Publicado por: Djalma Santos | 29 de novembro de 2018

TESTES DE BOTÂNICA (25)

01. (PUC-GO) Use o texto a seguir, para responder esta questão.

O poente da bandeira

Aurorava. O sol dava as cinco. As sombras, neblinubladas, iam espertando na ensonação geral. No topo das árvores, frutificavam os pássaros. Toda madrugada confirma: nada, neste mundo, acontece num súbito. A claridade já muito espontava, como lagarta luzinhenta roendo o miolo da escuridão. As criaturas se vão recortando sob o fundo da inexistência. Neste tempo uterino o mundo é interino. O céu se vai azulando, permeolhável. Abril: sim, deve ser demasiado abril. Agora, que a aurora já entrou neste escrito, entremos nós no assunto.

Nesta manhã tão recente, uma criança vem caminhando. Quem é este menino que faz do mundo outro menino? Deixemos seu nome, esqueçamos seu lugar. Dele se engrandece apenas a avó: que o miúdo tem intimidades com o mundo de lá. De quando em quando, a criança lhe estende a faca e pede:

Me corte, avó!

Para sonhar o menino tinha que sangrar. A avó lhe cedia o jeito, habituada à lâmina como outras mães se acostumam ao pente. O sangue espontava e o mundo presenciava o futuro, tivesse a barriga prenhe do tempo encostada em seu ouvido. Ditos da velha, quem se fia?

Confirmado é que o menino segue por aquela manhã. Seus pés escolhem as pedras, nem precisam dos olhos para se guiarem. O miúdo passa no municipal edifício, o único da vila. Seu rosto se ergue para olhar a bandeira. O pano dança dentro do céu, como luz que se enruga. Um velho coqueiro sem copa serve de mastro. As cores do pano estão tão rasgadas que nada nele arco-irisca. Os olhos do miúdo pirilampejam de encontro à luz: é quando o golpe lhe tombou.

Deflagra-se-lhe a cabeça, extracraniana. A voz autoritarista do soldado lhe desce:

Você não viu a bandeira?

Tombado no carreiro, sobre as pedras que antes evitava, o menino olha as cimeiras paragens. Um coqueiro lhe traz lembranças litorais. Onde há uma palmeira sempre deve ser inventado um mar, eternas ondas morrendo. Agora, rebatido no repentino solo, o menino estranha ver tanto céu. A pergunta lhe vem pastosa: porquê o chão, tão debaixo dele? Outro golpe, a bota espessa lhe levando o rosto ao encosto da terra. Fica assim, pisado, sem outra visão que a da areia vermelha. Seu pensamento se desarruma. Palmeira, palma do mar, onde o azul espeta suas raízes. Pergunta-se, com as devidas vénias: e se içassem não a bandeira mas a terra?

Ceda-se o turno ao mundo. A voz lhe chega, baixada como um chicote:

Você, miúdo, não aprendeu respeitos com a bandeira?

Sente o sangue escorrendo, a bota do soldado ainda lhe dói uma última vez. Como pode saber ele os procedimentos exigidos pelo vigilante? Mas o soldado é totalmente militar: está só cumprindo ignorâncias, jurista de chumbo incapaz de distinguir um fora-da-lei de um da lei-de-fora. E o menino vai vislumbrando um outro caminho, tão sem pedrinhas que os pés nem tinham que escolher. Um caminho que dispensava toda bandeira. À medida que o soldado desfere mais violência, a bandeira parece perder as cores, a paisagem em redor esfria e a luz tomba de joelhos. É, então.

Sucede coisa que nem nunca nem jamais: a bandeira, em inesperado impulso, se ergue em ave, nuamente atravessando nuvens. Fluvial, o pano migra para outros céus. No momento, se vê o quanto as bandeiras roubam aos azuis celestiais.

Mas o espanto apenas se estreou, aquilo era apenas o presságio. Porque, no sequente instante, a palmeira se despenha das suas alturas fulminando o soldado, em clarão de rasgar o mundo em dois. Sobem confusas poeiras, mas depois a palmeira se esclarece, tombada em assombro, junto aos corpos.

A árvore estava já morta, ainda houve o dito. Poucos criam. A crença estava com a avó, sua outra versão: o tronco se desmanchara, líquido, devido à morte daquela criança. Vingança contra as injustiças praticadas contra a vida. De se acreditar estavam apenas aquelas duas mortes, uma contra a outra. A palmeira sumiu mas para sempre ficara a sua ausência. Quem passe por aquele lugar escuta ainda o murmúrio das suas folhagens. A palmeira que não está conforta a sombra de um menino, sombra que persiste no sol de qualquer hora.

(COUTO, Mia. O poente da bandeira. In: ______. Estórias abensonhadas. 5. reimpr. São Paulo: Companhia das Letras, 2016. p. 53-56.)

O Texto acima menciona o coqueiro, palmeira frutífera, planta monocotiledônea bastante conhecida em todo o Brasil. Entre as alternativas apresentadas a seguir, marque a única que contém a classificação associada ao grupo das palmeiras:

a) Angiospermas, espermatófitas, embriófitas, traqueófitas.

b) Gimnospermas, criptógamas, espermatófitas, haplonte.

c) Angiospermas, fanerógamas, esporofíticas, avasculares.

d) Gimnospermas, fanerógamas, espermatófitas, traqueófitas.

02. (UNIVAG) A figura representa o corte transversal de uma folha.

A principal estrutura envolvida diretamente no controle da condução da seiva inorgânica é a indicada por:

a) 5.

b) 2.

c) 1.

d) 3.

e) 4.

03. (FATEC) A filogenia a seguir representa as relações evolutivas entre os principais grupos de plantas (reino Plantae) e as algas verdes.

Com base nas informações apresentadas na figura, é correto afirmar que:

a) As gimnospermas são evolutivamente mais próximas das angiospermas que das briófitas.

b) As flores e os frutos teriam se originado no ancestral comum das espermatófitas.

c) A presença de parede celular é uma característica exclusiva das plantas.

d) As angiospermas correspondem ao único grupo a apresentar sementes.

e) Todas as plantas apresentam vasos condutores de seiva.

04. (IFSuldeMinas) Durante uma aula de biologia, os alunos do IFSULDEMINAS coletaram vários exemplares de organismos. Chegando ao laboratório de botânica, numeraram os tipos de organismos, classificando-os segundo algumas características marcantes.

1. Cianobactérias

2. Algas

3. Fungos

4. Liquens

5. Musgos (com estrutura de reprodução)

6. Samambaia (com estrutura de reprodução)

7. Pinheiro (com estrutura de reprodução)

8. Ipê-amarelo

No quadro abaixo, a alternativa que mostra a classificação correta desses organismos é:

05. (UECE) Considerando as raízes das angiospermas, assinale a opção que apresenta corretamente os tipos de raiz correspondentes às seguintes descrições:

I. Atua como órgão de reserva de alimento, que, nas plantas, se encontra na forma de amido.

II. Seu eixo principal é subterrâneo e profundo, possuindo ramificações que garantem a fixação da planta no solo.

III. Comum em plantas aéreas, busca envolver a planta hospedeira, comprometendo a circulação da seiva.

IV. Os ramos radiculares são fundidos ao caule e são importantes na fixação da planta no solo.

A sequência correta é:

a) I. catáfilo; II. pneumatóforo; III. estrangulante; IV. escora.

b) I. catáfilo; II. sugadora; III. fasciculada, IV. tabular.

c) I. tuberosa; II. pivotante; III. estrangulante; IV. tabular.

d) I. tuberosa; II. axial; III. rizoide; IV. escora.

06. (UEFS) A luz e a temperatura são fatores abióticos que regulam mecanismos fisiológicos nas plantas. A tabela mostra a influência desses fatores na germinação das sementes e na floração de uma gramínea.

A gramínea em questão é classificada como:

a) planta de dia-longo, com sementes fotoblásticas positivas que necessitam de vernalização.

b) planta de dia-longo, com sementes fotoblásticas negativas que não necessitam de vernalização.

c) planta de dia-curto, com sementes fotoblásticas negativas que necessitam de vernalização.

d) planta de dia-curto, com sementes fotoblásticas positivas que necessitam de vernalização.

e) planta de dia-curto, com sementes fotoblásticas negativas que não necessitam de vernalização.

07. (FPS) As plantas foram os primeiros organismos a colonizar a terra firme, apresentam ciclos de vida com alternância de geração e diversidade de estruturas. Acerca desses organismos, assinale a alternativa incorreta.

a) Nas Briófitas, o gametófito representa a fase dominante.

b) Nas Pteridófitas, o esporófito representa a fase dominante.

c) O gineceu representa um conjunto de estames.

d) Corola representa um conjunto de pétalas.

e) Cálice representa um conjunto de sépalas.

08. (IFTO) É uma novidade evolutiva (característica derivada) compartilhada pelos organismos do Reino Plantae:

a) Embrião.

b) Vasos.

c) Semente.

d) Flor.

e) Fruto.

09. (IFNMG) O cerrado é formado por uma fitofisionomia característica, com árvores baixas, troncos tortuosos e adaptações ao estresse hídrico. Com relação a essa formação vegetal, pode-se afirmar que:

a) apresenta vegetação herbácea predominante com arbustos e árvores espaçadas, raízes profundas e folhas latifoliadas.

b) o solo do cerrado é rico em nutrientes, possibilitando a plenitude do seu desenvolvimento no período chuvoso.

c) a deciduidade das folhas e raízes profundas são adaptações ao déficit hídrico e o escleromorfismo oligotrófico é a principal causa da tortuosidade das plantas.

d) trata-se do maior bioma brasileiro que historicamente sofre com degradação antrópica através da expansão agropecuária, resumindo-se atualmente a pequenos fragmentos.

10. (UFG) Considerando apenas o tipo de reprodução dos vegetais, sem a influência de fatores ambientais, a que proporciona maior variabilidade genética é a reprodução:

a) sexual autogâmica.

b) sexual alogâmica.

c) assexual por brotação natural.

d) assexual por cultura de tecidos.

11. (UEG) Durante a aula de Biologia, o professor propôs a realização de um experimento. Os estudantes deveriam cortar ao meio uma garrafa de refrigerante (do tipo PET), despejar no fundo da garrafa uma camada fina de cascalho, depois outra de areia, outra de carvão vegetal em pó e, por último, outra de terra vegetal. Em seguida, deveriam umedecer a terra e plantar mudas de alguma planta herbácea. Ao final, deveriam unir de volta as duas partes da garrafa com fita adesiva, conforme mostrado na figura a seguir, mantendo a garrafa completamente fechada e sob iluminação natural.

Os estudantes, então, levantaram diferentes hipóteses sobre o que aconteceria com a planta depois de quatro semanas, mas a única que explica corretamente o que eles encontraram é:

a) a planta morreu, porque a garrafa fechada não permitiu a entrada de oxigênio, necessário para sua respiração.

b) a planta morreu porque a garrafa fechada não possibilitou a entrada de gás carbônico, necessário para a fotossíntese.

c) a planta morreu por falta de água, necessária para o seu metabolismo hídrico, já que a garrafa foi mantida completamente fechada.

d) a planta sobreviveu, já que tanto o oxigênio, o gás carbônico e a água eram reciclados ao longo do metabolismo da planta, pelo fato de a garrafa ter sido mantida completamente fechada.

e) a planta sobreviveu, pois, em um ambiente fechado, ela não necessita de oxigênio, já que não faz respiração e retira do solo todos os elementos necessários ao seu metabolismo.

12. (Alberteinstein)Um pesquisador aplicou uma solução de auxina em pistilos de uma planta e, em seguida, as flores dessa planta foram protegidas para evitar a ação de agentes polinizadores. Depois de certo tempo, obtiveram-se frutos simples, quanto à origem carpelar, porém sem sementes. A planta em questão:

a) é uma angiosperma, e o processo observado é a partenocarpia artificial, no qual a auxina promoveu o crescimento do ovário.

b) é uma angiosperma, e o processo observado é o da formação de pseudofrutos, no qual a auxina promoveu o crescimento de outras partes da flor, além do pistilo.

c) pode ser uma gimnosperma ou uma angiosperma, e o processo observado é a partenocarpia artificial, no qual a auxina promoveu o desenvolvimento do ovário.

d) pode ser uma gimnosperma ou uma angiosperma, e o processo observado é o da formação de pseudofrutos, no qual a auxina promoveu o crescimento de outras partes da flor, além do pistilo.

13. (IFMT) Baseando-se na definição da figura abaixo, qual vegetal abaixo pode-se encaixar no grupo das plantas avasculares?

a) Samambaias.

b) Cajueiro.

c) Pinheiro.

d) Coqueiro.

e) Musgos.

14. (UECE) No Brasil, país de clima tropical, as frutas se deterioram com muita facilidade. Na distribuição desses alimentos pelo país, os carros frigoríficos são essenciais para que os frutos não amadureçam durante o transporte a longas distâncias, porque baixas temperaturas garantem a:

a) aceleração da respiração.

b) interrupção do processo fotossintético.

c) inibição da decomposição de clorofila.

d) inibição da síntese do gás etileno.

15. (FUNDAÇÃO UnirG) A polinização de plantas é um processo essencial para a manutenção de populações no ambiente natural e pode ocorrer através de vários agentes. A polinização realizada por morcegos é conhecida como (marque abaixo a alternativa correta):

a) Anemofilia.

b) Entomofilia.

c) Quiropterofilia.

d) Ornitofilia.

16. (IFNMG) As samambaias pertencem a um filo vegetal que apresenta cutícula impermeabilizante nas folhas o que torna esse tipo de planta mais resistente a ambientes secos, já que a cutícula diminui a transpiração foliar. Entretanto, essas plantas ainda dependem diretamente da água para reprodução o que as restringe no ambiente natural a viverem próximo de cursos d’água, pois necessitam da umidade para liberação de gametas.

Em relação às samambaias e ao seu processo reprodutivo evidenciado na figura acima, assinale a alternativa correta:

a) apresentam esporófito duradouro com soros (estruturas reprodutivas) haploides.

b) são plantas traqueófitas, com gametófito monoico que necessita de elevada umidade para realizar autofecundação.

c) apresentam vasos condutores e gametófito diploide responsável pela produção de gametas masculinos e femininos.

d) não apresentam flor e nem fruto, e anatomicamente apresentam o rizoma que se caracteriza por ser uma raiz com crescimento horizontal.

17. (URCA) Foi anunciada, na sede do Geopark Araripe, mais uma descoberta paleontológica inédita. Um achado fóssil inédito de 120 milhões de anos. Uma planta do Período Cretáceo conhecida popularmente como Japecanga, da família da Smilacaceae. O nome dado é uma homenagem ao professor Jackson Antero (in Memoriam), Cratosmilax jacksoni. Smilacaceae é uma família de plantas monocotiledôneas basais que ocorrem em todos os continentes e está relacionada à origem de plantas com flores (Diário do Nordeste, 22/01/2015).

Fóssil de Cratosmilax jacksoni

A respeito dessa divisão de plantas, as Monocotiledôneas, é incorreto afirmar:

a) Nesse grupo existem plantas com nós e entrenós, no caule.

b) Existe nesse grupo, plantas que se reproduzem por outro meio que não seja semente.

c) Geralmente as flores tem base trímera.

d) Geralmente as folhas são paralelinérveas.

e) As sementes possuem dois cotilédones.

18. Analise a frase abaixo:
A eliminação de água no estado líquido pelos vegetais ocorre através dos __________ e é conhecida pelo nome de ______________ ou _______________. A alternativa que completa adequadamente os espaços é:

a) Hidatódios – Sudação ou Transpiração.

b) Nectários – Sudação ou Exsudação.

c) Hidatódios – Gutação ou Sudação.

d) Lenticelas – Respiração ou Transpiração

e) Estômatos Aquíferos – Excreção ou Exsudação.

19. (UFV) Observe o esquema abaixo:

(Fonte: CAMPBELL, N.D.; REECE, J.B. Biology. San Francisco, CA:

The Benjamin/Cummings Publishing Company, 2004, p. 597.)

Sobre o ciclo de vida de um pinheiro, é incorreto afirmar:

a) O gameta feminino é chamado oosfera e é produzido, por meiose, no interior do gametófito feminino.

b) O grão de pólen é o gametófito masculino e é produzido, por mitose, a partir do micrósporo.

c) Os óvulos 2n, presentes nos estróbilos ovulados, são compostos por megasporângios e tegumentos.

d) Os estróbilos microsporangiados apresentam microsporângios que, por meiose, produzem micrósporos.

20. (UNIOESTE) O esquema abaixo representa a evolução dos vegetais.

Baseado no esquema acima, é correto afirmar que:

01. 1, 2, 3, 4 e 5 são, respectivamente, clorofíceas, briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiospermas.

02. a pode representar a presença de clorofilas a e b.

04. b pode representar o surgimento do tecido vascular.

08. c pode representar o surgimento do arquegônio e do anterídio.

16. d pode representar o surgimento da raiz.

32. e pode representar o surgimento da semente.

64. 1, 2 e 3 são criptógamas; 4 e 5 são fanerógamas.

Soma das alternativas corretas:

Anúncios
Publicado por: Djalma Santos | 25 de outubro de 2018

TESTES DE BOTÂNICA (24)

01. (UniTau) Os frutos surgem, em geral, após a fecundação e pela liberação de hormônios pelos embriões, quando estão em desenvolvimento. A palavra “fruta” não é um termo botânico, é tão somente uma palavra usada popularmente para nomear as partes comestíveis, suculentas e adocicadas que se originam da flor, mas que nem sempre se desenvolveram do ovário. Desse modo, não é raro que se confunda fruto com fruta, como ocorre com o caju (Anacardium occidentale), em que, na verdade, o fruto é a castanha. De acordo com essas definições, assinale, dentre as alternativas, aquela que descreve corretamente a formação dos frutos verdadeiros.

a) Depois da polinização, o grão de pólen germina sobre o estigma, formando o tubo polínico. Na fecundação, o óvulo dá origem à semente, e ocorre a hipertrofia do ovário, que se transforma em fruto.

b) O carpelo amadurece antes do estame, dando origem aos tubos polínicos. Após a fecundação, o óvulo dá origem à semente, formando o fruto a partir de partes suculentas da flor.

c) Depois da fecundação, o grão de pólen germina no estame, formando o saco embrionário. Na polinização, três carpelos se unem, formando a semente e ocorrendo a hipertrofia do ovário, gerando o fruto.

d) Resultam da epiderme do ovário, a partir do saco embrionário, que apresenta carpelos independentes e que se unem para formar o ovário e o receptáculo floral, que se hipertrofia para formar o fruto.

e) Resultam do desenvolvimento de pelos suculentos do endocarpo, quando, após a fecundação, se desenvolvem a partir do pedúnculo de uma única flor.

02. (IFSuldeMinas) De acordo com o Prof. M. Marangon, em “Estabilidade de taludes”.

Disponível em: <http://www.ufjf.br/nugeo/files/2009/11/togot_Unid04EstabilidadeTaludes01.pdf&gt;. Acesso em: 03 set.2017.

“Nos projetos de estabilização dos taludes é fundamental atuar sobre os mecanismos instabilizadores. Assim, sufocando a causa com obras ou soluções de alto efeito … os efeitos da erosão podem ser combatidos com a proteção vegetal…”

Algumas plantas, por suas características morfológicas, são mais apropriadas para conter a erosão do solo em taludes, encostas de morros e beiras de estradas. Entre tais plantas costuma-se usar principalmente espécies de angiospermas monocotiledôneas, do grupo das gramíneas, atualmente família Poaceae. As características abaixo normalmente são presentes numa monocotiledônea, exceto:

a) flores geralmente tetrâmeras ou pentâmeras.

b) sementes com um cotilédone.

c) nervuras geralmente paralelas.

d) folhas com bainha.

