmãs.

c) Formação do fuso mitótico.

d) Formação da placa equatorial.

e) Formação de fibras do fuso.

10. (IFSC)

10

Sobre o tema divisões celulares e com o auxílio do gráfico acima, assinale a(s) proposição(ões) correta(s).

I   II

0   0 – A divisão celular apresentada no gráfico corresponde a uma meiose, pois, ao final do processo, as células apresentam a mesma quantidade de material genético da célula original.

1   1 – No processo de divisão representado acima, a célula inicial é diploide, enquanto as duas células finais são haploides.

2   2 – O período representado pela letra “S” corresponde à fase em que ocorre a duplicação semiconservativa do DNA.

3   3 – O gráfico pode representar uma mitose ou pode corresponder à primeira etapa da meiose (meiose I), que corresponde a uma divisão equacional, aquela em que se mantém igual o número de cromossomos.

4   4 – A divisão representada corresponde à mitose, processo responsável pelo crescimento e regeneração de tecidos nos seres humanos.

11. (UFLA) As fases do ciclo celular de uma célula somática em um organismo diploide são apresentadas na coluna 1. Identifique, na coluna 2, as características correspondentes a cada fase e assinale a alternativa correta.

COLUNA 1

I. Período G1.

II. Período S.

III. Período G2.

IV. Mitose.

COLUNA 2

1. Ocorre a duplicação do DNA.

2. Ocorrem duas divisões celulares.

3. Quantidade de DNA é 4C durante todo o período.

4. Ocorre a permuta genética.

5. Intensa atividade de síntese de proteínas.

6. São formadas células-filhas com o mesmo número cromossômico da célula-mãe.

a) I – 1; II – 3; III – 5; IV – 2.

b) I – 3; II – 1; III – 2; IV – 4.

c) I – 5; II – 3; III – 4; IV – 6.

d) I – 5; II – 1; III – 3; IV – 6.

12. (FUVEST) Na figura abaixo, está representado o ciclo celular. Na fase S, ocorre síntese de DNA; na fase M, ocorre a mitose e, dela, resultam novas células, indicadas no esquema pelas letras C.

12

Considerando que, em G1, existe um par de alelos Bb, quantos representantes de cada alelo existirão ao final de S e de G2 e em cada C?

a) 4, 4 e 4.

b) 4, 4 e 2.

c) 4, 2 e 1.

d) 2, 2 e 2.

e) 2, 2 e 1.

13. (UFJF) A renovação de células em um organismo é possível graças a divisão celular. Analise as seguintes afirmações:

I. Nos eucariontes, o material genético muda de aspecto durante a divisão celular, passando de uma forma de filamentos de cromatina espalhados no nucleoplasma para a forma compacta de cromossomos.

II. Na mitose, durante a prófase, cada cromossomo formado por duas cromátides-irmãs unidas pelos centrômeros começam a se descondensar, tornando-se visível ao microscópio.

III. Na mitose, a carioteca permanece íntegra na metáfase e só se desintegra na anáfase.

IV. Na mitose, a anáfase inicia-se com a separação dos centrômeros, permitindo a separação das duas cromátides-irmãs de cada cromossomo.

V. Na mitose, durante a telófase, completa-se a divisão celular com a citocinese.

São corretas as alternativas:

a) I e II.

b) II, III e IV.

c) III, IV e V.

d) I, II, III e V.

e) I, IV e V.

14. (UEPG) A mitose é um importante mecanismo de divisão das células. Com relação à divisão celular, assinale a alternativa correta.

a) Na mitose ocorre a redução pela metade do número de cromossomos nas células-filhas.

b) A mitose ocorre em células somáticas e, após a interfase, pode ser dividida em prófase, metáfase, anáfase e telófase.

c) Uma característica importante da mitose é a ocorrência do crossing-over, permitindo a variabilidade genética.

d) A última fase da mitose é a metáfase, quando ocorre a reorganização da membrana nuclear.

e) A mitose ocorre em dois estágios e é o mecanismo pelo qual ocorre a produção de esporos e gametas.

15. (UFRN) O câncer é uma doença que surge quando algumas células que foram modificadas passam a se multiplicar de forma descontrolada. O aumento do número de células provoca alterações no funcionamento do organismo que, após algum tempo, chegam a provocar a morte. Para que o câncer continue avançando, as células nele envolvidas intensificam o processo de:

a) Meiose

b) Mitose

c) Maturação.

d) Modulação.

16. Cada um de nós deve fabricar milhões de célula a cada segundo para sobreviver: se toda a divisão celular fosse interrompida – por exposição a uma alta dose de raios X, por exemplo – morreríamos em poucos dias. As sentenças abaixo descrevem aspectos de alguns estágios da mitose.

I. Ocorre a desintegração de o envelope nuclear. Os cromossomos podem agora se ligar aos microtúbulos do fuso via seus cinetócoros e são submetidos a movimentos ativos.

II. Os cromossomos são alinhados no equador do fuso, a meio caminho entre os polos do fuso.

III. Cromátides irmãs se separam sincronicamente e formam dois cromossomos filhos, sendo cada um deles lentamente puxado em direção ao polo do fuso ao qual está ligado.

IV. Um novo envelope nuclear é remontado em volta de cada conjunto de cromossomos filhos, completando a formação de dois novos núcleos e marcando o fim da mitose.

A sequência correta dos estágios da mitose descritos nas sentenças acima é:

a) I – prófase, II – metáfase, III – anáfase, IV – telófase.

b) I – prófase, II – metáfase, III – anáfase, IV – citocinese.

c) I – prófase, II – metáfase, III – anáfase, IV – citocinese.

d) I – prófase, II – anáfase, III – metáfase, IV – telófase.

e) I – prófase, II – anáfase, III – metáfase, IV – telófase.

17.  (IFG) Observe o gráfico abaixo:

17

O gráfico representa o ciclo celular que pode ser dividido em Interfase (G1, S, G2) e Mitose. Em relação às fases do ciclo celular, identifique onde se inicia a duplicação do DNA e onde haverá a separação das cromátides, respectivamente:

a) S e Anáfase.

b) G1 e Anáfase.

c) S e Metáfase.

d) G2 e Prófase.

e) G2 e Telófase.

18. (UFV) Qual a fase mitótica em que os nucléolos desaparecem?

a) Prófase.

b) Metáfase.

c) Anáfase.

d) Telófase.

19. (IFTM) Considere que um indivíduo planeja passar suas férias nas praias do litoral norte de São Paulo, no município de Ubatuba, distante de Uberlândia – MG, 730 km e 8 horas de viagem de carro. No entanto, no dia de sua partida, contamina-se com protozoário que atinge sua circulação sanguínea. Admitindo-se que o referido microrganismo se multiplica assexuadamente por bipartição a cada 20 minutos, todos viáveis, sem resposta imune, e, no tempo inicial (t0) tem-se um microbiota circulando. A alternativa que corresponde ao número mais próximo de agentes formados ao chegar à cidade de Ubatuba – SP é:

19

20. (UNEAL) O ciclo celular é um processo em que uma célula duplica seu conteúdo e então se divide em duas. Essa sequência de duplicação e divisão é um mecanismo essencial para a reprodução, desenvolvimento embrionário e regeneração tecidual. As células eucarióticas apresentam um complexo sistema de controle que governa a progressão do ciclo celular. Um dos aspectos submetidos ao controle é se os diferentes eventos que ocorrem durante o ciclo celular estão seguindo a sequência correta. Em relação a essa questão, qual a única opção abaixo que apresenta uma sequência correta de eventos durante o ciclo celular de uma típica célula eucariota?

a) Prófase, metáfase, anáfase, citocinese e telófase.

b) Fase G1, fase G2, fase S e mitose.

c) Fase G2, fase S, fase G1 e “fase” M.

d) Fase G1, replicação do DNA, fase G2 e “fase” M.

e) Fase G1, formação do fuso mitótico, condensação do DNA e mitose.

gab

 

 

 

Publicado por: Djalma Santos | 16 de setembro de 2015

TESTES DE CITOLOGIA (2)

01. (PUC-GO) Leia o texto a seguir para responder esta questão

Ocasiões há, em que o sertanejo dá para assobiar. Cantar, é raro; ainda assim, à surdina; mais uma voz íntima, um rumorejar consigo, do que notas saídas do robusto peito. Responder ao pio das perdizes ou ao chamado agoniado da esquiva jaó, é o seu divertimento em dias de bom humor.