03. (FIT) O mecanismo de transporte de seiva bruta nos vegetais de grande porte depende, em menor escala, da capilaridade que existe nos vasos xilemáticos e da pressão promovida pela raiz durante a absorção de água e nutrientes do solo. Porém, a principal força responsável pela ascensão da água até a copa das árvores é decorrente:

a) da difusão facilitada que ocorre nas células estomáticas durante seu processo de fechamento do ostíolo.

b) do bombeamento de íons potássio, com gasto de energia, para fora das células estomáticas.

c) da difusão simples de gás carbônico para dentro da câmara estomática quando existe luminosidade.

d) do metabolismo dos cloroplastos das células estomáticas, quando abastecidos de água, gás oxigênio e luz.

e) da perda de vapor d’água através do ostíolo quando o suprimento hídrico e luminoso é suficiente.

04. (IFNMG) As samambaias pertencem a um filo vegetal que apresenta cutícula impermeabilizante nas folhas o que torna esse tipo de planta mais resistente a ambientes secos, já que a cutícula diminui a transpiração foliar. Entretanto, essas plantas ainda dependem diretamente da água para reprodução o que as restringe no ambiente natural a viverem próximo de cursos d’água, pois necessitam da umidade para liberação de gametas.

CICLO REPRODUTIVO DAS SAMAMBAIAS

Disponível em: <http://www.sobiologia.com.br/conteudos/Reinos4/pteridofitas.php&gt;.

Acesso em: 02 set. 2016

Em relação às samambaias e ao seu processo reprodutivo evidenciado na figura, assinale a alternativa correta:

a) apresentam esporófito duradouro com soros (estruturas reprodutivas) haploides.

b) são plantas traqueófitas, com gametófito monoico que necessita de elevada umidade para realizar autofecundação.

c) apresentam vasos condutores e gametófito diploide responsável pela produção de gametas masculinos e femininos.

d) não apresentam flor e nem fruto, e anatomicamente apresentam o rizoma que se caracteriza por ser uma raiz com crescimento horizontal.

05. (UFRGS) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas do enunciado abaixo, na ordem em que aparecem. As plantas necessitam de nutrientes minerais, constituídos de diferentes elementos químicos, os quais são retirados do solo através das raízes. Macroelementos como o ……. são necessários em maiores quantidades. Já elementos como o …… são necessários em menores quantidades.

a) nitrogênio – cobre

b) boro – manganês

c) fósforo – potássio

d) potássio – nitrogênio

e) cobre – fósforo

06. (FAMERP) Analise a ampliação de uma imagem em escala microscópica.

(www.microscopy-uk.org.uk)

Observa-se na imagem parte do tecido proveniente de uma árvore do grupo angiosperma, contendo duas estruturas em evidência. Em uma árvore adulta, tais estruturas são encontradas:

a) principalmente nas folhas, e sua função é realizar a transpiração.

b) principalmente no caule, e sua função é reter a água.

c) principalmente na raiz e no caule, e sua função é secretar hormônios.

d) na região pilífera da raiz, e sua função é realizar a absorção de água e sais.

e) em toda a árvore, e sua função é realizar as trocas gasosas.

07. (FCMSCSP) Um anel de casca foi retirado do ramo de uma árvore. No decorrer de algumas semanas, houve enraizamento em uma das bordas do anel desse ramo.

O enraizamento do ramo ocorreu por:

a) acúmulo de seiva orgânica e ação das auxinas.

b) excesso de seiva inorgânica e ação das citocininas.

c) diferenciação de células das gemas laterais.

d) indução por etileno liberado no local da injúria.

e) ativação do câmbio vascular devido à injúria.

08. (URCA) Analise a descrição abaixo:

“Grupo de plantas de pequeno porte, encontradas em locais úmidos e sombreados, que crescem no solo ou sobre os troncos das árvores. Há poucas espécies dulcícolas e nenhuma marinha. Este grupo de plantas apresenta rizoides e não possui vasos condutores”. Após a análise do texto, assinale a alternativa que apresenta o nome do grupo das plantas com as características apresentadas.

a) Pteridófitas.

b) Angiospermas.

c) Gimnospermas.

d) Dicotiledôneas.

e) Briófitas.

09. (UEM) Considerando os ciclos biogeoquímicos relacionados com o movimento de água, de gases e de elementos minerais no solo, na atmosfera e nas plantas angiospermas, onde participam de diferentes processos fisiológicos, assinale o que for correto.

01. A absorção de água e de elementos minerais ocorre na zona pilífera das raízes com “gasto” de energia metabólica.

02. A abertura e o fechamento dos estômatos são influenciados pela umidade do ar, pela luz e pelo teor de gás carbônico.

04. Além de luz, de gás carbônico e de água, elementos minerais, como magnésio, fósforo e nitrogênio, são necessários para a realização da fotossíntese.

08. Durante o dia, as plantas realizam a fotossíntese, e a respiração ocorre somente durante a noite, quando os estômatos estão fechados.

Soma das alternativas corretas:

10. (UERJ) O processo de dispersão de sementes é encontrado na maioria das espécies vegetais. Uma vantagem evolutiva decorrente desse processo é:

a) produção de flores vistosas.

b) conquista de novos ambientes.

c) desenvolvimento de frutos secos.

d) fecundação independente da água.

11. (IFSuldeMinas)

Estudo questiona capacidade das árvores de absorver gás carbônico

Estudo realizado na Austrália questiona as estimativas sobre a quantidade de dióxido de carbono (CO2) que árvores poderiam retirar da atmosfera. Segundo cientistas da Universidade da Western Sydney University, árvores não conseguem armazenar tanto dióxido de carbono (CO2) quanto se pensava. O estudo foi publicado na revista científica Nature Climate Change.

Adaptado de <http://www.bbc.com/portuguese/geral-39193615&gt;

O processo de armazenamento de dióxido de carbono questionado no texto ocorre pela:

a) transpiração das plantas.

b) respiração das plantas.

c) fotossíntese.

d) nitrificação.

12. (UECE) As folhas apresentam formas variadas resultantes das adaptações necessárias para que as plantas habitem ambientes diversos. Considerando a anatomia foliar das angiospermas, assinale a afirmação verdadeira.

a) As folhas das plantas xerófitas apresentam mais estômatos.

b) A epiderme é multiestratificada, ou seja, apresenta várias camadas de células para facilitar as trocas gasosas.

c) O mesófilo é preenchido pelo clorênquima, contém tecidos condutores, mas não possui tecidos de sustentação.

d) Os feixes condutores da folha, prolongamentos dos feixes da raiz, apresentam o xilema voltado para a face inferior da folha e o floema para a face superior.

13. (FIT) A climatização de bananas verdes é uma prática que objetiva a uniformização e aceleração do processo de maturação dos frutos recém-colhidos da lavoura. Para isso, as bananas são acondicionadas, por algumas horas, em câmaras fechadas com a presença de etileno. Com base nas informações descritas sobre a prática, assim como na fisiologia vegetal dos frutos, é correto afirmar que tal método está fundamentado na:

a) ação de um hormônio vegetal gasoso que catalisa reações bioquímicas nos tecidos vegetais dos frutos.

b) ação de enzimas reguladoras da segunda etapa (química) da fotossíntese, na qual os açúcares são sintetizados.

c) conversão da seiva bruta, essencialmente inorgânica, em seiva elaborada, essencialmente orgânica.

d) conversão da clorofila em carotenos a partir da inibição da primeira etapa (fotoquímica) da fotossíntese.

e) conversão do polissacarídeo celulose, presente na parede celular, nos monossacarídeos glicose e frutose.

14. (UESC) As gimnospermas são plantas vasculares, normalmente árvores, conhecidas principalmente por uma importante novidade evolutiva: as sementes, conferindo a elas independência dos corpos hídricos. As sementes possuem como função principal proteger e alimentar o embrião antes da germinação, por isso essa característica permitiu que essas plantas conseguissem dominar uma área muito maior que a das briófitas e pteridófitas, ou seja, a área terrestre. Essa estrutura reprodutiva é formada a partir do desenvolvimento do óvulo, sendo de extrema importância para o processo evolutivo e adaptativo. Marque a alternativa correta sobre a estrutura que permitiu essa independência da água.

a) Fruto.

b) Flores.

c) Sementes.

d) Grãos de pólen.

e) Gametas flagelados.

15. (UEFS) O aparecimento de diversas características adaptativas ao longo da evolução das plantas proporcionou as condições necessárias à vida no ambiente terrestre. Dentre as condições necessárias para a vida das plantas no ambiente terrestre, destaca-se a presença de:

a) rizoides e raízes, tubo polínico e formação de gametas.

b) cloroplastos, vacúolo com reserva de amido e vasos condutores.

c) flores, embrião protegido e reprodução sexuada.

d) clorofila, parede celular e reprodução com alternância de gerações.

e) epiderme impermeabilizada, estômatos e vasos condutores.

16. (UNIFOR)

Fonte: http://1.bp.blogspot.com/-cMqbMxXg2ps/TrBudyhr6RI/AAAAAAAAI30/79kzXRfWJw8/s1600/sequoia-gigante.jpg

Foram necessários mais de 200 anos para que os biologistas vegetais explicassem satisfatoriamente o transporte da água em plantas. Tanto nos girassóis quanto nas gimnospermas mais altas, como a sequoia da costa (Sequoia sempervirens; figura acima), com seus mais de 110 metros de altura, a água é eficazmente transportada. Considerando os mecanismos envolvidos no transporte de água e íons minerais nos vegetais, analise as afirmações a seguir:

I. O transporte do xilema é possível pelo bombeamento ativo, com “gasto” de energia, realizado pelas células vivas do caule, que empurram a seiva para cima.

II. O movimento da seiva é causado principalmente pelas raízes, no qual seus tecidos que exercem uma pressão (‘pressão de raiz’) que capta a água do solo e forçam a ascensão do líquido no xilema.

III. A transpiração – perda de vapor d’água nas folhas via estômatos – é o evento-chave para que ocorra o transporte de água no xilema.

IV. Ao invés de empurrar, as folhas puxam a seiva do xilema para cima auxiliadas pelas forças de tensão e de coesão da água.

Está correto apenas o que se afirma em:

a) I e II.

b) I e III.

c) III e IV.

d) I, II e IV.

e) II, III e IV.

17. (UFRN) Uma dona de casa resolveu pegar batatas-inglesas na geladeira para preparar um purê e reparou que, em algumas delas, desenvolveram-se gemas, conhecidas popularmente por “olhos”, conforme representado na figura abaixo.

Os olhos se desenvolveram na batata porque ela é um tipo de:

a) raiz, de onde irão brotar ramos, originando novo pé de batata.

b) caule subterrâneo.

c) rizoma, de onde irão se propagar de forma vegetativa.

d) bulbo horizontal.

18. (FCMSCSP) Em um experimento, o ramo de uma planta foi colocado em uma câmara selada e submetido à compressão por gás nitrogênio proveniente de um cilindro. O gás foi gradualmente injetado na câmara e pôde-se observar o momento em que a seiva começou a extravasar pela extremidade cortada do ramo.

O gás nitrogênio inserido na câmara tem por função:

a) simular a pressão da raiz que está ausente no experimento.

b) contrapor a pressão resultante da transpiração estomática.

c) intensificar o potencial osmótico das células do mesofilo.

d) aumentar o fluxo de seiva elaborada nos vasos do floema.

e) manter a coesão entre as moléculas de água nos vasos do xilema.

19. (URCA) As angiospermas possuem as estruturas reprodutivas mais complexas e eficientes do Reino vegetal. Uma flor completa possui estruturas masculinas e femininas reunidas. Qual a denominação botânica da estrutura apontada com uma interrogação na figura abaixo?

a) Perianto.

b) Estigma.

c) Antera.

d) Pedúnculo.

e) Filete.

20. (FPS) A atual classificação das plantas segue uma proposta cladística que as distribui em 12 Filos. Com base nessa proposta, analise as alternativas abaixo.

1. Nas traqueófitas, existe tecido bem diferenciado para o transporte de seiva bruta e elaborada.

2. As plantas avasculares estão distribuídas nos Filos Bryophyta, Hepatophyta e Sphenophyta.

3. As plantas vasculares sem sementes estão distribuídas nos Filos Psilotophyla, Sphenophyta e Cycadophyta.

4. As plantas vasculares com sementes protegidas estão distribuídas no Filo Magnoliophyta ou Anthophyta.

5. As plantas vasculares com sementes nuas são distribuídas nos Filos Coniferophyta, Cycadophyta, Anthocerophyta e Gnetophyla.

Estão corretas, apenas:

a) 1 e 4.

b) 2 e 4.

c) 3 e 5.

d) 1 e 3.

e) 2 e 5.

Publicado por: Djalma Santos | 14 de setembro de 2018

TESTES DE MEMBRANA E PERMEABILIDADE CELULAR (3)

01. (UCPel) O esquema abaixo representa os tipos de transporte pela membrana.

Podemos afirmar que no tipo de transporte indicado pelo número:

a) 2, moléculas e íons tendem a seguir o seu próprio gradiente e ir em direção à região onde estão menos concentrados. A intensidade do gradiente, temperatura, tamanho do soluto, carga e pressão influenciam nessa taxa de transporte.

b) 1, os transportadores passivos permitem que íons ou moléculas pequenas atravessem uma membrana até o lado onde são menos concentrados. Como exemplo temos a bomba de sódio e potássio.

c) 1, uma proteína bombeia um soluto ao longo de uma membrana, contra seu gradiente de concentração. O transportador deve ser ativado, normalmente por um aporte de energia do ATP. Como exemplo temos transportador de glicose.

d) 2, um soluto se vincula a uma proteína que o libera no lado oposto da membrana. Nenhuma energia é necessária; o movimento líquido de soluto é para abaixo de seu gradiente de concentração.

e) 2, os transportadores ativos bombeiam íons ou moléculas através de membranas para o lado onde são mais concentrados. Exigem entrada de energia como do ATP.

02. (UERJ) A composição assimétrica da membrana plasmática possibilita alguns processos fundamentais para o funcionamento celular. Um processo associado diretamente à estrutura assimétrica da membrana plasmática é:

a) síntese de proteínas.

b) armazenamento de glicídios.

c) transporte seletivo de substâncias.

d) transcrição da informação genética.

03. (FCMSCSP) O gráfico apresenta a variação do volume de glóbulos vermelhos no sangue quando imersos em soluções isotônica, hipotônica e hipertônica, não necessariamente nesta ordem.

No gráfico, as soluções isotônica, hipotônica e hipertônica são, respectivamente, as soluções:

a) 1, 2 e 3.

b) 2, 1 e 3.

c) 1, 3 e 2.

d) 2, 3 e 1.

e) 3, 1 e 2.

04. (UECE) Por definição, é correto dizer que plasmólise corresponde à:

a) destruição da parede celular na célula vegetal, pela deficiência hídrica em condições adversas.

b) separação da membrana plasmática da parede celular, pela perda de água em meios hipertônicos.

c) entrada de substâncias pela membrana plasmática como resposta à elevada concentração do meio no qual a célula está inserida.

d) ruptura da membrana celular pelo ataque de patógenos que se instalam no interior da célula vegetal.

05. (UEPG) A figura abaixo trata-se de uma representação esquemática da passagem de partículas de soluto através da membrana plasmática. Sobre o assunto, assinale o que for correto.

01. O transporte ativo, representado em D, ocorre através da membrana plasmática, com “gasto” de energia, ou seja, ocorre contra o gradiente de concentração.

02. Em A, B e C podemos observar exemplos de transporte pela membrana plasmática sem “gasto” de energia, tendendo a igualar a concentração da célula com a do meio externo, ou seja, acontece a favor do gradiente de concentração.

04. Em C, está representada a difusão facilitada. Neste processo, algumas proteínas da membrana, ou permeases, atuam facilitando a passagem de certas substâncias. Podemos citar, como exemplo, o transporte de glicose em células do fígado.

08. A difusão facilitada corresponde ao movimento de partículas de onde elas estão menos concentradas para uma região de maior concentração, como demostrado por D. Neste tipo de transporte, faz-se uso de energia para passagem de substâncias do meio intracelular (hipotônico) para o meio extracelular (hipertônico).

16. Na osmose, representada em A, partículas, íons e proteínas podem atravessar a membrana por simples difusão, com o objetivo da manutenção das concentrações em equilíbrio entre os meios intra e extracelular.

Soma das alternativas corretas:

06. (IFNMG) O processo de transporte através das membranas celulares é de fundamental importância para o funcionamento do metabolismo celular, já que possibilita a entrada e a saída de água, nutrientes e metabólitos residuais, proporcionando à célula um microambiente favorável para as ações catalíticas e síntese de biomoléculas.

Sobre o processo de transporte através de membranas celulares, de acordo com a figura, é correto afirmar que:

a) a osmose ocorrerá no sentido A para B com a passagem da glicose e no sentido inverso com a passagem de água.

b) ambos os processos, tanto a difusão como a osmose, acontecem de maneira independente uma da outra, sendo necessário apenas que haja diferença de concentrações nos meios.

c) a osmose é um processo passivo cuja passagem é apenas de água do meio hipotônico para o meio hipertônico, tendo como função a regulação dos níveis de água no meio intra e extracelular.

d) na figura, as moléculas de glicose tendem a passar do lado B para o lado A através de difusão, processo ativo que se fundamenta na passagem de soluto do meio hipertônico para o meio hipotônico.

07. (UNIFOR) O transporte de material através da membrana plasmática é essencial para vida de uma célula. Determinadas substâncias devem se mover para dentro da célula para permitir que ocorram reações metabólicas, enquanto outras que foram produzidas pela célula para exportação ou como subprodutos metabólicos devem se mover para fora dela. Nesse contexto, avalie as afirmações que se seguem:

I. Nos processos passivos, uma substância se move contra seu gradiente de concentração ou elétrico para atravessar a membrana, utilizando sua própria energia cinética.

II. A difusão simples é um processo no qual substâncias se movem livremente através da bicamada lipídica das membranas plasmáticas celulares, sem a ajuda de proteínas transportadoras.

III. No transporte ativo primário, a energia derivada da hidrólise do ATP é utilizada por uma proteína carreadora que “bombeia” uma substância através da membrana plasmática contra seu gradiente de concentração.

IV. No transporte ativo secundário, a energia armazenada em um gradiente de concentração de Na+ ou de H+ é utilizada para direcionar outras substâncias através da membrana contra seus próprios gradientes de concentração.

É correto apenas o que se afirma em:

a) I e II.

b) I e III.

c) II e IV.

d) I, III e IV.

e) II, III e IV.

08. (FPS) A membrana plasmática permite que a célula troque substâncias com o meio que a envolve, controlando a entrada e a saída dessas substâncias, podendo, também, formar bolsas para o englobamento de partículas. Certas substâncias podem atravessar a membrana com ou sem gasto de energia. Quanto a esses transportes, assinale com V as afirmativas verdadeiras e com F as falsas.

( ) Na difusão simples, o transporte de substâncias ocorre da região em que as partículas estão mais concentradas para as regiões de menor concentração.

( ) A entrada do gás oxigênio, presente na corrente sanguínea em nossas células, ocorre por osmose.

( ) A difusão do gás carbônico das células para a corrente sanguínea ocorre por difusão simples.

( ) Proteínas presentes na membrana plasmática regulam os níveis de sódio e potássio no meio intra e extracelular, despendendo energia.

( ) O englobamento de uma bactéria infecciosa por certos tipos de glóbulos brancos ocorre pelo processo de pinocitose.

A sequência correta, de cima para baixo, é:

a) F, V, F, F, V.

b) V, V, F, V, F.

c) V, F, V, F, F.

d) F, F, V, F, V.

e) V, F, V, V, F.