É-lhe indiferente o urro da onça. Só por demais repara nas muitas pegadas, que em todos os sentidos cortam a estrada.

— Que bichão! murmura ele contemplando um rasto mais fortemente impresso no chão; com um bom onceiro não se me dava de acuar este diabo e meter-lhe uma chumbada no focinho.

O legítimo sertanejo, explorador dos desertos, não tem em geral família. Enquanto moço, o seu fim único é devassar terras, pisar campos onde ninguém antes pusera pé, vadear rios desconhecidos, despontar cabeceiras e furar matas que descobridor algum até então haja varado.

Cresce-lhe o orgulho na razão direta da extensão e importância das viagens empreendidas; o seu maior gosto cifra-se em enumerar as correntes caudais que transpôs, os ribeirões que batizou, as serras que trasmontou e os pantanais que afoitamente cortou, quando não levou dias e dias a rodeá-los com rara paciência.

Cada ano que finda lhe traz mais um valioso conhecimento e acrescenta uma pedra ao monumento da sua inocente vaidade.

— Ninguém pode comigo, exclama ele enfaticamente. Nos campos da Vacaria, no sertão do Mimoso e nos pântanos do Pequiri, sou rei.

E esta presunção de realeza infunde-lhe certo modo de falar e de gesticular majestático em sua singela manifestação.

A certeza, que tem de que nunca poderá perder-se na vastidão, como que o liberta da obsessão do desconhecido, o exalta e lhe dá foros de infalibilidade. Se estende o braço, aponta com segurança para o espaço e declara peremptoriamente:

— Neste rumo, daqui a vinte léguas fica o espigão-mestre de uma serra braba, depois um rio grosso: dali a cinco léguas outro mato sujo que vai findar num brejal. Se vassuncê frechar direitinho assim, umas duas horas, topa com o Pouso do Tatu, no caminho que vai a Cuiabá.

O que faz numa direção, com a mesma imperturbável serenidade e firmeza o indica em qualquer outra.

A única interrupção que aos outros consente, quando conta os inúmeros descobrimentos, é a da admiração. À mínima suspeita de dúvida ou pouco caso, incendem-se-lhe de cólera as faces e no gesto denuncia indignação.

Vassuncê não credita! protesta então com calor. Pois encilhe o seu bicho e caminhe como eu lhe disser. Mas assunte bem, que no terceiro dia de viagem ficará decidido quem é cavouqueiro e embromador. Uma coisa é mapiar à toa, outra, andar com tento por este mundo de Cristo.

(TAUNAY, Visconde de. Inocência. 3. ed. São Paulo: FTD, 1996, p. 30-31. Adaptado.)

“É-lhe indiferente o urro da onça. Só por demais repara nas muitas pegadas, que em todos os sentidos cortam a estrada.

— Que bichão! murmura ele contemplando um rasto mais fortemente impresso no chão; com um bom onceiro não se me dava de acuar este diabo e meter-lhe uma chumbada no focinho.”

O trecho extraído da obra Inocência, de Visconde de Taunay (Texto acima), faz menção a um dos maiores felinos do mundo, a onça, um animal ameaçado de extinção. Acredita-se que a onça-preta (pelagem totalmente preta) seja uma variação da onça-pintada (pelagem amarelo-castanho com manchas pretas), um caso de mutação dentro na mesma espécie.

Sobre o tema mutação, leia atentamente as alternativas abaixo e marque a única correta:

a) A poliploidia é uma aneuploidia que produz alterações estruturais nos cromossomos.

b) A deleção é uma mutação cromossômica que leva à redução do número de cromossomos do genótipo.

c) A trissomia é uma aneuploidia causada por alteração numérica dos cromossomos..

d) A triploidia é uma alteração estrutural dos cromossomos.

02. A membrana plasmática já estava presente na estrutura do ser primordial, devido, entre outras ações, à sua importante função no controle da entrada e saída de determinadas moléculas da célula. A respeito dessa função, pode-se afirmar que:

a) A composição glicoproteica da membrana favorece a passagem de substâncias com afinidades químicas diferentes.

b) A membrana consegue isolar a célula do ambiente externo, impedindo que os ambientes intra e extracelular se tornem idênticos em sua concentração.

c) A presença da membrana plasmática no primeiro ser vivo foi essencial para dar individualidade química ao citoplasma da célula original e, consequentemente, permitir a manutenção das reações metabólicas nos primeiros seres primitivos, mantendo-o “distinto” do meio.

d) A propriedade de autosselagem é responsável pela capacidade da membrana de desenvolver um transporte através de permeases.

e) Determinadas substâncias, como a água, sofrem uma rigorosa restrição de movimento através da membrana, devido à sua importância na manutenção do metabolismo celular.

03. (UCPel) A membrana plasmática é constituída, principalmente, por proteínas e lipídeos. Essa, apesar de invisível ao microscópio óptico, está presente:

a) Em todas as células, seja ela procariótica ou eucariótica.

b) Apenas em células animais.

c) Apenas em células bacterianas.

d) Apenas em células vegetais.

e) Em todos os vírus.

04. (UFPel)   ”Caiu na rede é invasor”

Os neutrófilos são células do sangue responsáveis por fazer a defesa no nosso corpo. Eles apresentam o núcleo dividido em partes (lóbulos) e o citoplasma repleto de grânulos, que armazenam moléculas capazes de matar microrganismos (Figura abaixo). Essas células desempenham a função microbicida por meio de três mecanismos: fagocitose, de granulação e por um mecanismo descoberto recentemente, a “netose”. Neste caso, a cromatina é liberada formando uma armadilha em rede (net) que confina os agentes causadores de doenças, evitando a sua disseminação pelo corpo e permitindo a ação conjunta e localizada das diversas proteínas microbicidas.

Ciência Hoje, vol. 48, nº 285, Setembro 2011 [adapt.].

04

Com base em seus conhecimentos e nos “textos”, é correto afirmar que:

a) Durante o processo de “netose”, a célula fagocita a Leishmania e depois perde dois núcleos, ficando apenas com um.

b) A rede que aprisiona a Leishmania é formada principalmente pelo citoesqueleto da célula, que se localiza no citoplasma.

c) Outra função do núcleo, além da ”netose”, é a produção de proteínas, pois ele é responsável pelo processo da tradução.

d) No processo de fagocitose, o neutrófilo forma pseudópodos que envolvem o patógeno, conduzindo-o para o interior da célula.

e) O núcleo é uma organela presente apenas nos eucariotos, portanto o protozoário Leishmania é anucleado.

05. (UFAM) Por mais que tentemos justificar a importância da membrana plasmática, isso sempre se torna uma tarefa aquém de sua real importância: simplesmente sem ela, não haveria vida. Em seu conceito mais elementar, as membranas plasmáticas definem os limites celulares. Dada sua importância, observe a figura a seguir e relacione os termos com sua respectiva numeração na figura.

05

A sequência que relaciona corretamente os termos é:

a) 1- meio extracelular; 2- citosol; 3- proteína periférica; 4 – proteína integral; 5 – carboidratos; 6 – região hidrofílica; 7- região hidrofóbica.

b) 1- citosol; 2 – meio extracelular; 3 – proteína periférica; 4 – proteína integral; 5 – carboidratos; 6 – região hidrolítica; 7 – região hidrofóbica.

c) 1 – meio extracelular; 2 – citosol; 3 – proteína integral; 4 -proteína periférica; 5 – carboidratos; 6 – região hidrofílica; 7 – região hidrofóbica.

d) 1 – meio extracelular; 2 – citosol; 3 – proteína periférica; 4 – proteína integral; 5 – carboidratos; 6 – região hidrofóbica; 7 – região hidrofílica.

e) 1- meio extracelular; 2- citosol; 3 – proteína integral; 4 – proteína periférica; 5 – carboidratos; 6 – região hidrofóbica; 7- região hidrofílica.

06. (COVEST) A figura abaixo representa uma membrana celular, estrutura essencial por limitar o conteúdo da célula e regular a troca de substâncias entre os meios intra e extracelular. Nesse sentido, podemos afirmar que:

06

I   II

0  0 – A imagem representa o modelo de mosaico-fluido.

1  1 – O item 1, na figura, representa uma proteína globular.

2  2 – O item 2, na figura, representa a parte hidrofóbica dos lipídios.

3 3 – A membrana celular possui proteínas associadas aos lipídios, o que está representado pelo item 3 da figura.

4 4 – Em função de sua constituição química, substâncias lipossolúveis podem atravessar a membrana por difusão simples.

07. (UFJF) Segundo o Portal da Sociedade Brasileira de Dermatologia, o Pênfigo Foliáceo Brasileiro ou fogo selvagem é uma doença caracterizada pelo aparecimento de bolhas, feridas e crostas na pele e mucosas. Essa doença é causada pela destruição de estruturas que aumentam a adesão entre as células do tecido epitelial. Assinale a opção correta que indica a estrutura que é responsável pela adesão entre as células.

a) Ribossomos.

b) Desmossomos.

c) Junções comunicantes.

d) Lisossomos.

e) Fagossomos.

08. (UFU) A explicação correta sobre o fato da composição química do meio intracelular ser muito diferente daquela referente ao meio extracelular é a presença de:

a) Uma membrana celular altamente impermeável que controla a entrada e saída de solutos da célula.

b) Uma membrana plasmática com transportadores e canais proteicos que regulam as trocas entre os meios.

c) Uma membrana plasmática com organização molecular que impede troca de substâncias entre os meios.

d) Uma membrana celular com composição predominantemente lipídica o que a torna permeável aos solutos.

09. (UCPel) As paredes celulares sofrem modificações que permitem o fácil movimento de água e de materiais dissolvidos de uma célula para outra. Nas células, que não desenvolvem parede secundária, a parede primária apresenta, geralmente, regiões delgadas. Cordões plasmáticos atravessam a parede primária nessas regiões, permitindo o livre movimento de substâncias de célula para célula, sem precisar atravessar a membrana plasmática. Baseado no exposto anteriormente e em seus conhecimentos, assinale, abaixo, a alternativa que expressa corretamente o nome dado a esses cordões plasmáticos, que ligam as células adjacentes.

a) Desmossomos.

b) Plasmodesmos.

c) Interdigitações.

d) Microvilosidades.

10. (PUC-CAMPINAS) Para responder esta questão considere o texto abaixo

Até hoje o corpo humano é um enorme depósito de gorduras. Até uma pessoa magra, de 1,80 m de altura e 70 kg, carrega consigo, em média, cerca de um quinto de seu peso em forma de gordura; ou seja, 14 quilos. (…) Independente de como esse material está distribuído, ele sempre é constituído do mesmo tipo de célula − o adipócito ou célula adiposa. (…) Programados para se depositarem, os adipócitos vão juntando gradualmente os blocos de construção básica que formam a gordura: os ácidos graxos. Cada três deles constroem um chamado triglicerídeo, uma minúscula molécula de gordura que é armazenada pelas células (…).

(Revista Geo, n. 38. p. 47)

As gorduras, também conhecidas como lipídeos, são componentes estruturais importantes. Nas membranas celulares encontram-se na forma de fosfolipídeos, e organizam-se:

a) Em uma bicamada na membrana celular e em camada única na carioteca.

b) Em uma bicamada, com as partes apolares voltadas para o interior.

c) Em uma camada simples, sendo a parte apolar interna à célula.

d) Na camada central, protegidos pelas proteínas estruturais da membrana.

e) Densamente em torno das proteínas estruturais do citoesqueleto.

11. (UFJF) Analise as informações abaixo sobre a membrana plasmática e especializações de membrana.

I. O glicocálice é caracterizado pela presença de glicídios ligados às proteínas e aos lipídios na face interna de membrana.

II. O glicocálice participa do reconhecimento de uma célula por outra, promovendo a adesão entre elas.

III. Os microvilos aumentam a superfície de absorção de alimentos na cavidade intestinal.

IV. Células glandulares podem apresentar estruturas semelhantes aos microvilos, que aumentam a velocidade de eliminação do produto secretado.

V. O glicocálice está presente nas células animais e vegetais, mas não em protistas.

São corretas as alternativas:

a) I, II e III.

b) II, III e IV.

c) II, III e V.

d) I, III, IV e V.

e) I, II, IV e V.

12. (UEPG) Os conhecimentos atuais sobre a membrana plasmática permitiram a construção de um modelo conhecido como mosaico fluido. Com relação à estrutura, função e permeabilidade da célula, assinale a alternativa correta.

a) Um exemplo de transporte passivo pela membrana é a chamada bomba de sódio.

b) As proteínas presentes nas membranas têm função apenas estrutural e nunca funcionam como receptoras.

c) O glicocálix tem função protetora e realiza reconhecimento de moléculas, além de revestir a face interna da membrana plasmática.

d) O transporte ativo depende de energia fornecida pela Adenosina Trifosfato – ATP e ocorre contra gradientes de concentração.

e) O modelo de membrana lipossolúvel constitui-se de uma bicamada lipídica denominada anfipática; a parte situada entre as duas camadas é hidrofílica e as faces externas hidrofóbicas.

13. (UEM) Sobre a membrana plasmática, assinale o que for correto.

01. A parede celular é um revestimento externo da membrana plasmática e está relacionada à sustentação das células de vegetais, de algas, de fungos e de bactérias.

02. Durante o transporte passivo, a célula transporta substâncias contra o gradiente de concentração, o que envolve gasto de energia e consumo de ATP.

04. Microvilosidades são modificações da membrana plasmática, encontradas nas células do tecido de revestimento interno do intestino, que aumentam a superfície de absorção.

08. A troca gasosa realizada nas brânquias de um peixe é um exemplo de difusão simples, processo que ocorre diretamente pela bicamada lipídica da membrana, sem “gasto” de energia.

16. Ciclose é o processo de entrada e de movimento de partículas sólidas no citoplasma, realizado pelas expansões citoplasmáticas.

Soma das alternativas corretas:

14. (UFSJ) Em relação à estrutura da membrana celular, assinale a alternativa correta.

a) A membrana celular tem como uma de suas propriedades principais a seletividade. De acordo com a conformação de sua estrutura, a membrana pode, em determinado momento, modificar sua estrutura para permitir que algumas moléculas passem livremente por ela e, em outros momentos não permitir que a mesma molécula a atravesse. Essa propriedade é fundamental no metabolismo celular.

b) A membrana celular é formada por uma bicamada lipídica, que faz com que o meio externo não tenha contato com o meio intracelular, sendo esta a principal função da membrana, evitar que moléculas extracelulares invadam o meio interno da célula.

c) A bicamada lipídica é a estrutura celular responsável pela proteção das células. Dentro de seu limite, as organelas estão soltas e se deslocam livremente, de um lado para outro, imersas no citoplasma.

d) A rigidez ou fluidez da célula é dependente da composição dos lipídios presentes na membrana celular. Assim, se os lipídios forem de composição rígida, a célula poderá apresentar uma parede celular mais espessa. Se, por outro lado, os lipídios forem mais fluidos, a célula apresentará conformação mais frouxa.

15. (UECE) As células apresentam um envoltório, que as separa do meio exterior, denominado membrana plasmática, extremamente fina. A disposição das moléculas na membrana plasmática foi proposta por Singer e Nicholson, e recebeu o nome de Modelo Mosaico Fluido, que pode ser definido como:

a) Dupla camada lipídica com extremidades hidrofóbicas voltadas para o interior da célula e extremidades hidrofílicas voltadas para proteínas globulares, presente apenas em eucariontes.

b) Uma camada lipídica com extremidades hidrofílicas voltadas para dentro e extremidades hidrofóbicas voltadas para proteínas globulares, em que as proteínas encontram-se estendidas sobre a membrana e ocupam espaços vazios entre lipídios.

c) Uma camada monomolecular composta apenas por lipídios, presente em todas as células, sejam elas procariontes ou eucariontes.

d) Dupla camada lipídica com extremidades hidrofóbicas voltadas para o interior e as hidrofílicas voltadas para o exterior, composta por proteínas (integrais ou esféricas) e glicídios ligados às proteínas (glicoproteínas) ou lipídios (glicolipídios).