09. (FAAP-SP) Alguns protozoários de água doce apresentam uma concentração de solutos em seu interior muito maior que do meio exterior. Devido a essa concentração maior, a água entra com muita facilidade para o interior da célula desses protozoários. Com a entrada constante de água para a célula, esperava-se que os protozoários arrebentassem as suas membranas. Isso não ocorre devido a:

a) Resistência da membrana plasmática dos protozoários, que apresenta dupla camada lipídica.

b) Presença de vacúolos pulsáteis ou contráteis que bombeiam o excesso de água constantemente para fora da célula.

c) Presença de solutos que se combinam com a água, reduzindo o volume do citoplasma.

d) Presença de proteínas controladoras que não permitem a entrada de água em excesso.

e) Presença de parede celular típica dos vegetais superiores.

10. (UPE) A membrana plasmática fornece individualidade à célula, definindo e estabelecendo elos entre os meios intra e extracelular. A partir da membrana plasmática, a primeira célula adquiriu identidade. Em relação a esse envoltório celular, podemos afirmar:

I. Os componentes básicos de sua estrutura são fosfolipídios e proteínas. As proteínas, de acordo com a função que desempenham, constituem: canais de proteína, proteínas carregadoras, proteínas receptoras e proteínas de reconhecimento.

II. As células bacterianas não apresentam membrana plasmática. Seu revestimento externo é constituído de glicoproteínas, conhecido como glicocálix ou parede bacteriana.

III. A bomba de sódio e potássio é um mecanismo de transporte por difusão passiva, através da membrana, em que se mantém maior concentração de sódio no interior da célula e de potássio fora dela.

IV. Potencial de membrana é a diferença de potencial elétrico entre seus lados interno e externo. Normalmente, a superfície extracelular tem potencial positivo em relação ao interior, e essa diferença é mantida graças à bomba de sódio e potássio.

V. Na fagocitose, a membrana envolve o material a ser englobado. No combate a infecções em nosso organismo, os macrófagos agem através da fagocitose como também no processo de involução uterina pós-parto.

Assinale a alternativa correta.

a) Apenas I, II e V.

b) Apenas II, III e IV.

c) Apenas I, IV e V.

d) Apenas I, II e IV.

e) Apenas III, IV e V.

11. (IFRR) A membrana plasmática é composta por fosfolipídios organizados como uma camada dupla contínua e fluida, cujo interior é hidrofóbico e exterior hidrofílico. Nessa bicamada lipídica se inserem proteínas e outras moléculas que desempenham diversas funções na célula. Essa estrutura e a composição da membrana permitem que a célula mantenha um ambiente interno relativamente constante, uma vez que a difusão de moléculas através da membrana depende da afinidade dessas moléculas pelo interior hidrofóbico da bicamada. Com relação à passagem de moléculas através da membrana plasmática é incorreto afirmar que:

a) A bicamada de fosfolipídios é relativamente impermeável à passagem da maioria das moléculas solúveis em água, devido ao seu interior hidrofóbico.

b) A membrana plasmática impede a entrada de moléculas nocivas no interior da célula, devido à sua permeabilidade seletiva.

c) A composição da membrana plasmática permite que a célula mantenha concentrações de solutos no seu interior (citosol) diferentes daquelas do fluido extracelular.

d) O transporte ativo de íons e moléculas com carga através da membrana é realizado por proteínas que transferem esses íons e moléculas de uma região menos concentrada para uma região de maior concentração.

e) Gases como O2, CO2 e N2 e moléculas lipossolúveis, como hormônios esteróides, difundem-se passivamente através da bicamada lipídica, sem gasto de energia.

12. (UNIVAG) Em um experimento, a fusão de uma célula de camundongo com uma célula humana originou uma célula híbrida. Para visualizar as proteínas presentes nas membranas plasmáticas das células iniciais foram empregados dois anticorpos com marcadores fluorescentes: a fluoresceína e a rodamina, que se ligam, respectivamente, às proteínas humanas e de camundongos. A célula híbrida foi incubada a 37ºC e o posicionamento espacial das proteínas foi monitorado por 40 minutos após a fusão.

O resultado desse experimento indica que a membrana plasmática é:

a) semipermeável.

b) fluida.

c) fosfolipídica.

d) seletiva.

e) regenerativa.

13. (FACTO) Certas celulas em cultivo, cuja membrana plasmática é impermeável a íons, foram colocadas em soluções aquosas (O, P e Q) que contém diferentes concentrações de NaCl (sal comum). Durante 1 hora foram registrados os efeitos dos diferentes meios sobre o volume celular e os resultados obtidos estão apresentados no gráfico abaixo.

Analise atentamente o gráfico e leia as proposições.

I. A mudança observada em O e Q se explica principalmente pela passagem do solvente através da membrana (osmose).

II. O efeito que produz a solução P pode ser explicada em função do meio extra e intracelular apresentar a mesma concentração de soluto e solvente.

III. O efeito que produz a solução Q se explica por que esta solução apresenta uma menor concentração de solutos que o meio intracelular.

De acordo com as informações do gráfico está(ao) correta(s):

a) Somente I.

b) Somente II.

c) Somente III.

d) Somente I e II.

e) I, II e III.

14. (UNICENTRO) A ilustração abaixo representa o intestino delgado e destaca uma célula epitelial com os transportes envolvidos no trânsito da glicose (GL) da luz intestinal para a corrente sanguínea.

 

O epitélio é um tecido que reveste ou recobre as superfícies do corpo, como no caso do intestino, e tem como característica:

a) Ser formado por células indiferenciadas e com baixa taxa de mitose.

b) Possuir pouca coesão entre suas células para permitir flexibilidade.

c) Apresentar grande quantidade de matriz extracelular entre suas células.

d) Apresentar polarização estrutural que se reflete numa polarização funcional.

e) ser irrigado, direta e abundantemente, por vasos sanguíneos e linfáticos.

15. (UEPG) De constituição lipoproteica, a membrana plasmática é o envoltório celular presente em todos os tipos de células, selecionando o que entra e sai dela. Considerando-se as propriedades das membranas celulares, assinale o que for correto.

01. Projeções da membrana plasmática para o interior da célula originaram o retículo endoplasmático granuloso, organela celular responsável pela respiração celular.

02. Por meio de transporte ativo (com consumo de ATP), proteínas presentes na membrana plasmática funcionam como bombas de íons para manter as concentrações adequadas de sódio e potássio nas células.

04. Durante o processo de exocitose, a membrana plasmática projeta pseudópodes, os quais capturam a partícula a ser internalizada na célula, a qual pode ser digerida pelos centríolos.

08. Caso uma célula animal seja mergulhada em água pura, ela absorverá água por osmose e inchará até estourar. Já uma célula vegetal, em meio hipotônico, também absorverá água por osmose, mas não corre o risco de estourar por causa de sua parede celulósica.

Soma das alternativas corretas: (02 – 08)

16. (IFRR) Ao longo do processo evolutivo, os animais desenvolveram diversos mecanismos para regular o processo osmótico a que estão sujeitos. Esses mecanismos constituem o que se denomina osmorregulação. Os peixes teleósteos marinhos vivem em um ambiente hipertônico e estão em constante risco de perder água para o meio e, por isso, apresentam os mecanismos de osmorregulação bem desenvolvidos. Sobre esses mecanismos nos teleósteos é correto afirmar que:

a) a concentração de sais em seus fluidos corpóreos permite que o sangue se mantenha isotônico em relação à água do mar.

b) o baixo nível de solutos no sangue diminui os problemas de regulação osmótica, pois reduz a saída de água por osmose.

c) a ingestão de água do mar e o transporte ativo de sais pelas brânquias compensam a perda osmótica de água para o meio.

d) a produção de urina diluída, produzida em grandes quantidades, garante que os problemas de regulação osmótica sejam resolvidos.

e) a absorção de sais através de suas escamas permeáveis se constitui em um mecanismo eficiente para garantir a osmorregulação dessas espécies.

17. (UEA) A figura ilustra duas células vegetais plasmolisadas. As estruturas X e Y são envoltórios celulares.

Para que ocorra a plasmólise celular é necessário que:

a) X e Y sejam permeáveis e o meio externo seja isotônico em relação ao meio interno.

b) X seja semipermeável, Y seja permeável e o meio externo seja hipertônico em relação ao meio interno.

c) X e Y sejam semipermeáveis e o meio externo seja isotônico em relação ao meio interno.

d) X seja permeável, Y seja semipermeável e o meio externo seja hipotônico em relação ao meio interno.

e) X e Y sejam semipermeáveis e o meio externo seja hipotônico em relação ao meio interno.

18. (UFPR) A bomba de sódio-potássio:

1. é caracterizada pelo transporte de íons potássio de um meio onde se encontram em menor concentração para outro, onde estão em maior concentração.

2. é uma forma de transporte passivo, fundamental para igualar as concentrações de sódio e potássio nos meios extra e intracelular.

3. está relacionada a processos de contração muscular e condução dos impulsos nervosos.

4. é fundamental para manter a concentração de potássio no meio intracelular mais baixa do que no meio extracelular.

5. é uma forma de difusão facilitada importante para o controle da concentração de sódio e potássio no interior da célula.

Assinale a alternativa correta.

a) Somente as afirmativas 1 e 3 são verdadeiras.

b) Somente as afirmativas 1 e 4 são verdadeiras.

c) Somente as afirmativas 2 e 5 são verdadeiras.

d) Somente as afirmativas 1, 3 e 4 são verdadeiras.

e) Somente as afirmativas 2, 3 e 5 são verdadeiras.

19. (UVV) Ao se observar um tecido ao microscópio, é possível constatar que as células desse tecido são separadas por envoltórios que permitem trocas de substâncias com o meio externo. Esse envoltório é a membrana plasmática, que se apresenta fluida e muito delicada. A evolução propiciou modificações na superfície da célula, resultando em maior resistência da membrana sem, entretanto, interferir na permeabilidade. Considere seus conhecimentos sobre o assunto e assinale a afirmativa correta:

a) O glicocálice é um envoltório presente em todas as células vegetais e protistas.

b) O glicocálice é formado por uma camada frouxa de glicídios, associados aos lipídeos e às proteínas da membrana.

c) A parede celular, por sua vez, é estrutura menos rígida do que o glicocálice e é encontrada somente nas células vegetais e cianobactérias.

d) Em alguns vegetais, é possível reconhecer a presença de um único envoltório celular, a cápsula, cuja composição varia de acordo com a espécie vegetal.

e) A parede celular de um organismo jovem é muito fina e é denominada de parede celular secundária, cuja constituição é caracterizada por grandes depósitos de celulose.

20. (UEA) Observe a figura de uma biomembrana.

(Luis Carlos Junqueira e José Carneiro.

Biologia celular emolecular, 2013. Adaptado.)

De acordo com a composição dessa biomembrana, é correto afirmar que há:

a) moléculas de proteína inseridas na dupla camada de fosfolipídios.

b) moléculas de celulose inseridas na dupla camada de proteínas.

c) moléculas de lipídio inseridas na dupla camada de celuloses.

d) moléculas de fosfolipídio inseridas na dupla camada de carboidratos.

e) moléculas de glicogênio inseridas na dupla camada de lipídios.

 

 

Publicado por: Djalma Santos | 10 de agosto de 2018

TESTES DE CITOLOGIA (16)

01. (ACAFE) O conhecimento básico a respeito das células nos ajuda a compreender a origem das doenças, a buscar alternativas de novos medicamentos e de novas tecnologias que colaboram com uma melhor qualidade de vida.

Considerando as informações contidas no texto e os conhecimentos relacionados ao tema é correto afirmar, exceto:

a) A meiose é o processo de divisão celular que ocorre somente na produção de gametas.b) Em uma célula eucariótica, além dos ribossomos, pode-se observar mitocôndrias, retículo endoplasmático granular, retículo endoplasmático agranular, complexo golgiense, lisossomos, entre outras organelas celulares.

c) As células-tronco apresentam duas características fundamentais: habilidade de autorrenovar-se por meio de sucessivas mitoses e de se diferenciar em células maduras e funcionalmente especializadas.

d) A mitose é um processo de divisão celular que forma células com o mesmo número de cromossomos e as mesmas informações genéticas da célula-mãe.

02. (UEL) Leia o texto a seguir.

Durante muito tempo, a morte celular foi considerada um processo passivo de caráter degenerativo. Entretanto, estudos demonstraram que organismos multicelulares são capazes de induzi-la de maneira programada e em resposta a estímulos intracelulares ou extracelulares, como, por exemplo, ativando a apoptose. Esse fenômeno biológico, além de desempenhar um papel importante no controle de diversos processos vitais, está associado a inúmeras doenças, como o câncer.

(Adaptado de: GRIVICICH, I.; REGNER, A.; ROCHA, A. B. Morte Celular por Apoptose. Revista Brasileira de Cancerologia. 2007, 53(3), p. 335.)

Com base no texto e nos conhecimentos sobre a apoptose, atribua (V) verdadeiro ou (F) falso às afirmativas a seguir.

( ) A apoptose ocorre quando a célula, por sofrer um dano externo, rompe suas membranas e derrama o seu conteúdo enzimático nas células vizinhas.

( ) Durante a apoptose, ocorre a destruição das células por ação enzimática nas suas estruturas internas.

( ) A apoptose é ativa nos tecidos embrionários, enquanto que, nos tecidos adultos, tal processo é geneticamente desativado.

( ) A proteína p53 desencadeia a apoptose de células que apresentam danos, no seu DNA, os quais não podem ser reparados.

( ) Destruição do citoesqueleto, da membrana celular e da cromatina são características da apoptose.

Assinale a alternativa que contém, de cima para baixo, a sequência correta.

a) V, V, F, V, F.

b) V, F, F, V, F.

c) F, V, V, F, V.

d) F, V, F, V, V.

e) F, F, V, F, V.

03. (UPE) Os antibióticos estão perdendo a competição para as bactérias. Numa experiência, cientistas ingleses misturaram duas espécies de bactérias, a Staphylococcus aureus e a Enterococcus. A primeira era quase imbatível, porque já havia deixado para trás os mais de 200 tipos de antibióticos conhecidos, com exceção da vancomicina; a segunda espécie sabia o que fazer para derrotar justamente a tal vancomicina — e foi esse segredo que transmitiu às Staphylococcus aureus, passados alguns dias de convivência em tubo de ensaio. Os remédios antimicrobianos têm várias estratégias para vencer os adversários. Uma delas é a destruição de uma estrutura complexa e resistente, que dá a forma da célula bacteriana.

Fonte: http://super.abril.com.br/ciencia/antibioticos-x-bacterias-a-corrida-do-seculo. (Adaptado).

Assinale a alternativa que apresenta a estrutura complexa e resistente citada no texto.

a) Cápsula de lignina.

b) Glicocálix.

c) Membrana plasmática.

d) Parede celulósica.

e) Parede bacteriana.

04. (UCPel) O desenvolvimento da microscopia (de luz e eletrônica) permitiu aos pesquisadores elaborar sofisticados modelos da organização interna da célula e de seus componentes, como na imagem abaixo.

Representação de uma célula animal em corte mostrando seu interior.

A representação está sem proporção de tamanho.

________________ são organelas que estão presentes nas células vegetais em grande abundância e podem ser entendidos como uma região expandida do retículo endoplasmático. Em células animais é rara a presença de _________________, sendo vista em células do tecido adiposo, pois estas terão _____________ que servem como reserva energética, armazenando gordura. Os espaços devem ser preenchidos pela organela representada pelo número:

a) 10.

b) 7.

c) 3.

d) 11.

e) 8.

05. (UDESC) “Escherichia coli é comum na flora bacteriana do intestino de humanos e de outros animais, mas que em grandes quantidades pode causar problemas como infecção intestinal e infecção urinária,

Fonte: KAPER JB, NATARO JP, MOBLEY HLT. Pathogenic Escherichia coli. Nat. Rev. Microbiol., 2: 123-140, 2004

A respeito das bactérias, assinale a alternativa incorreta.

a) Algumas bactérias possuem metabolismos aeróbico, na presença de oxigênio, e outras anaeróbicas, condição sem oxigênio.

b) Apenas uma pequena porcentagem das espécies de bactérias causa doenças ao homem.

c) As bactérias são unicelulares e procariontes e podem viver em formas isolada ou colonial.

d) Bactérias são seres pluricelulares e eucariontes que podem sintetizar diferentes componentes químicos do meio ambiente ou de seus hospedeiros.

e) Na atual classificação dos organismos, a bactéria coli está contida no domínio Bactéria.

06. (UNICENTRO) Quais das organelas abaixo diferenciam uma célula animal de uma célula vegetal:

a) Ribossomos, mitocôndrias e complexo de Golgi.

b) Retículo endoplasmático, núcleo e mitocôndrias.

c) Citoplasma, ribossomos e complexo de Golgi.

d) Núcleo, citoplasma e membrana celular.

e) Parede celular, plastos e vacúolo.

07. (UFSC) Em uma aula sobre células, foram utilizados oito cartões com as seguintes organelas ou estruturas celulares:

Foi proposta a criação de dois grupos de alunos, A e B, os quais participaram da seguinte dinâmica: cada grupo elaborou seis frases que foram apresentadas em cada rodada; as frases deveriam conter o conteúdo dos cartões conforme a tabela abaixo; a pontuação era contabilizada quando as frases estavam corretas. As frases apresentadas pelos grupos em cada rodada estão no quadro abaixo.

Com base na análise das frases, é correto afirmar que:

01. o grupo A obteve uma pontuação maior do que o grupo B.

02. a frase da 2a rodada do grupo A está errada.

04. todas as frases que contêm a palavra “cloroplastos” estão corretas.

08. apenas duas frases que contêm a palavra “ribossomos” estão erradas.

16. no conjunto das doze frases apresentadas, observam-se mais do que quatro frases erradas.

32. a frase da 2a rodada do grupo B está correta e pode-se dizer que, em alguns casos, o excesso de atividade do REL pode resultar em lesão do tecido hepático.

Soma das alternativas corretas:

08. (ACAFE) Proposta em meados do século XIX pelo botânico alemão Mathias Jakob Schleiden (1804-1881) e pelo zoólogo, também alemão, Theodor Schwann (1810-1882), a Teoria Celular estabeleceu que a célula é a unidade fundamental da vida. Com o avanço tecnológico e científico, essa teoria vem sendo atualizada. Considere as informações acima e os conhecimentos relacionados ao tema e assinale a alternativa correta.

a) Os lisossomos são vesículas que contêm enzimas capazes de digerir substâncias provenientes do meio externo através da fagocitose ou da pinocitose, degradar organelas envelhecidas através da autólise ou destruir a própria célula através da autofagia.

b) As mitocôndrias são organelas celulares presentes exclusivamente no interior das células animais. Nelas ocorrem duas etapas da respiração celular: ciclo de Krebs e cadeia respiratória (fosforilação oxidativa).

c) O centríolo, estrutura constituída por nove trincas de microtúbulos, possui grande importância no processo de divisão celular, visto que participa da organização do fuso mitótico.

d) A membrana plasmática, também denominada plasmalema, consiste em um envoltório composto basicamente por fosfolipídios e proteínas, na forma de mosaico fluido. Está ausente

09. (UEA) Observe o esquema, no qual 1 e 2 representam diferentes processos celulares que ocorrem em organelas específicas.

Os processos 1 e 2 representam, respectivamente:

a) Transcrição e tradução.

b) Tradução e transcrição.

c) Respiração celular e tradução.

d) Respiração celular e transcrição.

e) Tradução e fermentação.

10. (URCA) Na figura da célula abaixo, a estrutura com uma interrogação é encontrada em bactérias e são extensas invaginações da membrana citoplasmática, em forma de vesículas, lamelas ou túbulos. Essa estrutura é:

a) Vesícula vitelínica.

b) Vesícula citoplasmática.

c) Complexo de Golgi.

d) Mesossomo.

e) Retículo endoplasmático.