16. (COVEST) Considere o seguinte desenho esquemático de uma membrana plasmática.

16

Estabeleça a correta correspondência das setas com as estruturas indicadas.

I  II

0  0 – Seta 4 = porção da proteína de membrana que pode atuar como receptor para hormônio.

1 1 – Seta 2 = aminoácido hidrofóbico de uma proteína integrante de uma membrana plasmática.

2  2 – Seta 3 = porção apolar de uma membrana plasmática.

3  3 – Seta 1 = aminoácido hidrofóbico da porção intracelular de uma proteína.

4  4 – Seta 5 = carboidrato ligado à porção extracelular de uma proteína de membrana.

17. (UFRN) O corpo humano, como na maioria dos animais, é formado por sistemas. No homem, pode-se encontrar o sistema digestório, respiratório, cardiovascular, nervoso, entre outros. Cada sistema é formado por órgãos, constituídos por tecidos, que são compostos por células. No que se refere à organização celular humana, marque a alternativa correta.

a) No citoplasma ocorre a maioria das reações químicas celulares.

b) As partes fundamentais das células são membrana plasmática e núcleo.

c) O núcleo é responsável por controlar as trocas de substâncias entre o interior e o exterior da célula.

d) A membrana plasmática é envolta por uma parede celular semirrígida que exerce o controle sobre as substâncias que penetram na célula.

18. (PUC-RIO) Vimblastina é um fármaco quimioterápico padrão usado para tratar câncer. Devido ao fato de ela interferir no alinhamento dos microtúbulos, sua efetividade está diretamente relacionada à inibição da:

a) Formação do fuso mitótico.

b) Fosforilação de proteínas regulatórias.

c) Respiração celular.

d) Síntese de DNA.

e) Produção de protease.

19. (IFPE) O conceito de mutação foi proposto no começo do século XX, pelo biólogo holandês Hugo de Vries. Segundo ele, “a mutação é uma modificação brusca do material genético, ao acaso, que pode ser transmitida aos descendentes”. As mutações podem ocorrer ao nível de genes (mutações gênicas) e ao nível dos cromossomos (mutação cromossômica). Sobre essas alterações genéticas, assinale a única afirmativa correta.

a) Deficiência ou deleção é uma euploidia e, nesse caso, ocorre perda de um segmento cromossômico.

b) A translocação é uma mutação gênica onde ocorre a troca de segmentos entre cromossomos não homólogos.

c) A triploidia e a tetraploidia são euploidias e, portanto, nesses casos, ocorre acréscimo de um ou dois genomas, respectivamente, em um organismo diploide.

d) A perda ou substituição de um ou mais nucleotídeos na molécula de DNA caracteriza uma mutação cromossômica estrutural.

e) O acréscimo ou perda de um ou mais cromossomos em uma célula caracteriza uma mutação cromossômica estrutural.

20. (IFGOIANO) Era o que ele estudava. ‘A estrutura, quer dizer, a estrutura’, ele repetia e abria a mão branquíssima ao esboçar o gesto redondo. Eu ficava olhando seu gesto impreciso porque uma bolha de sabão é mesmo imprecisa, nem sólida nem líquida, nem realidade nem sonho. Película e oco.

(Conto A estrutura da bolha de sabão, p. 139)

É possível estabelecer semelhanças entre a bolha de sabão e as membranas celulares. Em vista dessa relação, tanto a bolha de sabão, quanto as membranas celulares:

a) São compostas por proteínas e ácidos nucleicos, moléculas inorgânicas com características apolares.

b) São estruturas com capacidade de se manter em formas hexagonais e rígidas.

c) São estruturas flexíveis, promovem a “separação” do meio interno com o meio externo e possuem alta capacidade de reorganização.

d) São estruturas inflexíveis, rígidas e compostas principalmente por lipídios.

e) São formadas por uma bicamada lipídica com características hidrofóbicas, polares com alta solubilidade em água.

gab

Publicado por: Djalma Santos | 16 de setembro de 2015

TESTES DE BIOTECNOLOGIA (III)

01. (IFSul) Ultimamente, com o avanço da engenharia genética, vários estudos e trabalhos científicos têm demonstrado resultados significativos na manipulação de material genético de plantas e outros seres vivos. Alvo de discussões sobre suas vantagens e desvantagens, a ciência dos transgênicos está em pleno desenvolvimento. Com relação ao tema, é correto afirmar que transgênicos são:

a) Animais ou plantas que sofrem mutações genéticas aleatórias.

b) Cópias genéticas obtidas de um ou mais seres vivos.

c) Indivíduos superiores que podem ser vegetativamente multiplicados ou restabelecidos em um delineamento genético.

d) Organismos nos quais foi introduzido DNA de outra espécie ou DNA modificado da mesma espécie.

02. (UFMS) Alguns grupos de pesquisa brasileiros estão investigando bactérias resistentes a íons cloreto, como Thiobacillus prosperus, para tentar compreender seu mecanismo de resistência no nível genético e, se possível, futuramente transferir genes relacionados com a resistência a íons cloreto para bactérias não resistentes usadas em biolixiviação (um tipo de biorremediação de efluentes), como Acidithiobacillus ferrooxidans. Considerando as principais técnicas utilizadas atualmente em biologia molecular e engenharia genética, a transferência de genes específicos de uma espécie de bactéria para outra deve ser feita através:

a) De cruzamentos entre as duas espécies, produzindo um híbrido resistente a íons cloreto.

b) Da transferência para a bactéria não resistente de um plasmídeo recombinante, que contenha o gene de interesse previamente isolado da bactéria resistente, produzindo um Organismo Geneticamente Modificado (OGM).

c) Da transferência de todo o genoma da bactéria resistente para a nova bactéria, formando uma espécie nova de bactéria em que apenas o gene de interesse será ativado.

d) Da simples clonagem da bactéria resistente, sem a modificação da bactéria suscetível a íons cloreto.

e) Da combinação do genoma inteiro da bactéria suscetível com o genoma da bactéria resistente, formando um organismo quimérico, o que representa uma técnica muito simples em organismos sem parede celular, como as bactérias.

03. (UNIMONTES) Leia o texto abaixo.

Foi publicado na revista Nature, em 28 de junho de 2012, um artigo em que os cientistas constataram que o DNA do macaco bonobo (Pan paniscus) é igual ao dos humanos em 98,7%. O estudo do bonobo encerra o sequenciamento do grupo de símios. O Chimpanzé foi analisado em 2005, seguido do Orangotango (2011) e do Gorila (2012). Entre esses macacos, a semelhança no DNA é de 99,6%. Segundo Kay Prufer, geneticista do Instituto Max Planck, na Alemanha, e principal autor da publicação, “Os seres humanos são um pouco como um mosaico dos genomas de bonobos e Chimpanzés”.

A partir do assunto abordado e dos conhecimentos associados, é correto afirmar:

a) Pela alta semelhança no DNA entre chimpanzés e bonobos, pode-se concluir que comportamentos como a hierarquia de dominância, obtenção de relação sexual e defesa do seu território são iguais.

b) Bonobos e chimpanzés apresentam o mesmo nível de inteligência que os homens.

c) A alta semelhança no DNA permite afirmar que bonobos, chimpanzés e homens têm um ancestral comum.

d) Em termos de locomoção aérea, o homem é mais desenvolvido que o bonobo e o chimpanzé.

04. (PUC-RIO) A figura abaixo representa o resultado de um teste de paternidade. Este teste baseia-se na identificação de marcadores genéticos compartilhados ou não por pai, mãe e filhos.

04

Considerando a figura, não é correto afirmar que:

a) I é filho biológico do casal.

b) V não pode ser filho biológico deste casal.

c) II não é filho deste pai.

d) III é irmão biológico de I.

e) IV e I são irmãos gêmeos monozigóticos.