11. (IFSuldeMinas) Qualquer que seja o tipo celular, as células são formadas por substâncias inorgânicas e orgânicas essenciais aos processos metabólicos que nelas ocorrem. Quanto a tais substâncias assinale a alternativa incorreta.

a) As enzimas, proteínas especiais, aumentam a velocidade das reações químicas dos organismos sem elevar a temperatura, porque elas diminuem a energia de ativação necessária para ocorrência da reação química.

b) Glicose, lactose, sacarose e amido são carboidratos, fontes importantes de energia para os organismos; já a celulose, constituinte das paredes celulares vegetais, é um carboidrato de função estrutural e não energética.

c) Os lipídios são importantes no armazenamento de energia, na estrutura das membranas celulares, no mecanismo da visão e em outras funções. Fosfolipídios, esteroides e carotenoides são tipos de lipídios.

d) A ribose e a desoxirribose são lipídios constituintes, respectivamente, dos ácidos nucleicos RNA e DNA.

12. (UEA) A principal diferença entre células procarióticas e eucarióticas está na presença do envoltório nuclear, encontrado apenas nas células eucarióticas. Outra característica exclusiva das células eucarióticas é a presença de:

a) ribossomos.

b) moléculas de DNA não associadas às histonas.

c) organelas membranosas.

d) membrana plasmática.

e) reações químicas no citosol.

13. (PUC-GO) Use o texto a seguir, para responder esta questão.

Se eu morresse amanhã!

Se eu morresse amanhã, viria ao menos

Fechar meus olhos minha triste irmã;

Minha mãe de saudades morreria

Se eu morresse amanhã!

Quanta glória pressinto em meu futuro!

Que aurora de porvir e que manhã!

Eu perdera chorando essas coroas

Se eu morresse amanhã!

Que sol! que céu azul! que doce n’alva

Acorda a natureza mais louçã!

Não me batera tanto amor no peito

Se eu morresse amanhã!

Mas essa dor da vida que devora

A ânsia de glória, o dolorido afã…

A dor no peito emudecera ao menos

Se eu morresse amanhã!

(AZEVEDO, Álvares de. Melhores poemas. 6. ed. 1. reimpr. São Paulo: Global, 2008. p. 95.)

A análise do título do Texto acima – “Se eu morresse amanhã!” – traz muitas implicações à ciência da vida. Nascer e morrer são inerentes à vida, processos que envolvem uma complexidade celular, que sofrem interferências diversas, e que podem, no seu percurso, ser precocemente interrompidos, causando danos irreversíveis aos seres vivos. Sobre essa temática, assinale a resposta correta:

a) Denominamos apoptose o processo programado de morte celular, normal no desenvolvimento, por exemplo, do sistema nervoso.

b) Denominamos necrose a morte celular precoce, ocasionada por fatores intrínsecos celulares, reversível no tecido nervoso e epitelial, mas irreversível no tecido conjuntivo.

c) Como organelas citoplasmáticas, as mitocôndrias não interferem na apoptose; sofrem seus efeitos sem exercer qualquer tipo de interferência no processo.

d) Tanto a necrose quanto a apoptose são processos fisiológicos adaptativos que evitam prejuízos celulares em determinadas situações de exposição a agentes físicos, químicos ou biológicos.

14. (FAMERP) Os domínios Archaea e Bacteria englobam microrganismos com características morfológicas bem definidas. Estes seres vivos compartilham semelhanças entre si, tais como:

a) membrana plasmática e organelas membranosas.

b) inclusões citoplasmáticas e envoltório nuclear.

c) moléculas de DNA lineares e plasmídeos.

d) material genético disperso e ribossomos.

e) citoesqueleto e parede com peptidoglicano.

15. (UEPG) Abaixo está a representação esquemática geral de uma célula animal, indicando seus principais componentes. Analise as alternativas abaixo e assinale o que for correto.

01.

A – mitocôndria.

B – retículo endoplasmático granuloso (ergastoplasma).

C – retículo endoplasmático não granuloso.

D – complexo golgiense.

E – membrana plasmática.

F – lisossomos.

02. O complexo golgiense D apresenta bolsas membranosas, com pH ácido, as quais contêm um conjunto de inúmeras enzimas digestivas, capazes de digerir uma grande variedade de substâncias orgânicas.

04. As estruturas A e F têm função de formar as fibras do fuso de divisão celular e respiração celular, respectivamente.

08. Graças aos ribossomos presentes em suas membranas, a estrutura B participa da síntese de proteínas.

Soma das alternativas corretas:

16. (UEM) Em relação à fisiologia da célula, assinale a alternativa correta.

a) A osmose é a passagem de água e de sais, através da membrana celular, do meio hipertônico para o meio hipotônico.

b) O retículo endoplasmático liso é a parte da célula responsável pela síntese de ácidos graxos e de fosfolipídios.

c) As amebas utilizam os seus lisossomos, liberando enzimas digestivas sobre seu alimento para digeri-lo e depois absorvê-lo.

d) As mitocôndrias são as organelas responsáveis pela retirada de energia da glicose e pelo armazenamento dessa energia nas moléculas de ATP.

e) O complexo de Golgi é responsável pela fagocitose e pela pinocitose.

17. (UEA) A tiroxina é um hormônio produzido pela tireoide que atua no metabolismo celular. Uma de suas ações é o estímulo para maior liberação de calor pelas células, que ocorre em uma etapa bioquímica realizada por uma determinada organela celular. A etapa bioquímica e a organela celular relacionadas à produção de calor são, respectivamente,

a) hidrólise enzimática e lisossomo.

b) fermentação e retículo liso.

c) fosforilação oxidativa e mitocôndria.

d) ciclo das pentoses e retículo rugoso.

e) glicólise e sistema golgiense.

18. (UEPG) Os organismos procariotos incluem as bactérias e as arqueobactérias. Assinale o que for correto sobre as características deste grupo.

01. A Poliomielite é provocada pela bactéria Streptococcus pneumoniae e pode provocar febre alta, tosse com catarro, problemas respiratórios e evoluir para problemas neurológicos, afetando principalmente a locomoção. O tratamento deve ser realizado com a administração de fortes antibióticos.

02. Os procariotos podem ser classificados quanto à nutrição em autotróficos e heterotróficos.

04. No citoplasma das bactérias, pode-se detectar a membrana nuclear e a presença de cromossomos e organelas bem desenvolvidas, tais como mitocôndrias, retículo endoplasmático, centríolos e lisossomos. Não possuem estruturas para locomoção e sua mobilidade se dá por meio de movimentos do citoesqueleto interno.

08. Em relação à respiração, as bactérias podem ser anaeróbias facultativas, ou seja, podem viver na presença ou ausência de oxigênio. Como exemplo de um processo anaeróbio, pode-se citar a fermentação láctica, usada na produção de iogurtes e queijos.

Soma das alternativas corretas:

19. (PUC-RIO) As primeiras observações microscópicas de materiais biológicos foram realizadas por Antonie van Leeuwenhoek. A partir daí o campo da microscopia avançou, principalmente com o desenvolvimento da microscopia eletrônica. Considerando os estudos da organização celular em procariotos e eucariotos, verifica-se que:

a) procariotos não possuem carioteca, nem têm material genético.

b) eucariotos não possuem clorofila e não realizam divisão celular.

c) procariotos apresentam material genético disperso no citoplasma.

d) eucariotos não possuem núcleo organizado delimitado por envoltório nuclear.

e) procariotos apresentam mitocôndrias e cloroplastos.

20. (UFG) A célula é a unidade morfofisiológica dos seres vivos. Tornando-se como base a organização celular, eles se classificam como procariontes e eucarionte e ambos têm em comum:

a) a membrana plasmática.

b) o complexo de Golgi.

c) os cloroplastos.

d) a carioteca.

Publicado por: Djalma Santos | 20 de julho de 2018

TESTES DE GENÉTICA (9)

01. (UNESP) As figuras representam células de duas espécies animais, 1 e 2. Na célula da espécie 1, dois genes, que determinam duas diferentes características, estão presentes no mesmo cromossomo. Na célula da espécie 2, esses dois genes estão presentes em cromossomos diferentes.

Tendo por base a formação de gametas nessas espécies, e sem que se considere a permutação (crossing-over), constata-se a Primeira Lei de Mendel:

a) tanto na espécie 1 quanto na espécie 2, mas a Segunda Lei de Mendel se constata apenas na espécie 1.

b) apenas na espécie 1, enquanto a Segunda Lei de Mendel se constata apenas na espécie 2.

c) apenas na espécie 2, enquanto a Segunda Lei de Mendel se constata apenas na espécie 1.

d) apenas na espécie 2, enquanto a Segunda Lei de Mendel se constata tanto na espécie 1 quanto na espécie 2.

e) tanto na espécie 1 quanto na espécie 2, mas a Segunda Lei de Mendel se constata apenas na espécie 2.

02. (ACAFE) O termo genética foi aplicado pela primeira vez pelo biólogo inglês William Bateson (1861 – 1926) para definir o ramo das ciências biológicas que estuda e procura explicar os fenômenos relacionados à hereditariedade. Assim, a alternativa correta é:

a) A penetrância é a expressão percentual com que um gene se manifesta. Sabendo-se que a penetrância do gene para o nanismo acondroplásico é de 80%, pode-se dizer que a probabilidade de um homem heterozigoto, casado com uma mulher normal, ter um filho com este tipo de nanismo é de 80%.

b) Epistasia é um tipo de interação gênica em que um gene de determinado locus inibe a manifestação de genes de outro locus. Denomina-se hipostático o gene inibidor e epistático, o gene inibido.

c) A capacidade que tem um único par de alelos de produzir diversos efeitos fenotípicos, simultaneamente, no mesmo indivíduo, chama-se pleiotropia.

d) Na herança quantitativa, os indivíduos diferem de forma descontínua, apresentando como componentes da variação o genótipo e o ambiente. Dessa forma, toda a variação existente pode ser representada graficamente através de uma curva de Gauss.

03. (UNICAMP) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas nas definições a seguir.

(I) ____________ é o conjunto de toda a informação genética de um organismo.

(II) _____________ é um trecho do material genético que fornece instruções para a fabricação de um produto gênico.

(III) _____________ é a constituição de alelos que um indivíduo possui em um determinado loco gênico.

(IV) _____________ é a correspondência que existe entre códons e aminoácidos, relativa a uma sequência codificadora no DNA.

a) (I) Código genético; (II) Alelo; (III) Homozigoto; (IV) Gene.

b) (I) Genoma; (II) Gene; (III) Genótipo; (IV) Código genético.

c) (I) Código genético; (II) DNA; (III) Genótipo; (IV) tRNA.

d) (I) Genoma; (II) Código genético; (III) Homozigoto; (IV) tRNA.

04. (UniTau) Uma vida dedicada a experimentos cuidadosos e criteriosos do estadunidense Thomas Hunt Morgan, nascido no Kentucky, permitiu desvendar os princípios da genética e dos processos de hereditariedade. Com os estudos de Morgan, outros puderam, posteriormente, ampliar e aprofundar os conhecimentos sobre a importância do gene na transmissão de caracteres por gerações. Hoje, sabemos que podem ocorrer tipos diferentes de herança genética. Com base nas características de cada tipo de herança, assinale a alternativa correta.

a) Herança Autossômica Dominante: o indivíduo afetado deverá ter recebido uma cópia de um gene mutante de um dos pais, não afetado pela doença.

b) Herança Autossômica Recessiva: o indivíduo afetado deverá ter um dos pais afetado para a característica herdada, sendo o outro normal homozigoto para a característica.

c) Herança Ligada ao Sexo: se o indivíduo afetado for um homem, irá manifestar a característica, mesmo em se tratando de um gene recessivo.

d) Herança Influenciada pelo Sexo: o indivíduo afetado será sempre do sexo masculino, uma vez que o gene está relacionado ao Y na porção não homóloga ao cromossomo X.

e) Herança Restrita ao Sexo: o gene é afetado pelas características hormonais do sexo do indivíduo, podendo agir como dominante ou recessivo.

05. (FUVEST) A surdez é geneticamente heterogênea: pode ser causada por mutações em diferentes genes, localizados nos autossomos ou no cromossomo X ou, ainda, por mutações em genes mitocondriais.

A(s) família(s) em que o padrão de herança permite afastar a possibilidade de que a surdez tenha herança mitocondrial é(são) apenas:

a) 1.

b) 2 e 3.

c) 3.

d) 3 e 4.

e) 4.

06. (UEM) Considere dois gêmeos monozigóticos, mas com hábitos de vida diferentes. Pedro, com hábitos não saudáveis, tem intensa e descontrolada exposição ao sol, alimentação industrializada não balanceada, é fumante e sedentário. Paulo, com hábitos saudáveis, não fuma, tem exposição moderada e controlada ao sol, alimentação balanceada não industrializada e realiza atividade física regular e orientada. Com base no exposto, assinale o que for correto.

01. Com o passar do tempo, Pedro e Paulo terão fenótipos diferentes, apesar de terem nascido com o mesmo genótipo.

02. Os hábitos de vida diferentes influenciam Pedro e Paulo, igualmente, visto que possuem o mesmo genótipo.

04. Com o passar do tempo, Pedro e Paulo terão fenótipos distintos devido à expressão gênica diferente em cada um.

08. A produção de melanina em Pedro será maior que em Paulo, pois possuem alelos diferentes, fato explicado pela herança quantitativa.

16. Pedro tem maior probabilidade de desenvolver câncer do que Paulo.

Soma das alternativas corretas:

07. (PUC-CAMPINAS) André e Mariana pretendem ter dois filhos e procuraram um geneticista pois nas famílias de ambos há indivíduos afetados pela fibrose cística, uma doença de herança autossômica recessiva. Alguns testes mostraram que tanto André como Mariana são portadores de uma cópia do gene com a mutação para a fibrose cística. No caso de duas gestações independentes, a probabilidade de seus filhos apresentarem a doença é de:

a) 100%.

b) 25%.

c) 12,5%.

d) 6,25%.

e) 0%.

08. (IFSuldeMinas) No Felis catus (gato doméstico) os alelos A e a ligados ao cromossomo X auxiliam na determinação da cor de sua pelagem. O alelo dominante A determina a pelagem laranja e é epistático sobre os alelos autossômicos M e m. O alelo recessivo a não determina pelo laranja e possibilita a manifestação dos alelos autossômicos responsáveis pela cor preta (MM ou Mm) ou marrom (mm). Uma gata alaranjada e heterozigota para o par autossômico, filha de um macho (pai) alaranjado e de uma fêmea (mãe) alaranjada e homozigota para os alelos sexuais, foi cruzada com um gato preto e heterozigoto para o gene autossômico. Qual será a proporção fenotípica esperada para os descendentes?

a) 100% fêmeas laranjas.

b) 50% fêmeas laranjas e 50% machos pretos.

c) 50% machos laranjas e 50% fêmeas pretas.

d) 50% fêmeas laranjas e 50% machos laranjas.

09. (IFNMG) Em relação ao tipos de herança ilustrados na figura abaixo, pode-se a firmar que:

a) A herança representada em 2 é autossômica recessiva e o genótipo do indivíduo II:3 é homozigoto dominante.

b) A herança representada no heredograma 1 é autossômica dominante e o genótipo do indivíduo I:1 e I:2 é heterozigoto.

c) Os dois heredogramas apresentam o mesmo padrão de herança, sendo que todos os indivíduos afetados possuem o genótipo homozigoto recessivo.

d) O genótipo dos indivíduos II:1 nos dois heredogramas é heterozigoto.

10. (FACULDADE ALBERT EINSTEIN) Em humanos, a definição dos tipos sanguíneos do sistema ABO depende da ação conjunta do loco H e do loco ABO. O alelo dominante H é responsável pela síntese do chamado antígeno H, enquanto que essa produção não ocorre por ação do alelo recessivo h, muito raro na população. Os alelos IA e IB, por sua vez, são responsáveis pela conversão do antígeno H em aglutinógenos A e B, respectivamente, enquanto o alelo recessivo i não atua nessa conversão. Considerando que na tipagem sanguínea se identifica a presença apenas de aglutinógenos A e B, e não do antígeno H, é possível que uma pessoa de sangue tipo O tenha genótipos diferentes, tais como:

a) HhIAIB e HHIA

b) Hhii, hhIAi e hhIAIB.

c) hhii, HhIAi e HHIAIB.

d) HHii e hhIAi e HhIB

11. (FIT) Teresa casou-se duas vezes, teve quatro filhos e jamais realizou qualquer transfusão sanguínea. O heredograma informa dois fenótipos de dois filhos de Teresa, com relação ao sistema Rh de tipagem sanguínea.

Sabendo que apenas Paulo, o quarto filho de Teresa, apresentou eritroblastose fetal, é correto afirmar que:

a) Pedro é homozigoto recessivo para o sistema Rh.

b) a sensibilização de Teresa ocorreu no casamento com João.

c) Teresa é heterozigota para o sistema Rh.

d) a sensibilização de Teresa ocorreu na gestação de Fernanda.

e) Paulo é homozigoto dominante para o sistema Rh.

12. (FAMERP) O quadro ilustra um experimento que utilizou ervilhas de cheiro, em que as plantas parentais (P) eram de linhagens puras.

Os resultados obtidos em F2 permitiram concluir que os genes que determinam a forma e os genes que determinam a cor das ervilhas:

a) estão no mesmo par de cromossomos homólogos.

b) se combinaram de tal modo que revelaram um desacordo com a 2a Lei de Mendel.

c) se combinaram de diferentes formas por causa da permutação.

d) distam 25 centimorgans por estarem no mesmo par de cromossomos homólogos.

e) estão em diferentes pares de cromossomos homólogos.

13. (FACULDADE DE MEDICINA DE PETRÓPOLIS) A doença renal policística autossômica recessiva, conhecida em inglês pela sigla ARPKD, é uma rara enfermidade hereditária. Para desenvolver a enfermidade, uma criança deve herdar as duas cópias defeituosas do gene que causa a ARPKD. Quem tem apenas uma cópia do gene com problema não desenvolve a doença, embora possa transmiti-la a seus filhos se seu parceiro também carregar uma mutação nesse mesmo gene. Considere o heredograma abaixo que mostra uma família na qual o indivíduo V nasceu com ARPKD:

A probabilidade de o indivíduo III ser portador do gene para a ARPKD é:

a) 1/4.

b) 1.

c) 1/2.

d) 1/3.

e) 2/3.

14. (Faculdade de Ciências Médicas de São José dos Campos) O xeroderma pigmentoso é uma doença autossômica, determinada por um par de alelos, que provoca uma hipersensibilidade à luz ultravioleta. Pessoas que nascem com essa doença têm altíssimas chances de desenvolver câncer de pele. Vitor e Taís são casados e não apresentam a doença. Contudo, a primeira filha do casal nasceu com xeroderma pigmentoso. Supondo que Taís engravide de gêmeos dizigóticos, a probabilidade de ambos nascerem com xeroderma pigmentoso, independentemente do sexo dos bebês, é:

a) 1/2.

b) 1/16.

c) 1/4.

d) 3/4.

e) 1/8.

15. (FCMSCSP) Analise o ciclo de vida de uma espécie de briófita que expressa os genes dominantes A e B somente nos gametófitos.

Se um esporófito duplo-heterozigoto gerar esporos, a proporção esperada de gametófitos que irá expressar ambos os alelos dominantes será:

a) 1/4.

b) 1/2.

c) 2/3.

d) 3/4.

e) 1/1.

16. (UEM) Sobre a herança dos grupos sanguíneos do sistema ABO, do sistema Rh e do sistema MN, assinale o que for correto.