05. (IFSuldeMinas) Desde 2003, um decreto federal regulamentou o direito à informação quanto aos ALIMENTOS TRANSGÊNICOS, nas embalagens dos produtos alimentícios. Além do símbolo, que deve ser impresso na parte da frente da embalagem (que fica voltada para o consumidor quando o produto está na prateleira), o decreto determina ainda que o consumidor seja informado sobre a ESPÉCIE DOADORA DO GENE e se os ingredientes são produzidos a partir de animais alimentados com ração transgênica. O “T” nas embalagens, porém, não é unanimidade, pois, SEGUNDO ALGUMAS EMPRESAS DO GÊNERO ALIMENTÍCIO, o símbolo amarelo provoca medo, já que os consumidores associam com placas de existência de risco (alerta). A empresa Heinze diz ainda que a rotulagem atual é contraditória, diante das constatações científicas e das políticas de desenvolvimento do governo brasileiro. “A norma de rotulagem também não pode impedir o desenvolvimento de uma área extremamente estratégica para o país, a BIOTECNOLOGIA.”.

Fonte: http://super.abril.com.br/blogs/ideias-verdes/tag/transgênicos. Acesso em 12/09/2014.

Dentre os conceitos grifados no texto e os seus conhecimentos sobre os pontos positivos e negativos dos transgênicos, assinale a alternativa incorreta:

a) Os defensores dos transgênicos enumeram a capacidade de aumento da produtividade agrícola, redução do uso de agrotóxicos, tornar os alimentos mais nutritivos e criar novos tipos de terapias e medicamentos, favorecendo toda população mundial.

b) A bactéria Bacillus thuringiensis (Bt) é um agente de controle biológico encontrado no solo, que produz uma toxina contra lagartas. A transferência do gene Bt para as variedades de milho, algodão, fumo, batata e soja, torna esses alimentos transgênicos e resistentes a certos tipos de insetos.

c) Na perspectiva dos alimentos transgênicos, a obrigatoriedade da informação do símbolo “T” demonstra uma preocupação em informar ao consumidor que aquele alimento foi produzido por meio de uma tecnologia que inseriu um gene exógeno (externo).

d) Dentre os principais aspectos negativos relacionados aos transgênicos está a poluição genética, a perda de biodiversidade, o surgimento de ervas daninhas resistentes a herbicidas e o aumento do uso de agrotóxicos, porém a produção desses alimentos modificados torna os pequenos agricultores independentes em relação às empresas fornecedoras de sementes.

06. (UPE) A figura a seguir mostra imagens de um experimento utilizando técnicas de DNA recombinante. Observe-a.

06

O texto, a seguir, descreve as seis etapas, identificadas com algarismos romanos, do processo de produção do biopolímero, imitando teias de aranha.

I. Pesquisadores da Embrapa isolaram os genes das glândulas de seda de cinco espécies de aranhas da biodiversidade brasileira.

II. Por meio de análises moleculares, bioquímicas, biofísicas e mecânicas, estudaram esses genes e suas funções e construíram sequências sintéticas de DNA para a produção de fios.

III. Os genes modificados foram clonados e introduzidos no genoma de bactérias Escherichia coli, programadas para atuar como biofábricas.

IV. As bactérias transgênicas Escherichia coli passaram a produzir, em larga escala, as proteínas recombinantes, que formam os fios das aranhas.=

V. O passo seguinte consistiu na extração das proteínas. Para isso, a massa de bactérias foi diluída em meio líquido e purificada para a separação das proteínas do restante do material.

VI. Com o auxílio de uma seringa, que imita o órgão das aranhas responsável pela fabricação do fio, eles utilizaram as proteínas para produzir os fios sintéticos em laboratório.

Disponível em: http://revistapesquisa.fapesp.br/2014/02/12/teias-de-laboratorio. Adaptado

Sobre isso, correlacione as etapas citadas no texto com as figuras enumeradas acima e assinale a alternativa que indica a correta correspondência.

a) I e 1; II e 6; III e 3; IV e 4; V e 5; VI e 2.

b) I e 2; II e 6; III e 3; IV e 5; V e 4; VI e 1.

c) I e 3; II e 2; III e 5; IV e 4; V e 6; VI e 1.

d) I e 4; II e 1; III e 3; IV e 6; V e 5; VI e 2.

e) I e 5; II e 2; III e 3; IV e 4; V e 6; VI e 1.

07. (IFSudeste-Mg) A utilização de microrganismos, plantas e animais para a produção de substâncias úteis ao ser humano é chamada de biotecnologia. Entre as ferramentas utilizadas pela biotecnologia na produção de DNA‐recombinante, podemos citar:

a) Vírus bacteriófago e plasmídio bacteriano.

b) Plasmídio bacteriano e cissiparidade.

c) Vírus bacteriófago e gemulação.

d) Laceração e cissiparidade.

e) Vírus bacteriófago e laceração.

08. (IFNMG) A revista VEJA, de 07 de outubro de 2003, trouxe em sua coluna de Agricultura: “A Supersemente — Boicotada na Europa e festejada nos EUA, soja com gene de bactéria chega ao Brasil.”

PERES, Leandro. O gene contra o veneno. Disponível em: http://www.veja.abril.com.br/acervodigital. Acesso em: 26 de out. 2014.

Trata-se de mais um organismo transgênico. Esta variedade de soja carrega em seu genoma um gene bacteriano resistente aos herbicidas, que além de combater ervas daninhas, mantém a cultura. A transgenia é uma técnica muito utilizada na Biotecnologia. Consiste em inserir o gene (DNA) responsável por uma determinada característica, de um organismo no DNA do embrião de outro (transgênico). Se, no lugar do DNA bacteriano, fosse transferido o RNA-m, a planta adulta:

a) Só seria resistente se também fossem transferidos os ribossomos bacterianos.

b) Não seria resistente, pois, considerando o RNAm como um corpo estranho, eliminaria-o.

c) Não seria resistente, pois o RNAm injetado atuaria temporariamente, não sendo transmitido às novas células que formariam a planta.

d) Seria resistente, pois o RNAm transferido produz uma grande quantidade de proteína que confere resistência, durante toda a vida da planta.

09. (CEFET-MG) Alguns vírus têm sido usado em lavouras de soja como um agente de controle biológico específico contra lagartas. Recentemente foram identificadas as proteínas produzidas por esses vírus e os genes realmente ativos durante a infecção desses insetos.

Disponível em: <http://revistapesquisa.fapesp.br&gt; Acesso em: 15 ago. 2014(Adaptado).

A identificação desses genes constitui uma importante ferramenta para a:

a) Elaboração de um parasita inofensivo para a planta.

b) Minimização dos danos ecológicos causados pelo vírus.

c) Criação de linhagem de soja transgênica resistente à lagarta.

d) Preservação do inseto polinizador da planta na fase adulta.

e) Geração de uma vacina para proteger a planta das infecções.

10. (UPF) A proteína conhecida por citocromo c tem sido usada para comparar semelhanças e diferenças entre vertebrados e para avaliar sua possível evolução por meio da posição sequencial dos seus aminoácidos. Por esses estudos, há provas de que o homem tem mais proximidade evolutiva com:

a) Chimpanzés, nos quais há diferença na sequência de 4 aminoácidos.

b) Chimpanzés, nos quais não há diferença alguma na sequência dos aminoácidos.

c) Orangotangos, nos quais há diferença na sequência de 2 aminoácidos.

d) Gorilas, nos quais há diferença na sequência de 4 aminoácidos.

e) Gorilas, nos quais há diferença na sequência de 8 aminoácidos.

11. (UNAMA) Leia o texto para responder esta questão.

“Recentemente biólogos anunciaram em artigo publicado na revista Nature Communications o desenvolvimento de uma nova arma contra a malária. Mosquitos geneticamente manipulados, capazes de produzir descendentes machos, poderiam levar ao desaparecimento de uma população inteira de outros mosquitos. A pesquisa […] de que o aumento da população de machos diminuiria significativamente o de fêmeas, impedindo, consequentemente, a reprodução dos mosquitos. […] reduzir o risco de que os humanos entrem em contato com o parasita da malária, transmitido pelas fêmeas que se alimentam de sangue, […] seja uma nova possibilidade de combate ao inseto”.

No Brasil, em Campinas, a empresa britânica Oxitec já instalou a primeira fábrica de mosquitos Aedes aegypti, produzindo 500 mil insetos por semana, onde em laboratório, os ovos do A. aegypti recebem uma microinjeção de DNA com um gene que impede que os descendentes desses machos cheguem à fase adulta.

Fonte: Texto a Fábrica de mosquitos, de Andrea Crisanti. Revista Vida e Saúde, pag. 29, set. 2014.

“… em laboratório, os ovos do A. aegypti recebem uma microinjeção de DNA com um gene para impedir que os descendentes dos machos cheguem à fase adulta…”. Esta técnica genética é chamada de:

a) Aplicação de genes em bactérias.

b) Transgênicos.

c) Clonagem molecular de fungos.

d) Aconselhamento genético.

12. (UEA) A figura ilustra um processo de transgenia em vegetais desenvolvido e patenteado por uma grande empresa multinacional agropecuária. Esse processo é utilizado para produzir sementes transgênicas de soja e de milho, cultivadas em larga escala no Brasil.

12

Nessa prática biotecnológica ilustrada, o gene isolado nas bactérias e inserido nos vegetais tem como objetivo direto tornar esses cultivares agrícolas:

a) Mais precoces quanto ao tempo de produção.

b) Mais nutritivos quanto ao teor de proteína.

c) Resistentes a um determinado agrotóxico.

d) Menos vulneráveis a pragas de lavoura.

e) Menos perecíveis após a colheita.

13. (UECE) O fenômeno da Totipotência permite que plantas transgênicas sejam obtidas de células originalmente transformadas com o DNA exógeno (EMBRAPA, 1998). Totipotência significa:

a) Potencialidade que as células vegetais apresentam de desenvolver-se em novas plantas.

b) Um processo sintético de transformação de plantas em sua totalidade.

c) Uma técnica para desenvolver novas plantas exógenas.

d) Técnica de cultura de tecido vegetal in vitro por meio de tecidos exógenos.

14. (IFCE) “As principais academias de ciências do mundo e instituições como a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) e a Organização Mundial da Saúde (OMS) são unânimes em dizer que os transgênicos são seguros e que a tecnologia utilizada não representa risco maior do que técnicas agrícolas convencionais de cruzamento de plantas.” Este texto foi extraído da BBC Brasil em Londres, atualizado em 08 de fevereiro de 2013. Sobre os transgênicos, responda corretamente.

a) Os alimentos transgênicos são produzidos a partir da substituição total do material genético de um indivíduo pelo DNA de outro.

b) Os alimentos transgênicos vegetais aumentam o consumo de agrotóxicos devido ao aumento do tamanho das folhas ao cultivar.

c) Um alimento transgênico é aquele que sofreu a inserção de fragmentos genéticos de outro indivíduo para melhorar algumas de suas características.

d) Transgênicos são o resultado da manipulação genética de um indivíduo, com o objetivo de dificultar o acesso das classes sociais inferiores a determinados gêneros alimentícios.

e) Organismos transgênicos ou geneticamente modificados são aqueles que possuem um número maior de cromossomos em comparação ao indivíduo original.

15. (UCS)As células-tronco são células que dão origem a todas as outras células do organismo humano. Trata-se de células não especializadas, responsáveis pela formação de mais de 200 tipos celulares distintos, além de outras células-tronco. Essa capacidade de transformação inspira pesquisadores a aplicar as células-tronco em tecidos lesados que não se regeneram naturalmente, tais como:

a) Cartilagens e sangue.
b) Nervos e tecido cardíaco.
c) Nervos e cartilagens.
d) Ossos e nervos.
e) Ossos e tecido mieloide.

16. (UFPEL) O esquema a seguir mostra uma clonagem reprodutiva humana. Nesse processo, o núcleo de uma célula somática de um tenista é retirado, (1), é removido o núcleo de um ovócito, (2) e finalmente é introduzido o núcleo da célula do atleta no ovócito enucleado, (3). Essa nova célula, (4), é transferida para um útero para que se desenvolva e forme um embrião. O embrião se desenvolverá, e o adulto (5) terá praticamente as mesmas características fenotípicas do indivíduo que doou o núcleo, uma vez que o fenótipo é resultado do genótipo (DNA) mais as influências do ambiente. Por muito tempo, o núcleo foi considerado uma organela que apresentava as seguintes estruturas: um envoltório, o material genético (DNA, RNA), o nucléolo e enzimas. Em 1997, porém, cientistas britânicos descobriram uma nova estrutura nuclear, que foi denominada de retículo nucleoplasmático, sendo descrita como uma estrutura membranosa que está envolvida no processo de regulação de cálcio.

“Ciência Hoje”, n0. 195, 2003 [adapt.]

12

Com base no texto e em seus conhecimentos, é incorreto afirmar que:

a) O núcleo é uma organela exclusiva das células eucarióticas. No seu interior, estão presentes várias enzimas, entre elas as envolvidas nos processos de transcrição e replicação.

b) O nucléolo é responsável pela síntese do RNA ribossômico; este – juntamente com proteínas – forma os ribossomos, estruturas importantes no processo de tradução.

c) A função do retículo nucleoplasmático é semelhante à do retículo endoplasmático, que é uma organela citoplasmática.

d) Todo o DNA da nova célula formada na clonagem citada no texto, (4), será a célula doadora do núcleo.

e) O envoltório nuclear é formado por duas membranas, sendo que cada uma delas é composta por duas camadas de lipídios com proteínas inseridas.

17. (UEM) Com relação à biotecnologia e à engenharia genética, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

01. O fato de o genoma humano ter sido sequenciado significa que foi determinada a sequência de nucleotídeos do DNA humano.

02. Terapia gênica é o tratamento baseado na introdução de genes “sadios” de uma mesma espécie com o uso de técnicas de DNA recombinante.

04. Para a produção de organismos geneticamente modificados, o DNA gênico endógeno é inserido no núcleo das células hospedeiras por meio de plastídeos funcionais.

08. A utilização do conhecimento genético para obter organismos com características úteis à nossa espécie é chamada de clonagem.

16. As enzimas de restrição são encontradas no interior de qualquer célula viva e inibem a síntese de DNA a partir de RNA.

Soma das alternativas corretas:

18. (PUC-SP) Leia o texto com atenção:

Alternativa para daltonismo

Macacos daltônicos passaram a enxergar cores após terem sido submetidos a um tratamento baseado em terapia genética. A novidade, descrita na edição desta quinta-feira (17/9) da revista Nature, demonstra o potencial da terapia para o tratamento de problemas de visão em humanos. Os pesquisadores introduziram genes para fotopigmentação presentes em algumas fêmeas em células fotorreceptoras nas retinas de dois machos adultos. A introdução se deu por meio de vírus inofensivos. Os genes produziram proteínas chamadas opsinas, que atuam para a produção, na retina, de pigmentos sensíveis ao vermelho e ao verde. Cinco semanas após o tratamento, testes físicos e comportamentais comprovaram que os animais passaram a distinguir entre as cores verde e vermelho, o que não conseguiam fazer antes da terapia genética.

(Extraído da Agência de Noticias da FAPESP, 17/09/2009)

Considerando as informações contidas no texto e supondo que esse tipo de daltonismo encontrado nos macacos seja determinado geneticamente da mesma forma que na espécie humana, um estudante do Ensino Médio fez cinco afirmações. Assinale a única errada.

a) As fêmeas doadoras de genes produziam normalmente opsinas.

b) As sequências de nucleotídeos introduzidas nas retinas dos dois machos controlaram, no interior das células fotorreceptoras, os processos de transcrição e tradução gênica.

c) Após o tratamento, os macacos receptores passaram a expressar gene dominante localizado no cromossomo X.d) Originalmente, os macacos receptores apresentavam gene recessivo localizado no cromossomo X.

e) Os vírus utilizados como vetores no experimento foram responsáveis pela transferência de RNA mensageiro de fêmeas para machos.

19. (UPF) A figura abaixo representa, de forma esquemática, o processo de clonagem molecular ou engenharia genética em células bacterianas. Desde a década de 1980, várias proteínas humanas vêm sendo produzidas por meio dessa técnica, diminuindo seu custo de produção.