01. Indivíduos do tipo sanguíneo O possuem aglutinogênios em seus eritrócitos, porém não possuem aglutininas.

02. Um casal com tipo sanguíneo A e com genes heterozigotos pode ter filhos com tipo sanguíneo A, B ou AB.

04. A eritroblastose fetal ocorre quando mulheres Rh já sensibilizadas (que produzem aglutininas anti Rh) têm filhos Rh+.

08. Indivíduos do grupo sanguíneo AB podem receber sangue de indivíduos de todos os outros grupos sanguíneos.

16. O sistema sanguíneo MN se manifesta por dominância completa e é dependente do sistema ABO.

Soma das alternativas corretas:

17. (URCA) Qual a probabilidade de um casal heterozigoto para uma herança condicionada por um par de genes autossômicos terem um descendente homozigoto?

a) 0%.

b) 25%.

c) 50%.

d) 75%.

e) 100%.

18. (UNICAMP) Para um determinado caráter, fenótipo é o conjunto de características que o organismo exibe como fruto de seu genótipo. No entanto, no molusco hermafrodita Lymnaea peregra, ocorre algo diferente. Neste animal, há dois tipos de fenótipo da concha (ver figura a seguir), que não são determinados pelo genótipo do próprio indivíduo. A prole formada pela fertilização de óvulos vindos de um parental com genótipos AA ou Aa tem conchas dextrógiras; já a prole formada pela fertilização de óvulos vindos de um parental aa tem conchas levógiras.

Se óvulos de um molusco Aa forem fertilizados por espermatozoides de um molusco aa, as probabilidades de ocorrência de indivíduos Aa dextrógiros, Aa levógiros, aa dextrógiros e aa levógiros na prole resultante são, respectivamente,

a) 1/4, 1/4, 1/4 e 1/4.

b) 1/2, 0, 0 e 1/2.

c) 1/2, 0, 1/2 e 0.

d) 1, 0, 0 e 0.

19. (PUC-CAMPINAS) Considere a observação abaixo, sobre um casal e seus filhos:

Um homem de tipo sanguíneo A tem dois filhos com uma mulher de tipo sanguíneo B. O primeiro filho do casal apresenta tipo sanguíneo AB e o segundo filho é do tipo A.

A partir dessa observação são feitas as seguintes afirmações:

I. A mãe é heterozigótica.

II. No caso de um acidente, os dois filhos podem doar sangue para o pai.

III. Os dois filhos são heterozigóticos.

Está correto o que se afirma em:

a) I, apenas.

b) I e III, apenas.

c) II e III, apenas.

d) I e II, apenas.

e) I, II e III.

20. (FUVEST) Nos cães labradores, a cor da pelagem preta, chocolate ou dourada depende da interação entre dois genes, um localizado no cromossomo 11 (alelos B e b) e o outro, no cromossomo 5 (alelos E e e). O alelo dominante B é responsável pela síntese do pigmento preto e o alelo recessivo b, pela produção do pigmento chocolate. O alelo dominante E determina a deposição do pigmento preto ou chocolate nos pelos; e o alelo e impede a deposição de pigmento no pelo. Dentre 36 cães resultantes de cruzamentos de cães heterozigóticos nos dois lócus com cães duplo homozigóticos recessivos, quantos com pelagem preta, chocolate e dourada, respectivamente, são esperados?

a) 0, 0 e 36.

b) 9, 9 e 18.

c) 18, 9 e 9.

d) 18, 0 e 18.

e) 18, 18 e 0.

 

 

 

 

 

 

 

Publicado por: Djalma Santos | 5 de julho de 2018

TESTES DE ECOLOGIA (XVI)

01. (UFRGS) Os ecossistemas naturais terrestres passam por mudanças através da sucessão ecológica. Em relação a esse processo, é correto afirmar que ocorre:

a) estabilidade da biomassa total.

b) aumento da biodiversidade.

c) diminuição no tamanho dos indivíduos.

d) aumento da vegetação pioneira.

e) estabilidade na reciclagem dos nutrientes.

02. (FUVEST) Analise as três afirmações seguintes sobre ciclos biogeoquímicos.

I. A respiração dos seres vivos e a queima de combustíveis fósseis e de vegetação restituem carbono à atmosfera.

II, Diferentes tipos de bactérias participam da ciclagem do nitrogênio: as fixadoras, que transformam o gás nitrogênio em amônia, as nitrificantes, que produzem nitrito e nitrato, e as desnitrificantes, que devolvem o nitrogênio gasoso à atmosfera.

III. Pelo processo da transpiração, as plantas bombeiam, continuamente, água do solo para a atmosfera, e esse vapor de água se condensa e contribui para a formação de nuvens, voltando à terra como chuva.

Está correto o que se afirma em:

a) I, apenas.

b) I e II, apenas.

c) II e III, apenas.

d) III, apenas.

e) I, II e III.

03. (PUC-PR) Observe a imagem a seguir.

Disponível em < https://www.tes.com/lessons/cqHs1lgfbIsRtQ/food-chain-references >.

Acesso em 13/06/17.

Essa sequência representa uma cadeia alimentar. Sobre ela, é possível afirmar que:

a) o lagarto é um consumidor primário.

b) o gafanhoto ocupa o primeiro nível trófico.

c) a cobra ocupa o terceiro nível trófico.

d) o milho representa um decompositor.

e) a quantidade de energia disponível para a cobra é menor.

04. (UFAM) “Na manhã deste sábado (5/11), ativistas do Greenpeace se juntaram a cerca de 1000 pessoas o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) para pedir justiça aos milhares de afetados pela lama das mineradoras Samarco, Vale e BHP. Um ano após o rompimento da barragem de Fundão, que destruiu a bacia do Rio Doce, as empresas pouco fizeram para reparar os danos que causaram_ (texto extraído de http://www.greenpeace.org). Sobre a tragédia de Mariana, analise as afirmativas a seguir:

I. Com a contaminação do rio houve uma diminuição na população de sapos e peixes, que deixaram de se alimentar de larvas de Aedes aegypti, possivelmente levando a um surto de febre amarela nos meses seguintes.

II. Ao atingir a foz do Rio Doce, espécies marinhas foram contaminadas, de modo que os impactos ambientais poderão durar anos até o reestabelecimento da fauna local.

III. A água imprópria para o consumo afetou comunidades ribeirinhas e cidades próximas ao rio, trazendo além de um impacto ecológico, um impacto social e econômico para estas localidades.

IV. A grande maioria dos especialistas estima que o maior problema foi o aumento nos níveis de radiação nuclear detectados no ambiente.

Assinale a alternativa correta:

a) Somente as afirmativas I, II e III estão corretas.

b) Somente as afirmativas I, II e IV estão corretas.

c) Somente as afirmativas II e IV estão corretas.

d) Somente as afirmativas II, III e IV estão corretas.

e) Todas as afirmativas estão corretas.

05. (UEA) As populações ribeirinhas do Rio Negro, no norte do Amazonas, estão expostas à contaminação por mercúrio num nível superior ao tolerável à saúde humana, apontam estudiosos. A contaminação ocorre pela ingestão prolongada de peixes piscívoros, como tucunaré e piranha. Essas espécies concentram mais mercúrio porque comem outros peixes, também contaminados. 85% das mulheres em idade reprodutiva apresentam concentrações superiores ao tolerável, podendo gerar fetos com problemas neurológicos e de coordenação motora.

(Folha de S.Paulo, 30.09.2012. Adaptado.)

Considere uma gestante que sofreu contaminação por mercúrio. No início da gestação, o mercúrio presente no sangue materno atinge os vasos sanguíneos do feto por meio:

a) da placenta, podendo afetar as células da ectoderme, que formam o tecido nervoso.

b) do saco vitelino, podendo afetar as células da mesoderme, que formam o tecido nervoso.

c) do alantoide, podendo afetar as células da mesoderme, que formam o tecido epitelial.

d) do cordão umbilical, podendo afetar as células da endoderme, que formam o tecido nervoso.

e) do âmnio, podendo afetar as células da endoderme, que formam o tecido epitelial.

06. (FPS) Na imagem abaixo, podem ser vistos pássaros-palito se alimentando dos restos de alimento depositados entre os dentes do crocodilo africano, que ganha dentes limpos e brilhantes sem ter que ir ao dentista ou passar fio dental. Assinale a alternativa que retrata esse tipo de relação entre os seres vivos.

a) Relação harmônica, interespecífica por protocooperação.

b) Relação harmônica, intraespecífica por protocooperação.

c) Relação harmônica, intraespecífica por amensalismo.

d) Relação desarmônica, intraespecífica por amensalismo.

e) Relação desarmônica, interespecífica por amensalismo.

07. (UFRGS) Considere as seguintes afirmações em relação às áreas ambientais úmidas.

I. A degradação dos banhados diminui sua capacidade de depuração dos corpos hídricos e o acesso à água potável.

II. O manejo adequado dos resíduos sólidos e das águas pluviais urbanas pode contribuir para amenizar os efeitos poluentes nas bacias hidrográficas.

III. As matas ciliares facilitam a evaporação da água nas áreas úmidas.

Quais estão corretas?

a) Apenas I.

b) Apenas III.

c) Apenas I e II.

d) Apenas II e III.

e) I, II e III.

08. (UNIOESTE) A Ecologia tem como objetivo compreender a distribuição dos organismos na natureza, a partir do estudo das diferentes formas de interação das espécies vegetais e animais em seus ambientes e a influência de fatores abióticos e bióticos. De acordo com esta definição de Ecologia, assinale a alternativa que contém o conceito correto.

a) Biosfera é um sistema biológico que comporta todos os ecossistemas e que, geralmente, se aproxima da autossuficiência.

b) Ecossistema é uma interação entre os organismos da mesma espécie e os ambientes físico e químico, que propiciam a transformação das diferentes formas de energia e assim, conduzem os seres vivos a executarem trabalho através do seu metabolismo, crescimento e reprodução, além de permitirem a reciclagem dos nutrientes.

c) Em uma comunidade ocorre a interação entre vários organismos da mesma espécie em uma mesma área geográfica, a qual propicia diferentes formas de associação, tais como predação, competição e parasitismo.

d) População é um conjunto de espécies, aptas reprodutivamente entre si, que geralmente apresentam abundância variável de acordo com a variação de fatores limitantes, tais como disponibilidade de recursos.

e) Espécie é um conjunto de indivíduos semelhantes que apresentam a capacidade de gerar novos indivíduos híbridos. Apresenta sua classificação biológica subordinada ao gênero ou ao subgênero.

09. (UEM) Sobre as bactérias e os fungos, assinale o que for correto.

01. Algumas espécies de bactérias e de fungos são importantes para a agricultura e para a alimentação humana.

02. As bactérias e os fungos são organismos heterotróficos que possuem células revestidas por uma parede permeável à água, constituída por proteínas e por lipídios.

04. As bactérias e os fungos englobam espécies que produzem gametas e se reproduzem sexuadamente.

08. As bactérias e os fungos são classificados no mesmo reino que as algas unicelulares.

16. Espécies de bactérias e de fungos são encontradas nos ecossistemas terrestres, onde realizam a decomposição de matéria orgânica.

Soma das alternativas corretas:

10. (UDESC)

A Figura acima mostra exemplares (macho e fêmea) de um caranguejo gigante, cujas garras podem ultrapassar 1 m de comprimento. Estes animais pertencem à classe dos crustáceos a qual também possui representantes quase invisíveis que, juntamente com outros organismos (algas e bactérias fotossintetizantes), constituem uma comunidade de seres flutuantes que servem de base alimentar para a maior parte da fauna aquática. Esta comunidade de seres flutuantes é denominada:

a) fitoplâncton.

b) nécton.

c) benton.

d) plâncton.

e) pelágicos.

11. (FPS) Considerando a cadeia alimentar proposta no esquema abaixo, identifique os indivíduos que podem ser considerados consumidores primários, secundários e terciários, respectivamente.

Podem ser considerados consumidores primários, secundários e terciários, respectivamente:

a) preá, louva-a-deus e sabiá.

b) sabiá, louva-a-deus e preá.

c) louva-a-deus, rã e jararaca-do-banhado.

d) aranha, grilo e gavião.

e) aranha, rã e jararaca-do-banhado.

12. (ACAFE) A ecologia é um segmento da biologia focalizada no estudo dos seres vivos e suas interações com o meio ambiente onde nascem, desenvolvem-se e vivem, incluindo a interação com fatores abióticos. Considerando as informações e os conhecimentos relacionados ao tema é correto afirmar, exceto:

a) Nas comunidades, as diferentes populações interagem das mais variadas maneiras. Essas interações, também chamadas de relações ecológicas, podem ser harmônicas quando não trazem desvantagem para nenhuma das espécies, ou então serem desarmônicas, beneficiando apenas um grupo e prejudicando outro.

b) Densidade é o número de indivíduos por unidade de área ou de volume. Alguns fatores como a imigração, a emigração, a taxa de natalidade e a taxa de mortalidade influenciam na densidade de uma população.

c) O sistema reprodutivo dos indivíduos influencia diretamente na estrutura genética da população. Em populações de reprodução alógamas, por exemplo, a diversidade genética encontra-se entre os indivíduos, pois a maior parte dos locos encontra-se em homozigose.

d) Em ecologia, riqueza é o número de espécies registrado em uma área, enquanto abundância é o número de indivíduos de determinada espécie em uma área.

13. (UVV) Os níveis tróficos são as etapas ou níveis da cadeia alimentar. A cadeia alimentar (uma pequena porção da chamada “rede alimentar”) é sempre composta por diferentes níveis que são caracterizados de acordo com o tipo de alimento que os organismos consomem. No primeiro nível trófico, estão os organismos produtores. Esses organismos são capazes de produzir seu próprio alimento e, por isso, são chamados de “autótrofos”. Todas as plantas clorofiladas, algumas algas (cianofíceas) e algumas bactérias são capazes de produzir seu alimento através da fotossíntese. Nesse processo, os seres autótrofos sintetizam matéria orgânica a partir dos minerais e da luz do sol. Nos próximos níveis tróficos, estão os organismos consumidores ou “heterótrofos” (também chamados de “heterotróficos”) que, por não serem capazes de produzir seu próprio alimento, precisam obter energia através da ingestão de matéria orgânica. Nesse grupo, estão os herbívoros, que se alimentam dos vegetais, os carnívoros e os decompositores.

Disponível em: http://www.infoescola.com. Acesso em: 24 de julho de 2017.

A tabela abaixo apresenta a estimativa aproximada de dados de cadeia alimentar de vários estudos de campo:

Com relação à tabela acima, podemos afirmar:

a) O número de níveis tróficos é maior no mar aberto, uma vez que tem mais espaço para os organismos.

b) A eficiência ecológica e a ingestão de energia do consumidor são determinantes para o número de níveis tróficos.

c) Ambientes terrestres têm maior eficiência ecológica, já que fazem mais fotossíntese.

d) A produtividade primária líquida equivale aos organismos heterotróficos.

e) Manguezais, por serem ambientes marinhos costeiros, têm baixa produtividade primária.

14. (UFVJM) Os fungos do gênero Penicillium sp. são mesófilos que necessitam crescer em temperatura entre 5 e 37°C a um pH entre 3 e 4,5. Algumas espécies podem contaminar alimentos em baixas temperaturas, pois têm capacidade de crescer em temperatura próxima ou igual a 0ºC.

Fonte: Garvil et al. 2014. Impactos da presença da Penicillium sp. na indústria.

Revista Eletrônica da Reunião Anual de Ciência UNITRI, 4.

A descrição sobre o Penicillium diz respeito ao:

a) hábitat.

b) nível trófico.

c) nicho ecológico.

d) potencial biótico.

15. (UNESP) Em uma aula de campo, os alunos encontraram, crescendo sobre um tronco caído na mata, organismos conhecidos como orelhas-de-pau. O fato que chamou a atenção dos alunos foi que alguns desses organismos eram de cor verde, como mostra a figura.

– Paula afirmou que o organismo observado era um fungo fotossintetizante e, portanto, autótrofo.

– Gilberto concordou que seria um fungo fotossintetizante, mas, por estar crescendo em um tronco em decomposição, seria heterótrofo necessariamente.

– Ricardo sugeriu que o organismo observado, na verdade, eram dois organismos, um autótrofo e outro heterótrofo.

– Tiago complementou a ideia de Ricardo, afirmando tratar-se de um musgo, que é uma associação entre um fungo e uma alga.

– Fernanda discordou de Tiago, afirmando tratar-se de um líquen, no qual o fungo fornece os carboidratos necessários para o crescimento da alga.

A explicação correta para o fato foi dada por:

a) Fernanda.

b) Gilberto.

c) Ricardo.

d) Paula.

e) Tiago.

16. (UniTau) Apesar do anseio para desenvolver formas de obtenção de energia limpa, isto é, energia renovável e que não cause impacto ambiental, ainda são enfrentados problemas relacionados diretamente ou indiretamente à produção desse tipo de energia. Assinale a alternativa que relaciona corretamente a forma de energia limpa e um impacto ambiental produzido por sua produção ou utilização.

17. (PUC-RIO) Fatores abióticos influenciam nas taxas metabólicas de plantas e animais. Tais fatores são:

a) temperatura e água.

b) temperatura e competição.

c) competição e água.

d) competição e predação.

e) predação e temperatura.

18. (PUC-SP) Em um certo ecossistema, roedores e formigas alimentam-se de sementes e, portanto, são potenciais competidores. Porém, enquanto os roedores preferem sementes grandes, as formigas têm predileção por sementes pequenas. Sabe-se, também, que nesse ecossistema as plantas de sementes grandes competem com as plantas de sementes pequenas por recursos do solo, havendo, nessa relação, uma nítida vantagem das primeiras sobre as segundas. Se os roedores forem removidos do ecossistema, espera-se que haja, em longo prazo,

a) redução do número de plantas de sementes grandes.

b) aumento do número de plantas de sementes pequenas.

c) redução do número de formigas.

d) aumento contínuo da população de formigas.

19. (UEPG) Uma comunidade pode se desenvolver gradualmente até atingir a maturidade, isto é, um equilíbrio relativo com as condições ambientais. Considerando as etapas de sucessão ecológica, assinale o que for correto.

01. A sucessão ecológica que ocorre em uma região estéril é chamada de primária, como no caso de terrenos com matas destruídas por incêndios, típicos das regiões de cerrado brasileiro.

02. A biomassa total (quantidade de matéria orgânica) tende a diminuir ao longo da sucessão ecológica, visto que há o aumento de decompositores e diminuição de seres fotossintetizantes, características típicas de uma comunidade clímax.

04. A instalação de liquens em regiões sem vida, como uma rocha nua, forma uma comunidade pioneira. Os liquens apresentam capacidade de reter água, realizam fotossíntese e fixam nitrogênio atmosférico. Modificam aos poucos as condições iniciais da região, permitindo assim a instalação de outros seres.

08. Ao longo da sucessão ecológica, observa-se um aumento da diversidade de espécies, pois novos seres chegam, novos nichos ecológicos são explorados e as teias alimentares tornam-se mais complexas.

Soma das alternativas corretas:

20. (Faculdade de Ciências Médicas de São José dos Campos)

O rompimento da barragem da Samarco, ocorrido em 2015, devastou hábitats em uma extensa área de Minas Gerais e do Espírito Santo. Pelas imagens aéreas, a lama tóxica eliminou diversas áreas de vegetação nativa, sobretudo no estado de Minas Gerais. Sabe-se que ocorrerá um processo de sucessão ecológica nas regiões atingidas, que poderá durar algumas décadas. Nesse processo de sucessão ecológica,

a) as espécies da flora e da fauna da comunidade clímax serão lentamente recuperadas.

b) a biodiversidade aumentará com o tempo, mas é provável que não seja a mesma.

c) a lama tóxica impedirá a instalação das comunidades pioneiras e intermediárias.

d) a biodiversidade da comunidade clímax será menor que a biodiversidade da comunidade pioneira.

e) a comunidade sere se instala antes da comunidade ecese.