19

 

Adaptado de Amabis e Martho, 2010, v.3

Assinale a alternativa que se refere à primeira proteína humana produzida em escala comercial por meio dessa biotecnologia.

a) Hemoglobina, liberada para consumo após ter sido submetida a diversos testes que comprovaram a sua eficiência.

b) Hormônio do crescimento humano, que até então era extraído da hipófise de cadáveres.

c) Fator VIII de coagulação sanguínea, também conhecido como fator anti-hemofílico.

d) Insulina humana, que até então era extraída de pâncreas de bois e porcos.

e) Anticorpos anti-Rh+ para tratamento da doença hemolítica do recém-nascido (eritroblastose fetal).

20. (UEPA) Leia o texto abaixo para responder esta questão.

Organismos transgênicos são aqueles modificados geneticamente com a alteração do DNA, ou seja, quando são inseridos num determinado indivíduo genes provenientes de outras espécies, com o objetivo de gerar produtos de interesse para os seres humanos.

(fonte modificada:http://www.fruticultura.iciag.ufu.br/transgenicos.htm#SITUAÇÃO)

Sobre o conceito em destaque, analise as afirmativas abaixo.

I. O gene que produz o hormônio do crescimento humano foi isolado e transferido para zigotos de camundongos.

II. Várias espécies de vegetais como milho, algodão, tomate portam e manifestam genes de bactérias que lhes dão resistência a insetos.

III. A bezerra “Vitória” foi o primeiro animal brasileiro obtido por transferência do núcleo de uma célula de embrião coletado de uma vaca adulta.

IV. Existem variedades de soja que apresentam genes de outras espécies que lhes conferem resistência a herbicidas.

A alternativa que contém todas as afirmativas corretas é:

a) I e II.

b) I, II e IV.

c) II e III.

d) II, III e IV.

e) I, II, III e IV.

gab

 

 

Publicado por: Djalma Santos | 16 de setembro de 2015

TESTES DE BIOENERGÉTICA (VII)

01. (FEI) Bebidas alcoólicas, queijos, iogurtes e pães são alimentos que compõem o cardápio das mesas humanas há milhares de anos. Estes produtos são diretamente relacionados a atividades metabólicas de diversos microrganismos pertencentes a grupos biológicos distintos. Observe a tabela abaixo:

01

Pode-se seguramente afirmar que:

a) Os alimentos originários da fermentação acética e da fermentação alcoólica são decorrentes de vias metabólicas de bactérias e fungos, respectivamente.

b) A fermentação láctica ocorre como complementar à fermentação acética, uma vez que ambas são derivadas de atividades bacterianas.

c) Somente produtos ácidos são produzidos pela fermentação fúngica, ao passo que produtos alcoólicos podem ser produzidos tanto por fermentação fúngica quanto bacteriana.

d) A produção de vinagre só ocorre em condições de total anaerobiose, com o envolvimento de bactérias com fermentação acética e etílica.

e) A fermentação butírica é realizada exclusivamente por bactérias que exigem a presença de oxigênio.

02. (UFMS) Independentemente de cultura, os vegetais fornecem alimentos para todos. Nos versos que seguem, o autor tenta demonstrar essa condição.

02

Analise as seguintes afirmativas:

I. Os versos assinalados com os números 1 e 2 salientam a dependência dos animais, em especial, quanto ao oxigênio produzido pelos vegetais por meio da respiração celular.

II. Os versos assinalados com o número 3 referem-se ao processo de fotossíntese que ocorre nos cloroplastos.

III. Os versos assinalados com o número 4 remetem à produção de matéria orgânica resultante da fotossíntese.

Está(ão) correta(s):

a) Apenas I.

b) Apenas II.

c) Apenas I e II.

d) Apenas I e III.

e) Apenas II e III.

03. (UEPG) A fermentação é uma das maneiras que os organismos utilizam para a obtenção de energia. Com relação aos tipos de fermentação, reações que ocorrem e organismos que as realizam, assinale o que for correto.

01. A fermentação é um processo anaeróbio de síntese de ATP e não envolve cadeia respiratória.

02. Na fermentação, a glicose é degradada parcialmente em substâncias orgânicas mais simples, como o ácido lático (fermentação lática) e o álcool etílico (fermentação alcoólica).

04. Os organismos anaeróbios estritos realizam cadeia de transportes de elétrons para a obtenção de ATP na presença de concentrações elevadas de oxigênio.

08. Na fermentação lática, o piruvato libera uma molécula de CO2, formando um composto com dois carbonos que sofre redução pelo NADH, na presença de O2, originando álcool etílico.

Soma das alternativas corretas:

04. (UEM) Sobre o processo da fotossíntese, realizado pelos seres eucariontes, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

01. As reações que compreendem o ciclo das pentoses ocorrem de forma independente em relação aos produtos originados da fase fotoquímica.

02. Durante o processo de fotofosforilação acíclica, ocorre fotólise da água e produção de NADPH.

04. A fase luminosa ou fotoquímica que ocorre nos tilacoides utiliza como matéria-prima luz e água e produz NADPH, ATP e O2.

08. A água é um dos compostos fundamentais para o processo da fotossíntese. É dela que sai o oxigênio liberado para a atmosfera.

16. Na produção de carboidrato durante a fase química, o CO2 participa ativamente do ciclo das pentoses.

Soma das alternativas corretas:

05. (UNIMONTES) Em I, II, III e IV são apresentadas características de alguns tipos de bactérias. Analise-as.

I. O oxigênio inibe a síntese de pigmentos fotossintetizantes.

II. Tem no gás sulfídrico um dos doadores de hidrogênio.

III. Sua fotossíntese assemelha-se a das algas e plantas.

IV. Na cadeia alimentar, são chamadas de decompositoras.

Assinale a alternativa que apresenta a associação correta.

a) I e II fazem referência às sulfobactérias.

b) IV faz referência às proclorófitas.

c) III e IV são químio-heterotroficas.

d) I e IV, para sobreviverem, necessitam de um ambiente rico em oxigênio.

06. (UEPA) Se todos os açúcares produzidos pelo processo ilustrado abaixo em um ano tivessem a forma de cubos de açúcar, haveria 300 quatrilhões deles. Se fossem dispostos em linha, esses cubos se estenderiam da Terra até Plutão. Isso representa uma imensa “produção” de energia. Sobre o processo abordado no enunciado, observe a imagem abaixo e analise as afirmativas.

06

(Fonte: Sadava, Heller, Orians, Purves e Hillis-2009)

I. Os produtos liberados para o ambiente são água e oxigênio.

II. O processo ilustrado acima se refere à respiração vegetal.

III. Ocorre absorção de dióxido de carbono pelas folhas.

IV. É um processo que ocorre na presença da luz solar.

V. A água utilizada no processo é absorvida pelas folhas.

A alternativa que contém todas as afirmativas corretas é:

a) I e II.

b) I, III e IV.

c) I, III e V.

d) II, III e V.

e) II, III, IV e V.

07. (UNAMA) O mito vermelho. Tomar um cálice de vinho tinto por dia faz bem à saúde? Já se sabe dos benefícios do vinho, como a presença de substâncias antioxidante flavonoides e resveratrol. Porém a elevada quantidade de álcool no vinho, segundo as pesquisas científicas causam danos em quase todo o corpo. A fabricação do vinho passa por qual processo biológico?

a) Fermentação alcoólica, o ácido pirúvico originado da glicólise transforma-se em álcool etílico e gás carbônico.

b) Fermentação alcoólica, o ácido pirúvico originado da glicólise é transformado em ácido láctico.

c) Fermentação láctica, o ácido pirúvico originado da glicólise transforma-se em álcool etílico e gás carbônico.

d) Ciclo de Krebs ou ciclo do ácido cítrico.

08. (UFG) O elemento químico carbono (C), que está presente nas moléculas orgânicas, é disponibilizado na atmosfera na forma de gás carbônico por meio da respiração, decomposição e queima de combustíveis fósseis. Para que esse elemento químico seja incorporado às moléculas orgânicas, é necessário a participação, em seu ciclo, de organismos:

a) Decompositores.

b) Autotróficos.

c) Procariontes.

d) Heterotróficos.

e) Anaeróbicos.

09. (IFMT)

09

A figura acima representa um processo metabólico realizado por células eucarióticas. O processo exemplificado corresponde à:

a) Fotossíntese.

b) Quimiossíntese.

c) Respiração aeróbica.

d) Respiração anaeróbica.

e) Fermentação.

10. (UNICAMP) O crescimento das plantas é afetado pelo balanço entre a fotossíntese e a respiração. O padrão de resposta desses dois importantes processos fisiológicos em função da temperatura é apresentado nos gráficos abaixo, relativos a duas espécies de plantas.

10

Sobre as espécies X e Y, é correto afirmar:

a) A espécie Y não apresenta ganho líquido de carbono a 15o

b) As duas espécies têm perda líquida de carbono a 45o

c) A espécie Y crescerá menos do que a espécie X a 25o

d) As duas espécies têm ganho líquido de carbono a 45o

11. (FPS) Considerando a relação, em uma planta, entre a fotossíntese e a respiração, marque a alternativa cuja figura representa uma situação natural e ideal para o acúmulo de material de reserva (glicose).

11

12. (UPF) Considere a figura abaixo, que representa, de forma esquemática, um importante processo da fisiologia celular. As três etapas desse processo estão destacadas nos retângulos de cor laranja. Com base na análise da figura, assinale a única afirmativa verdadeira.

12

(Fonte: adaptado de http://eportfoliosusana.webnode.pt/.

Acesso em 16 abr. 2014) 2014

a) As etapas 1, 2 e 3 representam as etapas da respiração celular denominadas, respectivamente, Glicólise, Ciclo de Calvin e Cadeia transportadora de elétrons (ou cadeia respiratória).

b) As etapas 1, 2 e 3 representam as etapas da fotossíntese denominadas, respectivamente, Glicólise, Ciclo de Calvin e Cadeia transportadora de elétrons.

c) Durante o processo, a energia contida em moléculas orgânicas é liberada pouco a pouco e parte dessa energia é armazenada na forma de ATP.

d) As etapas 1 e 2 ocorrem, respectivamente, no citoplasma das células e no estroma.

e) A etapa 3 ocorre nas membranas dos tilacoides.

13. (CEFET-MG) Algumas plantas captam o gás carbônico durante a noite, convertendo-o em ácido málico que fica armazenado nos vacúolos de suas células. Pela manhã, os estômatos fecham–se e as trocas gasosas entre a planta e o ar atmosférico são praticamente interrompidas. A vantagem fisiológica dessa captação noturna é:

a) Aumentar a conversão desse gás em oxigênio.

b) Minimizar a perda de CO2 durante a respiração.

c) Reduzir o risco de desidratação durante o dia.

d) Intensificar a síntese de carboidratos durante a noite.

e) Diminuir a degradação das moléculas de clorofila pela luz.

14. (CEDERJ) As vias catabólicas – a anaeróbica e a aeróbica – são utilizadas pela célula para produção de ATP. A via metabólica utilizada pela célula para “sintetizar” energia na ausência de oxigênio é a seguinte:

a) Fosforilação oxidativa.

b) Glicólise.

c) Cadeia Transportadora de elétrons.

d) Ciclo de Krebs.

15. (PUC-CAMPINAS) O processo biológico da fermentação é utilizado na produção de bebidas e de certos alimentos. Substâncias liberadas durante esse processo e que são importantes para a fabricação de pão e de vinho são, respectivamente:

a) Álcool etílico e dióxido de carbono.

b) Dióxido de carbono e álcool etílico.

c) Dióxido de carbono e ácido acético.

d) Ácido acético e dióxido de carbono.

e) Ácido acético e álcool etílico.

16. (UNESP) Um pequeno agricultor construiu em sua propriedade uma estufa para cultivar alfaces pelo sistema de hidroponia, no qual as raízes são banhadas por uma solução aerada e com os nutrientes necessários ao desenvolvimento das plantas. Para obter plantas maiores e de crescimento mais rápido, o agricultor achou que poderia aumentar a eficiência fotossintética das plantas e para isso instalou em sua estufa equipamentos capazes de controlar a umidade e as concentrações de CO2 e de O2 na atmosfera ambiente, além de equipamentos para controlar a luminosidade e a temperatura. É correto afirmar que o equipamento para controle da:

a) Umidade relativa do ar é bastante útil, pois, em ambiente mais úmido, os estômatos permanecerão fechados por mais tempo, aumentando a eficiência fotossintética.

b) Temperatura é dispensável, pois, independentemente da temperatura ambiente, quanto maior a intensidade luminosa maior a eficiência fotossintética.

c) Concentração de CO2 é bastante útil, pois um aumento na concentração desse gás pode, até certo limite, aumentar a eficiência fotossintética.

d) Luminosidade é dispensável, pois, independentemente da intensidade luminosa, quanto maior a temperatura ambiente maior a eficiência fotossintética.

e) Concentração de O2 é bastante útil, pois quanto maior a concentração desse gás na atmosfera ambiente maior a eficiência fotossintética.

17. (UECE) A agricultura ou jardinagem em torres de garrafas PET é uma agricultura vertical ou técnica de jardinagem vertical. A Universidade Estadual do Ceará está desenvolvendo um projeto relativo a esse tipo de agricultura denominado “Horta Vertical Didática”. Para isso, os alunos bolsistas fazem parte de grupos de estudo com assuntos relacionados à construção da horta como o estudo da fotossíntese. Sobre a fotossíntese, é correto afirmar que:

a) É um processo passivo sem “gasto” de energia.

b) É um processo parcialmente dependente de luz solar.

c) A participação da enzima ribulose é fator determinante da fotossíntese.

d) O ciclo de produção de glicose, nesse processo, é denominado Ciclo de Krebs.

18. (URCA) A fotossíntese é um conjunto de reações químicas que ocorrem a nível citoplasmático no interior de conjuntos membranosos denominados cloroplastos. A respeito desse processo que é a base da vida no planeta Terra, todas as afirmações são corretas, exceto:

a) O CO2 não participa da fase de claro da fotossíntese.

b) Da água é retirado hidrogênio que posteriormente farão parte das moléculas de glicose produzidas.

c) A clorofila A é aceptora de elétrons na fase de claro e a clorofila B é aceptora na fase de escuro.

d) A ferridoxina é uma proteína aceptora de elétrons na fase de claro.

e) A glicose é formada na fase de escuro da fotossíntese.

19. (UniEvangélica-Anápolis) Leia o texto a seguir.

Fermentação é um processo de obtenção de energia em que substâncias orgânicas do alimento são degradadas parcialmente, originando moléculas orgânicas menores. A fermentação é utilizada por muitos fungos e bactérias. Células musculares humanas também podem produzir ATP por fermentação. Isso ocorre durante os primeiros estágios de um exercício extenuante, quando a exigência muscular é acentuada.

CAMPBELL, Neil. A. et al. Biologia. 8. ed. Porto Alegre: Artmed, 2010. p. 178.

O que leva à fermentação nas células musculares humanas é:

a) A produção de ATP pela fosforilação oxidativa.

b) A respiração aeróbica, em que as células utilizam oxigênio.

c) A produção de álcool etílico e gás carbônico.

d) O esgotamento do oxigênio do sangue no músculo.

20. (COVEST) Diversos fatores podem interferir na taxa de fotossíntese, alterando a velocidade com que ocorre o processo ou limitando-o. A figura abaixo apresenta curvas com a taxa de fotossíntese sob diferentes condições de luz, temperatura e concentração de CO2. Analise essas curvas para avaliar as proposições seguintes.

20

I   II

0  0 – A curva A se inclina em 500 lm/ft2 porque é limitada pela baixa temperatura.

1  1 – A curva B se inclina após 1000 lm/ft2 porque é limitada pela alta concentração de CO2.

2  2 – As curvas mostram que a luminosidade é, de fato, o único fator limitante para o processo de fotossíntese.

3 3 – As curvas mostram que temperatura, concentração de CO2 e luminosidade estão diretamente relacionadas com a fotossíntese.

4 4 – Nenhuma das três curvas pode representar a taxa de fotossíntese porque elas não apresentam o que, de fato, ocorre nas condições propostas.

gab

 

 

 

 

 

 

 

« Newer Posts - Older Posts »

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 579 outros seguidores