 

Publicado por: Djalma Santos | 12 de junho de 2018

TESTES DE HISTOLOGIA ANIMAL (14)

01. (FPS) O sistema imunológico é formado por órgãos, células e moléculas que protegem o organismo humano contra enfermidades. Considerando a importância das células de defesa contra agentes etiológicos específicos e na homeostase do corpo humano, identifique os tipos celulares abaixo e, a seguir, preencha a coluna com relação às suas respectivas funções.

A sequência correta, de cima para baixo, é:

a) 3, 5, 4, 2, 1.

b) 2, 3, 1, 5, 4.

c) 4, 2, 3, 1, 5.

d) 1, 4, 2, 3, 5.

e) 5, 3, 1, 4, 2.

02. (UECE) Os discos de Merkel são estruturas ligadas à percepção do(a):

a) Visão.

b) Audição.

c) Tato.

d) Paladar.

03. (UFRR) A histamina é uma substância que desempenha papel importante nas inflamações e reações alérgicas, sendo responsável pelo edema (inchaço) e pelo eritema (vermelhidão). Quando liberada pelas células, a histamina provoca aumento da permeabilidade dos capilares sanguíneos, facilitando a liberação de anticorpos. Marque a alternativa que Indica o tipo de leucócito responsável pela liberação da histamina:

a) Eosinófilo.

b) Basófilo.

c) Linfócito.

d) Monócito.

e) Neutrófilo.

04. (IFMG) Tecidos são formados pelo agrupamento de células especializadas no desempenho de alguma função. Em vertebrados, identificam-se quatro tipos de tecidos, que são os tecidos epitelial, conjuntivo, nervoso e muscular. Sobre esses tecidos e suas funções, identifique a afirmativa incorreta:

a) O tecido epitelial que reveste o intestino delgado apresenta dobras chamadas microvilosidades, que garantem um aumento da superfície celular e, assim, facilitam a absorção dos nutrientes.

b) O tecido adiposo é um tipo particular de tecido muscular, no qual as células são preenchidas por gotas de lipídios que deslocam o núcleo para sua periferia.

c) As principais células encontradas no tecido nervoso são os neurônios, responsáveis, entre outras coisas, pelas sensações olfativas, visuais, auditivas, gustativas e táteis.

d) O tecido ósseo é um tecido rígido e resistente, que tem como função, dentre outras, a sustentação do organismo.

05. (UCPel) O tecido ósseo é um tipo de tecido conjuntivo. Sua rigidez resulta do acúmulo de sais minerais, principalmente de carbonato de cálcio e fosfato de cálcio disperso pela matriz orgânica constituída por proteoglicanas, fibras colágenas e glicoproteínas. O elemento ósseo responsável pela determinação de sua rigidez é:

a) O osteócito.

b) O sistemas de Havers.

c) A matriz.

d) Os osteoclastos.

e) Os osteoblastos.

06. (UNISC) A ação dos mastócitos do tecido conjuntivo propriamente dito pode ser relacionada com:

a) Processos alérgicos.

b) Produção de fibras colágenas.

c) Fagocitose de antígenos.

d) Regeneração do tecido.

07. (UFU) Assinale a alternativa que apresenta corretamente um tecido, um dos seus tipos celulares e a função desse tecido:

a) Conjuntivo, fibroblasto, nutrição.

b) Ósseo, condroblasto, sustentação.

c) Nervoso, hepatócito, secreção.

d) Epitelial, osteócito, comunicação.

08. (COVEST) Em várias partes do mundo, a tatuagem é vista como moda e/ou livre expressão de pensamento e comportamento, especialmente pelo público jovem. Sobre este assunto, observe a figura abaixo, que mostra a região da pele em que a tinta que colore as tatuagens é injetada, e considere as assertivas que se seguem:

I   II

0  0 – O folheto germinativo que origina a camada da pele onde é fixada a tatuagem, é a mesma que origina os vasos sanguíneos.

1   1 – Apesar da constante renovação celular da epiderme, a tinta das tatuagens permanece na pele por anos porque é injetada na derme.

2  2 – As tintas usadas nas tatuagens não são reconhecidas como “corpos estranhos” e, portanto, não são eliminadas devido a resposta imune do hospedeiro.

3  3 – A exposição da pele tatuada ao sol não é recomendada, pois estimula a produção de melanina sobre a camada da pele onde é injetada a tinta, dificultando sua visualização.

4  4 – Tatuagens não são recomendadas a pessoas com diabetes, devido aos problemas de coagulação sanguínea, e a pessoas com o vírus HIV, devido ao risco de infecções.

09. (UECE) As alergias são respostas do sistema imunológico a substâncias estranhas ao nosso organismo e os sintomas mais comuns das alergias são causados pela ação do exército de defesa do nosso corpo. Em casos mais graves pode ocorrer um processo denominado choque anafilático, que é uma reação alérgica intensa. Dentre os tipos celulares principalmente relacionados a esse tipo de reação estão:

a) Macrófagos e neutrófilos.

b) Linfócitos e macrófagos.

c) Mastócitos e basófilos.

d) Leucócitos e mastócitos.

10. (UEA) Uma importante toxina anestésica, popularmente conhecida como curare, pode ser extraída de plantas nativas de florestas brasileiras e empregada na caça de animais utilizados como alimento por tribos indígenas. A morte das aves e dos mamíferos caçados com tal técnica ocorre através da asfixia, interrupção das trocas respiratórias pulmonares, sem, entretanto, afetar o batimento do coração. É correto dizer que a ação dessa toxina é verificada no tecido:

a) Epitelial pulmonar, obstruindo os alvéolos.

b) Muscular esquelético, impossibilitando a ventilação pulmonar.

c) Nervoso periférico, paralisando a transmissão do impulso nervoso.

d) Conjuntivo cartilaginoso, bloqueando a circulação sanguínea.

e) Ósseo estrutural, destruindo as células vermelhas do sangue.

11. (UFU) Sobre o sistema imune dos seres humanos, é incorreto afirmar que:

a) Os mecanismos de defesa do organismo humano são organizados em duas categorias: os de defesa específicos e os inespecíficos.

b) O timo é um órgão linfoide onde atuam os linfócitos T e macrófagos. É um órgão muito desenvolvido em recém-nascidos e involui após a puberdade.

c) Os linfócitos são células de defesa do sistema imune, produzidos na medula espinhal, que atuam contra microrganismos ou substâncias estranhas ao corpo.

d) Os anticorpos são proteínas específicas, produzidas por células do sistema imune, que atuam contra microrganismos e substâncias estranhas ao corpo.

12. (UNISC) Dentre as células epiteliais de revestimento da mucosa do intestino delgado, encontramos as células caliciformes. Essas células, as caliciformes, têm a função de:

a) manter o equilíbrio hídrico do conteúdo intestinal.

b) produzir enzimas entéricas digestivas.

c) absorver os alimentos já digeridos.

d) produzir muco.

13. (UESPI) Não constituem células, tecidos ou órgãos hematopoiéticos, em qualquer fase do ciclo da vida humana:

a) a medula óssea vermelha.

b) as células-tronco linfoides.

c) o fígado.

d) o baço.

e) o pâncreas.

14. (UENP) “Cada grama de gordura possui 5300 células-tronco, cinco vezes mais do que a medula óssea, compara o cirurgião plástico Ithamar Nogueira Stecchero, presidente da Associação Brasileira de Engenharia de Tecidos e Estudos das Células-Tronco. As células-tronco se transformam em fibroblastos, as células responsáveis pela produção de colágeno e elastina.”

(Revista Veja, 19 de outubro de 2011.)

Em relação às três estruturas sublinhadas no texto acima, assinale a alternativa correta.

a) As três pertencem a tipos diferentes de tecidos conjuntivos, sendo que a gordura pode ser chamada de tecido adiposo e a medula óssea é o tecido hemocitopoético.

b) As três apresentam baixa taxa mitótica, sendo as células filhas responsáveis pela renovação de tecidos e produção de colágeno e elastina.

c) Os fibroblastos apresentam alta taxa mitótica e podem se diferenciar em células adiposas, responsáveis pelo acúmulo de gordura.

d) Apesar de ser rica em células-tronco embrionárias, a medula óssea pode acumular cinco vezes menos gordura.

e) O tecido adiposo contém fibroblastos, células de alta taxa mitótica e consideradas células-tronco, responsáveis pela produção de colágeno e elastina.

15. (UFPR) O esquema abaixo é representativo de um epitélio de revestimento estratificado. Pode-se observar que as camadas superiores, em contato com o meio externo, são compostas por células cada vez mais achatadas. Além disso, essas células achatadas geralmente estão mortas e descamam do tecido. Um exemplo desse tipo de epitélio é encontrado no esôfago de animais carnívoros.

Qual o principal motivo que leva essas células a morrerem e descamarem do epitélio?

a) O atrito causado pelos componentes de meio externo que entram em contato com o epitélio.

b) A justaposição das células, que cria uma falta de espaço para que todas se acomodem na superfície do epitélio.

c) O contato com o meio externo, que leva a uma hiperoxigenação das células.

d) A distância dessas células em relação às fontes de oxigênio e alimento, trazidos pelos tecidos adjacentes ao epitélio.

e) O deslocamento da posição das organelas intracelulares, por conta do achatamento promovido pelo citoesqueleto.

16. (UFV) O esquema abaixo representa um corte transversal da pele, destacando dois tipos de glândulas (I e II).

Assinale a alternativa que contém a correlação incorreta:

a) I. glândula holócrina, que perde suas células durante a secreção.

b) II. glândula exócrina, que ajuda a manter a temperatura corporal.

c) II. glândula tubulosa enrolada, que faz parte do sistema excretor.

d) I. glândula endócrina, que lubrifica a camada córnea superficial.

17. (UNICAP)

I  II

0 0 – Os diversos tipos de tecido epitelial podem ser classificados basicamente em glandulares e de revestimento. Entretanto, todos eles possuem, em comum, células diversificadas em forma e em função, com material intercelular rico em fibras.

1  1 – Em relação aos elementos figurados do sangue, as principais funções desenvolvidas pelos leucócitos são: eliminação de glicose e transporte de nutrientes.

2  2 – O tradicional bife de carne de boi é constituído por tecido muscular estriado esquelético, que se caracteriza por realizar contrações voluntárias.

3  3 – Os gânglios nervosos são constituídos por uma cápsula de tecido muscular que abriga numerosos corpos celulares de neurônios.

4  4 – A ossificação endocondral inicia-se com um centro primário na haste de um modelo cartilaginoso, com hipertrofia de condrócitos e calcificação da matriz cartilaginosa.

18. (IFSC) Após a fecundação, óvulo e espermatozoide dão origem à célula ovo ou zigoto, que sofre muitas diferenciações celulares, dando origem aos vários tecidos. Tais tecidos originarão o indivíduo como um todo. Sobre os tecidos biológicos, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).

01. Os tecidos de revestimento presentes no organismo humano caracterizam-se por apresentar células justapostas, com pouca substância intercelular.

02. Cicatrizes presentes na pele após um ferimento envolvem a participação de múltiplos tipos de tecidos conjuntivos, como reticular, denso modelado, frouxo, além do epitelial.

04. O tecido adiposo presente nos animais apresenta muita substância intercelular, rica em lipídios e que promove a reserva energética para o organismo.

08. As fibras musculares estriadas contam com a presença de filamentos de actina e miosina, proteínas que, mediante a presença de ATP, promovem a contração muscular.

16. Durante o desenvolvimento embrionário, as células do sistema nervoso central são originadas a partir da diferenciação de células da ectoderme e da mesoderme.

Soma das alternativas corretas:

19. (UNISC) No sangue, além das hemácias, encontramos leucócitos. Um dos tipos de leucócitos são os linfócitos, cuja frequência é relativamente alta no sangue. Em relação a essas células, os linfócitos, podemos afirmar que:

a) São células encontradas exclusivamente no sangue.

b) São células que podem ser encontradas com facilidade no tecido conjuntivo, além do sangue e linfa.

c) Ocorrem exclusivamente na medula vermelha dos ossos.

d) São encontradas unicamente nos nódulos linfáticos e linfa.

20. (UESPI) São funções desempenhadas pelo tecido sanguíneo, exceto:

a) O transporte de gases.

b) A excreção de metabólitos.

c) A dissipação do calor.

d) A coagulação sanguínea.

e) A nutrição celular.


Publicado por: Djalma Santos | 12 de junho de 2018

TESTES SOBRE EVOLUÇÃO (18)

01. (PUC-SP) A diversificação evolutiva é um fenômeno biológico que se encontra refletido na composição molecular dos organismos atuais. A hemoglobina, por exemplo, é uma das moléculas cujas diferenças na composição de aminoácidos são utilizadas para se deduzir relações evolutivas entre espécies. Considere as espécies animais A, B, C, D e E, cujas moléculas de hemoglobina possuam diferenças na composição de aminoácidos. Em relação à hemoglobina da espécie A, as hemoglobinas das espécies B, C, D e E possuem 45, 8, 67 e 32 aminoácidos diferentes, respectivamente. Sendo assim, assinale o diagrama que melhor representa as relações evolutivas entre essas espécies.

02. (IFAL) Os Foraminifera formam um grande grupo de organismos do Reino Protista que conta com fósseis desde o Pré-Cambriano. É comum verificar, no registro fóssil desse grupo, um padrão de substituição dos tipos de conchas desses organismos como se tivesse havido uma evolução “rápida” em saltos, como nos mostra a figura abaixo:

Esse padrão em que muitas mudanças evolutivas ocorreram em um curto período de tempo junto com os eventos de especiação chama-se:

a) gradualismo.

b) macromutação.

c) anagênese.

d) variação ecotípica.

e) equilíbrio pontuado.

03. (PUC-CAMPINAS) A seleção natural é um conceito central para a teoria da evolução das espécies, proposta por Charles Darwin. Considere os seguintes exemplos:

I. Na prole de uma linhagem pura de moscas de olhos vermelhos encontra-se um indivíduo com olhos brancos.

II. Pássaros com bicos diferentes que consomem diferentes estruturas das plantas.

III. Insetos camuflados no ambiente.

A seleção natural explica o que está exemplificado em:

a) I, apenas.

b) I e II, apenas.

c) I e III, apenas.

d) I, II e III.

e) II e III, apenas.

04. (FACULDADE ALBERT EINSTEIN) O orangotango, o chimpanzé e a espécie humana apresentam grande semelhança bioquímica.

Após análise de substâncias e processos que ocorrem nas células, qual das situações abaixo permite apontar essa semelhança entre as três espécies?

a) Os diversos tipos de aminoácidos livres no citosol.

b) A existência de transporte ativo de íons através da membrana plasmática.

c) A sequência de aminoácidos que constituem os citocromos presentes na mitocôndria.

d) As sequências de anticódons das moléculas de RNA transportador presentes no citosol.

05. (PUC-RIO) A Figura abaixo representa uma proposta sobre as relações de parentesco do filo Chordata.

Adaptado de: Reece et al. Biologia de Campbell.

Artmed, 2015.

São características exclusivas dos grupos indicados na Figura e compartilhadas por todos os seus componentes:

06. (UEA) Os registros fósseis constituem uma forte evidência do processo evolutivo, uma vez que permitem a comparação anatômica direta entre espécies ancestrais e atuais. Ossos fossilizados de membros anteriores de diferentes grupos vertebrados são frequentemente comparados com o objetivo de se compreender o processo evolutivo por meio de suas transformações. A constatação, em diferentes espécies, da presença dos mesmos ossos nos membros anteriores, com anatomia e função distintas, indica:

a) especiação.

b) simpatria.

c) alopatria.

d) homologia.

e) analogia.

07. (IFSuldeMinas)

Especialista critica uso indiscriminado de inseticidas no combate ao Aedes

A eficácia para conter o surto de zika no país e o aumento de casos de microcefalia não está prioritariamente em fumacês e inseticidas, mas sim no combate ao criadouro do mosquito Aedes aegypti. Essa é a opinião de Paulo Ribolla, entomologista especialista em insetos e professor da Unesp.

Adaptado de Folha de São Paulo 25/02/2016

A preocupação com o uso indiscriminado do método em questão é explicada pois:

a) O composto utilizado induz modificações no mosquito.

b) Os mosquitos se adaptam individualmente ao inseticida.

c) O inseticida seleciona, na população de mosquitos, os mais adaptados.

d) O inseticida causa mais problemas nos humanos do que ajuda no combate aos mosquitos.

08. (UEPG) De acordo com a teoria sintética da evolução, os principais fatores que atuam sobre o conjunto de genes de uma população são a mutação, a recombinação genética, a migração, a seleção natural e a deriva genética. Sobre o assunto, assinale o que for correto.

01. Na imigração, a chegada de novos indivíduos pode introduzir novos genes na população, que aumenta a sua variabilidade genética. Por outro lado, na emigração, com a saída de indivíduos, há redução da variabilidade genética na população.

02. A seleção natural atua permanentemente sobre todas as populações. Mesmo em ambientes estáveis e constantes, a seleção natural age para diminuir em frequência, ou até mesmo eliminar, fenótipos desfavoráveis.

04. Um caso particular de deriva genética é o princípio do fundador, que se refere ao estabelecimento de uma nova população a partir de poucos indivíduos que emigram de uma população original. Esses indivíduos serão portadores de pequena fração da variabilidade genética da população de origem.

08. As mutações são consideradas a fonte primária de variabilidade. Elas não ocorrem ao acaso e funcionam com o objetivo de adaptar o indivíduo ao ambiente. São mantidas por seleção natural e, caso sejam benéficas, são repassadas às próximas gerações sem sofrer mudanças (seleção disruptiva).

Soma das alternativas corretas:

09. (UECE) Relacione corretamente as teorias da evolução apresentadas a seguir às suas descrições, numerando a Coluna II de acordo com a Coluna I.

COLUNA 1

1. Lamarkismo

2. Darwinismo

3. Mutacionismo

4. Neodarwinismo

COLUNA II

(  ) Postula que a evolução prossegue em grandes saltos por meio de macromutação, uma grande mudança entre progenitor e prole que é herdada geneticamente.

(  ) Postula que devido à seleção natural, formas mais adaptadas à sobrevivência deixam uma descendência maior enquanto as menos adaptadas terão sua frequência diminuída.

(  ) Primeira teoria proposta para explicar a evolução biológica. Postula que as características adquiridas pelo uso intenso ou pelo desuso dos órgãos poderiam ser transmitidas à descendência.

( ) Teoria que incorpora as explicações genéticas para a origem da diversidade das características nos indivíduos de uma população, assim como os conhecimentos de sistemática, embriologia, paleontologia e morfologia.

A sequência correta, de cima para baixo, é:

a) 2, 1, 4, 3.

b) 3, 2, 1, 4.

c) 4, 3, 2, 1.

d) 1, 4, 2, 3.

10. (UNIFOR) Em coleções animais feitas na Inglaterra no século XVII, a mariposa sarapintada Biston betularia era sempre de uma coloração clara com algumas pintas escuras. Uma segunda forma da mariposa com muitas pintas escuras (melânica) foi então registrada e aumentou muito em frequência até constituir em mais de 90% a população de mariposas em áreas poluídas na metade do século XX. Em áreas não poluídas, a forma clara (sarapintada) permaneceu comum. Leis de purificação do ar foram criadas na metade do século XX, e a frequência da forma melânica diminuiu nas áreas originalmente poluídas. A mariposa sarapintada ilustra um exemplo clássico de:

a) herança genética.

b) especiação.

c) seleção natural.

d) irradiação.

e) convergência.

11. (IFAL) O texto a seguir trata de um problema de saúde pública que vem se tornando evidente nos últimos anos: o aparecimento de variedades de bactérias resistentes a antibióticos.

“A resistência a antibióticos é uma “ameaça global” à saúde pública, segundo um novo relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS). O órgão analisou dados de 114 países e afirmou que essa resistência está ocorrendo em todas as regiões do mundo. A OMS disse que caminhamos rumo a uma “era pós-antibiótico”, em que pessoas morrem de infecções simples que são tratáveis há décadas. Ainda acrescentou que provavelmente haverá consequências “devastadoras” a não ser que medidas sejam tomadas com urgência”. Extraído do link: Fonte:http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2014/04/140430_resistencia_antibioticos_rb

O fenômeno da resistência microbiana aos antibióticos deve-se à estratégia de usar a ação conjunta de múltiplos mecanismos, dentre os quais se destacam a

a) modificação da estrutura da parede celular, tornando-a mais resistente a partir da ativação de genes cromossômicos.

b) formação de endósporos bacterianos, ultrarresistentes, que possuem um envoltório extra de proteção que é a cápsula bacteriana.

c) incorporação de genes exógenos, através da transformação bacteriana e a indução de mutação no DNA extra-cromossômico encontrado nos plasmídeos.

d) ação de bacteriófagos como “vetores” de genes estranhos e à conjugação bacteriana que aumentam a variabilidade genética.

e) aparição de novos genes pela recombinação genética e transmissão dos genes à descendência através da cissiparidade formando clones resistentes.

12. (IFPE) Leia o texto abaixo para responder esta questão.

DOIS PAIS DE UMA TEORIA

Charles Darwin e Alfred Wallace dividem os méritos por explicar a evolução dos seres vivos

Charles Darwin (à esquerda) e Alfred Wallace, os pais da teoria da evolução

(Imagens: Wikimedia Commons)

Charles Darwin foi um naturalista britânico que ficou conhecido por explicar a teoria da evolução através da seleção natural, assim como o naturalista inglês, Alfred Russel Wallace, que elaborou a teoria quase ao mesmo tempo em que Darwin.

Disponível em:< http://chc.org.br/dois-pais-de-uma-teoria/&gt;. Acesso: 09 out. 2017.

Sobre a teoria da seleção natural, assinale a única afirmativa correta.

a) Para sobreviverem e se desenvolverem num ambiente primordial, os organismos primitivos necessitavam de uma fonte externa de compostos orgânicos.

b) O uso ou o desuso dos diferentes órgãos alteram características do corpo e essas características são transmitidas para as gerações seguintes.

c) Novas espécies são formadas a partir de populações isoladas, por barreiras geográficas que impedem o intercâmbio genético entre elas.

d) A população mundial cresce em progressão geométrica, enquanto a produção de alimentos em progressão aritmética.

e) Os organismos mais bem adaptados ao meio têm maiores chances de sobrevivência do que os menos adaptados.

13. (FPS) Especiação refere-se ao processo de formação de novas espécies. Quanto à base desse processo evolutivo, assinale a afirmativa incorreta.

a) Na cladogênese, observa-se a separação física entre duas ou mais populações de uma espécie ancestral, originando duas novas espécies.

b) Na anagênese, ao longo do tempo, surge ou se modifica, em uma população, um caráter, que é responsável pelas ”novidades evolutivas”.

c) A manutenção do isolamento reprodutivo entre duas populações pode resultar no surgimento de espécie nova.

d) Na especiação alopátrica, novas espécies são originadas sem haver isolamento geográfico, como fator primordial.

e) Na especiação simpátrica, novas espécies são originadas sem haver isolamento geográfico.

14. (UERR) Analise as afirmativas sobre o pensamento evolucionista.

I. A lei do uso e desuso foi proposta por Lamarck.

II. O exemplo da origem do pescoço longo das girafas é empregado para ilustrar as ideias de Darwin.

III. A seleção natural foi uma proposição da teoria evolucionista de Darwin.

IV. A lei da transmissão dos caracteres adquiridos é um dos exemplos empregado por Darwin.

V. As explicações de como o ambiente interfere na mudança de hábitos de um ser vivo, levando ao crescimento de certas estruturas e a atrofia de outras em seu organismo foi ideia da teoria de Lamarck.

Estão corretas apenas as afirmativas:

a) I, II e III.

b) I, II e IV.

c) I, III e V.

d) II, III e V.

e) III, I e IV.

15. (IFNMG) “A descoberta da penicilina e de outras drogas, naturais ou sintéticas, fez a humanidade acreditar que tinha armas definitivas para vencer a guerra contra as bactérias causadoras de doenças. A cada momento surgem bactérias mais resistentes a drogas, algumas quase invulneráveis, tornando-se uma grave ameaçada à saúde humana.”

(CIÊNCIA HOJE, maio de 1998.)

O surgimento de superbactérias é preocupante, pois elas podem causar infecções de difícil combate. Em relação a esse assunto, é correto afirmar que:

a) A seleção natural é o único mecanismo responsável pela super resistência.

b) O DNA mitocondrial está diretamente relacionado a essa capacidade das bactérias resistirem aos antibióticos.

c) As bactérias resistentes são as gram positivas não capsuladas.

d) O uso indiscriminado de antibióticos favorece as alterações genéticas nas bactérias responsáveis pela resistência aos medicamentos.

16. (UEA) Leia o gráfico para responder esta questão.

A constatação da variação ocorrida na espessura das conchas desses caracóis foi possível pela análise:

a) dos órgãos análogos.

b) dos órgãos vestigiais.

c) das moléculas de DNA.

d) dos embriões.

e) dos fósseis.

17. (IFTO) Populações de plantas vivendo na mesma área a exemplo da batata e do algodão podem dar origem a indivíduos poliploides. Este processo é responsável por um tipo de especiação, sendo denominada de:

a) Alopátrica.

b) Peripátrica.

c) Parapátrica.

d) “efeito do fundador”.

e) Simpátrica.

18. (UEM) Sobre as teorias da evolução, assinale o que for correto.

01. O isolamento reprodutivo que surge com o isolamento geográfico de uma população natural leva à extinção da espécie, visto que os indivíduos não conseguem mais se reproduzir.

02. Os fósseis, as estruturas vestigiais e as semelhanças embriológicas, anatômicas e moleculares entre os seres vivos são evidências da evolução.

04. A seleção natural age sobre a variabilidade dos indivíduos de uma população, selecionando de várias formas as características hereditárias daqueles mais bem adaptados ao meio ambiente.

08. O fenômeno conhecido por explosão cambriana foi caracterizado pela conquista terrestre dos vertebrados.

16. Mutação, recombinação gênica, migração, deriva genética e seleção natural são fatores evolutivos que alteram a frequência gênica de uma população.

Soma das alternativas corretas:

19. (UEG) Uma importante teoria sobre o povoamento do continente americano, conhecida como “Primeiros americanos” ou “Clovis first”, defende que pequenos grupos de indivíduos chegaram à América há cerca de 20.000 anos, durante o último período glacial. De acordo com essa teoria, esses ancestrais saíram da Sibéria e chegaram ao Alaska por uma faixa de terra existente no Estreito de Berings, representado na figura a seguir:

Fenotipicamente, os descendentes nativos americanos foram caracterizados pela ausência virtualmente completa do grupo sanguíneo B. A denominação do evento genético que caracteriza esse processo de colonização é:

a) probando.

b) antropismo.

c) especiação.

d) seleção natural.

e) efeito do fundador.

20. (IFRR) A acromatopsia congênita é uma doença de herança autossômica recessiva, caracterizada por cegueira total às cores, miopia e catarata. Essa doença ocorre em uma frequência muito mais alta (entre 4 e 10%) em duas ilhas no Oceano Pacífico, do que em outras populações mundiais (frequência entre 1/20.000 e 1/50.000). A população atual dessas ilhas é descendente de cerca de 20 sobreviventes que restaram após sua devastação por um tufão por volta de 1780. Entre os sobreviventes, havia um indivíduo portador do gene para a acromatopsia.

(adaptado de Borges-Osorio, M. R. & Robinson, W. M.. Genética Humana 3ª edição Porto Alegre: Artmed, 2013).

Assinale a alternativa que explica corretamente a alta incidência de acromatopsia na população dessas ilhas.

a) A explicação para alta frequência da acromatopsia nessas ilhas é a deriva genética, com um forte gargalo genético na população, combinado com o isolamento geográfico e cultural de seus habitantes.

b) A modificação do ambiente, após a ocorrência do tufão, permitiu que a seleção natural agisse nessas ilhas, possibilitando a maior sobrevivência de indivíduos portadores do alelo para a acromatopsia.

c) Nessas ilhas, ocorreram mutações em outros genes que permitiram a adaptação dos indivíduos com acromatopsia ao ambiente, ocasionando um aumento da frequência desses indivíduos na população.

d) Nessas ilhas, o alelo para a acromatopsia apresenta um valor adaptativo maior do que em outras populações, ocasionando um aumento de sua frequência na população das ilhas.

e) Dificuldades no atendimento do sistema de saúde causadas pela ocorrência do tufão, ocasionaram maior incidência de contaminação da população das ilhas pelo agente causador da acromatopsia.

Publicado por: Djalma Santos | 12 de junho de 2018

TESTES SOBRE CITOPLASMA (8)

01. (IFMT) Analise o esquema a abaixo referente à célula animal.

A respeito das organelas indicadas, no esquema, assinale a alternativa correta.

a) (1) são responsáveis pela formação do acrossomo nos espermatozoides, estruturas importantes, no processo de fecundação, por conter enzimas que rompem as membranas do óvulo.

b) (2) são bem desenvolvidas nas fibras musculares, onde ocorre o armazenamento de íons cálcio, importante na recepção do impulso nervoso, o que leva a contração muscular.

c) (4) Promovem a renovação celular, através do processo de digestão intracelular de organelas inativas ou envelhecidas pelo processo, denominado autofagia.

d) (3) Abundantes nas células do fígado, onde agem alterando substâncias nocivas tais como álcool e medicamentos, tornando-as inativas e facilitando a eliminação dessas substâncias do corpo.

e) (5) Estão presentes somente em células animais e localizadas no centrossomo, cuja função é fornecer nutrientes ao núcleo, com o objetivo de garantir o seu perfeito funcionamento.

02. (UNICENTRO) Entre os orgânulos, a seguir, aquele encontrado em grande quantidade nos hepatócitos e com função oxidante e desintoxicante é:

a) REL.

b) Sistema Golgiense.

c) Mitocôndria.

d) Peroxissomo.

03. (Unimontes) Em I, II e III, são apresentadas características de organelas presentes em uma célula vegetal típica. Analise-as.

I. São capazes de “produzir” energia e são separadas do citosol por um sistema de dupla membrana.

II. Sua produção de ATP ocorre quando o gradiente de prótons é dissipado pela ATP sintase.

III. Elas possuem DNA e ribossomos próprios.

Em relação ao exposto, é correto afirmar:

a) I e III apresentam, respectivamente, características do cloroplasto e do peroxissomo.

b) I, II e III apresentam características comuns ao cloroplasto e ao glioxissomo.

c) I e II apresentam características típicas das mitocôndrias, e III, uma característica comum ao peroxissomo e glioxissomo.

d) I, II e III apresentam características comuns à mitocôndria e ao cloroplasto.

04. (Unisinos) O quadro abaixo relaciona a ocorrência de algumas estruturas celulares (organelas) a suas funções, em organismos autotróficos e heterotróficos:

As letras A, B e C correspondem, respectivamente, a:

a) Cloroplastos – Síntese de proteínas – Células heterotróficas.

b) Complexo de Golgi – Secreção celular – Células au­totróficas e heterotróficas.

c) Lisossomos – Secreção celular – Células heterotróficas.

d) Lisossomos – Digestão celular – Células autotróficas.

e) Cloroplastos – Síntese de proteínas – Células auto­tróficas e heterotróficas.

05. (CEDERJ) São funções exclusivas do retículo endoplasmático liso:

a) o controle de cálcio citoplasmático e a síntese de carboidratos e de proteínas.

b) o controle de cálcio e a síntese de proteínas e de hormônios lipídicos.

c) o controle de cálcio citoplasmático e a síntese de lipídios e de hormônios esteroides.

d) o controle de sódio citoplasmático e a síntese de glicolipídios e de glicoproteínas.

06. (UFAM) Na base de um cílio ou flagelo há um corpúsculo basal. Assinale a alternativa que apresenta a estrutura citosólica semelhante ao corpúsculo basal:

a) Ribossomo.

b) Centrômero.

c) Desmossoma.

d) Centríolo.

e) Proteassoma.

07. (UEM) Sobre as estruturas e organelas citoplasmáticas de uma célula eucariótica animal, é correto afirmar que:

01. O citoesqueleto, formado por microtúbulos, microfilamentos e filamentos intermediários, dá suporte e forma para as células, além de colaborar em vários movimentos.

02. Os centríolos colaboram na formação dos cílios e flagelos e na organização do fuso acromático.

04. Os ribossomos são responsáveis pela síntese de proteína, mecanismo determinado pelo RNA produzido no núcleo da célula, conforme especifica o DNA.

08. O complexo de Golgi recebe proteínas do retículo endoplasmático e acondiciona essas moléculas em vesículas que serão enviadas para a membrana plasmática ou para outras organelas.

16. O retículo endoplasmático contém enzimas digestivas e participa da digestão intracelular unindo-se ao fagossomo e formando o vacúolo digestivo.

Soma das alternativas corretas:

08. (URCA) Sabemos que a célula vegetal apresenta algumas estruturas que permitem distingui-la de uma célula animal. No entanto, ambas possuem o material genético concentrado no interior do núcleo, o qual é delimitado por uma membrana. No caso da célula vegetal além dessa região o material genético também é encontrado no interior do (da):

a) Complexo Golgiense e Retículo Endoplasmático.

b) Mitocôndria e Cloroplasto.

c) Retículo Endoplasmático e Cloroplasto.

d) Lisossomo e Mitocôndria.

e) Centríolo e Vacúolo.

09. (IFNMG) O surgimento de células eucarióticas é fundamentado pela hipótese de modificações evolutivas das células procariontes, a partir de invaginações da membrana celular, e delimitação do núcleo, assim como a formação de compartimentos individualizados com enzimas, possibilitando a especialização como organoides. Em relação aos organoides citoplasmáticos, é correto afirmar que:

a) As mitocôndrias apresentam DNA extranuclear e possuem capacidade de autoduplicação.

b) Os plastos são estruturas encontradas em todos os tipos celulares eucariontes.

c) Os centríolos são estruturas membranosas responsáveis pela formação de cílios e flagelos.

d) Os ribossomos são formados por duas subunidades, uma maior e uma menor, e se aderem na membrana do retículo endoplasmático agranular para realização da síntese de proteínas.

10. (FCM-PB) O fenobarbital (uma droga de efeito tóxico e utilizada como medicamento) foi fornecido a ratos adultos por um período de cinco dias consecutivos. A partir daí foram feitas análises sistemáticas do retículo endoplasmático (RE) dos hepatócitos (células do fígado) dos ratos durante 12 dias. Os resultados apresentados foram então colocados no gráfico demonstrado abaixo:

Com base no exposto, pode-se concluir que o gráfico está representando:

a) A função de glicosilação ocorrida no Reticulo Endoplasmático e que o Reticulo sofre hiperplasia.

b) A função de detoxificação celular e que o Reticulo Endoplasmático sofre hipertrofia.

c) A função de glicosilação ocorrida no Reticulo Endoplasmático e que o Reticulo apresenta hipertrofia.

d) A função de sulfatação ocorrida no Reticulo Endoplasmático e no Aparelho de Golgi e que eles sofrem hiperplasia.

e) A função de detoxificação celular e que o Reticulo Endoplasmático sofre hiperplasia.

11. (UEPB) Observe a figura abaixo que esquematiza uma célula.

Assinale a alternativa que estabeleça de forma correta o nome e a função da organela representada no esquema ao lado.

a) Em 1 está representado o retículo endoplasmático granuloso, responsável pela condução intracelular do impulso nervoso nas células do músculo estriado.

b) Em 2 está representado o retículo endoplasmático não granuloso, responsável pela síntese de proteínas.

c) Em 5 está representado o complexo golgiense, responsável pelo acúmulo e eliminação de secreções.

d) Em 3 está representado o lisossomo, local onde ocorre armazenamento de substâncias.

e) Em 4 está representado o vacúolo, responsável pela digestão intracelular.

12. (UFRR) Considerando as organelas citoplasmáticas qual é a sequência que representa corretamente a associação entre as organelas e as suas funções:

a) I-F / II-E / III-A / IV-C / V-B / VI-D.

b) I-A / II-D / III-B / IV-C / V-E / VI-F.

c) I-C / II-F / III-E / IV-A / V-D / VI-B.

d) I-B / II-E / III-D / IV-F / V-A / VI-C.

e) I-D / II-C / III-A / IV-B / V-E / VI-F.

13. (URCA) As mitocôndrias são organelas que mais parecem organismos vivos dentro de células. Possui a capacidade de produção, replicação e síntese de diversas substâncias com exceção de:

a) Proteínas.

b) RNA.

c) DNA.

d) Glicose.

14. (UPE) Sobre os organoides citoplasmáticos, analise as afirmativas.

I   II

0  0 – Os ribossomos, presentes apenas em células eucarióticas, formados por RNA e proteínas, são responsáveis pela síntese proteica.

1   1 – Os centríolos, encontrados no citoplasma de células animais e vegetais, são formados por dois cilindros em ângulo reto entre si, localizando-se próximo ao núcleo na região denominada centro celular ou cinetócoro.

2  2  – Nos lisossomos, a enzima catalase está envolvida no processo de decomposição de H2O2 em água e gás oxigênio.

3 3 – O conjunto de mitocôndrias de uma célula é denominado de condrioma, cujo número é constante em todos os tipos celulares.

4 4 – Os glioxissomos, presentes nos protistas, nos fungos, nas plantas e nos animais, são organelas que atuam sobre os lipídios, convertendo-os em açúcares.

15. (Uneal) Abaixo estão listadas algumas das principais organelas que ficam imersas na matriz citoplasmática que é delimitada pela membrana plasmática nas células.

1. Mitocôndria

2. Ribossomos

3. Cloroplasto

4. Aparelho de Golgi

5. Retículo endoplasmático

Sobre essas organelas, assinale a alternativa correta.

a) As organelas 1 e 2 são as únicas que ocorrem em células procariontes.

b) As organelas 1 e 3 estão relacionadas ao metabolismo de células vegetais.

c) As organelas 2, 3 e 4 participam dos mecanismos de síntese de proteínas de células animais.

d) As organelas 3 e 4 são exclusivas de células das hifas de fungos macroscópicos.

e) As organelas 4 e 5 possuem a função de manutenção do equilíbrio osmótico de protozoários unicelulares.

16. (UFRN) A figura mostra o esquema do cloroplasto, organela celular responsável pelo processo fotossintético.

(Disponível em: http://profmarcellycoelho.blogspot.com.br.)

Assinale a alternativa correta.

a) C corresponde aos tilacoides, onde se encontra a clorofila.

b) A corresponde a uma pilha de tilacoides conhecida por granum.

c) B corresponde ao estroma, onde há sacos membranosos chamados tilacoides.

d) C corresponde ao estroma, onde há sacos membranosos discoidais chamados

17. (UFAM) Ganhador do prêmio Nobel de Medicina e Fisiologia de 2016, Yoshinori Ohsumi realizou importantes descobertas sobre os mecanismos de autofagia, processo pelo qual as células promovem a digestão intracelular de partes de si mesmas. Qual organela é responsável pela digestão intracelular?

a) Retículo Endoplasmático

b) Complexo de Golgi.

c) Peroxissomo.

d) Lisossomo.

e) Fagossomo.

18. (UNICENTRO) O acrossomo é uma vesícula formada de membrana unitária. No interior dessa vesícula, há enzimas digestivas que, nos espermatozoides, são responsáveis pela “perfuração” do óvulo para possibilitar a fecundação. A partir dessas informações, assinale a alternativa que apresenta, corretamente, a estrutura celular responsável pela origem do acrossomo.

a) Centríolos.

b) Complexo golgiense.

c) Peroxissomos.

d) Retículo endoplasmático granular.

e) Ribossomos.

19. (UNISINOS) Nas células eucarióticas, os ribossomos são organelas cuja função é sintetizar proteínas e enzimas usadas pela célula. As proteínas produzidas pelos polirribossomos geralmente permanecem dentro da célula para uso interno. Entretanto, as enzimas produzidas pelos ribossomos aderidos à parede do retículo endoplasmático são armazenadas em vesículas. Para qual das organelas abaixo essas vesículas são transportadas?

a) Retículo Endoplasmático Liso.

b) Vacúolo.

c) Complexo de Golgi.

d) Núcleo Celular.

e) Mitocôndrias.

20. (IFMG) As células eucariontes apresentam diversas organelas em seu citoplasma. Entretanto, nem todas as organelas estão presentes em todos os tipos celulares. Sendo assim, julgue as afirmativas abaixo e identifique aquela que for incorreta:

a) Os cloroplastos estão presentes em células vegetais, onde realizam a fotossíntese. Através desse processo, os vegetais produzem glicídios a partir de gás carbônico e água, em presença de luz.

b) Mitocôndrias estão presentes em células animais e vegetais. Em ambos os tipos celulares, essas organelas são responsáveis pela respiração celular.

c) Nas células vegetais, a formação da parede celular se dá pela junção de lisossomos, que armazenam celulose em seu interior.

d) Por apresentarem material genético próprio e capacidade de autoduplicação, mitocôndrias e cloroplastos são considerados bactérias primitivas por alguns cientistas.

 

Publicado por: Djalma Santos | 17 de maio de 2018

TESTES DE HISTOLOGIA ANIMAL (13)

01. (UEPB) Aquiles, guerreiro mitológico e um semideus é o maior dos heróis gregos, sétimo filho de Peleu, rei dos Mirmidões com Tétis, a mais bela das nereidas, ninfa marinha e neta da Terra e do Mar. Uma das versões correntes conta que inconformada com a mortalidade dos filhos que gerava, Tétis mergulhou seu filho nas águas do Rio Estige, o rio infernal, segurando-o pelo calcanhar, para torná-lo invulnerável. Assim, este ponto ficou vulnerável, visto que não havia sido mergulhado naquelas águas imortalizantes. Aquiles cresceu e se tornou um dos principais heróis gregos na guerra de Tróia, sendo ao final atingido e morto por Páris, com uma flecha no calcanhar. Dai se falar hoje em tendão de Aquiles, uma denominação vulgar para o tendão calcâneo, que se encontra na parte inferior e posterior da perna. Do ponto de vista histológico, o tendão calcâneo é formado por:

a) Tecido conjuntivo fibroso.

b) Tecido conjuntivo denso modelado.

c) Tecido conjuntivo cartilaginoso.

d) Tecido conjuntivo frouxo.

e) Tecido conjuntivo ósseo.

02. (PUC-CAMPINAS) Leia o texto abaixo para responder esta questão.

Na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), o grupo de pesquisa do Prof. Celso Bertran, do Instituto de Química, desenvolveu uma modificação funcional na superfície de um biovidro comercial chamado Bioglass 45S5, composto por cálcio, fósforo, silício e sódio, que acelera as reações de interação com o organismo, induzindo a um crescimento mais rápido de tecidos ósseos. Essa modificação funciona como um acelerador do processo de formação do fosfato de cálcio na interface entre o biovidro e o tecido ósseo.

(Adaptado: Revista FAFESP, n. 191, 2012, p. 67)

O tecido ósseo é um tipo de tecido conjuntivo de origem mesodérmica. No tecido ósseo o fosfato de cálcio é depositado em uma região que corresponde:

a) Às miofribrilas do tecido muscular.

b) Ao plasma do tecido sanguíneo.

c) Ás células do tecido cartilaginoso.

d) Aos lipídeos do tecido adiposo.

e) Ao pericôndrio do tecido cartilaginoso.

03. (UNISC) O tecido conjuntivo é um componente extremamente importante na formação do corpo humano. A classificação dos tipos de tecido conjuntivo baseia-se, principalmente, na substância intercelular desse tecido e, em alguns casos, nas células que o compõem. Qual dos tecidos abaixo citados tem a sua classificação baseada no tipo de células que o forma?

a) Tecido conjuntivo denso modelado.

b) Tecido conjuntivo elástico.

c) Tecido mucoso.

d) Tecido conjuntivo adiposo.

e) Tecido conjuntivo frouxo.

04. (UFGD) Observe a figura a seguir.

Assinale a alternativa correta para os tipos de tecido animal representados:

a) Tecido epitelial, sendo: A = de revestimento; B = glandular; e C = sensitivo.

b) Tecido conjuntivo, sendo: A = conjuntivo propriamente dito; B = cartilaginoso; e C = tecido ósseo.

c) Tecido nervoso, sendo: A = dendritos; B = axônio; e C = bainha de mielina.

d) Tecido muscular, sendo: A = liso; B = esquelético; e C = cardíaco.

e) Tecido conjuntivo de transporte (sangue), sendo: A = glóbulos vermelhos, B = glóbulos brancos; e C = plaquetas.

05. (UEPB) Observe atentamente a representação esquemática dos tecidos e, em seguida, relacione a imagem com a descrição e o local de ocorrência de cada um.

A. Epitélio pseudo-estratificado.

B. Epitélio estratificado pavimentoso.

C. Epitélio simples pavimentoso.

D. Epitélio simples cúbico.

E. Epitélio simples prismático.

a. Ocorre na pele e nas mucosas bucal e vaginal.

b. Ocorre na cavidade nasal, na traqueia e nos brônquios.

c. Ocorre nos túbulos renais.

d. Ocorre nos alvéolos pulmonares e revestindo os vasos sanguíneos.

e. Ocorre revestindo o estômago e os intestinos.

Assinale a alternativa que apresenta a relação correta entre imagem-descrição-função.

a) I – E – a; II – B – c; III – D – a; IV – C – e; V – A – b.

b) I – A – c; II – D – b; III – C – d; IV – B – a; V – E – e.

c) I – D – e; II – A – d; III – B – b; IV – E – c; V – C – a.

d) I – B – b; II – C – e; III – A – c; IV – D – d; V – E – a.

e) I – C – d; II – B – a; III – E – e; IV – A – b; V – D – c.

06. (IFPE) Nos organismos vertebrados, são encontrados quatro tipos básicos de tecidos: epiteliais, conjuntivos, musculares e nervoso. Assinale a única afirmativa correta referente a esses diversos tipos de tecidos animais.

a) Um dos diversos tipos de tecidos conjuntivos é o responsável pela formação das glândulas endócrinas e exócrinas.

b) O revestimento do corpo, de órgãos e de outros tecidos é feito por tecidos epiteliais, e essa é a única função apresentada por esse tipo de tecido.

c) Os tecidos musculares cardíaco e esquelético possuem contrações involuntárias, enquanto o tecido muscular liso se contrai voluntariamente.

d) O sangue, os ossos e as cartilagens são formas diferenciadas de tecidos conjuntivos.

e) O tecido nervoso é encontrado apenas no encéfalo e na medula espinhal.

07. (UNIOESTE) “O açaí, fruto da palmeira Euterpe oleracea, poderá ser usado na produção de um plástico natural e renovável para compor próteses ósseas, principalmente na região da cabeça. Para isso, serão utilizadas apenas as sementes do fruto. Os testes in vitro indicam que o material é biocompatível e apresenta excelentes propriedades mecânicas e biológicas.”

http://revistapesquisa.fapesp.br/2012/06/14/plastico-de-acai/.

Em relação ao texto acima, sobre o tecido ósseo, é correto afirmar que:

a) O tecido ósseo não apresenta vasos sanguíneos.

b) Osteoclastos são células que sintetizam a matriz óssea.

c) A medula óssea amarela é formadora de células do sangue.

d) Sais de cálcio e fósforo, presentes na matriz óssea, fornecem flexibilidade ao osso.

e) Macroscopicamente, o osso apresenta duas partes “a compacta”, sem cavidades, e “a esponjosa”, com muitas cavidades.

08. (UEPG) Baseado na histologia humana, assinale a alternativa correta.

a) O tecido muscular liso está presente em órgãos como estômago e intestino, possuem movimento voluntário e padrão de estriação transversal característico, formado pelas proteínas actina e miosina.

b) As glândulas são formadas por células de tecido conjuntivo e possuem função de secretar substâncias para outras regiões do corpo. Como exemplo de glândula exócrina, têm-se as glândulas sudoríparas e a hipófise.

c) A medula óssea está presente no interior de vários ossos e é responsável por nutrir o tecido ósseo, visto que esse é composto exclusivamente de células mortas e densamente mineralizadas.

d) Formando o tecido linfático, o qual tem como função a produção de células sanguíneas vermelhas, brancas e plaquetas, podem-se citar os seguintes componentes: linfonodos e baço, entre outros.

e) Os epitélios de revestimento revestem externamente o corpo e internamente as cavidades de diversos órgãos. Devido à ausência de vasos sanguíneos, as células desse tecido recebem oxigênio e nutrientes oriundos de tecidos próximos, como o conjuntivo.

09. (UNISC) O tecido conjuntivo propriamente dito, além de ter predominância de fibras colágenas na substância intercelular, também apresenta uma variedade de células do próprio conjuntivo e do sangue. Dessas células, são responsáveis pela produção de anticorpos:

a) Linfócitos e plasmócitos.

b) Plasmócitos e mastócitos.

c) Macrófagos e fibrócitos.

d) Fibroblastos e linfócitos.

10. (UPE) A doação de sangue é um ato voluntário e altruísta, que salva vidas. A retirada média de 450 mL de sangue pode salvar até 4 vidas. Esse sangue doado é fracionado em concentrados de hemácias, plaquetas e plasma, cada um tendo uma função específica. Sobre esse assunto, analise as proposições a seguir:

I. O concentrado de hemácias tem como característica possuir células capazes de favorecer o transporte de oxigênio na forma de bicarbonato.

II. O concentrado de plaquetas possui, em seu interior, células de grande importância nos processos de coagulação sanguínea e homeostase.

III. Sendo um tipo de tecido conjuntivo, o sangue se caracteriza por grande quantidade de substância intercelular.

IV. O plasma sanguíneo é rico em proteínas, como as imunoglobulinas, importantes em processos de defesa do organismo.

Está correto, apenas, o que se afirma em:

a) I e II.

b) II e III.

c) III e IV.

d) I e III.

e) II e IV.

11. (UFU) O desenvolvimento embrionário em animais vertebrados implica no crescimento e na diferenciação de grupos de células em quatro tipos de tecidos: epitelial, muscular, nervoso e conjuntivo. Sobre as características desses tecidos, é incorreto afirmar que:

a) O tecido epitelial não é atravessado por vasos sanguíneos e, por isso, é nutrido por difusão a partir do tecido conjuntivo.

b) O tecido ósseo, que faz parte do tecido conjuntivo, é constituído por material mineralizado e, por isso, não há ocorrência de células vivas.

c) O tecido muscular é formado por células alongadas, denominadas fibras musculares, ricas em proteínas filamentosas.

d) O tecido nervoso apresenta, além dos neurônios, as células da glia, constituídas de astrócitos, oligodendrócitos, células da micróglia e ependimárias.

12. (UFLA) Leia as afirmativas seguintes:

I. É um tipo de tecido conjuntivo especial.

II. Tecido avascularizado.

III. A matriz extracelular é produzida por condroblastos e condrócitos.

As características citadas referem-se ao tecido:

a) ósseo.

b) adiposo.

c) cartilaginoso.

d) conjuntivo frouxo.

13. (PUC-GO) Use o texto a seguir para responder esta questão,

Idealismo

Falas de amor, e eu ouço tudo e calo!

O amor na Humanidade é uma mentira.

E é por isto que na minha lira

De amores fúteis poucas vezes falo.

 

O amor! Quando virei por fim a amá-lo?!

Quando, se o amor que a Humanidade inspira

É o amor do sibarita e da hetaira,

De Messalina e de Sardanapalo?!

 

Pois é mister que, para o amor sagrado,

O mundo fique imaterializado

— Alavanca desviada do seu fulcro —

 

E haja só amizade verdadeira

Duma caveira para outra caveira,

Do meu sepulcro para o teu sepulcro?!

 

(ANJOS, Augusto dos. Eu e outras poesias. São Paulo: Martins Fontes, 1998. p. 41.)

Releia os versos seguintes, extraídos do texto acima:

“E haja só amizade verdadeira

Duma caveira para outra caveira,

Do meu sepulcro para o teu sepulcro?!”

Caveira lembra ossada, que lembra osso. Estamos diante do tecido ósseo, que apresenta características particulares, quando comparado aos demais tecidos do corpo humano. Sobre o tecido ósseo, assinale a alternativa correta:

a) Apesar de ser constituído por uma matriz mineral, apresenta as mesmas características do tecido epitelial.

b) É um tipo de tecido conjuntivo rígido e entre suas várias funções estão a de sustentação e a de proteção.

c) É pobremente vascularizado, por apresentar uma estrutura compacta com pouquíssimo espaço medular, preenchido na sua totalidade por colágeno.

d) Apresenta uma celularidade variada, osteócitos, osteoblastos e osteoclastos; esses últimos são células jovens, com intensa atividade metabólica, e responsáveis pela produção da parte orgânica da matriz.

14. (UEA) Maior felino da América, a onça pintada, Panthera onca, está ameaçada de extinção pela constante diminuição de seu hábitat natural. Em alguns indivíduos dessa espécie, é verificada a condição melânica, com manchas pouco aparentes na pelagem negra, existindo, por isso, diversas explicações indígenas e folclóricas para essa característica. A condição melânica é explicada biologicamente:

a) Pelo acúmulo de lipídeos na derme do animal.

b) Pela ativação de um gene situado nos pelos do animal.

c) Pela produção de uma enzima na derme do animal.

d) Pela secreção de um hormônio na epiderme do animal.

e) Pelo depósito de uma proteína na epiderme do animal.

15. (UEG) A melanina é um pigmento acastanhado que confere coloração à pele, aos pelos e aos olhos. Esse pigmento é produto dos melanócitos, uma glândula exócrina que projeta a melanina para os ceratinócitos. A pigmentação da pele é, portanto, um fenótipo resultante de um processo complexo que pode ser induzido pela exposição aos raios solares. Considerando-se o mecanismo de produção de melanina:

a) A pele exposta à luz solar torna-se pigmentada devido a fatores alheios à genética.

b) A produção de melanina é ativada pela exposição à radiação ionizante do tipo UV.

c) A produção estimulada de melanina visa proteger permanentemente a pele dos raios solares.

d) Tanto a pigmentação não induzida quanto a induzida são resultados da expressão genética.

16. (FPS) A sensibilidade aos estímulos mecânicos é responsável por movimentos no corpo, mudanças no ritmo respiratório e várias outras atividades do corpo humano. Considerando a anatomia da pele, ilustrada na figura abaixo, e processos fisiológicos envolvidos com estímulos de mecanorrecepção, analise as proposições a seguir:

1. Os pelos têm origem epidérmica e terminações nervosas na base dos folículos pilosos (1) responsáveis pela reação de “arrepio”.

2. A sensação tátil é produzida através de corpúsculos distribuídos na epiderme, entre músculos e articulações (2, 3 e 4).

3. A sensação de dor resulta de terminações nervosas livres (5) localizadas sob a epiderme.

Está(ão) correta(s):

a) 1 e 2, apenas.

b) 1, 2 e 3.

c) 2 e 3, apenas.

d) 1 e 3, apenas.

e) 2, apenas.

17. (UNINASSAU) A tatuagem é uma das formas mais antigas de personificação corporal. A motivação dos adeptos dessa modalidade são várias, como se destacar dentro de seus grupos sociais ou até ser uma obra de arte viva.

As tatuagens são feitas em qualquer região da pele e atualmente até na língua. Sobre os efeitos no organismo da produção desse tipo de arte, marque a alternativa errada.

a) A tinta deve ser aplicada na derme, pois se fosse aplicada na epiderme seria perdida devido à descamação diária que este tecido sofre.

b) Existem regiões do corpo que são mais sensíveis à dor como o tornozelo e as costelas. Isso ocorre devido à grande quantidade de corpúsculos de Pacini nestas regiões.

c) É comum a região tatuada ficar inflamada por alguns dias. O processo inflamatório é decorrente do aumento do fluxo de sangue na região e a atração de células relacionadas à ação imunológica.

d) Para manter a nitidez da tatuagem, é necessária protegê-la da radiação solar por pelo menos um mês. A radiação ultravioleta tem um comprimento de onda menor que a luz visível, mas um poder de penetração maior. Isso pode potencializar o processo inflamatório.

e) A escolha do local de realização da tatuagem é muito importante, pois o material deve ser descartável ou totalmente esterilizado. Caso contrário, pode haver transmissão de diversas doenças como AIDS e hepatite C.

18. (UNICENTRO) Tecidos são grupos de células especializadas na realização de determinadas funções. No organismo dos vertebrados, há um grande número de tecidos, cujas células apresentam uma grande diversidade de estrutura e funções. Com base nos conhecimentos sobre os diferentes tecidos existentes nos vertebrados, é correto afirmar:

a) As glândulas são originadas a partir de células do tecido conjuntivo presentes na substância fundamental.

b) O tecido epitelial é caracterizado por ter pouca substância intercelular e células justapostas.

c) O tecido adiposo é um tipo de tecido muscular no qual predominam células grandes, arredondadas, que armazenam gotas de lipídios.

d) O tecido nervoso apresenta células fusiformes constituídas por inúmeros microfilamentos de actina e miosina em seu citoplasma, o que permite a condução do impulso nervoso de célula para célula.

19. (UNISC) Considerando o Tecido Ósseo, assinale a alternativa incorreta listada a seguir.

a) É um tipo especial de tecido conjuntivo, formado por células e material extracelular calcificado (matriz óssea).

b) A parte inorgânica da matriz óssea é composta, principalmente, por cálcio e fosfato.

c) A parte orgânica da matriz óssea é composta, principalmente, por colágeno.

d) Apesar de sua resistência e dureza, o tecido ósseo é capaz de se regenerar após lesão, como, por exemplo, depois de uma fratura.

e) Devido a sua estrutura rígida, não existem nervos nos ossos.

20. (UDESC) As glândulas são agrupamentos de células especializadas na produção de substâncias úteis ao organismo humano. Assinale a alternativa correta quanto ao exemplo de glândula e sua morfologia.

a) O testículo é um exemplo de glândula endócrina, pois a glândula endócrina possui um canal ou ducto por onde sai a secreção, que faz uma comunicação com o epitélio que a originou.

b) A glândula hipófise é um exemplo de glândula exócrina, pois a glândula exócrina possui um canal ou ducto por onde sai a secreção, que faz uma comunicação com o epitélio que a originou.

c) A glândula tireoide é um exemplo de glândula exócrina, pois a glândula exócrina possui um canal ou ducto por onde sai a secreção, que faz uma comunicação com o epitélio que a originou.

d) A glândula paratireoide é um exemplo de glândula endócrina, pois a glândula endócrina não possui um canal ou ducto de comunicação com o epitélio que a originou; ela lança seu produto de secreção em capilares sanguíneos.

e) A suprarrenal é uma glândula anfícrina ou mista, pois apresenta partes endócrinas e exócrinas.

Older Posts »

Categorias